Temporada de furacões no Pacífico de 1973

Temporada de furacões no Pacífico de 1973
imagem ilustrativa de artigo Temporada de furacões no Pacífico de 1973
Mapa resumo da temporada
Datas
Início da atividade 2 de junho de 1973
Fim da atividade 9 de outubro de 1973
Tempestade mais forte
Nome Ava
 • Ventos máximos 160 mph (260 km/h)
 • Pressão mais baixa 915 mbar (hPa; 27.02 inHg)
Estatísticas sazonais
Total depressões 18
Total tempestades 12
Furacões 7
Furacões maiores
(Cat. 3+)
3
Total fatalidades 0
Artigos relacionados
Temporadas de furacões no Pacífico
1971, 1972, 1973, 1974, 1975

A temporada de furacões no Pacífico de 1973 foi um evento em meteorologia de ciclones tropicais. O sistema mais importante deste ano foi o furacão Ava, que foi o mais intenso furacão do Pacífico conhecida na época. Vários outros muito mais fracos ciclones tropicais chegaram perto de, ou aportaram, na costa do Pacífico do México. O mais grave deles foi o furacão Irah, que derrubou a energia elétrica e as linhas de comunicação em partes da península de Baja California, outras tempestades tocaram o solo causando chuva e algumas inundações. Nenhum ciclone tropical desta temporada causou nenhuma morte.[1]

Resumo sazonal

editar
Furacão AvaEscala de furacões de Saffir-Simpson

Sistemas

editar

Furacão Ava

editar

Furacão categoria 5 (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 2 de junho – 12 de junho
Intensidade máxima 160 mph (260 km/h) (1-min)  915 mbar (hPa)
 Ver artigo principal: Furacão Ava

Tempestade tropical Bernice

editar

Tempestade tropical (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 22 de junho – 23 de junho
Intensidade máxima 70 mph (110 km/h) (1-min)  990 mbar (hPa)

Tempestade tropical Claudia

editar

Tempestade tropical (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 26 de junho – 29 de junho
Intensidade máxima 65 mph (100 km/h) (1-min)  999 mbar (hPa)

Furacão Doreen

editar

Furacão categoria 4 (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 18 de julho – 3 de agosto
Intensidade máxima 140 mph (220 km/h) (1-min)  968 mbar (hPa)

Furacão Emily

editar

Furacão categoria 4 (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 21 de julho – 28 de julho
Intensidade máxima 140 mph (220 km/h) (1-min) ≤ 972 mbar (hPa)

Furacão Florence

editar

Furacão categoria 1 (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 25 de julho – 30 de julho
Intensidade máxima 90 mph (150 km/h) (1-min) ≤ 990 mbar (hPa)

Tempestade tropical Glenda

editar

Tempestade tropical (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 30 de julho – 5 de agosto
Intensidade máxima 60 mph (95 km/h) (1-min)  989 mbar (hPa)

Tempestade tropical Heather

editar

Tempestade tropical (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 31 de agosto – 1 de setembro
Intensidade máxima 50 mph (85 km/h) (1-min) ≤ 1004 mbar (hPa)

Furacão Irah

editar

Furacão categoria 2 (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 22 de setembro – 26 de setembro
Intensidade máxima 110 mph (175 km/h) (1-min) ≤ 955 mbar (hPa)

Tempestade tropical Jennifer

editar

Tempestade tropical (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 23 de setembro – 27 de setembro
Intensidade máxima 40 mph (65 km/h) (1-min)  1007 mbar (hPa)

Furacão Katherine

editar

Furacão categoria 2 (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 29 de setembro – 9 de outubro
Intensidade máxima 100 mph (155 km/h) (1-min) ≤ 978 mbar (hPa)

Furacão Lillian

editar

Furacão categoria 1 (SSHWS)
 
Imagem de satélite
 
Trajetória
Duração 5 de outubro – 9 de outubro
Intensidade máxima 85 mph (140 km/h) (1-min)  990 mbar (hPa)

Lista de nomes de ciclones tropicais

editar
 Ver artigo principal: Lista de nomes de ciclones tropicais

Os seguintes nomes foram usados para dar nomes às tempestades que se formam no nordeste do Oceano Pacífico durante 1973.[2] Foi a mesma lista utilizada na temporada de 1969.[3] Nenhum dos nomes foi retirado nesta temporada,[4] por isso a mesma lista foi utilizada novamente na temporada de 1977.[5]


  • Ava
  • Berenice
  • Claudia
  • Doreen*
  • Emily
  • Florence
  • Glenda
  • Heather
  • Irah
  • Jennifer
  • Katherine*
  • Lillian
  • Mona (sem usar)
  • Natalie (sem usar)
  • Odessa (sem usar)
  • Prudence (sem usar)
  • Roslyn (sem usar)
  • Silvia (sem usar)
  • Tillie (sem usar)
  • Victoria (sem usar)
  • Wallie (sem usar)

Se tivesse uma tempestade nomeada no Pacífico Norte entre 140°W e a Linha Internacional de Data em 1973 ele teria o nome dado da lista de tufões do Pacífico Noroeste pela Joint Typhoon Warning Center em Guam.[2][6] Tempestade nomeadas na tabela que cruzaram para a área estão marcados com (*).[7]

Efeitos sazonais

editar

Esta é uma tabela de todas os sistemas que se formaram na temporada de 2020. Inclui a sua duração, nomes, áreas afectada(s), indicados entre parêntese, danos e mortes totais. As mortes entre parênteses são adicionais e indiretas, mas ainda estavam relacionadas com essa tempestade. Os danos e as mortes incluem totais enquanto a tempestade era extratropical, uma onda ou um baixa, e todas as cifras do dano estão em USD 1973.

Escala de Furacões de Saffir-Simpson
DT TS TT 1 2 3 4 5
Estatísticas da temporada de Ciclone tropical do Pacífico de 1973
Nome da
tempestade
Datas ativo Categoria da tempestade

no pico de intensidade

Vento Max
1-min
km/h (mph)
Press.
min.
(mbar)
Áreas afetadas Danos
(USD)
Mortos Refs


Ava 2 de junho – 12 Furacão categoria 5 270 (165) 915 Nenhum Nenhum 0
Bernice 22 de junho – 23 Tempestade tropical 110 (70) 990 México Nenhum 0
Claudia 26 de junho – 29 Tempestade tropical 100 (65) 999 México Nenhum 0
Doreen 18 de julho – 3 de agosto Furacão categoria 4 220 (140) 968 Nenhum Nenhum 0
Emily 21 de julho – 28 Furacão categoria 4 220 (140) 972 Nenhum Nenhum 0
Florence 25 de julho – 30 Furacão categoria 1 150 (90) 990 Nenhum Nenhum 0
Glenda 30 de julho – 5 de agosto Tempestade tropical 95 (60) 989 Nenhum Nenhum 0
Heather 31 de agosto – 1 de setembro Tempestade tropical 85 (50) 1004 México Nenhum 0
Irah 22 de setembro – 26 Furacão categoria 2 175 (110) 955 México Desconhecido 0
Jennifer 23 de setembro – 27 Tempestade tropical 65 (40) 1007 México 0
Katherine 29 de setembro – 9 de outubro Furacão categoria 2 155 (100) 978 Nenhum Nenhum 0
Lillian 5 de outubro – 9 Furacão categoria 1 140 (85) 990 Nenhum Nenhum 0
Agregado da temporada
12 sistemas 2 de junho – 9 de outubro   270 (165) 915 México Desconhecido 0  

Ver também

editar

Referências

editar
  1. «1973 Hurricane/Tropical Data for Eastern Pacific» (em inglês). unisys.com 
  2. a b National Hurricane Operations Plan (PDF) (Relatório). Washington, D.C.: NOAA Office of the Federal Coordinator for Meteorological Services and Supporting Research. Maio de 1973. pp. 100, 102. Consultado em 27 de fevereiro de 2024 
  3. National Hurricane Operations Plan (PDF) (Relatório). Washington, D.C.: Interdepartmental Committee for Meteorological Services. Maio de 1969. p. 65. Consultado em 27 de janeiro de 2024 
  4. «Tropical Cyclone Naming History and Retired Names». Miami, Florida: National Hurricane Center. Consultado em 27 de fevereiro de 2024 
  5. National Hurricane Operations Plan (PDF) (Relatório). Washington, D.C.: NOAA Office of the Federal Coordinator for Meteorological Services and Supporting Research. Maio de 1977. p. 85. Consultado em 10 de fevereiro de 2024 
  6. «Eastern North Pacific Tropical Cyclone Name History». Atlantic Tropical Weather Center. Consultado em 25 de fevereiro de 2024. Arquivado do original em 29 de setembro de 2007 
  7. «The 1973 Central Pacific Tropical Cyclone Season». Central Pacific Hurricane Center. Consultado em 10 de março de 2009. Cópia arquivada em 3 de agosto de 2009 . Retrieved 2009-05-20.

Ligações externas

editar