Tíquico

Tíquico é um dos Setenta Discípulos e um companheiro de Paulo de Tarso. Nada sabemos sobre a sua conversão ao cristianismo.

São Tíquico
Bispo de Cólofon
Veneração por Toda cristandade
Festa litúrgica 29 de abril
Gloriole.svg Portal dos Santos

HistóriaEditar

Ele nasceu na província romana da Ásia (Atos 20:4), nascido, provavelmente, em Éfeso. Ele apareceu ao lado de Paulo em sua terceira viagem missionária, de Corinto, pela Macedônia e Ásia Menor, até Jerusalém. Ele estava com Paulo durante seu primeiro cativeiro e foi enviado para a Ásia como portador das epístolas aos colossenses e os efésios (Efésios 6:21 e Colossenses 4:7-8). De acordo com Tito 3:12, Paulo pretendia enviar Tíquico e Artemas para Creta para suprir a falta de Tito. Parece, porém, que Ártemas é que foi enviado, pois durante o segundo cativeiro de Paulo em Roma, Tíquico foi enviado de lá até Éfeso (em 2 Timóteo 4:12).

Nada mais sabemos sobre a carreira posterior de Tíquico com certeza e há diversas cidades que o clamam para si como bispo. O "Menológio de Basílio II", que o comemora em 9 de abril, cita-o como bispo de Cólofon e sucessor de Sóstenes. Outras tradições fazem dele ainda bispo de Calcedônia e Neápolis.

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre a biografia de um(a) santo(a) ou um(a) beato(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.