Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde maio de 2019). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Tarituba ao entardecer vista do riacho.jpg
Tarituba praia.jpg

Bairro e 3º distrito da cidade de Paraty (Rio de Janeiro).

Antiga fazenda do século XVIII. Possui hoje aproximadamente 900 habitantes, do qual a maioria vive da pesca e do turismo. Seu nome é proveniente do tupi-guarani, e significa praia de muitas conchas.

Possui apenas duas praias: Tarituba e Taritubinha que já foram cenários de obras teledramatúrgicas, tanto no cinema, quanto na TV. Até o início do século XIX, a praia menor, Taritubinha, abrigou o Cartório 2º Ofício de Notas de Paraty, onde muitos casamentos foram registrados, porém com a decadência da pequena localidade, a praia maior, Tarituba, a partir daí tem então expressivo aumento de loteamentos e população, que antes era mais substancial, curiosamente, em Taritubinha. Os caiçaras de tarituba, o tipo tradicional local, é descendente de colonizadores portugueses, navegadores e corsários franceses, muito comuns na região no período histórico de dois séculos atrás. O nome de sua principal avenida deriva do sobrenome dos descendentes de José Anacleto de Bulhões, mercador navegante português que na primeira metade do século XIX adquiriu a fazenda, e quem propiciou que a história do lugar fosse alterada para sempre, ensejando uma lenta ocupação como uma pequena vila, e doravante, não mais como uma simples fazenda.

A novela Mulheres de Areia (1993) e o filme O Rei dos Milagres (1977), foram parcialmente filmados nestas praias. Possui apenas uma escola (1ª a 4ª série), uma única avenida, e a rodovia Rio-Santos.

Tarituba possui um mini porto para embarcações pequenas e médias como lanchas, escunas e traineiras. Tem uma praia maravilhosa, peixaria, mini mercado, um centro cultural e um campo de futebol gramado.

Oferece também passeios de barcos nas ilhas próximas, a mais conhecida é a ilha do Pelado. Na verdade, Ilhas Pelada Grande e Pequena, pois até a primeira metade do século passado eram roçados para agricultura de subsistência local.

Pousadas com boa estrutura, restaurantes, quiosques, sorveteria e um Camping equipado com banheiros limpos e muito seguro.Sua história remonta ao século XVIII segundo se tem notícia, como uma fazenda. Antigamente até as ilhas do seu entorno eram habitadas.