Títulos do São Paulo Futebol Clube

artigo de lista da Wikimedia

Esta é uma lista de títulos conquistados pelo São Paulo Futebol Clube nas diferentes modalidades esportivas do clube.

Entrada do memorial do clube, onde estão expostos os troféus e medalhas conquistados pelo clube; desde 1930. (Imagem: tales.ebner)

Em títulos internacionais oficiais da FIFA e confederações continentais, o São Paulo é o clube brasileiro mais vitorioso, com 12 conquistas deste porte.[1] Entre os times brasileiros, é o clube que tem mais conquistas na Copa Libertadores da América, junto com o Santos e Grêmio (três títulos), além de ser o primeiro clube campeão mundial classificado para o certame mundial de clubes por ter vencido título continental (no caso, a Taça Libertadores).[2]

Pelo Campeonato Brasileiro, considerando uma década o período entre o ano 0 e o ano 9 (como em 1950 a 1959), o Tricolor do Morumbi, juntamente com o Palmeiras e o Flamengo, são os únicos clubes a ser campeão em quatro décadas diferentes da competição (o São Paulo foi campeão nas décadas de 1970, 1980, 1990 e 2000) e o único a ser tricampeão seguido por pontos corridos2006, 2007 e 2008 se tornando o Rei da década de 2000 na competição.[2]

No que diz respeito ao somatório de títulos oficiais de abrangência nacional e internacional de clubes brasileiros de futebol, em setembro de 2019 o São Paulo FC figurava como o maior campeão do Brasil, com 18 conquistas.

Já pelo Campeonato Paulista, o São Paulo, desde a sua fundação, conquistou a competição em todas as décadas, menos na década de 2010 voltando a ser campeão Paulista depois de 16 anos em 2021.[3][4][n.b. 1]

Quadro com a medalha e a foto do time que conquistou o primeiro título para clube em 1931. (Imagem: tales.ebner)

Ainda pelo campeonato estadual e considerando uma década o período entre o ano 0 e o ano 9 (como em 1940 a 1949), o clube é o que mais vezes recebeu, juntamente com Corinthians, a "coroação" de Rei da Década, cinco (década de 40 — cinco títulos — década de 70 — três títulos — década de 80 — cinco títulos — década de 90 — três títulos — e década de 2000 — três títulos.[n.b. 2] Se considerada entre o período do ano 1 até o ano 10 (como em 1941 a 1950) e seguindo diversas publicações editorias, o São Paulo passa a ser absoluto nessa conquista com quatro títulos[3] (as mesmas décadas anteriores mas sem a década de 2000.[2]

O São Paulo Futebol Clube chegou a conquistar sete títulos com sua equipe principal em 1993, quando o Tricolor do Morumbi foi campeão da Taça Libertadores, da Supercopa Libertadores, da Recopa Sul-Americana, da Copa Intercontinental e dos torneios Ciudad de Santiago, Santiago de Compostela e Troféu Jalisco. Já conquistou também a tríplice coroa três vezes — uma delas internacional, em 1992 e as outras duas nacionais, em 1992 e 2005 — e a quádrupla coroa internacional uma vez, em 1993.[2]

O clube possui diversos outros esportes tais como atletismo, basquete, boxe, ginástica, handebol, tênis e vôlei, mas nenhum deles alcança a projeção do futebol por, entre outros motivos, serem amadores e provenientes do complexo social do clube. Porém, esporadicamente, tomam proporções maiores ao alçar esportistas como Éder Jofre e Adhemar Ferreira da Silva porém sem a mesma força do futebol.[2][5]

O São Paulo também teve a honra de ter revelado atletas do nível de João do Pulo[6] e Aurélio Miguel[7] e ter sido escolhido como casa dos já consagrados Marcelo Negrão e Janeth Arcain.

Football pictogram.svg FutebolEditar

Principais títulosEditar

MUNDIAIS
Competição

Títulos

Temporadas
  Copa do Mundo de Clubes da FIFA 1 2005 
Ficheiro:Taça Intercontinental Toyota (1981-2004).png Copa Intercontinental 2 1992  e 1993 
CONTINENTAIS
Competição Títulos Temporadas
Ficheiro:Libertadores.png Copa Libertadores da América 3 1992, 1993 e 2005
Ficheiro:Sudamericana.png Copa Sul-Americana 1 2012 
Ficheiro:Recopa.png Recopa Sul-Americana 2 1993  e 1994 
Supercopa Sul-Americana 1 1993
Copa Conmebol 1 1994
Ficheiro:CONMEBOL Master Cup (1996).png Copa Master da Conmebol 1 1996 
NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Campeonato Brasileiro 6 1977, 1986, 1991, 2006, 2007 e 2008
INTERESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Torneio Rio-São Paulo



Taça dos campeões Rio-São Paulo


1





11




2001




(1931,1943,

1945, 1946,

1948,1953,

1957,1975,

1980,1985,

1987)



ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
  Campeonato Paulista 22 1931, 1943, 1945, 1946 , 1948, 1949, 1953, 1957, 1970, 1971, 1975, 1980, 1981, 1985, 1987, 1989, 1991,1992, 1998, 2000, 2005 e 2021
  Supercampeonato Paulista 1 2002

  Campeão Invicto

Outras conquistasEditar

Torneios internacionais

Competição Títulos Temporadas
  Pequena Taça do Mundo (Venezuela) 2 1955  e 1963 
  Troféu Cidade de Barcelona (Espanha) 2 1991 e 1992
  Troféu Ramón de Carranza (Espanha) 1 1992
  Torneio Teresa Herrera (Espanha) 1 1992
  Troféu Colombino Huelva (Espanha) 1 1969
  Florida Cup (EUA) 1 2017 
  Eusébio Cup (Portugal) 1 2013 
  Torneio Constantino Cury (Brasil) 1 2000 
  Copa Euro-América (Brasil) 1 1999
  Troféu Achille e Cesare Bortolotti (Itália) 1 1995 
  Super Soccer Cup (Índia) 2 1989 e 2007
  Los Angeles Soccer Cup (EUA) 2 1993 e 1999
  Troféu Cidade de Pachuca (México) 1 1999
  Copa Clubes Irmãos (Brasil) 1 1997
  Copa Cerveja Cristal (Chile) 1 1996
  Taça San Lorenzo de Almagro (Argentina) 1 1994
  Troféu Ciudad de Santiago (Chile) 1 1993
  Torneio Jalisco (México) 1 1993
  Troféu Santiago de Compostela (Espanha) 1 1993
  Troféu Xacobeo (Espanha) 1 1993
  Copa Amizade (Brasil) 1 1993
  Taça Solidariedad de León (México) 1 1990
  Torneio da Amizade (Chile) 1 1990
  Torneio Hexagonal de Guadalajara (México) 1 1989
  Taça KKT Gahara Cup (Japão) 1 1989
  Troféu Stora 100 Anos (Súecia) 1 1988
  Taça da Jamaica (Jamaica) 1 1987
  Taça de Trinidad e Tobago (Trinidad e Tobago) 1 1987
  Troféu Real Madrid (Espanha) 1 1986
  Copa Pan-Americana de Tampa (EUA) 1 1982
  Placa Federacíon Mexicana de Fútbol (México) 1 1981
  Troféu Nabi Abi Chedid (Brasil) 1 1981
  Troféu Cacique Anaucana (Chile) 1 1978
  Troféu Dr. Cyro Ciambruno (Uruguai) 1 1974
  Troféu José Alves Marques (Brasil) 1 1971
  Troféu Seleções do Readers Digest (Brasil) 1 1970
  Troféu Sport Lisboa e Benfica (Brasil) 1 1968
  Torneio Triangular de El Salvador (El Salvador) 1 1964
  Torneio de Firenze (Itália) 1 1964
  Taça Club Nacional (Paraguai) 1 1963
  Torneio Pentagonal de Guadalajara (México) 1 1960
  Quadrangular de Cali (Colômbia) 1 1960
  Taça Deputado Mendonça Falcão (Brasil) 1 1960
  Taça Sporting Club de Portugal (Brasil) 1 1960
  I Copa São Paulo - Torneio Internacional do Morumbi (Brasil) 1 1957
  Troféu Jarrito (México) 1 1955
  Copa Rosso-Bleu (Itália) 1 1951
  Taça Kobenhavn Boldklub (Dinamarca) 1 1951
  Taça Füssball Club Saarbrücken (Alemanha) 1 1951
  Taça Malmö FF (Suécia) 1 1949
  Taça Coletividade Brasileira (Paraguai) 1 1945
  Taça Ministro das Relações Exteriores (Brasil) 1 1941
Torneios nacionais
Competição Títulos Temporadas
  Copa dos Campeões Mundiais 2 1995 e 1996 
  Torneio Rei Dadá (Uberlândia) 1 1995
  Torneio Nunes Freire (Maranhão) 1 1976
  Taça Federação Paraense de Futebol (Pará) 1 1993
  Troféu José Lopes (Cambuí) 1 1990
  Torneio Governador José Moraes (Espírito Santo) 1 1986
  Taça Centro Esportivo de Ceres (Goiás) 1 1986
  Troféu Oscar Bernardi 1 1985
  Torneio Luis Henrique Rosa (Santa Catarina) 1 1985
  Troféu Amilton Vasconcelos (Bahia) 1 1984
  Troféu Governador Onofre Quinan (Goiás) 1 1984
  Troféu Jacy Scanacatta (Cascavel) 1 1982
  Taça Anos de Ouro do Futebol Brasileiro 1 1980
  Troféu Antônio Inácio da Silva (Goiás) 1 1979
  Torneio Triangular de Maringá (Paraná) 1 1976
  II Copa São Paulo - Taça Governador Laudo Natel (São Paulo) 1 1976
  Troféu Abertura (São Paulo) 1 1976
  Taça Prefeito de João Pessoa (Paraíba) 1 1975
  Taça ACSB (Paraná) 1 1975
  Taça Independência do Brasil 1 1971
  Taça Laudo Natel (Amazonas) 1 1965
  Taça Morumbi de Corumbá (Mato Grosso do Sul) 1 1964
  Taça Cidade dos Passarinhos (Arapongas) 1 1962
  Taça Federação Sergipana de Desportos (Sergipe) 1 1959
  Troféu Dantas de Freitas (Arapongas) 1 1956
  Taça Presidente (Mandaguari) 1 1956
  Taça Governador Regis Pacheco (Salvador) 1 1954
  Taça Adelmar Costa Carvalho (Recife) 1 1954
  Taça Cidade de Recife (Recife) 1 1954
  Taça Forças Armadas Brasileiras (Recife) 1 1954
  Taça Renato Fernandes (Cambará) 1 1950
  Taça Arthur Santos (Londrina) 1 1950
  Taça Corantes Wilson (Curitiba) 1 1949
  Troféu Dr. Adhemar de Barros 1 1948
  Taça Governador Octávio Mangabeira (Bahia) 1 1947
  Taça Cid de Mattos Viana (Poços de Caldas) 1 1947
  Taça Amizade (Rio de Janeiro) 1 1946
  Olimpíada Tricolor (São Paulo) 1 1946
  Taça General Eurico Gaspar Dutra 1 1943
  Copa Mesbla (Uberaba) 1 1939
  Taça Hotel Avenida (Recife) 1 1937
  Taça São Paulo - Ypiranga (Salvador) 1 1937
  Taça Dr. Cunha Bueno (Rio de Janeiro) 1 1930
Torneios regionais
Competição Títulos Temporadas
 X  Taça dos Campeões Rio-São Paulo 11 1931 , 1943 , 1945 , 1946 , 1948 , 1953 , 1957 , 1975 , 1980 , 1985 , 1987 
 X X  Torneio Triangular de Uberaba (RJ/SP/MG) 1 1954
 X  Taça Quadrangular Armando Arruda Pereira (RJ/SP) 1 1952
 X  Torneio Pentagonal R. Monteiro (RJ/SP) 1 1949
Torneios estaduais
Competição Títulos Temporadas
  Torneio Início 3 1932, 1940 e 1945
  Campeonato Paulista de Segundos Quadros 3 1933, 1938 e 1940
  Taça Cidade de São Paulo 2 1944 e 1975
  Torneio Roberto Gomes Pedrosa 1 1956
  Torneio Charles Miller 1 1956
  Torneio Prefeito Lineu Prestes 1 1950
  Torneio dos Cinco Clubes 1 1934
  Taça Cícero Pompeu de Toledo 1 1980
  Torneio Quadrangular Paulista 1 1952
  Taça Trocadero 1 1932
  Troféu Festival da APEA 1 1931
  Troféu ACESAN (Santos) 1 1997
  Torneio Aniversário de Ribeirão Preto 1 1995
  Troféu Miguel Assad Filho (Santos) 1 1988
  Torneio Aniversário de São Bernardo do Campo 1 1978
  Troféu Dr. Theodoro Mendes (Sorocaba) 1 1978
  Torneio Triangular Piracicabano 1 1976
  Troféu Cidade de Guaíra 1 1976
  Taça Esporte Clube Noroeste (Bauru) 1 1975
  Taça José Cury Andere (Mogi das Cruzes) 1 1974
  Taça Prefeitura Municipal de Rio Claro 1 1973
  Troféu Agência Simca (Osvaldo Cruz) 1 1962
  Troféu Madeira (Itapetininga) 1 1961
  Troféu Honra ao Mérito (Limeira) 1 1961
  Troféu Casa André Luiz (Diadema) 1 1961
  Copa Imperial (Barretos) 1 1958
  Taça 18 de Março (Santa Cruz do Rio Pardo) 1 1958
  Copa Irmãos Del Rey (Barretos) 1 1957
  Taça Jorge F. de Mattos (Ribeirão Preto) 1 1954
  Taça Termômetro Esportivo (Santos) 1 1953
  Taça Primeiro de Maio (Bauru) 1 1950
  Taça Pres. Cícero Pompeu de Toledo (Bauru) 1 1949
  Troféu Filhos de Araçatuba 1 1949
  Taça José Ribeiro Fortes (São Joaquim da Barra) 1 1948
  Troféu Casanova (Barretos) 1 1948
  Troféu Zé do Povo (Novo Horizonte) 1 1948
  Troféu APCC (São Paulo) 1 1948
  Taça Castellões (Ribeirão Preto) 1 1947
  Taça Argemiro Ribeiro de Oliveira (Barretos) 1 1946
  Taça Cia. Internacional de Capitalização (Piracicaba) 1 1946
  Taça General Milton de Almeida (Limeira) 1 1946
  Taça José Ferreira Keffer (Bauru) 1 1945
  Taça Branca Drayse (Franca) 1 1943
  Taça Fabar (Ourinhos) 1 1943
  Taça C.O.I. (São Paulo) 1 1941
  Taça II Regimento da Cavalaria (Pirassununga) 1 1938
  Taça Cigarros Triannon (Ribeirão Preto) 1 1938
  Taça Alberto Casser (Sorocaba) 1 1938
  Taça Guaraína (São José do Rio Preto) 1 1936
  Taça Café Motta (Campinas) 1 1936
  Taça Nestor (Espírito Santo do Pinhal) 1 1930
Por méritos
Competição Títulos Temporadas
  Troféu Osmar Santos (I Turno Campeonato Brasileiro) 4 2006, 2007, 2018 e 2020
  Troféu João Saldanha (II Turno Campeonato Brasileiro) 4 2006, 2007, 2008 e 2012
  Tríplice Coroa Nacional 2 1992 e 2005
  Tríplice Coroa Internacional 1 1992
  Quádrupla Coroa Internacional 1 1993
  Taça dos Invictos 6 1946 — 23 jogos, 1947 — 27 jogos, 1972 — 15 jogos, 1975 — 39 jogos
2005 — 15 jogos, 2007 — 20 jogos
  Taça Governador do Estado de São Paulo 4 1991, 1992, 2006 e 2007
  Troféu Fair Play 2 1995 e 1998
  Taça de Campeão do 2º Turno do Campeonato Paulista 1 1980
  Taça Newton Sá e Silva 1 1950
  Troféu Palácio dos Bandeirantes 4 1991, 1992, 1998 e 2000
  Rei da Década do Futebol Paulista – Coroa FPF 4 1940, 1970, 1980 e 1990
  Taça Piratininga 4 1967, 1969, 1970 e 1971
  Taça Grupo de Empresários do São Paulo 2 2006 e 2007
  Copa Toyota (Japão) 2 1991 e 1992
  Taça Japan Airlines (Japão) 2 1993 e 1994
  Prêmio CONAFUT - Controle e Prevenção da COVID-19 1 2020
  Taça Federação Brasiliense de Futebol (Distrito Federal) 1 2008
  Taça TV Globo 40 anos 1 2005
  Taça Phillips do Brasil - Inauguração do Novo Sistema de Iluminação 1 1999
  Troféu Futel (Uberlândia) 1 1995
  II Troféu Top Marca, Jornal Marca (Espanha) 1 1994
  Copa Dr. Nicolas Leoz 1 1991
  Troféu Clube dos 13 1 1991
  Taça Diário Popular 105 Anos (São Paulo) 1 1989
  Troféu Milésimo Jogo do Morumbi (09/08/1987) 1 1987
  Troféu Semana da Asa - Embraer 1 1986
  Taça Eficiência 1 1972
  Troféu Presidente Garrastazu Médici - Inauguração do Morumbi 1 1970
  Troféu "O Mais Querido" (Belo Horizonte) 1 1968
  Fita Azul do Futebol Brasileiro 1 1964
  Taça AE Bradesco 1 1957
  Taça Companhia Antárctica Paulista 1 1954
  Troféu Adhemar Ferreira da Silva 1 1952
  Troféu "Os Amigos do Esporte" 1 1947
  Taça "O Esporte" - Goleada São Paulo 12x1 Jabaquara 1 1945
  Troféu do DEIP "O Clube Mais Querido da Cidade" 1 1940

Categorias de baseEditar

Categoria aspiranteEditar

A categoria aspirante — incluindo o sub-26 e sub-23 — é formada por jogadores em transição da base para a equipe profissional.[8] Nesse âmbito, o São Paulo manteve equipes aspirantes durante as décadas de 1940, 1950 e 1960. Neste período, inclusive, conquistou inúmeras edições do Campeonato Paulista de Segundos Quadros e, posteriormente, do estadual.[9] Já na década de 1990, obteve duas edições do estadual e o título da Copa João Jorge Saad, em 1997.[9] Duas décadas depois, o São Paulo voltaria a vencer uma competição desta categoria, o Campeonato Brasileiro de 2018.[10][11] Apesar disso, o clube extinguiu a categoria no ano seguinte de acordo com a avaliação de que a experiência dos últimos anos não resultou em lucros técnicos e financeiros.[12]

# Campeonato Temporadas Ref.
1   Campeonato Brasileiro de Futebol Sub-23 2018 [13]
16   Campeonato Paulista de Aspirantes[a] 1933, 1938, 1940, 1943, 1944, 1945, 1946, 1947, 1953, 1954, 1955, 1960, 1962, 1976, 1993 e 1995. [9]
1   Copa João Jorge Saad de Futebol Júnior 1997
1 Troféu Cidade de Guararapes 1989
1 Torneio Quadrangular Henrique Santillo 1988
1 Troféu Ely Coimbra 1972
1 Troféu Empresa Estrela Dalva 1967
1 Copa Mr James F. Curtis 1964
1 Troféu Carlos Capriolli 1961
1 Taça do 25º Aniversário da Emancipação de Rancharia 1960
1 Taça Prefeito Municipal Aldino Pinotto 1957
1 Torneio dos Municípios 1950
1 Troféu Club Atlético Boca Juniors 1947
1 Taça Laminação Nacional de Metais 1945
1 Troféu Homenagem aos Heróis de Monte Castelo 1945
1 Taça Hermam Freese 1945
1 Taça Roberto Pedrosa 1944
1 II Olimpíada Tricolor 1943
1 Taça Bazar Soares 1940
1 Festival da APEA 1931
1 Taça dos Invictos - Troféu Cásper Líbero[b]

Categoria júniorEditar

Na categoria júnior — incluindo o sub-20, sub-19 e sub-18 — os principais feitos do São Paulo ocorreram na Suíça e no Paraguai. No país europeu, obteve os dois títulos do Torneio Blue Star, organizado pela Federação Internacional de Futebol.[14] O país vizinho, por sua vez, serviu como sede da Copa Libertadores da América de 2016 conquistada após uma vitória sobre o uruguaio Liverpool.[15] No contexto nacional, o clube detém três títulos da Copa do Brasil Sub-20, cuja as conquistas ocorreram nas edições de 2015,[16] 2016 e 2018.[17][18] Esta última, inclusive, classificou a equipe para a Supercopa do Brasil, competição conquistada sobre o rival Palmeiras no estádio do adversário.[19] Já na competição da categoria de maior tradição do país, a Copa São Paulo, detém quatro títulos — obtidos nos anos de 1993, 2000, 2010 e 2019 — sendo os dois últimos vencidos nas penalidades.[20][21] A equipe também venceu outras duas competições tradicionais: o bicampeonato da Taça Belo Horizonte[c] e o tricampeonato da Copa Rio Grande do Sul.[22]

Já no âmbito estadual, o São Paulo é o segundo maior vencedor do Campeonato Paulista, com dez conquistas.[23] Além desse torneio, o clube também é o maior campeão da Copa Ouro da APF Sub-20, conquistando um tricampeonato em 2015, 2016 e 2017.[24] Na década de 1990, o clube obteve outros títulos como o Jogos Regionais, Jogos Abertos do Interior, Taça Cidade Promissão e Torneio Eduardo José Farah.[9]

MUNDIAIS
Competição Títulos Temporadas
  Torneio Blue Star 2 1999[25] e 2000[25]
INTERNACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
  Copa Libertadores da América 1 2016[26]
  Dallas Cup 3 1995,[27] 2007[27] e 2009[27]
  Future Cup Sub-19 1 2017[25]
  Aspire Tri-Series - Sub-19 1 2017[25]
  Weifang Cup Sub-18 1 2013[28]
  Torneio Internacional de L'Aculdia 1 2001[25]
  Torneio Centenário de Juniores 1 2000[25]
  Torneio Centenário de Juniores 1 2000[25]
  Torneio da Páscoa de Juniores 1 2000[25]
  Torneio Victor Benitez Morales 1 2000[25]
  Torneio Internacional de Monthey 2 1999[25] e 2000[25]
  Copa Rider Sweet 1 1995[25]
  Torneio Internacional de Niigata 1 1995[25]
  Torneio Internacional de Croix 1 1993[25]
NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
  Copa do Brasil 3 2015,[29] 2016[30] e 2018[31]
  Supercopa do Brasil 1 2018[32]
  Copa São Paulo 4 1993,[33] 2000,[33] 2010[33] e 2019[34]
  Taça Belo Horizonte 2 1987[35] e 1997[35]
  Copa Rio Grande do Sul 3 2015,[36] 2016[37] e 2017[38]
  Copa Brasil 500 anos 1 1999[9]
  Taça Governador de Roraima 1 1995[9]
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
  Campeonato Paulista 10 1954,[39] 1955,[39] 1956,[39] 1958,[23] 1987,[39] 1995,[39] 1999,[39] 2000,[39] 2011[40] e 2016[41]
  Copa Ouro da APF 3 2015,[42] 2016[43] e 2017[44]
  Torneio Eduardo José Farah 1 1997[23]
  Campeonato Metropolitano 1 1980[23]
  Jogos Regionais 1 1994[23]
  Jogos Abertos do Interior 1 1994[23]
  Taça Cidade Promissão 1 1995[23]

Categoria juvenilEditar

Nesta categoria, que engloba o sub-17 e sub-16, o São Paulo detém dois títulos do Troféu Quixote — competição considerada o mundial interclubes da categoria.[23][45][46] O clube também obteve outras dezesseis conquistas internacionais, incluindo o tricampeonato do Torneio Brasil-Japão,[23] os dois títulos da série Aspire Tri,[47] o Desafio Pelé Internacional e a J-League Challenge Cup.[48][49][50] O retrospecto em competições nacionais é semelhante, com os principais títulos da Copa 2 de Julho de 2011,[51] da Copa do Brasil de 2013 e 2020,[52][53] além da Supercopa do Brasil de 2020.[54]

Na mesma década, o São Paulo conquistou uma sequência de bicampeonatos de competições amistosas periféricas — organizadas ou chanceladas por federações estaduais. Os dois primeiros feitos aconteceram nos anos de 2016 e 2017, período no qual o clube venceu a Taça Belo Horizonte e a Salvador Cup.[c][55] Nas duas temporadas seguintes, o triunfo foram nas edições da FAM Cup.[56]

Já no âmbito estadual, o São Paulo é o maior vencedor do Campeonato Paulista, com 21 conquistas.[57] Além de outros dois títulos da Copa Ouro, da Paulista Cup Sub-16 e do Campeonato Metropolitano.[23]

MUNDIAIS
Competição Títulos Temporadas
  Troféu Quixote 2 2007[23] e 2008[23]
INTERNACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
  J-League Challenge Cup 1 2018[58]
  Aspire Tri-Series - Sub-17 1 2017[23]
  Aspire Tri-Series - Sub-16 1 2017[23]
  Torneio Bicentenário da Independência 1 2010[23]
  Torneio Internacional de Zayed 1 2008[23]
  Desafio Pelé Internacional 1 2007[23]
  Torneio Internacional de Águas de Lindóia 1 2004[23]
  Torneio Internacional Athletic Club de Bilbao 1 2003[23]
  Torneio Brasil-Japão 3 1996,[23] 1999[23] e 2002[23]
  Brazil Cup 1 2001[23]
  Torneio Centenário Ajax 1 2000[23]
  Torneio Internacional de Gradisca 1 1998[23]
  Copa Caribe 1 1995[23]
  Al Wahda Cup 1 1994[23]
NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
  Copa do Brasil 2 2013[59] e 2020[60]
  Supercopa do Brasil 1 2020[61]
  Taça Belo Horizonte 2 2016[62] e 2017[63]
  Salvador Cup 2 2016[55] e 2017[55]
  FAM Cup 2 2018[56] e 2019[56]
  Copa 2 de Julho 1 2011[64]
  Mongeral Aegon Future Cup (nacional) 1 2013[25]
  Copa Zico 1 2002[25]
  Troféu Marcelo de Castro Leite 1 1974[25]
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
  Campeonato Paulista 21 1942,[25] 1946,[25] 1954 (A),[25] 1954 (B),[25] 1955 (A),[25] 1956 (A),[25] 1964,[25] 1969,[25] 1970,[25] 1973,[25] 1976,[25] 1979,[25] 1982,[25] 1990 (GSP),[25] 1991,[25] 1991 (GSP),[25] 1995,[25] 2006,[25] 2015,[65] 2016[65] e 2019[66]
  Copa Ouro da APF 2 2016[67] e 2017[68]
  Paulista Cup Sub-16 2 2017[69] e 2018[69]
  Campeonato Metropolitano 2 1990[25] e 1991[25]
  Taça COFI 2 1990[25] e 1992[25]
  Troféu Milton Barreiros 1 1981[25]
  Taça Bandeirantes 1 1952[25]
  Taça Avany Viana 1 1941[25]
  Taça Oriental 1 1939[25]

Categoria infantilEditar

Sub-13 — MirinsEditar

Sub-11 — Pré-mirinsEditar

Interclubes SocialEditar

  •   Campeonato Paulista (APIFM) — Sub-17 — Divisão A: 2004
  •   Campeonato Paulista (APIFM) — Sub-15: 1995
  •   Campeonato Paulista (APIFM) — Sub-13: 2 vezes (1995 e 2006)
  •   Campeonato Paulista (APIFM) — Sub-11: 2004
  •   Campeonato Paulista (APIFM) — Sub-11 — Divisão B: 2006
  •   Campeonato Paulista (APIFM) — Sub-09: 3 vezes (1995, 2003 e 2005)

Futebol femininoEditar

Equipe profissionalEditar

NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Taça Brasil 1 1997[70]
Campeonato Brasileiro - Série A2 1 2019[70]
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Campeonato Paulista 2 1997 e 1999[70]
AMISTOSAS
Competição Títulos Temporadas
Torneio da Primavera Rio-São Paulo 1 1997[70]
Torneio Início do Campeonato Paulista 1 1997[70]
Torneio de Campo Grande 1 1997[70]
Taça Holambra 1 1997[70]
Torneio Dr. Eduardo José Farah 1 1999[70]

Categoria de Base

CONTINENTAIS
Competição Títulos Temporadas
Fiesta Sudamericana de la Juventud 1 2018[70]
NACIONAIS
Competição Títulos Temporadas
Campeonato Brasileiro Sub-16 1 2019[70]
Torneio de Desenvolvimento de Futebol Sub-16 2 2017 e 2018[70]
Nike Premier Cup Sub-17 1 2019[70]
ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Campeonato Paulista Sub-17 3 2017, 2018 e 2019[70]

e-SportsEditar

Futsal pictogram.svg FutsalEditar

Em junho de 1954, Paulo Planet Buarque — integrante da Federação Paulista de Futsal — sugeriu a criação do departamento no clube apoiado pela diretoria. A partir da iniciativa, Raul Leite, que já era jogador da modalidade, tratou de organizar o esporte trazendo jogadores novos para formar o time de futsal do São Paulo.

Em 1957, o clube disputou o Primeiro Campeonato Paulista de Futebol de Salão, que foi realizado com oito clubes, e foi vice-campeão.

Em 1960 os adeptos ganharam um ginásio coberto para treino e jogos na área social do clube e em 1979 mais três já estavam prontos para uso em partidas do time. A partir da década de 1970 foram organizados campeonatos internos no clube com o intuito de gerar a confraternização dos sócios. O interesse pela modalidade só aumentou com o passar do tempo.

O São Paulo possui duas categorias de times. A categoria Prata é formada exclusivamente por associados que obtiveram destaque nos campeonatos internos. Já a categoria Ouro é formada por jogadores profissionais.

A partir de 1998 o clube formou uma equipe para jogar a categoria principal do esporte, com jogadores de seleção. Nesse mesmo ano o time conquistou seu primeiro título estadual. A partir disso os jogadores começaram a angariar títulos para o futsal do São Paulo.[71]

Em fevereiro de 2009 o São Paulo firmou uma parceria com o Esporte Clube União Suzano para formar o time que disputará a Liga Brasileira de Futsal e terá o patrocínio dos Laboratórios Aché.[72]

Entre setembro de 2010 até dezembro de 2011 manteve parceria com a prefeitura de Marília e com a Construban. E para 2012 anunciou parceria com o Colégio Londrinense e Sercomtel.

Competições Oficiais
Competições Amistosas
  • Torneio Internacional Cidade de Osasco, Brasil: 2000.
  • Copa CPA All Football, Portugal: 2003.
  • Copa TV TEM: 2007, 2011.
  • Copa Crystal, Itapetininga: 2006.
  • Copa Barueri: 2002.
  • Copa Topper: 1998, 1999, 2004, 2005.
  • Torneio Cruzeirão: 2010.
  • Copa Jovem Pan - Taça Paulo Machado de Carvalho: 1998, 2001, 2002.
  • Troféu José Antônio Bogaz: 1990.
  • Troféu Joani Palmeira: 1990.
  • Copa Itapecerica, Itapecerica da Serra: 1989.
  • Torneio Quadrangular Dr. Caio Pompeu de Toledo: 1976.
  • Troféu Miguel Masi Neto: 1975.
  • Troféu Dr. Henry Couri Aidar: 1972.
Categorias de Base - Competições Oficiais
  • Taça Brasil, Sub-20: 2000.
  • Campeonato Paulista Feminino, Sub-17: 1999.
  • Campeonato Paulista, Sub-20 (Série Prata): 2011.
  • Campeonato Paulista, Sub-15: 2011.
  • Campeonato Paulista, Sub-13: 2006, 2007.
  • Campeonato Paulista, Sub-11: 2007.
  • Campeonato Paulista Metropolitano, Sub-17: 1986, 2000, 2011.
  • Campeonato Paulista Metropolitano, Sub-13: 1982, 1983, 1985.
  • Campeonato Paulista Metropolitano, Sub-11: 1976, 1978, 1979, 2007.
  • Campeonato Paulista Metropolitano, Sub-09: 1980, 2003.
  • Torneio Início do Campeonato Paulista Metropolitano, Sub-13: 1975, 1983.
  • Torneio Início do Campeonato Paulista Metropolitano, Sub-09: 1983.
  • Copa São Paulo de Futsal, Sub-23: 1999.
Categorias de Base - Competições Amistosas
  • Copa Interclubes de Futsal Sub-20: 2008.
  • IV Copa Cidade de Embu Guaçu: 2008.
  • Copa CNA Sub-20: 2007.
  • Jogos da Cidade de São Paulo, Regional (Sub-20): 2007.
  • Troféu Cidade de São Paulo, Juvenil: 2000.
  • Troféu Cidade de São Paulo, Mirim: 1983.
  • Troféu Jovem Pan, Mirim: 1983.
  • Taça dos Invictos, Mirim: 1982, 1983 (16 jogos).
  • Troféu Eficiência das Categorias de Base: 1983.
  • Campeão do Salão da Criança, Mirim: 1973.
  • Talents Cup, Sub-11: 2011.

Athletics pictogram.svg AtletismoEditar

 
Homenagem ao atleta Adhemar Ferreira da Silva no memorial do São Paulo Futebol Clube. (Imagem: tales.ebner)

O atletismo do clube iniciou-se em 1943 e já em 1944 conquistou uma série de 14 títulos paulistas, que acabaram somente em 1957. Porém já em 1961 conquistou esses mesmos títulos até 1966, sendo, portanto, campeão por 20 vezes em 25 anos. O São Paulo revelou Adhemar Ferreira da Silva, aquele que seria nosso maior atleta da Década de 1950.[73]

Até a década de 1970 o clube possuía uma equipe para cada prova de atletismo, porém no início dos anos 80 somente os atletas de corrida média e longa distância em pista de rua continuaram no São Paulo.

Além de Adhemar Ferreira da Silva, outros atletas tiveram destaque pelo clube, tal como Sebastião Alves Monteiro — bicampeão da Corrida Internacional de São Silvestre em 1945 e 1946 —,[74] José João da Silva — também bicampeão da São Silvestre em 1980 e 1985 — e Dietrich Gerner — o maior técnico de atletismo de todos os tempos do Brasil.[74][75]

  Recordes
  • Recorde Brasileiro +65 (100 metros rasos): 1995 — Melânia Luz.
  • Recorde Sulamericano +70 (200 metros rasos): 1998 — Melânia Luz.
  • Recorde Brasileiro +70 (200 metros rasos): 1998 — Melânia Luz.
  • Recorde Brasileiro +70 (Salto em altura): 1998 — Melânia Luz.
  • Recorde Sulamericano +60 (4x100 metros rasos): 1997 — Melânia Luz.
  • Recorde Panamericano (Salto Triplo): 1955Adhemar Ferreira da Silva.
  • Recorde Mundial (Salto Triplo): 1952 e 1955Adhemar Ferreira da Silva.
  • Recorde Mundial (300 metros com barreiras): Data desconhecida — Wanda dos Santos.
  Ouros
  Pratas
  • Jogos Panamericanos (80 metros com barreiras): 1959 — Wanda dos Santos.
  • Sulamericano; (200 metros rasos): 2 vezes (1947 e 1949) — Melânia Luz.
  • Sulamericano; (4x100 metros rasos): 1947 — Melânia Luz.
  • Etapa de Doha da Liga Diamante (Salto em distância): 2011Maurren Maggi.
  Bronzes
  • Torneio de Veretanos da UF Viçosa-MG (Triatlo de saltos): 2008 — Wanda dos Santos.
  • Jogos Panamericanos (80 metros com barreiras): 2 vezes (1955 e 1963) — Wanda dos Santos.
  • Jogos Panamericanos (Salto em distância): 1951 — Wanda dos Santos.
  • Sulamericano (100 metros rasos): 1947 — Melânia Luz.
  • Grande Prêmio do Brasil, Belém (Salto em distância): 2011Maurren Maggi.
  • Meeting Weitsprung (Salto em distância): 2011Maurren Maggi.

Basketball pictogram.svg BasquetebolEditar

Nos anos 40 a tradição do basquete no São Paulo teve início com a conquista do campeonato paulista masculino de 1943, e o campeonato paulista feminino de 1944.

Já nos anos 2000 o departamento se desenvolveu em pouco tempo com parceria com Guarulhos, formando o São Paulo-Guaru e contando com a estrela Janeth Arcain e com a conquista do brasileiro de 2002.[76]

  • Campeonato Paulista (Estadual) Infantil Masculino, Série Prata: 2006.
  • Campeonato Brasileiro Feminino: 2002
  • Campeonato Paulista (Estadual) Masculino, 1ª Divisão (de fato, 2ª): 1989.
  • Campeonato Paulista (Estadual) Mirim Masculino: 1988.
  • Campeonato Paulista (Grande São Paulo) Pré-Mirim Masculino: 1987.
  • Campeonato Paulista (Grande São Paulo) Infantil Masculino: 1973.
  • Campeonato Paulista (Estadual) Infanto-juvenil Masculino: 1973.
  • Campeonato Paulista (Grande São Paulo) Mirim Masculino: 1971 e 2011.
  • Campeonato Paulista (Estadual) Mini Masculino: 1969.
  • Campeonato Paulista (Grande São Paulo) Feminino: 1944.
  • Campeonato Paulista (Grande São Paulo) Masculino: 1943.
  • Torneio Mercosul Cadete Masculino: 1996.
  • Torneio Mercosul Infantil Masculino: 1996.
  • Torneio Início do Campeonato Paulista Feminino: 1944.
  • II Torneio Triangular: 1943.

Baseball pictogram.svg BeisebolEditar

Nos anos 40, o beisebol teve seu nome ligado ao Piratas Beisebol Clube um time formado de brasileiros não descendentes de japoneses, que emprestou o nome do São Paulo Futebol Clube por não estar constituído legalmente.[77]

Bocce pictogram.svg BochaEditar

  • Torneio da Amizade: 1974.
  • Trofeo Ministerio do Transporte, Comunicaciones y Turismo, Uruguai: 1971.
  • Torneio da Amizade Série B2: 1982.
  • Torneio de Aniversário da Rhodia: 1993.

Bowling pictogram.svg BolicheEditar

  • Troféu 367, São Paulo Boliche Clube: 1967.

Fencing pictogram.svg EsgrimaEditar

O departamento de esgrima só esteve em funcionamento de 1943 a 1946.[73]

  • Campeonato Paulista Interclubes: 1944.
  • Campeonato Paulista Interclubes; Florete: 1945.
  • Campeonato Paulista Interclubes; Sabre: 1945.
  • Taça Sílvio de Magalhães Padilha: 1943, 1944, 1945.

Gymnastics (artistic) pictogram.svg Ginástica aeróbicaEditar

O departamento de Ginástica aeróbica do clube teve início em 1990 e desde que as atividades foram instauradas conquistou títulos paulistas, barsileiros e mundiais. Os atletas são-paulinos pertencem à Federação Paulista de Ginástica e à Confederação Brasileira de Ginástica.[78]

  • Campeonato Brasileiro: 2008.
  • Campeonato Brasileiro (Excelência): 2007 — por 2006.
  Ouros
  • Brasileiro (Grupo): 2008 — Anita, Cibele, Gabriel, Lívia, Paula e Roberta.
  • Torneio Nacional, Infanto-juvenil (Individual): 2008 — Giovanna de Primo.
  • Internacional de Los Angeles (EUA) ANAC (Trio): 2 vezes (2007 e 2008) — Marcela Matos Lopez, Marina Matos Lopez e Cibele Rosito Oliani.
  • Brasileiro (Individual): 2 vezes (2007 e 2008) — Marcela Matos Lopez.
  • Brasileiro (Trio): 2 vezes (2007 e 2008) — Marcela Matos Lopez, Marina Matos Lopez e Cibele Rosito Oliani.
  • Internacional de Los Angeles (EUA) ANAC (Individual): 3 vezes (2006, 2007 e 2008) — Marcela Matos Lopez.
  • Mundial FIG (Individual): 2 vezes (2006 e 2008) — Marcela Matos Lopez.
  • Copa do Mundo (FRA) (Trio): 2006 — Marcela Matos Lopez, Marina Matos Lopez e Cibele Rosito Oliani.
  • Série Mundial de Rodez (FRA) FIG (Trio): 2005 — Marcela Matos Lopez, Marina Matos Lopez e Cibele Rosito Oliani.
  • Série Mundial de Rodez (FRA) FIG (Individual): 2005 — Marcela Matos Lopez.
  • Copa do Mundo (FRA) (Individual): 2 vezes (2004, 2005 e 2006) — Marcela Matos Lopez.
  • Mundial FIG (Trio): 2004 — Marcela Matos Lopez, Marina Matos Lopez e Cibele Rosito Oliani.
  • Série Mundial de Montluçon (FRA) FIG (Individual): 2004 — Marcela Matos Lopez.
  • Copa do Mundo Suzuki (JAP) IAF (Individual): 6 vezes (2002, 2003, 2004, 2005, 2006 e 2007) — Marcela Matos Lopez.
  • Copa do Mundo Suzuki (JAP) IAF (Trio): 2 vezes — Marcela Matos Lopez presente em ambas.
  Pratas
  • Brasileiro, Infanto-Juvenil (Trio): 2007 — Beatriz, Mônica e Marília Prado.
  Bronzes
  • Mundial FIG (Trio): 2008 — Marcela Matos Lopez, Marina Matos Lopez e Cibele Rosito Oliani.
  • Brasileiro (Individual): 2008 — Marina Matos Lopez.
  • Torneio Nacional, Infanto-juvenil (Individual): 2008 — Victoria Lekish.
  • Brasileiro, Infanto-juvenil (Individual): 2007 — Marília Prado.

Gymnastics (rhythmic) pictogram.svg Ginástica artísticaEditar

  • Campeonato Sabin + Esportes: 2007.
  Pratas
  • Copa Sesi, Mirim (Geral): 2008 — Gabriela Moretto.
  Bronzes
  • Copa Sesi, Pré-Mirim (Geral): 2008 — Júlia Darim Azevedo.

Golf pictogram.svg GolfeEditar

O São Paulo Futebol Clube é a primeira agremiação de futebol brasileira a criar um departamento de golfe. Filiado à Federação Paulista de Golfe, o departamento de golfe conta com cerca de 160 associados, grande parte deles iniciantes.[79]

  • VI Torneio de Golfe da Ação Comunitária Bradesco Private Bank: 2011 — Wilson Longo Belem Corrêa.
  • Desafio Majestoso de Golf: 2010.

Handball pictogram.svg HandebolEditar

O departamento de Handebol foi criado no ano de 1999 e desde então vem angariando títulos para o clube.[80]

  • Liga Nacional de Handebol Feminino: 2005.
  • Campeonato Brasileiro Feminino Júnior: 2004.
  • Campeonato Paulista Feminino: 2004, 2005.
  • Campeonato Paulista Feminino Júnior: 2004.
  • Campeonato Paulista Feminino Juvenil: 2006.
  • Campeonato Paulista Feminino Infantil: 2006, 2007.
  • Campeonato Paulista Feminino Mirim: 2007.
  • Torneio Início do Campeonato Paulista: 1942.
  • Torneio Início do Campeonato Paulista, Segundos Quadros: 1942.
  • Circuito Aberto do Clube Paineiras, Masculino: 2001.
  • Grand Prix Paulista Feminino: 2005.
  • Troféu Fair Play Feminino: 2006.
  • Itajaí Handball Cup Handbeach Feminino Cadete: 2006.
  • São Caetano Cup Feminino Cadete: 2005, 2006, 2007.
  • São Caetano Cup Feminino Juvenil: 2006, 2007.
  • São Paulo Summer Cup Handbeach Feminino Cadete: 2007.
  • São Paulo Summer Cup Handbeach Feminino Mirim: 2007.
  • São Paulo Summer Cup Feminino Cadete: 2007.
  • São Paulo Summer Cup Feminino Mirim: 2007.

Ice hockey pictogram.svg HóqueiEditar

A modalidade de Hóquei se iniciou em 1954, no mesmo ano foi campeão paulista e teve o departamento fechado.[73]

No dia 12 de abril de 1997 o Hóquei voltou a ser praticado no clube com a associação dos atletas da equipe Ocean Drive. Com isso um dos ginásios do clube foi preparado e dimensionado para a prática do esporte, sendo um dos poucos que atende às especificações da Confederação Brasileira de Hóquei e Patinação.[81]

  • Campeonato Sulamericano em linha: 2001.
  • Campeonato Brasileiro em linha CBHP: 2000.
  • Campeonato Brasileiro em linha CBHP/CBHG (unificado): 2001.
  • Campeonato Brasileiro em linha Feminino: 2001 (1º), 2001 (2º).
  • Campeonato Paulista em patins: 1954.
  • Campeonato Paulista em linha: 1999, 2000.
  • Metropolitano de Hóquei em linha: 1997.
  • Campeonato Paulista em patins, Mirim: 1982.
  • Campeonato Paulista em linha, Mirim: 1999.
  • Torneio Aberto, Mirim: 1999.
  • Festival do 41º Aniversário da Emancipação de Caieiras: 1999.

Judo pictogram.svg JudôEditar

Salomão Menazi idealizou o setor no clube no final dos anos 60, mais precisamente em 19 de março de 1969. Desde então sempre participou das peincipais competições do Brasil e é responsável, inclusive, por uma das mais tradicionais competições do estado de São Paulo, o "Torneio de Judô do São Paulo Futebol Clube"[82]

  Ouros
  • Brasileiro, Feminino Master (F-3): 2008 — Maria Aldevania.
  • Brasileiro, Feminino Master (F-1): 2008 — Fernanda Rojas Pelegrine.
  • Paulista, Feminino Master (Médios): 2008 — Fernanda Rojas Pelegrine.
  • Paulista, Feminino Master (Kata): 2008 — Maria Adelvania Alves.
  • Paulistano, Feminino Sênior (Meio-leves): 2008 — Suzana N. Moria.
  • Paulistano, Feminino Júnior (Pesados): 2008 — Taluana Merdrado de Marqui.
  • Copa Cidade de São Paulo Senior(Meio-pesados): 2008 — Luciano de Souza e Castro.
  • Copa Cidade de São Paulo, Juvenil (Pesados): 2008 — Alexandre F. Marcondes Moura.
  • Copa Cidade de São Paulo, Feminino Juvenil (Pesados): 2008 — Bruna F. Marcondes Moura.
  • Torneio Prof. Hiroshi Minakawa "A Hebraica", Feminino Juvenil (Pesados): 2008 — Bruna F. Marcondes Moura.
  • Campeonato Metropolitano, Senior (Meio Pesado): 2007 - Luciano de Souza e Castro.
  • Copa Centro Olímpico, Feminino Infantil (Pesados): 2007 — Thais do Prado Silva.
  • Torneio Anual do Corinthians, Feminino Sênior (Médios): 2007 — Maria de Araújo Mendes Lima.
  • Campeonato Metropolitano, Senior(Meio Pesado): 2006 - Luciano de Souza e Castro.
  • Paraolimpíadas de Atenas: 2004Antônio Tenório.
  • Sulamericano, Feminino (Meio-Leves): 2003 — Cátia Maia.
  • Sulamericano, Feminino (Leves): 2003 — Danielle Zangrando.
  • Mundial, Júnior (Leves): 2002Leandro Guilheiro.
  • Pan-Americano, Júnior (Leves): 2002Leandro Guilheiro.
  • Jogos Sulamericanos (Meio-Leves): 2002 — Cátia Maia.
  • Brasileiro, Feminino (Leves): 2 vezes (2002 e 2003) — Danielle Zangrando.
  • Paulista, Feminino (Leves): 2002 — Danielle Zangrando.
  • Brasileiro, Feminino (Meio-Leves): 3 vezes (2001, 2002 e 2003) — Cátia Maia.
  • Paulista, Feminino (Meio-Leves): 3 vezes (2001, 2002 e 2003) — Cátia Maia.
  • Pan-Americano: 2 vezes (1996 e 1998) — Edelmar Branco Zanol.
  • Sulamericano: 2 vezes (1989 e 1991) — Marco Costa.
  • Jogos Pan-Americanos: 1987 — Mônica Angelucci.
  Pratas
  • Paulistano, Feminino Sênior (Médios): 2008 — Fernanda Rojas Pelegrini.
  • Copa Cidade de São Paulo, Juvenil (Meio-leves): 2008 — Raul Santiago Rosa.
  • Copa Cidade de São Paulo, Feminino (Leves): 2008 — Patrícia Moriya.
  • Camp. Periquitos (SE Palmeiras), Júnior (Médios): 2008 — Jonathan Machado Ficher.
  • Camp. Periquitos (SE Palmeiras), Feminino Sênior (Médios): 2008 — Fernanda Rojas Pelegrini.
  • Torneio Prof. Hiroshi Minakawa "A Hebraica", Feminino Sênior (Médios): 2008 — Fernanda Rojas Pelegrini.
  • Copa Centro Olímpico, Feminino Infantil (Médios): 2007 — Erika Ianovale.
  Bronzes
  • Brasileiro, Máster (Cat. M-3): 2008 — Douglas Clementino da Silva.
  • Paulistano, Sênior (Meio-pesados): 2008 — Rodrigo Toledo Vieira da Silva.
  • Paulistano, Júnior (Médios): 2008 — Jonathan Machado Ficher.
  • Copa Cidade de São Paulo, Pré-Juvenil (Meio-pesados): 2008 — Ayrê Mesquita Bernardes.
  • Copa Cidade de São Paulo, Feminino Juvenil (Meio-médios): 2008 — Fernanda Fratini.
  • Camp. Periquitos (SE Palmeiras), Master A (Médios): 2008 — Disney Garcia Júnior.
  • Torn. Prof. Hiroshi Minakawa "A Hebraica", Feminino Infanto-Juvenil (Médios): 2008 — Erika Ianovale.
  • Torn. Prof. Hiroshi Minakawa "A Hebraica", Feminino Infantil (Ligeiros): 2008 — Giovana Arima.
  • Torn. Prof. Hiroshi Minakawa "A Hebraica", Júnior (Médios): 2008 — Jonathan Machado Ficher.
  • Camp. Periquitos (SE Palmeiras), Sênior (Médios): 2007 — Rodrigo Toledo Vieira da Silva.
  • Copa Centro Olímpico, Pré-Juvenil (Pesados): 2007 — Julian Isidoro.
  • Olimpíadas de Atenas (Leves): 2004Leandro Guilheiro.

Swimming pictogram.svg NataçãoEditar

O São Paulo iniciou suas atividades na natação com as maratonas aquáticas, que eram realizadas em represas, rios ou em mar aberto. A partir de 1995, com a construção do complexo de piscinas aquecidas, o clube passou a disputar competições em piscinas pela Federação Aquática Paulista e pela Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos, sendo sócio-fundador desta última.[83]

  • Campeonato Paulista Interclubes de Verão, Master: 2001.
  Ouros
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 45+ (200 metros livre): 2008 — Marcelo Ayres Neto.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 75+ (50 metros peito): 2008 — Renato Cirillo.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 40+ (100 metros medley): 2008 — Sílvio Rodrigues.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 25+ (50 metros borboleta): 2008 — Francis Marie Pral.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 20+ (100 metros livre): 2008 — Felipe Azambuja.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 75+ (50 metros costas): 2008 — Renato Cirillo.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 25+ (200 metros livre): 2008 — Thatiana Makiyama.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 75+ (50 metros peito): 2008 — Renata Watanabe.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 50+ (50 metros peito): 2008 — Celina Formentini.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 20+ (50 metros peito): 2008 — Cyntia Hayashi.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 75+ (100 metros medley): 2008 — Renata Watanabe.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 50+ (100 metros medley): 2008 — Celina Formentini.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 25+ (100 metros medley): 2008 — Thatiana Makiyama.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 60+ (100 metros livre): 2008 — Maria Luiza Bastian.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 30+ (100 metros livre): 2008 — Simone Marcondes.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 45+ (50 metros costas): 2008 — Adriana Massa.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 20+ (50 metros costas): 2008 — Thais Longo.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 80+ (Revezamento 4x100 metros): 2008 — Equipe Desconhecida.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 75+ (50 metros livre): 2007 — Renata Watanabe.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 60+ (50 metros peito): 2007 — Orica Miyagi.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 45+ (50 metros costas): 2007 — Luciana Donati.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 75+ (100 metros peito): 2 vezes (2006 e 2007) — Renata Watanabe.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 75+ (50 metros peito): 2 vezes (2006 e 2007) — Renata Watanabe.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 75+ (50 metros borboleta): 2 vezes (2006 e 2007) — Renata Watanabe.
  • Paulista (50 metros peito): 2000 (Denny Cimatti.
  Pratas
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 40+ (200 metros livre): 2008 — Sílvio Rodrigues.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 30+ (200 metros livre): 2008 — Odair Barbosa.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 25+ (50 metros peito): 2008 — Bruno Aoas Sales Pereira.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 45+ (50 metros borboleta): 2008 — Marcelo Ayres Neto.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 30+ (50 metros borboleta): 2008 — João Arthur Arnald.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 25+ (50 metros borboleta): 2008 — Guilherme Brawn.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 20+ (50 metros borboleta): 2008 — Felipe Alves Azambuja.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 30+ (100 metros livre): 2008 — João Arthur Arnald.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 25+ (100 metros livre): 2008 — Francis Marie Pral.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 45+ (50 metros costas): 2008 — José Maria Blanco.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 25+ (50 metros costas): 2008 — Guilherme Brawn.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 160+ (Revezamento 4x100 metros): 2008 — Equipe Desconhecida.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 120+ (Revezamento 4x100 metros): 2008 — Equipe Desconhecida.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 65+ (50 metros peito): 2008 — Vera Joaquim.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 45+ (50 metros peito): 2008 — Márcia Rodrigues.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 35+ (50 metros peito): 2008 — Yara Regina.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 20+ (100 metros medley): 2008 — Cintya Yukie Hayashi.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 45+ (50 metros borboleta): 2008 — Luciana Donatti.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 65+ (100 metros livre): 2008 — Vera Joaquim.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 45+ (100 metros livre): 2008 — Márcia Rodrigues.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 25+ (100 metros livre): 2008 — Adriana Massa.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 45+ (50 metros costas): 2008 — Luciana Donatti.
  • Paulista Master, Cat. 75+ (50 metros costas): 2007 — Renato Cirillo.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 45+ (100 metros peito): 2007 — Luciana Donati.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 45+ (50 metros peito): 2007 — Luciana Donati.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 60+ (100 metros costas): 2 vezes (2006 e 2007) — Orica Miyagi.
  • Paulista Master, Cat. 30+ (100 metros livres): 2006 — João Arthur Arnaud.
  • Paulista Master, Cat. 30+ (50 metros borboleta): 2006 — João Arthur Arnaud.
  • Paulista Master, Cat. 75+ (100 metros costas): 2006 — Renato Cirillo.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 75+ (50 metros costas): 2006 — Renata Watanabe.
  Bronzes
  • Brasileiro, Infantil 1 (100 metros costas): 2008 — Caio Ormachea.
  • Brasileiro, Infantil 1 (200 metros costas): 2008 — Caio Ormachea.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 55+ (200 metros livre): 2008 — Antônio Joaquim.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 45+ (200 metros livre): 2008 — Eduardo Brunetti.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 45+ (100 metros livre): 2008 — Armando de Rosso.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 55+ (50 metros costas): 2008 — Antônio Joaquim.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 25+ (50 metros costas): 2008 — Anderson Caridad.
  • Torn. Aldair Alves, Cat. 200+ (Revezamento 4x100 metros): 2008 — Equipe Desconhecida.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 65+ (200 metros livre): 2008 — Orica Miyagi.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 55+ (50 metros peito): 2008 — Mary Lea Leitão.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 45+ (50 metros peito): 2008 — Vivian Steimberg.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 30+ (50 metros peito): 2008 — Elaine Fontanezi.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 20+ (100 metros medley): 2008 — Thais Longo.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 65+ (50 metros costas): 2008 — Orica Miyagi.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 240+ (Revezamento 4x100 metros): 2008 — Equipe Desconhecida.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 160+ (Revezamento 4x100 metros): 2008 — Equipe Desconhecida.
  • Torn. Aldair Alves, Feminino Cat. 120+ (Revezamento 4x100 metros): 2008 — Equipe Desconhecida.
  • Paulista Juvenil de Verão, Feminino Juvenil 1 (Revezamento 4x50 metros livre): 2007 — Camila Geiger Guedes, Gabriela Sayuri Durante, Bruna Suda Rodrigues e Laura Rodrigues Prado.
  • Paulista Juvenil de Verão, Feminino Juvenil 1 (Revezamento 4x100 metros livre): 2007 — Camila Geiger Guedes, Laura Rodrigues Prado, Gabriela Sayuri Durante e Bruna Suda Rodrigues.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 60+ (50 metros costas): 2007 — Orica Miyagi.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 45+ (50 metros borboleta): 2007 — Luciana Donati.
  • Paulista Master, Cat. 75+ (50 metros livre): 2006 — Renato Cirillo.
  • Paulista Master, Cat. 75+ (50 metros costas): 2006 — Renato Cirillo.
  • Paulista Master, Cat. 75+ (100 metros livre): 2006 — Renato Cirillo.
  • Paulista Master, Feminino Cat. 60+ (100 metros peito): 2006 — Orica Miyagi.

Tennis pictogram.svg PádelEditar

  • Torneio Aberto de Paddle do SPFC: 2001.
  • Torneio Aberto de Paddle do SPFC 2ª Categoria: 2014.

Figure skating pictogram.svg Patinação artísticaEditar

A patinação artística iniciou-se em meados dos anos 80, porém somente na década de 1990 é que a modalidade cresceu e começou a angariar campeões paulistas e brasileiros.

O departamento tem como meta a formação de novos atletas a partir dos 4 anos, que são ensinados por professores gabaritados com diversos títulos nacionais e mundiais.[84]

  Ouros
  • Camp. Paulista, Estadual Adulto (Livre): 2008 — Bruna Bertolla.
  • Torneio Inter-Seleções, até 14 anos (Livre): 2008 — Luiza Candelori.
  • Camp. Paulista, Estadual até 14 anos (Livre): 2008 — Luiza Candelori.
  • Camp. Paulista, Estadual Iniciantes (Figuras): 2008 — Bruna Bertolla.
  Pratas
  • Torneio Inter-Seleções, Advanced Loops (Figuras): 2008 — Natália Alves.
  • Torneio Inter-Seleções, Iniciantes (Figuras): 2008 — Bruna Bertolla.
  • Camp. Paulista, Estadual Advanced Loops (Figuras): 2008 — Natália Alves.
  Bronzes
  • Torneio Inter-Seleções, até 16 anos (Livre): 2008 — Andréa Brisolla.
  • Torneio Inter-Seleçoes, até 14 anos (Livre): 2008 — Aline Viciano.
  • Torneio Inter-Seleções, Iniciantes (Figuras): 2008 — Juliê Sartoretto.
  • Camp. Brasileiro, Internacional Sênior (Figuras): 2008 — Natália Alves.
  • Camp. Paulista, Internacional Sênior (Figuras): 2008 — Natália Alves.
  • Camp. Paulista, Estadual até 14 anos (Livre): 2008 — Aline Viciano.

Water polo pictogram.svg Polo AquáticoEditar

  • Campeonato Paulista: 1934.

Boxing pictogram.svg PugilismoEditar

O departamento de pugilismo foi criado em 1943 e conseguiu tornar-se campeão em torneios profissionais e amadores. Foi berço de alguns pugilistas de renome internacional tais como Éder Jofre, Kaled Cúri, Jorge Maluk, Vicente dos Santos, Lúcio Gatoni, Paulo Sacomon, Valdemar Adão e Jorge Sacoman.[73]

Compreendida entre as décadas de 40, 50 e 60, a era de ouro do pugilismo teve como pilar a Academia de Boxe das famílias Zumbano/Jofre, onde os atletas eram treinados em sua maioria por Aristides Kid Jofre, pai de Éder Jofre. Nessa época formou lutadores que se tronaram famosos e conquistaram títulos brasileiros, sul-americanos e mundiais.

Nos anos 90 o boxe do São Paulo tornou a se destacar sob o comando de Antônio Carollo com as conquistas dos títulos paulista e brasileiros de 1992 e 1995.[85]

Em 3 de agosto de 2002 o boxeador Acelino Freitas, o Popó, derrotou por pontos o nigeriano Daniel Attah, em Phoenix, capital do Arizona, Estados Unidos e representou, nessa ocasião, as cores do São Paulo. Houve inclusive a tentativa de marcar uma luta do pugilista para o Estádio do Morumbi porém sem sucesso.[86][87]

  Ouros
  • Copa da Independência, Rep. Dominicana (Leves): 2008 — Éverton Lopes.
  • Copa da Independência, Rep. Dominicana (Penas): 2008 — Róbson Conceição.
  • Torneio Estímulo Kid Jofre (Penas): 2008 — Marcos Sena.
  • Torneio Estímulo Kid Jofre (Leves): 2008 — Bruno da Silva.
  • Pré-Olímpico da Guatemala (Penas): 2008 — Róbson Conceição.
  • Jogos Pan-Americanos (Meio-Médios): 2007Pedro Lima.
  • Brasileiro (Meio-pesados): 2007 — Hamilton Conceição.
  • Paulista (Moscas-ligeiros): 2007 — Silas de Jesus.
  • Paulista (Moscas): 2007 — Giliard Paulino.
  • Paulista (Penas): 2007 — Dídimo Nascimento.
  • Paulista (Médios): 2007 — Élber Passos.
  • Paulista (Meio-pesados): 2007 — Hamilton Conceição.
  • Paulista (Pesados): 2007 — Cássio Humberto.
  • Forja dos Campeões (Leves): 2007 — Tiago F. Silva.
  • Forja dos Campeões (Meio-médios-ligeiros): 2007 — Brando Júnior.
  • Forja dos Campeões (Super-pesados): 2007 — Marco Ramos.
  • Torneio dos Campeões (Moscas): 2007 — Giliard Paulino.
  • Torneio dos Campeões (Penas): 2007 — Dídimo Nascimento.
  • Torneio dos Campeões (Meio-médios-ligeiros): 2007 — Davi Lourenço.
  • Torneio Luvas de Ouro (Moscas-ligeiros): 2007 — Silas de Jesus.
  • Torneio Luvas de Ouro (Moscas): 2007 — Giliard Paulino.
  • Torneio Luvas de Ouro (Galos): 2007 — Paulo Rogério.
  • Torneio Luvas de Ouro (Penas): 2007 — Dídimo Nascimento.
  • Torneio Luvas de Ouro (Médios): 2007 — Fábio Pierrobom.
  • Torneio Luvas de Ouro (Meio-pesados): 2007 — Hamilton Conceição.
  • Abertos do Interior (Moscas): 2007 — Giliard Paulino.
  • Abertos do Interior (Galos): 2007 — Robenílson Vieira.
  • Abertos do Interior (Leves): 2007 — Dídimo Nascimento.
  • Abertos do Interior (Meio-Pesados): 2007 — Hamilton Conceição.
  • Abertos do Interior (Pesados): 2007 — Cássio Humberto.
  • Abertos do Interior (Médio-Ligeiros Feminino): 2 vezes (2006 e 2007) — Carla Freitas.
  • Mundial de Pesos-Penas CMB: 1973Éder Jofre.
  • Mundial de Pesos-Galos Unificado: 1962Éder Jofre.
  • Mundial de Pesos-Galos AMB: 1960Éder Jofre.
  • Sulamericano de Pesos-Galos: 1960Éder Jofre.
  • Brasileiro de Pesos-Galos: 1958Éder Jofre.
  • Forja dos Campeões: 1953Éder Jofre.
  Pratas
  • Pré-Olímpico da Guatemala (Leves): 2008 — Éverton Lopes.
  • Jogos Pan-Americanos (Leves): 2007 — Éverton Lopes.
  • Brasileiro (Penas): 2007 — Dídimo Nascimento.
  • Paulista (Super-pesados): 2007 — Marco Ramos.
  • Forja dos Campeões (Leves): 2007 — Lucas Lima.
  • Torneio dos Campeões (Moscas-ligeiros): 2007 — Silas de Jesus.
  • Torneio dos Campeões (Leves): 2007 — Clayton Mendes.
  • Torneio dos Campeões (Meio-médios): 2007 — Alex de Jesus.
  • Torneio dos Campeões (Meio-pesados): 2007 — Juliano Gonçalves.
  • Torneio Luvas de Ouro (Moscas-ligeiros): 2007 — Gustavo Maia.
  • Torneio Luvas de Ouro (Galos): 2007 — Daniel Soares.
  • Torneio Luvas de Ouro (Leves): 2007 — Caio Calmon.
  • Torneio Luvas de Ouro (Meio-médios-ligeiros): 2007 — Brando Júnio.
  • Abertos do Interior (Moscas-Ligeiros): 2007 — Silas de Souza.
  • Abertos do Interior (Penas): 2007 — Róbson Nonato.
  • Abertos do Interior (Médio-Ligeiros): 2007 — Jean Pierre.
  • Abertos do Interior (Médios): 2007 — Élber Passos.
  Bronzes
  • Pré-Olímpico da Guatemala (Médio-Ligeiros): 2008 — Myke Carvalho.
  • Jogos Pan-Americanos (Pesados): 2007 — Rafael Lima.
  • Jogos Pan-Americanos (Médio-Ligeiros): 2007 — Myke Carvalho.

Rowing pictogram.svg RemoEditar

  • Prova "Liga Náutica Riograndense": 1945.

Rugby union pictogram.svg RugbyEditar

Títulos conhecidos
  • Campeonato Brasileiro da Primeira Divisão "Torneio de Ouro" - 1986, 1987
  • Campeonato Brasileiro da Segunda Divisão "Torneio Aberto" - 1983, 1984, 1985
  • Campeonato Paulista da Primeira Divisão - 1986
  • Campeonato Paulista da Segunda Divisão "Torneio Aberto" - 1984, 1985
  • Torneio da Páscoa - 1987
  • Copa Itaú - 1984, 1986

Futsal pictogram.svg ShowbolEditar

Não é uma modalidade oficial praticada pelo SPFC, o uniforme do time do Showbol não utiliza o escudo oficial do São Paulo, o time é apenas representado por ex-jogadores do tricolor, Zetti, Alex Dias, Ivan e Elivelton foram alguns do jogadores que participaram da campanha do Campeonato Paulista.

Tennis pictogram.svg TênisEditar

Com 772 tenistas cadastrados e cerca de 300 alunos, o departamento de tênis do clube tem tradição e participou das primeiras competições organizadas no Brasil e continua marcando presença nos principais campeonatos e torneios.[88]

  • Campeonato Paulista Interclubes Masculino (1ª Classe — 1M2): 2008.
  • Campeonato Paulista Interclubes Masculino (5ª Classe — 5M2): 2008.
  • Campeonato Paulista Interclubes Masculino — 34MA): 2008 e 2009.
  • Campeonato Paulista Interclubes Masculino — 35MA): 2008.
  • Campeonato Paulista Interclubes Masculino (1ª Classe — 1M1): 2 vezes (2007 e 2008).
  • Campeonato Paulista Interclubes Feminino (1ª Classe — 1F1): 2005.
  • Troféu Cinqüentenário do Tênis Clube de Presidente Prudente: 1984.
  • Troféu Manoel Raymundo Paes de Almeida (contra CC Piracicabano): 1975.
  • Troféu Mário Malaud (contra CR Tietê): 1975.
  • I Taça de Aniversário da AABB, Campeão Geral: 1990.

Table tennis pictogram.svg Tênis de MesaEditar

  • Taça Gymnástico Portuguez, Rio de Janeiro: 1933.
  • Taça Gloria, Rio de Janeiro: 1933.

Volleyball (indoor) pictogram.svg VoleibolEditar

O departamento de voleibol foi inciado em 1943 e já em 1946 foi fechado.[73] Em meados da década de 1970 voltou a ser praticado no clube e foi um dos clubes fundadores da Federação Paulista de Voleibol, participando ativamente das competições. Entre os jogadores que já fizeram parte desse time estão Marcelo Negrão, Pampa e Giovane.[89]

  • Campeonato Paulista Masculino: 2 vezes (1954 e 2003).
  • Campeonato Paulista Masculino da 2ª Divisão: 1954.
  • Campeonato Brasileiro Masculino Master (+40): 2 vezes (2004 e 2005).
  • Campeonato Paulista, Infantil: 1986.
  • Campeonato Paulista, Infanto-juvenil: 1986.
  • Campeonato Paulista Série Prata, Mirim: 2004.
  • Campeonato Paulista Feminino 1ª Divisão: 1984.
  • Campeonato Paulista Feminino, Infantil: 1993.
  • Campeonato Paulista Feminino, Pré-Mirim: 1973, 1974, 1975.
  • Campeonato Metropolitano Feminino: 1974, 1978, 1993.
  • Campeonato Metropolitano Feminino, Juvenil: 1992.
  • Campeonato Metropolitano Feminino Série Ouro, Pré-Mirim: 1998.
  • Campeonato Metropolitano 2ª Divisão, Pré-Mirim: 1983, 1986.
  • Torneio de Preparação da 1ª Divisão FPV: 1953.
  • Torneio de Preparação Feminino FPV, Infantil: 1999.
  • Torneio do 26º Aniversário de Fundação do Tênis Clube Paulista: 1953.
  • Torneio Início do Campeonato Paulista Feminino, Infantil: 1994.

King Chess.jpgKnight Chess.jpg XadrezEditar

O Xadrez no São Paulo funcionou apenas de 1943 a 1946.[73]

  • Campeonato Paulista: 2 vezes (1943 e 1945).

Ver tambémEditar

BibliografiaEditar

  • «São Paulo Futebol Clube». Site oficial do São Paulo Futebol Clube. Consultado em 8 de maio de 2012 
  • ARRUDA, Marcelo Leme de; André do Nascimento Pereira, Martín Tabeira, Alexandre Magno Barreto Berwanger (2008). «São Paulo Futebol Clube» (em inglês). RSSSF Brasil. Consultado em 13 de setembro de 2021 
  • «Revista Oficial do São Paulo F.C.» (periódico) (mensal). São Paulo: Editora Panini  Parâmetro desconhecido |aspas= ignorado (ajuda)
  • «Grandes Clubes Brasileiros - São Paulo» (periódico) (2). São Paulo. 1971  Parâmetro desconhecido |aspas= ignorado (ajuda)
  • DA COSTA, Alexandre (2005). Almanaque do São Paulo. revista Placar ed. 1284-A 1ª ed. Rio de Janeiro: Editora Abril. 482 páginas 
  • GIACOMINI, Conrado (2005). São Paulo. Dentre os Grandes, és o Primeiro (em português) 1ª ed. Rio de Janeiro: Ediouro. 320 páginas. ISBN 8500015721 

Notas

  1. Considerando uma década como o período compreendido entre os anos 1 e 10 (como em 1941 a 1950).
  2. Incluindo o título estadual do Supercampeonato Paulista de 2002.

Referências

  1. «Quais são os times brasileiros com mais títulos?». Manual do Homem Moderno. Consultado em 22 de setembro de 2017 
  2. a b c d e «Conquistas». São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 4 de maio de 2009 
  3. a b GIACOMINI, Conrado (2005). São Paulo. Dentre os Grandes, és o Primeiro (em português). 1 1ª ed. Rio de Janeiro: Ediouro. 320 páginas. ISBN 8500015721 
  4. MELLO, Selton (2007). O dia em que me tornei... são-paulino (em português). 1 1ª ed. São Paulo: Panda Books. 108 páginas. ISBN 8587537830 
  5. «Conquistas da categoria de base». São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 4 de maio de 2009 
  6. «Recordista mundial por 10 anos». A Gazeta Esportiva. 26 de dezembro de 2007. Consultado em 4 de maio de 2009 [ligação inativa]
  7. «Biografia». Aurélio Miguel Vereador. 2009. Consultado em 4 de maio de 2009. Arquivado do original em 9 de maio de 2009 
  8. Marcelo Damato (24 de abril de 1994). «Entenda o que são aspirantes». Folha de S.Paulo. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 20 de abril de 2017 
  9. a b c d e f Michael Serra (29 de dezembro de 2017). «Enciclopédia: Todos os Títulos da Base». Website oficial do São Paulo. Cópia arquivada em 6 de abril de 2018 
  10. «São Paulo derrota o Internacional e conquista o Brasileiro de Aspirantes». Gazeta Esportiva. 24 de novembro de 2018. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 25 de novembro de 2018 
  11. Yago Rudá (24 de novembro de 2018). «São Paulo derrota o Internacional e é campeão do Brasileirão de Aspirantes». Lance!. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 2 de novembro de 2019 
  12. Bruno Grossi; Demétrio Vechiolli (9 de maio de 2019). «Atual campeão, São Paulo decide não disputar Brasileirão de Aspirantes». Uol.com.br. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 1 de novembro de 2020 
  13. «São Paulo derrota o Internacional e conquista o Brasileiro de Aspirantes». Espn.com.br. 24 de novembro de 2018. Consultado em 28 de novembro de 2018. Cópia arquivada em 28 de novembro de 2018 
  14. «Sub-20 do Atlético-PR vence torneio na Suíça». Lance!. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 28 de outubro de 2020 
  15. «É campeão! São Paulo bate Liverpool e conquista a Libertadores Sub-20». GloboEsporte.com. 14 de fevereiro de 2016. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 26 de abril de 2016 
  16. «São Paulo faz 2 a 0 no Atlético-PR e leva o título da Copa do Brasil sub-20». Globo Esporte. Consultado em 3 de junho de 2018. Cópia arquivada em 24 de junho de 2018 
  17. «Se os profissionais decepcionaram, a base do São Paulo deu show em 2016». Espn.com.br. 20 de dezembro de 2016. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 28 de outubro de 2020 
  18. «São Paulo goleia o Corinthians e é tricampeão da Copa do Brasil sub-20». Gazeta Esportiva. 2 de junho de 2018. Consultado em 23 de julho de 2018. Cópia arquivada em 23 de julho de 2018 
  19. «São Paulo vence Verdão nos pênaltis e fatura Supercopa do Brasil sub-20». Gazeta Esportiva. 27 de novembro de 2018. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2018 
  20. Alan Rafael Villaverde (25 de janeiro de 2010). «São Paulo vence Santos nos pênaltis e é campeão da Copa SP». O Estado de S. Paulo. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 28 de outubro de 2020 
  21. «São Paulo supera Vasco nos pênaltis e é tetracampeão da Copinha». brasil.elpais.com. 25 de janeiro de 2019. Consultado em 4 de fevereiro de 2019. Cópia arquivada em 5 de fevereiro de 2019 
  22. «São Paulo vira nos acréscimos e vence o Palmeiras na final da Copa RS Sub-20». GE. Consultado em 17 de dezembro de 2017. Cópia arquivada em 17 de dezembro de 2017 
  23. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa «Conquistas». Website oficial do São Paulo. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 6 de agosto de 2020 
  24. Renata Lutfi (2 de maio de 2017). «São Paulo é tricampeão da Copa Ouro Sub-20». Website oficial do São Paulo. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  25. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa ab ac ad ae af ag ah ai aj ak al am an ao ap aq Michael Serra (29 de dezembro de 2014). «Ranking histórico: Títulos das categorias de base». Website oficial do São Paulo. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 14 de agosto de 2020 
  26. «São Paulo marca no fim e conquista o título da Libertadores Sub-20». Terra. 14 de fevereiro de 2016. Consultado em 15 de fevereiro de 2016. Arquivado do original em 15 de fevereiro de 2016 
  27. a b c «São Paulo conquista o tri da Dallas Cup». Website oficial do São Paulo. 13 de abril de 2009. Consultado em 6 de outubro de 2018. Cópia arquivada em 6 de outubro de 2018 
  28. «Time sub-18 do São Paulo conquista torneio na China». GloboEsporte.com. 4 de agosto de 2013. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 8 de agosto de 2013 
  29. «São Paulo vence Atlético-PR de novo e é campeão». Website oficial da Confederação Brasileira de Futebol. 24 de novembro de 2015. Consultado em 3 de junho de 2018. Cópia arquivada em 24 de junho de 2018 
  30. Ana Luiza Rosa (8 de dezembro de 2016). «Tricolor é bicampeão da Copa do Brasil Sub-20». Website oficial do São Paulo. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 24 de fevereiro de 2020 
  31. «São Paulo atropela Corinthians e conquista o tri da Copa do Brasil sub-20». Portal iG. 2 de junho de 2018. Consultado em 23 de julho de 2018. Cópia arquivada em 2 de junho de 2018 
  32. «NOS PÊNALTIS, SÃO PAULO BATE O PALMEIRAS E FATURA A SUPERCOPA SUB-20». Website oficial da Confederação Brasileira de Futebol. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 28 de novembro de 2018 
  33. a b c Thales Calipo (25 de janeiro de 2010). «Goleiro brilha nos pênaltis, São Paulo é tri da Copinha e "alivia" sua base». Portal UOL. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 28 de outubro de 2020 
  34. «Goleiro do São Paulo salva, pega dois pênaltis do Vasco e garante o tetra da Copinha para o time». espn.com.br. 26 de janeiro de 2019. Consultado em 3 de fevereiro de 2019. Cópia arquivada em 3 de fevereiro de 2019 
  35. a b «Tricolor goleia o Palmeiras e é campeão da Taça BH sub-17». Gazeta Esportiva. 24 de julho de 2016. Consultado em 29 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 29 de setembro de 2017 
  36. «De virada, São Paulo bate Atlético-MG e conquista o título da Copa RS sub-20». GloboEsporte.com. 20 de dezembro de 2015. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 24 de dezembro de 2015 
  37. «São Paulo bate o Botafogo nos pênaltis e conquista o Bi da Copa RS». Gazeta Esportiva. 18 de dezembro de 2016. Consultado em 17 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 17 de setembro de 2017 
  38. «Com um a menos, São Paulo derrota o Palmeiras e conquista título sub-20 no RS». Futebolinterior.com.br. 17 de dezembro de 2017. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 28 de outubro de 2020 
  39. a b c d e f g «Todos os campeões - Paulista Sub-20». futebolpaulista.com.br. Consultado em 13 de abril de 2019. Arquivado do original em 14 de abril de 2019 
  40. «Sub-20: São Paulo faz três gols nos minutos finais e é campeão paulista». GE. 26 de novembro de 2011. Consultado em 30 de julho de 2018. Cópia arquivada em 23 de maio de 2015 
  41. «São Paulo goleia o Capivariano e conquista o título Paulista sub-20». Globo Esporte. 11 de dezembro de 2016. Consultado em 3 de fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 13 de dezembro de 2016 
  42. «Zagueiro de MS ajuda São Paulo a conquistar título da Copa Ouro sub-20». GloboEsporte.com. 14 de maio de 2015. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 3 de setembro de 2020 
  43. Renata Lutfi (17 de maio de 2016). «São Paulo é bicampeão da Copa Ouro Sub-20». Website oficial do São Paulo. Consultado em 28 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 24 de julho de 2017 
  44. «Time sub-20 do São Paulo vence o Guarani e conquista a Copa Ouro». Lance!. 2 de maio de 2017. Consultado em 3 de maio de 2017. Cópia arquivada em 26 de maio de 2018 
  45. «Atlético y River Plate, finalistas del Mundialito sub 17» (em espanhol). Marca. 31 de maio de 2013. Consultado em 4 de julho de 2014. Arquivado do original em 12 de junho de 2018 
  46. «Sporting Cristal: Sub 17 jugará el Mundial de Clubes por segundo año consecutivo» (em espanhol). Depor.pe. 9 de maio de 2014. Consultado em 4 de julho de 2014. Arquivado do original em 4 de julho de 2014 
  47. Ana Luiza Rosa (24 de maio de 2017). «Três vezes campeã: base #MadeInCotia leva tudo no Catar». Website oficial do São Paulo. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 16 de novembro de 2017 
  48. «Já campeão do Desafio Pelé, São Paulo bate o Sheffield FC». esporte.uol.com.br. 8 de novembro de 2007. Consultado em 9 de outubro de 2018. Arquivado do original em 10 de novembro de 2007 
  49. «Sub-17 do São Paulo é campeão no Japão». globoesporte.globo.com. 17 de setembro de 2018. Consultado em 22 de setembro de 2018. Arquivado do original em 22 de setembro de 2018 
  50. Lee Young Ho (17 de setembro de 2018). «매탄고 축구부, 2018 J리그 U-17 챌린지컵 준우승» (em coreano). MSN.com. Consultado em 22 de setembro de 2018. Arquivado do original em 22 de setembro de 2018 
  51. Ana Luiza Rosa (14 de julho de 2011). «Campeão! Sub-17 supera o Santos e vence a Copa 2 de Julho». Website oficial do São Paulo. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 4 de março de 2016 
  52. Ana Luiza Rosa (1 de setembro de 2013). «Campeão! Tricolor vence o Flamengo e conquista a Copa do Brasil Sub-17». Website oficial do São Paulo. Consultado em 29 de setembro de 2017. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  53. «Com gol de pênalti aos 50, São Paulo vira sobre o Fluminense e é campeão da Copa do Brasil Sub-17». Lance!: lance.com.br. 29 de janeiro de 2021. Consultado em 21 de março de 2021. Cópia arquivada em 1 de fevereiro de 2021 
  54. «Nos pênaltis, São Paulo vence o Fluminense e conquista Supercopa do Brasil sub-17». Lance!. 10 de fevereiro de 2021. Consultado em 12 de fevereiro de 2021. Cópia arquivada em 11 de fevereiro de 2021 
  55. a b c Ana Luiza Rosa (13 de agosto de 2017). «Tricolor é bicampeão da Salvador Cup». Website oficial do São Paulo. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 11 de abril de 2019 
  56. a b c Ana Luiza Rosa (3 de fevereiro de 2019). «Sub-17 vence o Red Bull Sallzburg e leva o bicampeonato da FAM Cup». saopaulofc.net. Consultado em 3 de fevereiro de 2019. Cópia arquivada em 3 de fevereiro de 2019 
  57. Ana Luiza Rosa (20 de novembro de 2019). «São Paulo supera o Palmeiras e leva o título paulista Sub-17». Website oficial do São Paulo. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 11 de agosto de 2020 
  58. «Com artilheiro e melhor jogador, Tricolor ganha título sub-17 no Japão». Lance!. 17 de setembro de 2018. Consultado em 22 de setembro de 2018. Cópia arquivada em 18 de setembro de 2018 
  59. «São Paulo derrota o Fla e é o primeiro campeão da Copa do Brasil Sub-17». GloboEsporte.com. 1 de setembro de 2013. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 29 de setembro de 2017 
  60. «Com gol nos acréscimos, São Paulo vira sobre o Fluminense e conquista Copa do Brasil sub-17». Portal UOL: uol.com.br. 29 de janeiro de 2021. Consultado em 21 de março de 2021. Cópia arquivada em 21 de março de 2021 
  61. «São Paulo bate Fluminense nos pênaltis e é campeão da Supercopa Sub-17». Olimpiadatododia.com.br. 10 de fevereiro de 2021. Consultado em 12 de fevereiro de 2021. Cópia arquivada em 12 de fevereiro de 2021 
  62. «Sub-17: São Paulo goleia Palmeiras e é campeão da Taça BH». Espn.com.br. 24 de julho de 2016. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 31 de outubro de 2020 
  63. «São Paulo conquista Taça BH Sub-17». Website oficial da Confederação Brasileira de Futebol. 31 de julho de 2017. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 31 de outubro de 2020 
  64. Ana Luiza Rosa (14 de julho de 2011). «Campeão! Sub-17 supera o Santos e vence a Copa 2 de Julho». Website oficial do São Paulo. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 4 de março de 2016 
  65. a b Renata Lutfi (26 de novembro de 2016). «São Paulo é campeão pela vigésima vez do Campeonato Paulista Sub-17». Website oficial do São Paulo. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 25 de julho de 2017 
  66. «São Paulo é campeão paulista sub-17». Portalmorada.com.br. 20 de novembro de 2019. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 31 de outubro de 2020 
  67. Renata Lutfi (20 de abril de 2016). «São Paulo é campeão da Copa Ouro Sub-17». Website oficial do São Paulo. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 7 de maio de 2018 
  68. Ana Luiza Rosa (12 de abril de 2017). «Tricolor vence o Flamengo-SP e leva o bicampeonato da Copa Ouro». Website oficial do São Paulo. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 7 de fevereiro de 2018 
  69. a b Ana Luiza Rosa (3 de dezembro de 2018). «Time Sub-16 é bicampeão da Paulista Cup». Website oficial do São Paulo. Consultado em 31 de outubro de 2020. Cópia arquivada em 31 de outubro de 2020 
  70. a b c d e f g h i j k l m «Conquistas». Website oficial do São Paulo. Consultado em 2 de outubro de 2019 
  71. «História do Futsal». São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 13 de setembro de 2021 
  72. «Futsal do São Paulo FC firma parceria com o ECUS». São Paulo Futebol Clube (oficial). 2 de abril de 2009. Consultado em 13 de setembro de 2021 
  73. a b c d e f «Grandes Clubes Brasileiros - São Paulo» (periódico) (2). São Paulo  Parâmetro desconhecido |aspas= ignorado (ajuda)
  74. a b SERRA, Michael (31 de dezembro de 2009). «2 dos 3 brasileiros bicampeões da mais tradicional prova brasileira corriam pelo Tricolor» (em português). São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 31 de dezembro de 2009 
  75. «Atletismo no SPFC» (em português). São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 4 de maio de 2009 
  76. «Nossa história - Esportes amadores - Basquete». Tricolormania. Consultado em 13 de setembro de 2021 
  77. http://www.nikkeyweb.com.br/sites/fpbs/internas.php?menu=234&interna=96480
  78. «Aeróbica». São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 13 de setembro de 2021 
  79. «Golfe». Portão 7 (oficial). Consultado em 13 de setembro de 2021 
  80. «Handebol». São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 13 de setembro de 2021 
  81. «Nossa história - Esportes amadores - Hóquei no SPFC». Tricolormania. Consultado em 13 de setembro de 2021 
  82. «Nossa história - Esportes amadores - Judô no SPFC». Tricolormania. Consultado em 13 de setembro de 2021 
  83. «Natação». São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 13 de setembro de 2021 
  84. «A Patinação no SPFC». São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 13 de setembro de 2021 
  85. «Nossa história - Esportes amadores - Boxe». Tricolormania. Consultado em 13 de setembro de 2021 
  86. Agência Estado (6 de agosto de 2002). «Popó pode lutar no Morumbi». Jornal Todo Dia. Consultado em 13 de setembro de 2021 
  87. Agência Estado (6 de agosto de 2002). «Popó pode lutar no estádio do Morumbi». Jornal Vale Paraibano. Consultado em 13 de setembro de 2021 [ligação inativa]
  88. «O Tênis no SPFC». São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 13 de setembro de 2021 
  89. «O Vôlei no SPFC». São Paulo Futebol Clube (oficial). Consultado em 13 de setembro de 2021 

Ligações externasEditar


Erro de citação: Existem etiquetas <ref> para um grupo chamado "lower-alpha", mas não foi encontrada nenhuma etiqueta <references group="lower-alpha"/> correspondente