Abrir menu principal

Ted Gaz, nome artístico de Fabio Gasparini (São Paulo, 30 de janeiro de 1953), é um multi-instrumentista, produtor musical, empresário e compositor brasileiro. Na década de 1980, foi guitarrista da banda Magazine. Seu nome também é ligado às bandas Sunday, Mona, Scaladacida e Joelho de Porco, entre outras.

BiografiaEditar

Seu primeiro contato com a música foi aos setes anos, quando sua mãe comprou um violão. Aos dez anos lhe comprou sua primeira guitarra e logo formou a banda The Skeletons que se tornaria Os Abrasivos, junto ao baterista e depois cantor Prospero Albanese (Joelho de Porco) e o baixista Gerson Tatini (Moto Perpétuo). 

O nome "Joelho de Porco" foi sugerido por Fabio Gasparini [1] durante uma apresentação do grupo (que tinha sido então recém criado pelo músico João Paulo de Almeida) em um Festival do colégio Rio Branco (São Paulo) em 1969. O grupo consistia de João Paulo de Almeida (vocais), Fabio Gasparini (guitarra), Gerson Tatini (baixo) e Prospero Albanese (bateria). A banda Joelho de Porco no entanto em sua formação conhecida pelo público surgiu em 1972.[2]

Em 1970 junto a Prospero Albanese e os irmãos Pedro e Albino Infantozzi formou a banda de hard rock Mona.[3]

Já em 1971 se juntou a já existente banda Sunday (banda) que lançara o hit "I'm Gonna Get Married", tema da novela Super Plá na Rede Tupi de Televisão.[4] No mesmo ano a banda Sunday foi convidada para estrelar seu próprio programa de televisão Sunday É Sábado na TV Bandeirantes , dirigido por Brancato Junior e com participação especial do ator e humorista Ankito .[5]

Em 1972 formou a banda Scaladacida junto ao cantor inglês e flautista Ritchie, Sergio Kaffa Sznelwar (baixo e piano) e Azael Rodrigues (bateria e percussão), que durou até meados de 1974.[6]

Após um período dedicado aos estudos nas faculdades FIAM e ECA-USP, além de cursar violoncelo e teoria musical na Fundação das Artes de São Caetano do Sul, Fabio volta à cena musical como produtor na Continental Discos em 1979 onde conhece Kid Vinil e Trinkão que o convidam para participar da banda que viraria a famosa Magazine em 1982. Três meses depois a banda assina contrato com a WEA (atual Warner Music), lançando seu primeiro compacto "Sou Boy" coproduzido por Fabio em março de 1983.[7] O single vira hit nacional e projeta o grupo à fama. Entre outros sucessos da banda se encontram o hit "Tic Tic Nervoso" e o tema de abertura da novela A Gata Comeu da Rede Globo, "Comeu".

Após Kid Vinil deixar a banda para seguir carreira solo a banda Magazine assina contrato com a Continental Discos e lança seu último EP "Solte Meu Nariz"/"Nellie, o Elefante" com participação do cantor e guitarrista Pedrinho Costa. Ao final de 1986 a banda encerra suas atividades para apenas fazer reuniões esporádicas com shows e apresentações de televisão durante a década de 90 e nos anos 2000. Em 2016 o grupo volta à ativa fazendo turnês pelo Brasil até o falecimento de Kid Vinil em 2017.[8]

Após o término da banda Magazine em 1986, Fabio segue como produtor, arranjador e compositor, produzindo músicas de sucesso. Uma das mais conhecidas sendo a versão internacional da música tema de abertura da novela O Clone, "All for Love" interpretado por Michael Bolton e com direção de Hélio Costa Manso. Fabio também é mencionado nos livros "Heróis da Guitarra Brasileira: Literatura Brasileira"[9] de Leandro Solto Maior e Ricardo Schott, "A Divina Comédia dos Mutantes" de Carlos Calado [10] e é autor do prefácio e personagem do livro fotográfico "A Hora e a Vez" de Leila Lisboa Sznelwar.[11]

Vida PessoalEditar

É irmão mais velho do também músico Ricardo Gaspa, ex-integrante da banda Ira![12]

DiscografiaEditar

Banda SundayEditar

  • 1971 - Sit Down/I've Been A Bad Bad Boy/Children of My Mind/I'm Unhappy In This World AUDIO
  • 2000 - Celebration 2000 - DVD

Banda MagazineEditar

Referências

  1. Queiroz Pinheiro, Ricardo (18 de julho de 2012). «"Hoje é o passado do futuro" (Joelho de Porco)». Jornal GGN 
  2. «"Queriam a banda no hospício", diz diretor de filme do Joelho de Porco - R7 Diversão - R7 Pop». diversao.r7.com. Consultado em 24 de novembro de 2017 
  3. Maior, Leandro Souto; Schott, Ricardo (2014). HERÓIS DA GUITARRA BRASILEIRA: Literatura musical. [S.l.]: Irmãos Vitale. ISBN 9788574074283 
  4. Campos, Fernando Carneiro De (5 de maio de 2009). Hits Brasil. [S.l.]: Clube de Autores 
  5. Campos, Fernando Carneiro De (5 de maio de 2009). Hits Brasil. [S.l.]: Clube de Autores 
  6. «RITCHIE :: BIOGRAFIA :: Os Brasileiros». www.ritchie.com.br. Consultado em 24 de novembro de 2017 
  7. Alexandre, Ricardo (26 de junho de 2017). Dias de Luta: O rock e o Brasil dos anos 80. [S.l.]: Arquipelago Editorial Ltda. ISBN 9788560171415 
  8. «Kid Vinil sobre volta da Magazine: 'Nunca é tarde para se estar na ativa'». Ego 
  9. Maior, Leandro Souto; Schott, Ricardo (2014). HERÓIS DA GUITARRA BRASILEIRA: Literatura musical. [S.l.]: Irmãos Vitale. ISBN 9788574074283 
  10. «Editora 34». www.editora34.com.br. Consultado em 24 de novembro de 2017 
  11. «Os Mutantes se reencontram nas páginas de "A Hora e a Vez"». Metrópoles. Consultado em 24 de novembro de 2017 
  12. Alexandre, Ricardo (26 de junho de 2017). Dias de Luta: O rock e o Brasil dos anos 80. [S.l.]: Arquipelago Editorial Ltda. ISBN 9788560171415 
  Este artigo sobre uma banda ou grupo musical é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.