Abrir menu principal

Tecnologias avançadas são as altas tecnologias. Alguns exemplos de tecnologias avançadas são: Genética, Supercomputador,Fibra óptica, Nanotecnologia, Biotecnologia, Microtecnologia, Fusão nuclear, Armas nucleares(Bomba Nuclear), Armas químicas, Robótica, Hidráulica, [Tecnologia Quântica], Pneumática, Engenharia molecular, Nanotecnologia, Reator nuclear, Energia nuclear, Fusão nuclear, Raios X, Automação industrial etc.[1][2][3][4][5]

Índice

Resumos de algumas Tecnologias AvançadasEditar

  • Supercomputador é um computador que possui uma altíssima velocidade de processamento e grande altíssima capacidade de memória. Uma de suas aplicações é em áreas de pesquisa que necessitam de uma enorme quantidade de processamento, como pesquisas científica, química, militares, medicina etc. Os supercomputadores são utilizadors para resolver cálculos dificílimos e tarefas intensivas, como problemas de física quântica, meteorologia, mecânica, modelagem molecular, simulações físicas,simulação da detonação de armas nucleares e investigação sobre a fusão nuclear.[6] A criação dos primeiros supercomputadores foi dada na década de 1960 por Seymour Cray.Seymour Cray que fundou sua própria empresa, a Cray Research, em 1970 e conseguiu dominar o mercado da supercomputação durante 25 anos (1965-1990).[7] Vale apena citar um supercomputador que ficou famoso pelas suas dimensões, montado pela Universidade de Illinois em conjunto com a Burroughs Corporation o ILLIAC IV, na década de 70. Hoje os supercomputadores são fabricados por empresas como SUPERMICRO, NEC, SUN (esta foi comprada pela Oracle em 2010), IBM, HP, Apple Inc., e etc. A lista atualizada dos 500 sistemas computacionais mais poderosos conhecidos pode ser obtida em top500.org.[8]
  • Robótica é tecnológico e um ramo educacional que envolve robôs ,computação e computadores, que trata de sistemas compostos por partes mecânicas automáticas e controladas por circuitos integrados, tornando sistemas mecânicos motorizados, controlados manualmente ou automaticamente por circuitos eléctricos. Os robôs são máquinaas, são uma imitação direcionada as pessoas (Seres Vivos), são fios unidos e mecanismos, isso tudo junto concebe um robô.[9] A cada dia que se passa os robôs têm sido mais utilizados pelos humanos, para realizar tarefas. Busca-se em um futuro breve que tudo possa ser controlado por robôs. É bem verdade que algumas coisas já podem ser sim controlados por eles. Ainda não era a tecnologia "Robótica" que estava operando, mas a Revolução Industrial que foi a transição para novos processos de manufatura no período entre 1760 a algum momento entre 1820 e 1840, e que incluiu a transição de métodos de produção artesanais para a produção por máquinas, a fabricação de novos produtos químicos, novos processos de produção de ferro, maior eficiência da energia da água, o uso crescente da energia a vapor e o desenvolvimento das máquinas-ferramentas, além da substituição da madeira e de outros biocombustíveis pelo carvão, tendo início na Inglaterra e em poucas décadas se espalhou para a Europa Ocidental e os Estados Unidos, já era o começo da revolução tecnológica que transformaria as máquinas em trabalhadores, tentando substituir homem por máquinas (para evitar esforços e ganhar lucros). A robótica hoje é adaptada por muitas indústrias e fábricas, tem conseguido êxito em questões de aumento de produtividade e redução de custos. A palavra robô, derivada deste robot/roboti (singular/plural) tem como raiz a palavra Checa robota, a qual significa "trabalho forçado, servidão" e tem como uma de suas derivações a palavra rabu, que significa "escravo".[10]
  • Armas nucleares, como exemplo temos a bomba atômica (pt-BR) ou atómica (pt), é um dispositivo explosivo que deriva sua força destrutiva das reações nucleares, tanto de fissão ou de uma combinação de fissão e fusão. Qualquer uma dessa reações citadas acima a partir de quantidades relativamente pequenas de matéria liberam grandes quantidades de energia. O início da Era Nuclear foi marcado pelo primeiro teste de bomba de fissão ("atômica"), teste que se chamou Trinity e que liberou a mesma quantidade de energia de cerca de 20 mil toneladas de TNT. O foco da política de relações internacionais desde o seu início tem sido o controle do uso das armas nucleares, pois essas são consideradas armas de destruição em massa. Pode-se citar também o primeiro teste de uma bomba termonuclear ("hidrogênio"), esse liberou uma quantidade de energia de cerca de 10 milhões de toneladas de TNT. As armas nucleares são muito poderosas e também muito perigosas. Mesmo um dispositivo nuclear pequeno, ou seja, não muito maior do que bombas tradicionais, pode destruir inteiramente uma cidade, através de incêndios e radiação subsequentes e gigantesca explosão. Como exemplo, tem-se a arma termonuclear moderna, que pode produzir uma força explosiva que detona mais de 1,2 milhão de toneladas de TNTs, se a mesma pesar pouco mais de 1,1 kilogramas [11] Especificamente as bombas nucleares B83, com 1,2 megatons.</ref> Apenas duas armas nucleares foram utilizadas durante uma guerra: quando os Estados Unidos bombardearam duas cidades japonesas no fim da Segunda Guerra Mundial. Um fato que marcou muito foi a detonação de uma bomba de fissão de urânio, o codinome dela era "Little Boy", em 6 de agosto de 1945, sobre Hiroshima(uma cidade do Japão). E apenas 3 dias após esse fato devastador, um outro tipo de bomba, essa de fissão plutônio foi explodida sobre a cidade de Nagasaki e o codinome dela era "[Fat Man]". Constatou-se a morte de aproximadamente 200.000 pessoas, em decorrer dos ferimentos das explosões e também da radiação.[12] Isso só são alguns dos fatos que ocorreram.
  • Biotecnologia é a baseada na biologia, principalmente quando quando essa tecnologia é utilizada na medicina, ciência dos alimentos e agricultura.

essa é a definição da Convenção sobre Diversidade Biológica da ONU [13] A biotecnologia tem aplicações em saúde (médica), ambiental, agrícola, industrial etc , se referindo também e principalmente a estudos e uso de organismos para o desenvolver de produtos, como por exemplo a insulina e a cerveja. Os vários ramos da biotecnologia tem a sua classificação através de um código de cor relacionado muitas vezes ao tema abordado. Cita-se abaixo apenas alguns(Não todos):

Biotecnologia azul ou marinha: por lembrar a cor do mar, tem sido utilizada para descrever aplicações marinhas e aquáticas, ex: busca e identificação de moléculas em algas marinhas para o tratamento de doenças, com a AIDS;

Biotecnologia verde ou agrícola: tem a cor da maioria das plantas e está relacionada aos processos agrícolas. Ex: o desenvolvimento de plantas transgênicas as quais crescem em ambientes específicos, com ou sem produtos químicos. Essa biotecnologia tem como alvo principal a produção de soluções para questões agrícolas mais sustentáveis e que não degradem tanto o ser-humano e também o meio ambiente, quando comparada a agricultura industrial tradicional;

Biotecnologia vermelha: tem relação com a cor do sangue e está relacionada aos processos de saúde e também médicos, como por exemplo o desenho de moléculas como a insulina e também de organismos capazes de produzir antibióticos ou, e a engenharia de tratamentos genéticos através de manipulação genética;

Biotecnologia laranja ou educacional: tem como objetivo espalhar a biotecnologia e também a formação nesta área. Esta biotecnologia desenvolve estratégias educacionais e materiais com o objetivo de proporcionar o acesso as informações sobre temas de biotecnologia, como por exemplo desenho de organismos produtores de antibióticos, para a sociedade como um todo,ou seja também para pessoas com deficiência podendo ser essa auditiva e/ou visual.E ela busca identificar e estimular pessoas com vocação científica e altas habilidades para aprender ou se já sabe, aprofundar-se ainda mais na área de biotecnologia.[14]

  • Tecnologia quântica' campo da engenharia e da física, que é recente. Que dispõe as características do tunelamento quântico, criptografia quântica, simulação quântica, entrelaçamento quântico, computação quântica, sensor quântico, imagem quântica e a metrologia quântica. Esse campo tão impressionante da tecnologia quântica foi descrito no livro de Gerard J. Milburn,[15] em 1997. A computação quântica tem sido uma enorme ajudadora para a tecnologia quântica, pois é dela que vem as ideias que a fundamentam. A busca incessante por um computador quântico e por tabela da teoria da informação quântica tem juntado áreas como a ótica quântica, a ótica atômica, a eletrônica quântica e os dispositivos quânticos não-mecânicos foram unificadas.
  • Fibra óptica fabricada a partir do vidro ou plástico extrudido, é um transparente e flexível filamento. A fibra óptica é utilizada como um condutor de altíssimo rendimento de luz, impulsos codificados ou imagens. A fibra óptica é de grande importância , pois ela é um material que não sofre interferências eletromagnéticas. O diâmetro dela é de alguns micrómetros.[16]

Existe a fibra óptica monomodo, que é a mais usada em transmissão a longas distâncias, pois ela possui baixas perdas de informação, e ela também é a que tem um caminho possível de propagação. E além dessa, existe também a fibra multimodo, cujo custo é moderado e que possui diversos modos de propagação da luz e é a mais usada em redes locais(LAN).[17] Antes as fibras ópticas eram usadas como guias de transmissão de sinais ópticos, apresentavam perda de luz durante a transmissão e alto calor(que os lasers geravam) e operavam entre distâncias que possuíam um certo limite. Foi com o aprimoramento das técnicas ópticas que tornou-se possível a troca de informações a longas distâncias. Isso ocorreu na década de 70. Em 1977, após longas pesquisas, a fibra óptica foi introduzida no Brasil. Muitas dessas pesquisas foi a Unicamp que as realizou.[18]

Ver tambémEditar

Referências

  1. "Atomic Power for Europe", The New York Times, February 4, 1958, p. 17.
  2. Lieberman, Benry R. "Technology: Alchemist Of Route 128; Boston's 'Golden Semicircle'" The New York Times, January 8, 1968, p. 139.
  3. Metz, Robert (1969). "Market Place: Collins Versus The Middle Man", The New York Times, April 24, 1969, p. 64.
  4. Metz, Robert (1969). "Market Place: Keeping an Eye On Big Trends", The New York Times, November 4, 1969, p. 64.
  5. Metz, Robert (1971). "Market Place: So What Made E.D.S. Plunge?", The New York Times, November 11, 1971, p. 72.
  6. O que é um supercomputador?
  7. «Arquitetura dos Supercomputadores» (PDF). Consultado em 7 de dezembro de 2016. Arquivado do original (PDF) em 3 de março de 2016 
  8. Supercomputadores
  9. «robotics». Oxford University (em inglês). Oxford Dictionaries. Consultado em 23 de agosto de 2012 
  10. «Where Does the Word Robot Come From?». Today I Found Out (em inglês). 11 de maio de 2012. Consultado em 7 de dezembro de 2016 
  11. Especificamente as bombas nucleares B83, com 1,2 megatons.
  12. «Frequently Asked Questions #1». Radiation Effects Research Foundation. Consultado em 7 de dezembro de 2016. Arquivado do original em 19 de setembro de 2007. total number of deaths is not known precisely ... acute (within two to four months) deaths ... Hiroshima ... 90,000-166,000 ... Nagasaki ... 60,000-80,000 
  13. "Convenção sobre Diversidade Biológica (Artigo 2. Utilização de Termos)." Nações Unidas. 1992. Recuperado em 07 de Dezembro de 2016.
  14. «Los Colores de la Biotecnología». Biotecnología Sí. Consultado em 7 de dezembro de 2016 
  15. Schrödinger's Machines Arquivado em 30 de agosto de 2007, no Wayback Machine., G.J.Milburn, W H Freeman & Co. (1997)
  16. Infopédia, Enciclopédia de Língua Portuguesa da Porto Editora. «Fibra ótica». Consultado em 7 de dezembro de 2016. Arquivado do original em 10 de setembro de 2014 
  17. Carvalho, Marcos de Castro. «Redes de Bragg em Fibras Ópticas Poliméricas (FOP)» (PDF). Consultado em 7 de dezembro de 2016 
  18. «Unicamp - Sala de Imprensa». www.unicamp.br. Consultado em 7 de dezembro de 2016 

Ligações externas em relação a tecnologia quânticaEditar