Temporada da NBA de 1994–95

A Temporada da NBA de 1994-95 foi a 49º temporada da National Basketball Association. A temporada terminou com o Houston Rockets derrotando o Orlando Magic 4 jogos a 0 nas Finais da NBA, sendo coroado campeões.[1]

Temporada da NBA de 1994–95
Campeonato National Basketball Association
Esporte Basquete
Duração 4 de novembro, 1994 – 23 de abril, 1995
27 de abril, 1995 – 4 de junho, 1995 (Playoffs)
7 de junho, 1995 – 14 de junho, 1995 (Finais)
Número de times 27
Parceiro(s) de TV NBC, TNT, TBS
Draft
Primeira escolha Glenn Robinson
Escolhido por Milwaukee Bucks
Temporada regular
Primeiro lugar San Antonio Spurs
MVP David Robinson (San Antonio Spurs)
Cestinha Shaquille O'Neal (Orlando Magic)
Playoffs
Camp. Leste Orlando Magic
  Vice-camp. Indiana Pacers
Camp. Oeste Houston Rockets
  Vice-camp. San Antonio Spurs
Finais da NBA
Campeão
Finais da NBA
Houston Rockets (2º título)
  Vice-campeão Orlando Magic
MVP das finais Hakeem Olajuwon (Houston Rockets)
Temporadas da NBA


Temporadas da NBA
2018-19
2015-162016-172017-18
2014-152013-142012-13
2011-122010-112009-10
2008-092007-082006-07
2005-062004-052003-04
2002-032001-022000-01
1999-001998-991997-98
1996-971995-961994-95
1993-941992-931991-92
1990-911989-901988-89
1987-881986-871985-86
1984-851983-841982-83
1981-821980-811979-80
1978-791977-781976-77
1975-761974-751973-74
1972-731971-721970-71
1969-701969-701967-68
1966-671965-661964-65
1963-641962-631961-62
1960-611959-601958-59
1957-581956-571955-56
1954-551953-541952-53
1951-521950-511949-50
1948-491947-481946-47
Ver também
Fontes

EventosEditar

  • O Houston Rockets se tornou o time com a menor classificação a vencer as finais da NBA, vencendo com a sexta colocação na Conferência Oeste. O Rockets também se tornou o primeiro time a derrotar quatro oponentes que tiveram 50 ou mais vitórias a caminho do título (Utah, Phoenix, San Antonio e Orlando); a única outra equipe a realizar essa façanha foi o Los Angeles Lakers de 2000-01.[2]
  • O jogo All-Star da NBA de 1995 foi disputado na America West Arena (agora conhecida como Talking Stick Resort Arena) em Phoenix, Arizona, com o Oeste derrotando o Leste por 139-112. Mitch Richmond do Sacramento Kings foi nomeado o MVP (Jogador Mais Valioso) do jogo.
  • No meio da temporada, Michael Jordan voltou ao Chicago Bulls depois de uma tentativa de seguir carreira na liga secundária. Seu anúncio consistiu em um fax de duas palavras: "Estou de volta". Como o Bulls já havia aposentado seu número 23, ele voltou com o número 45. No entanto, ele voltou a mudar para 23 durante os playoffs.[3]
  • Uma era chegou ao fim quando o Boston Celtics jogou sua última temporada no histórico Boston Garden.[4]
  • O Portland Trail Blazers jogou sua última temporada no Memorial Coliseum (renomeado como Veterans Memorial Coliseum em 2012). Eles sediariam um jogo de pré-temporada no Coliseum em 2009.
  • O Chicago Bulls jogou sua primeira partida no United Center.
  • O Cleveland Cavaliers jogou seu primeiro jogo na Gund Arena (agora conhecido como Rocket Mortgage FieldHouse).
  • Devido a extensas reformas no Seattle Center Coliseum (renomeado como KeyArena após a temporada), o Seattle SuperSonics jogou em casa no Tacoma Dome, nas proximidades de Tacoma, Washington.
  • Grant Hill se tornou o primeiro novato nos esportes profissionais a liderar a votação dos fãs para o jogo All-Star da NBA.
  • O Orlando Magic se tornou a primeira das quatro franquias de expansão do final dos anos 1980 a chegar às finais da NBA. Eles foram varridos em quatro jogos seguidos pelo atual campeão Houston Rockets.[5]
  • Lenny Wilkens ultrapassou Red Auerbach para se tornar o líder de todos os tempos da NBA em vitórias, que duraram 15 anos.
  • Moses Malone, o único ex-jogador ativo do ABA, anunciou sua aposentadoria após 19 temporadas da NBA. Malone, que chegou ao nível profissional sem qualquer experiência no basquete universitário, aposentou-se bem a tempo de uma nova geração de estrelas da preparação para o profissional como Kevin Garnett e Kobe Bryant entrarem em cena.[6]
  • Em um esforço para aumentar a pontuação, o comitê de competição da NBA votou para encurtar a linha de gol de campo de três pontos para um uniforme de 22 pés em torno da cesta começando esta temporada e durando até a temporada 1996-97 da NBA. O ala do Orlando Magic, Dennis Scott, estabeleceu um recorde de uma única temporada para a maior quantidade de cestas de três pontos marcadas com 267 durante a temporada da NBA de 1995-96[7] (mais tarde superado por Stephen Curry, que marcou 402 três pontos na temporada 2015-16 da NBA[8]). A NBA voltaria a seus parâmetros originais do arco de três pontos de 23 pés e 9 polegadas (22 pés nas curvas) no início da temporada de 1997-98 da NBA.[9]
  • A série de finais da Conferência Oeste entre San Antonio Spurs e Houston Rockets foi notável pela falta de sucesso da equipe da casa. O time da casa perdeu cada um dos primeiros 5 jogos da série, com o Rockets finalmente se destacando com uma vitória em casa no jogo 6.
  • O Miami Heat fez duas negociações que chocaram a imprensa. O primeiro foi 2 dias antes da temporada, quando Miami trocou Rony Seikaly com o Golden State Warriors por Billy Owens e Sasha Danilovic. Em seguida, 2 jogos na temporada após um jogo contra o Phoenix Suns, Miami trocou Grant Long, Steve Smith e uma escolha de primeira rodada de 1996 para o Atlanta Hawks por Kevin Willis e uma escolha de primeira rodada de 1996. A última troca foi tão unilateral (Miami não conseguiu se classificar para os playoffs enquanto Atlanta se tornou uma potência no Leste) que foi creditado por estimular o Heat a tomar sua maior decisão na história da franquia: contratar Pat Riley para ser seu treinador e executivo de topo.
  • No último jogo da temporada regular para ambas as equipes, o Denver Nuggets derrotou o Sacramento Kings para obter a oitava e última vaga no playoff da Conferência Oeste. Se os Kings tivessem vencido, eles teriam se classificado em seu lugar. Eles haviam perdido os playoffs por nove temporadas consecutivas. Quanto ao Nuggets, esta foi sua última aparição na pós-temporada até 2004.
  • Pela primeira vez desde a temporada de 1971-72, a liga trouxe a primeira onda de camisas terciárias. O Atlanta Hawks, o Charlotte Hornets, o Detroit Pistons, o Orlando Magic, o Phoenix Suns e o Sacramento Kings lançaram novos uniformes alternativos para a temporada.
  • O Los Angeles Lakers aposentou a camisa 42 de James Worthy em dezembro e o Boston Celtics aposentou a camisa 35 de Reggie Lewis, a última temporada em que ambas as equipes aposentaram a camisa até 2017-18.[10][11]
  • Em 5 de novembro de 1994, o primeiro jogo em casa da temporada do San Antonio Spurs, contra o Golden State Warriors, foi adiada por 50 minutos porque os fogos de artifício antes do jogo acionaram um canhão de água que jogou água em fãs, jogadores e treinadores por quatro minutos antes de ser desligado.[12]
Mudanças de treinadores
Pré-temporada
Time Técnico em 1993–94 Técnico em 1994–95
Dallas Mavericks Quinn Buckner Dick Motta
Los Angeles Clippers Bob Weiss Bill Fitch
Los Angeles Lakers Magic Johnson Del Harris
Minnesota Timberwolves Sidney Lowe Bill Blair
New Jersey Nets Chuck Daly Butch Beard
Philadelphia 76ers Fred Carter John Lucas
Portland Trail Blazers Rick Adelman P.J. Carlesimo
San Antonio Spurs John Lucas Bob Hill
Washington Bullets Wes Unseld Jim Lynam
Na temporada
Team Técnico demitido Técnico contratado
Denver Nuggets Dan Issel Gene Littles
Gene Littles Bernie Bickerstaff
Golden State Warriors Don Nelson Bob Lanier
Miami Heat Kevin Loughery Alvin Gentry

Mudanças na NBAEditar

  • O Atlanta Hawks adicionou novos uniformes alternativos pretos.
  • O Charlotte Hornets adicionou novos uniformes alternativos roxos.
  • O Chicago Bulls mudou-se para o United Center.
  • Os Cleveland Cavaliers mudaram seu logotipo e uniformes, substituindo suas cores azul e laranja por azul claro e preto. Eles também se mudaram para a Arena Gund.
  • O Detroit Pistons adicionou novos uniformes alternativos vermelhos.
  • O Orlando Magic mudou seus uniformes de estrada para camisetas azuis, enquanto seus uniformes pretos primários tornaram-se camisetas alternativas.
  • O Philadelphia 76ers mudou seus uniformes.
  • O Phoenix Suns adicionou novos uniformes alternativos pretos.
  • O Sacramento Kings mudou seu logotipo e uniformes, substituindo suas cores azul e vermelho por roxo e preto. Eles também adicionaram novos uniformes alternativos metade preto e metade roxo.
  • O Seattle SuperSonics mudou-se para o Tacoma Dome para a temporada, devido a reformas no Seattle Center Coliseum.

ClassificaçãoEditar

Por divisãoEditar

Divisão do Atlântico V D PCT JA Casa Fora Div.
y - Orlando Magic 57 25 .695 39–2 18–23 18–10
x - New York Knicks 55 27 .671 2 29–12 26–15 23–5
x - Boston Celtics 35 47 .427 22 20–21 15–26 14–14
Miami Heat 32 50 .390 25 22–19 10–31 9–19
New Jersey Nets 30 52 .366 27 20–21 10–31 13–15
Philadelphia 76ers 24 58 .293 33 14–27 10–31 12–16
Washington Bullets 21 61 .256 36 13–28 8–33 9–19
Divisão Central V D PCT JA Casa Fora Div.
y - Indiana Pacers 52 30 .634 33–8 19–22 18–10
x - Charlotte Hornets 50 32 .610 2 29–12 21–20 17–11
x - Chicago Bulls 47 35 .573 5 28–13 19–22 16–12
x - Cleveland Cavaliers 43 39 .524 9 26–15 17–24 17–11
x - Atlanta Hawks 42 40 .512 10 24–17 18–23 9–19
Milwaukee Bucks 34 48 .415 18 22–19 12–29 13–15
Detroit Pistons 28 54 .341 24 13–28 8–33 7–21
Divisão Noroeste V D PCT JA Casa Fora Div.
y - San Antonio Spurs 62 20 .756 33–8 29–12 20–6
x - Utah Jazz 60 22 .732 2 33–8 27–14 17–9
x - Houston Rockets 47 35 .573 15 25–16 22–19 13–13
x - Denver Nuggets 41 41 .500 21 23–18 18–23 13–13
Dallas Mavericks 36 46 .439 26 19–22 17–24 11–15
Minnesota Timberwolves 21 61 .256 41 13–28 8–33 4–22
Divisão do Pacífico V D PCT JA Casa Fora Div.
y - Phoenix Suns 59 23 .720 32–9 27–14 23–7
x - Seattle SuperSonics 57 25 .695 2 32–9 25–16 16–14
x - Los Angeles Lakers 48 34 .585 11 29–12 19–22 15–15
x - Portland Trail Blazers 44 38 .537 15 26–15 18–23 17–13
Sacramento Kings 39 43 .476 20 27–14 12–29 17–13
Golden State Warriors 26 56 .317 33 15–26 11–30 11–19
Los Angeles Clippers 17 65 .207 42 13–28 4–37 6–24

Por conferênciaEditar

# Conferência Leste
Time V D PCT JA
1 c - Orlando Magic 57 25 .695
2 y - Indiana Pacers 52 30 .634 5
3 x - New York Knicks 55 27 .671 2
4 x - Charlotte Hornets 50 32 .610 7
5 x - Chicago Bulls 47 35 .573 10
6 x - Cleveland Cavaliers 43 39 .524 14
7 x - Atlanta Hawks 42 40 .512 15
8 x - Boston Celtics 35 47 .427 22
9 Milwaukee Bucks 34 48 .415 23
10 Miami Heat 32 50 .390 25
11 New Jersey Nets 30 52 .366 27
12 Detroit Pistons 28 54 .341 29
13 Philadelphia 76ers 24 58 .293 33
14 Washington Bullets 21 61 .256 36
# Conferência Oeste
Time V D PCT JA
1 z - San Antonio Spurs 62 20 .756
2 y - Phoenix Suns 59 23 .720 3
3 x - Utah Jazz 60 22 .732 2
4 x - Seattle SuperSonics 57 25 .695 5
5 x - Los Angeles Lakers 48 34 .585 14
6 x - Houston Rockets 47 35 .573 15
7 x - Portland Trail Blazers 44 38 .537 18
8 x - Denver Nuggets 41 41 .500 21
9 Sacramento Kings 39 43 .476 23
10 Dallas Mavericks 36 46 .439 26
11 Golden State Warriors 26 56 .317 36
12 Minnesota Timberwolves 21 61 .256 41
13 Los Angeles Clippers 17 65 .207 45

Observações

  • z – Conquistou vantagem de jogos em casa para todos os jogos de playoffs
  • c – Conquistou vantagem de jogos em casa até as finais de conferência
  • y – Conquistou título de divisão
  • x – Conquistou vaga nos playoffs

PlayoffsEditar

  Primeira rodada Semifinais de Conferência Finais de Conferência Finais da NBA
                                     
L1  Magic* 3  
L8  Celtics 1  
  L1  Magic* 4  
   
  L5  Bulls 2  
L4  Hornets 1
 
L5  Bulls 3  
  L1  Magic* 4  
Conferência Leste
  L2  Pacers* 3  
L3  Knicks 3  
 
L6  Cavaliers 1  
  L3  Knicks 3
   
  L2  Pacers* 4  
L2  Pacers* 3
 
L7  Hawks 0  
  L1  Magic* 0
  O6  Rockets 4
O1  Spurs* 3  
O8  Nuggets 0  
  O1  Spurs* 4
   
  O5  Lakers 2  
W4  SuperSonics 1
 
W5  Lakers 3  
  O1  Spurs* 2
Conferência Oeste
  O6  Rockets 4  
O3  Jazz 2  
O6  Rockets 3  
  O6  Rockets 4
   
  O2  Suns* 3  
O2  Suns* 3
W7  Trail Blazers 0  

* Campeão da divisão

Negrito Campeão da série de jogos

Itálico Time com vantagem de jogos em casa

Statistics leadersEditar

Categoria Jogador Time Estat.
Pontos por jogo Shaquille O'Neal Orlando Magic 29.3
Rebotes por jogo Dennis Rodman San Antonio Spurs 16.8
Assistências por jogo John Stockton Utah Jazz 12.3
Roubadas de bola por jogo Scottie Pippen Chicago Bulls 2.94
Bloqueios por jogo Dikembe Mutombo Denver Nuggets 3.91
% de arremessos de quadra Chris Gatling Golden State Warriors .633
% de lances livres Spud Webb Sacramento Kings .934
% de arremessos de três Steve Kerr Chicago Bulls .524

Prêmios da NBAEditar

Referências

  1. «História dos Campeões da NBA». NBA.com 
  2. «Greatest NBA Championship Run Ever? The 1994-95 Houston Rockets». Space City Scoop (em inglês). 10 de agosto de 2019. Consultado em 4 de junho de 2021 
  3. «O dia em que Michael Jordan anunciou seu retorno a NBA». Hoop78 (em inglês). Consultado em 4 de junho de 2021 
  4. «Folha de S.Paulo - Boston Garden - 20/12/1994». www1.folha.uol.com.br. Consultado em 4 de junho de 2021 
  5. «Remembering the 1995 NBA Finals 20 Years Later». Orlando Magic (em inglês). Consultado em 4 de junho de 2021 
  6. «Legends profile: Moses Malone | NBA.com». www.nba.com. Consultado em 4 de junho de 2021 
  7. Ferguson, Mike (18 de abril de 2021). «25-year Orlandoversary: Dennis Scott breaks NBA record with 11 made 3s in win over Hawks». Orlando Pinstriped Post (em inglês). Consultado em 4 de junho de 2021 
  8. «Stephen Curry Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 4 de junho de 2021 
  9. Abrams, Jonathan (17 de outubro de 2009). «In Its 30th Year in N.B.A., 3-Pointer Is No Outsider». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331. Consultado em 4 de junho de 2021 
  10. «Retired Numbers». Los Angeles Lakers (em inglês). Consultado em 4 de junho de 2021 
  11. «Celtics Retired Numbers». Boston Celtics (em inglês). Consultado em 4 de junho de 2021 
  12. Camilo, Christian (9 de agosto de 2019). «The day fireworks triggered water cannons at Spurs-Warriors game». Epicbuzzer (em inglês). Consultado em 4 de junho de 2021 
  Este artigo sobre basquetebol é um esboço relacionado ao Projeto Basquetebol. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.