Teste de Aborto 1 (Artemis)

Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Teste de Aborto 1 (Apollo).

Teste de Aborto 1 (Pad Abort 1) (PA-1) foi um teste do Sistema de Aborto no Lançamento da Orion. Orion era um componente do Constellation, um projeto de voo espacial tripulado da NASA, agência espacial norte-americana. TA-1 foi o primeiro teste numa sequência de testes de voo conhecidos como Orion Abort Flight Test (AFT).

Teste de Aborto 1
Insígnia da missão
Informações da missão
Operadora NASA
Espaçonave Sistema de aborto da Orion
Base de lançamento White Sands LC-32E[1]
Lançamento 6 de maio de 2010
13:03:00 UTC
Novo México, Estados Unidos
Aterrissagem 6 de maio de 2010
13:04:35 UTC
Campo de Teste de
Mísseis de White Sands
,
Novo México, Estados Unidos
Duração 95 segundos
Distância percorrida 2,1 quilômetros
Navegação
EFT-1 Exploration Flight Test-1 insignia.png

TA-1 testou a funcionalidade básica do conceito de aborto do lançamento a partir da plataforma na configuração inicial do design da Orion. Usou o antigo formato do adaptador do SAL. O veículo Flight Test Article (FTA) difere do veículo oficial em várias formas. Por exemplo, o FTA não teve uma equipe a bordo e a aviônica é um protótipo do que está planejado para as Orions de produção.[2]

O TA-1 ocorreu no Campo de Teste de Mísseis de White Sands do Exército dos EUA no Novo México.

GaleriaEditar

  • Este artigo foi inicialmente traduzido, total ou parcialmente, do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «Pad Abort-1».

ReferênciasEditar

  1. «NASA Building Test Pad at White Sands for New Spacecraft». redOrbit. 3 de fevereiro de 2008. Consultado em 12 de setembro de 2008 
  2. Idicula; et al. «A Flight Dynamics Perspective of the Orion Pad Abort One Flight Test» (PDF). AIAA 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Teste de Aborto 1 (Artemis)