Teodemundo

Teodemundo, nascido em data desconhecida, morreu provavelmente em 550. Pode ter sido rei dos suevos, sucedendo, provavelmente, a Veremundo.[1][2]

Teodemundo
Nascimento século V
Morte 550
Cidadania Reino da Galiza
Ocupação monarca

Período ObscuroEditar

Depois da reunificação da Suévia em 463 e, com a morte de Remismundo em 469, surge um período obscuro ou idades das trevas. Pela escassez de registros, sabe-se muito pouco sobre este período, tem-se como certa, entretanto a sucessão dos reis: Veremundo (469-508?), Réquila II (484-?) ou Réquita II, Requiário II (508-?), Hermenerico II (?), Riciliano (?), Teodemundo (520-550). Em 550 com Carriarico ou Cararico (550-559), termina o período obscuro e o reinado entra em relativa ordem.

Referências

  1. Jorge C., Arias (2007). «Identity and Interactions: The Suevi and the Hispano-Romans» (PDF). Universidade da Virgínia. pp. 25, 33. Arquivado do original (PDF) em 25 de outubro de 2007 
  2. Martínez, Pablo C. Díaz (2011). El reino suevo (411-585) (em espanhol). Madrid: Ediciones AKAL. p. 293 

Ligação externaEditar


  Este artigo sobre história ou um(a) historiador(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.