The Bloodline é um grupo vilão de luta profissional que atua na WWE na marca SmackDown. A equipe é liderada por Roman Reigns que conta com seus primos da vida real, Jimmy Uso e Solo Sikoa, além de The Rock, que são membros da renomada família Anoa'i. Eles são gerenciados por Paul Heyman. O irmão gêmeo de Jimmy, Jey Uso, também foi membro até junho de 2023, quando se virou contra Reigns e foi negociado com a marca Raw em setembro. Jimmy também deixou o grupo brevemente antes de seu irmão, mas reinseriu-se no grupo em setembro. Sami Zayn também foi membro honorário de maio de 2022 a janeiro de 2023.

The Bloodline
Informações
Nomes The Bloodline
Membros Roman Reigns (líder)
Tama Tonga
Solo Sikoa
The Rock
Paul Heyman(gerente)
Alturas Reigns: 6 ft 3 in (1,91 m)
Sikoa: 6 ft 2 in (1,88 m)
Jimmy: 6 ft 3 in (1,91 m)
Rock: 6 ft 5 in (1,96 m)
Peso
combinado
1 025 lb (460 kg)
Ex-membros Jey Uso
Sami Zayn (honorário)
Estreia 9 de Julho 2021
Período em
atividade
2021 – presente

O grupo foi formado oficialmente em julho de 2021, após uma rivalidade entre Reigns e Jey no final de 2020, com Jimmy se envolvendo após retornar de uma lesão. Sikoa então se juntaria em setembro de 2022. Na preparação para a WrestleMania XL, The Rock se juntou oficialmente ao grupo em fevereiro de 2024. Reigns é atualmente promovido como Campeão Universal Indiscutível da WWE, já que detém simultaneamente os Campeonatos da WWE e Universal em seu quarto e segundo reinados respectivos, tendo o reinado mais longo para este último. Ele assumiu os apelidos de "Chefe Tribal" e "Chefe da Mesa" em referência ao seu papel como líder da família. Seus primos, The Usos, foram promovidos como Campeões Indiscutíveis de Duplas da WWE até perderem seus títulos na WrestleMania 39, já que detinham simultaneamente os títulos do Raw e do SmackDown em seus terceiro e quinto reinados respectivos, tendo o reinado mais longo e o mais longo o título de duplas masculino reinará na história da WWE para este último. Jey também venceu o André the Giant Memorial Battle Royal de 2021, enquanto Sikoa conquistou brevemente o Campeonato Norte Americano do NXT logo depois de se juntar ao grupo.

História

editar

A rivalidade dos Usos com The Shield (2013–2014)

editar

Antes de The Usos começarem a se unir a Reigns, eles tiveram várias lutas contra The Shield, stable de Reigns com Seth Rollins e Dean Ambrose, com a maioria ocorrendo em 2013. No episódio de 6 de maio do Raw, The Usos e Kofi Kingston se uniram contra The Shield, que venceu a partida depois que Ambrose derrotou Kingston. No episódio de 17 de maio do SmackDown, Reigns e Rollins derrotaram The Usos depois que Reigns derrotou Jey. Após a partida, The Shield continuou a atacar Jey até que Kingston correu para fazer a defesa, acertando-os com uma cadeira de aço. Os Usos ganharam sua primeira vitória no episódio de 28 de junho do SmackDown depois que seu companheiro de equipe, Christian, derrotou Ambrose em outra luta de duplas six-man. No Raw de 1º de julho, no entanto, eles perderam uma revanche, desta vez com Ambrose fazendo o pin em Christian. No episódio de 12 de julho do SmackDown, Rollins derrotou Jey em uma luta individual. No Money in the Bank em 14 de julho, Reigns e Rollins derrotaram The Usos para manter o Campeonato de Duplas da WWE depois que Reigns derrotou Jimmy. No episódio de 19 de julho no SmackDown, as duas stables brigaram até que Mark Henry veio em auxílio dos Usos. Em troca, The Usos ajudou Henry a se defender de The Shield no Raw de 22 de julho. Na semana seguinte, eles perderam depois que Ambrose derrotou Jimmy. Apesar disso, Henry atacou o The Shield após a partida, forçando-os a recuar. O mesmo resultado da partida ocorreu no episódio de 7 de agosto do Main Event. Ao longo do restante do ano, eles trocaram vitórias, com The Usos se unindo a nomes como Kingston, Dolph Ziggler, Daniel Bryan, Big E Langston, Cody Rhodes e Goldust, Rey Mysterio e CM Punk. A última luta que os dois times teriam um contra o outro é no episódio de 3 de janeiro de 2014 do SmackDown, onde The Usos e Punk venceram depois que o último derrotou Ambrose.

Equipes ocasionais (2015–2020)

editar

Após sua separação do The Shield e sua carreira individual subsequente, Reigns ocasionalmente uniu forças com The Usos em vários combates de duplas, com The Usos também ocasionalmente se envolvendo nas brigas de Reigns em apoio ao primo. O trio se uniu pela primeira vez no Raw de 2 de novembro de 2015, onde se uniram a Ryback e Dean Ambrose em uma luta de eliminação do Survivor Series 5 contra 5 contra Seth Rollins, Kevin Owens e The New Day (Kofi Kingston, Big E e Xavier Woods), no qual a equipe de Reigns foi vitoriosa.[1] Reigns e os Usos continuaram a se unir naquele ano até o Tribute to the Troops, onde o trio se uniu a Ambrose, Ryback, Kane e The Dudley Boyz para derrotar a The League of Nations e a The Wyatt Family.[2]

No Raw de 2 de maio de 2016, The Usos se envolveu na rivalidade de Reigns com AJ Styles, já que a dupla estava brigando com os aliados de Styles, Luke Gallows e Karl Anderson na época, com The Usos e Reigns enfrentando Styles. Gallows e Anderson em uma luta de duplas six-man. Depois que Styles, Anderson e Gallows venceram a luta, Anderson e Gallows queriam que Styles batesse em Reigns com uma cadeira, mas Styles recusou. Quando The Usos atacaram Styles por trás com uma cadeira, Styles retaliou com a cadeira. Reigns jogou Styles através da mesa de transmissão.[3] No Extreme Rules, The Usos foram derrotados por Gallows e Anderson em um Tornado tag team match. Mais tarde naquela mesma noite, depois que Gallows e Anderson interferiram na luta pelo Campeonato Mundial dos Pesos Pesados da WWE entre Reigns e Styles, os Usos interferiram para ajudar Reigns, permitindo que Reigns retivesse o título.

No episódio de 14 de maio de 2019 do SmackDown, The Usos ajudou Reigns em um ataque de Elias, Shane McMahon, Daniel Bryan e Rowan, e depois perdeu para eles em uma luta handicap. No Raw de 3 de junho, The Usos salvaram Reigns de um ataque de Drew McIntyre e The Revival (Dash Wilder e Scott Dawson), mas perderam para eles em uma luta de duplas six-man. No episódio de 3 de janeiro de 2020 do SmackDown, The Usos retornou com um novo visual de cabelo curto, ajudando Reigns de um ataque de King Corbin e Dolph Ziggler. No episódio de 31 de janeiro do SmackDown, Reigns e The Usos derrotaram King Corbin, Dolph Ziggler e Robert Roode em uma luta de duplas de seis homens para encerrar sua rivalidade. Jimmy sofreu uma lesão legítima no joelho durante a luta na WrestleMania 36, ​​deixando-o fora do ringue indefinidamente.[4]

Formação como The Bloodline (2020–2021)

editar

No episódio de 4 de setembro do SmackDown, depois que Big E foi atacado e ferido no enredo, Jey tomou o lugar de Big E em uma luta fatal-four-way contra Matt Riddle, King Corbin e Sheamus, onde o vencedor ganharia uma luta pelo Campeonato Universal no Clash of Champions contra Roman Reigns, que recentemente virou heel e se alinhou com Paul Heyman. Jey venceu ao imobilizar Riddle para ganhar a primeira oportunidade de campeonato individual de sua carreira.[5][6] No Clash of Champions, Jey perdeu para Reigns por nocaute técnico, quando Jimmy desceu e jogou uma toalha branca para ele.[7][8] Jey recebeu outra chance pelo título contra Reigns em uma luta Hell in a Cell "I Quit" no evento homônimo com a estipulação adicional de que, se Jey perdesse, ele teria que seguir as ordens de Reigns ou ser expulso de sua família. No evento, Jey perdeu novamente depois que Reigns atacou o ferido Jimmy e forçou Jey a dizer "eu desisto" para salvar seu irmão.[9][10]

No episódio de 30 de outubro do SmackDown, Jey derrotou Daniel Bryan para se qualificar para o Team SmackDown no Survivor Series.[10] Após a luta, Jey atacou Bryan a pedido de Reigns, tornando-se heel e se alinhando com Reigns no processo, e posteriormente ficou conhecido como o "braço direito" de Reigns e também recebeu o apelido de "Main Event Jey Uso".[11] Em 21 de fevereiro de 2021 no Elimination Chamber, Jey competiu na partida homônima do evento, onde o vencedor receberia uma chance pelo Campeonato Universal de Reigns naquela mesma noite. Ele foi a última pessoa eliminada pelo vencedor Daniel Bryan. Na edição especial da WrestleMania de 9 de abril do SmackDown, Jey venceu o Andre the Giant Memorial Battle Royal eliminando por último Shinsuke Nakamura. Isso marcou o primeiro grande prêmio individual de Jey na WWE.[12]

Jimmy voltou de lesão no episódio de 7 de maio do SmackDown, mas não aprovou a aliança entre Jey e Reigns, pois chamou Jey de "vadia de Reigns" e começou a usar uma camiseta que dizia "Nobody's Bitch". No episódio de 4 de junho do SmackDown, The Usos se reuniram e desafiaram The Mysterios (Rey Mysterio e Dominik Mysterio) pelo Campeonato de Duplas do SmackDown, no entanto, a luta terminou em um final controverso em que o árbitro não percebeu que Jimmy estava com o ombro para cima durante o pinfall. Os Usos receberam uma revanche mais tarde naquela mesma noite, mas durante a revanche, Reigns interferiu atacando os Mysterios, não querendo que os Usos se envergonhassem novamente. Após a luta, Reigns atacou brutalmente o filho de Rey, Dominik, o que Jimmy sentiu que Reigns foi longe demais, também aumentando as tensões entre Reigns e Jimmy.[13] A dissensão que se seguiu entre os dois sobre a lealdade de Jey eventualmente fez com que Jey saísse temporariamente no episódio de 11 de junho do SmackDown, após o qual, Reigns manipulou Jimmy para se sentir culpado por sua recente dissensão. Como resultado, na semana seguinte, no episódio de 18 de junho do SmackDown, Jimmy ofereceu sua ajuda a Reigns durante sua luta Hell in a Cell com Rey Mysterio, e ele levantou a mão de Reigns após a luta. Na semana seguinte no SmackDown, Jimmy tentou ajudar Reigns quando Edge o atacou e o jogou na barricada.

No episódio de 9 de julho do SmackDown, Jey retornou e ambos os Usos solidificaram sua aliança com Reigns, consolidando-os como heels no processo e se reunindo adequadamente como "The Bloodline".

Campeões Indiscutíveis (2021–presente)

editar

No episódio de 16 de julho do SmackDown, The Bloodline enfrentou Edge e The Mysterios em uma luta de duplas six-man, na qual eles saíram vitoriosos, embora Edge tenha atacado o trio após a luta.[14] No Money In The Bank, The Usos derrotaram The Mysterios no pré-show para se tornarem cinco vezes Campeões de Duplas do SmackDown. No evento principal, Reigns derrotaria Edge para manter o Campeonato Universal.[15][16] No SummerSlam, The Usos mais uma vez derrotaram The Mysterios para manter o Campeonato de Duplas do SmackDown e Reigns mais tarde derrotaria John Cena no evento principal para manter o Campeonato Universal.[17][18] No Extreme Rules, The Usos defenderia com sucesso seus títulos contra The Street Profits e Reigns mais tarde derrotaria "The Demon" Finn Bálor no evento principal para manter o Campeonato Universal.[19] No Crown Jewel, The Usos derrotaria The Hurt Business no pré-show, enquanto Reigns defenderia com sucesso seu título contra Brock Lesnar no evento principal.[20][21] No Survivor Series, The Usos perdeu para RK-Bro, enquanto Reigns viria a derrotar Big E no evento principal.[22] No episódio de 17 de dezembro do SmackDown, Heyman foi demitido e atacado por Reigns. Brock Lesnar então atacaria The Bloodline e salvaria Heyman.[23] Em 1º de janeiro de 2022, foi anunciado que Reigns seria retirado da luta no PPV Day 1, devido ao teste positivo para COVID-19, portanto, Brock Lesnar foi adicionado ao Campeonato da WWE, uma luta Fatal Five Way.[24][25] Os Usos ainda competiriam no Day 1 e manteriam seus títulos com sucesso contra The New Day.[26]

Na WrestleMania 38, The Usos defendeu com sucesso seu Campeonato de Duplas do SmackDown contra Shinsuke Nakamura e Rick Boogs,[27] enquanto Reigns foi capaz de capturar o Campeonato da WWE de Brock Lesnar, efetivamente unificando o Campeonato da WWE com o Campeonato Universal, tornando-se o Campeão Indiscutível Universal da WWE.[28] No episódio seguinte do SmackDown, Reigns ordenou que os Usos fossem ao Raw e desafiassem os Campeões de Duplas do Raw RK-Bro (Randy Orton e Riddle) para unificar os títulos de duplas.[29] Na semana seguinte, foi confirmado que The Usos enfrentaria RK-Bro no WrestleMania Backlash para unificar os títulos de duplas. No entanto, no episódio de 29 de abril do SmackDown, a assinatura do contrato para a partida terminou com Reigns ajudando os Usos a atacar RK-Bro e rompendo o contrato no processo. Drew McIntyre então saiu e juntou forças com RK-Bro para expulsar The Bloodline do ringue. Por causa do que aconteceu, o conselheiro especial de Reigns, Paul Heyman, então se encontrou com o oficial da WWE Adam Pearce nos bastidores, onde Heyman solicitou que a luta de unificação do campeonato de duplas resultante fosse cancelada e, em vez disso, uma luta de duplas de seis homens com The Bloodline contra RK-Bro e McIntyre estavam programados para o WrestleMania Backlash, que o Bloodline venceu.[30][31] Uma luta de Unificação do Campeonato de Duplas entre os Usos e RK-Bro foi mais tarde agendada para o episódio de 20 de maio do SmackDown, que os Usos venceram posteriormente, tornando-se os Campeões Indiscutíveis de Duplas da WWE e tornando todos os três membros campeões duplos.[32] No SummerSlam em 30 de julho, The Usos derrotou The Street Profits para reter o Campeonato Indiscutível de Duplas da WWE, enquanto Reigns defendeu com sucesso o Campeonato Indiscutível Universal da WWE contra Brock Lesnar em uma luta Last Man Standing.[33] No Clash at the Castle em 3 de setembro, Reigns derrotou Drew McIntyre para manter o Campeonato Indiscutível Universal da WWE após interferência de Solo Sikoa, primo mais novo de Reigns e irmão mais novo de Usos, que se tornou o mais novo membro da The Bloodline.[34] No episódio de 13 de setembro do NXT, Sikoa derrotou Carmelo Hayes para ganhar o Campeonato Norte-Americano do NXT, dando assim ao The Bloodline um total de cinco títulos.

Membros

editar
L Líder
M Gerente
* Membros fundadores

Atuais

editar
Membros Ingresso
Roman Reigns (L) 9 de julho de 2021*
Jimmy Uso 9 de julho de 2021*[a]
Solo Sikoa 3 de setembro de 2022
The Rock 16 de fevereiro de 2024
Paul Heyman (M) 9 de julho de 2021*[b]

Antigos

editar
Membros Ingresso Saída
Sami Zayn [c] 27 de maio de 2022 28 de janeiro de 2023
Jey Uso 9 de julho de 2021* 16 de junho de 2023

Linha do tempo

editar

Sub-grupos

editar
Afiliados Membros Período Tipo
The Usos Jey Uso

Jimmy Uso

2021–2023 Duplas

Campeonatos e conquistas

editar

Ver também

editar

Notas

  1. Jimmy foi expulso do The Bloodline em 2 de junho de 2023, antes de retornar em 22 de setembro de 2023.
  2. Heyman deixou temporariamente o Bloodline de 17 de dezembro de 2021 a 29 de janeiro de 2022.
  3. Durante sua estadia no The Bloodline, Zayn foi considerado pelos Usos como um “Uce Honorário”.

Referências

editar
  1. «WWE RAW Results - 11/2/15 (Team Reigns vs. Team Rollins)». WWE News, WWE Results, AEW News, AEW Results (em inglês). 3 de novembro de 2015. Consultado em 19 de fevereiro de 2022 
  2. «WWE Tribute To The Troops '15 Taping at VyStar Veterans Memorial Arena (fka Jacksonville Veterans Memorial Arena) wrestling results - Internet Wrestling Database». www.profightdb.com. Consultado em 19 de fevereiro de 2022 
  3. «05/02 Powell's WWE Raw Live TV Review: Shane McMahon and Stephanie McMahon share power, Payback fallout, the build to Extreme Rules». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 2 de maio de 2016. Consultado em 13 de março de 2022 
  4. «Jimmy Uso Reportedly Out With Knee Injury, Kevin Thorn On HGTV Tonight | Fight-Size Update | Fightful News». www.fightful.com (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  5. «9/4 WWE Friday Night Smackdown results: Powell's review of Roman Reigns and Paul Heyman addressing the fans, Matt Riddle vs. Sheamus vs. King Corbin vs. Jey Uso for a shot at the WWE Championship at Clash of Champions, Shayna Baszler and Nia Jax vs. Sasha Banks and Bayley for the WWE Women's Tag Titles». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 4 de setembro de 2020. Consultado em 13 de março de 2022 
  6. «twitter.com/wwe/status/1302063622957543425». Twitter. Consultado em 13 de março de 2022 
  7. «Reigns enforces his will as "The Chief" to retain Universal Title». WWE (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  8. September 27, Tom (27 de setembro de 2020). «WWE Clash of Champions results: Powell's review of Drew McIntyre vs. Randy Orton in an Ambulance Match for the WWE Championship, Roman Reigns vs. Jey Uso for the WWE Universal Championship, Jeff Hardy vs. AJ Styles vs. Sami Zayn in a Triple Threat ladder match for the Intercontinental Title». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  9. «WWE Hell in a Cell results: Powell's review of Drew McIntyre vs. Randy Orton in a Hell in a Cell match for the WWE Championship, Roman Reigns vs. Jey Uso in an I Quit Hell in a Cell match for the WWE Universal Championship, Bayley vs. Sasha Banks in a Hell in a Cell match for the Smackdown Women's Title». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 25 de outubro de 2020. Consultado em 13 de março de 2022 
  10. a b «Reigns solidifies himself as Tribal Chief in ruthless fashion». WWE (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  11. «10/30 WWE Friday Night Smackdown results: Barnett's review Jey Uso paying consequences for losing to Roman Reigns, Daniel Bryan vs. Jey Uso, and Kevin Owens vs. Dolph Ziggler in Team Smackdown qualifiers for Survivor Series». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 30 de outubro de 2020. Consultado em 13 de março de 2022 
  12. «4/9 WWE Friday Night Smackdown results: Powell's review of the WrestleMania 37 go-home show, final comments from Roman Reigns, Edge, and Daniel Bryan, Andre the Giant Battle Royal, Robert Roode and Dolph Ziggler vs. Rey Mysterio and Dominik Mysterio vs. The Street Profits vs. Alpha Academy in a four-way for the Smackdown Tag Titles». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 9 de abril de 2021. Consultado em 13 de março de 2022 
  13. June 5, Pepe Silvia (4 de junho de 2021). «6/4 WWE Friday Night Smackdown results: Powell's review of Rey Mysterio and Dominik Mysterio vs. Jimmy Uso and Jey Uso for the Smackdown Tag Titles, Apollo Crews vs. Kevin Owens for the Intercontinental Championship with Commander Azeez banned from ringside». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  14. «WWE SMACKDOWN REPORT: ON THE ROAD AGAIN, WOMEN'S TITLE MATCH, CORBIN SHOULD HAVE GOTTEN IN ON THE FCOJ FUTURES, AND MORE | PWInsider.com». www.pwinsider.com. Consultado em 13 de março de 2022 
  15. Wells, Adam. «Usos Beat Mysterios to Win SmackDown Tag Team Titles at WWE Money in the Bank». Bleacher Report (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  16. Chiari, Mike. «Roman Reigns Beats Edge, Retains Universal Title at 2021 WWE Money in the Bank». Bleacher Report (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  17. «The Usos retain SmackDown Tag Team Titles». WWE (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  18. «WWE SummerSlam results: Roman Reigns defeats John Cena, Becky Lynch and Brock Lesnar return». ESPN.com (em inglês). 22 de agosto de 2021. Consultado em 13 de março de 2022 
  19. Boom, Daniel Van. «WWE Extreme Rules 2021: Results, bizarre ending, ratings and analysis». CNET (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  20. «WWE Crown Jewel Kickoff: The Usos vs. The Hurt Business». Wrestlezone. 21 de outubro de 2021. Consultado em 13 de março de 2022 
  21. «WWE Crown Jewel results: Roman Reigns retains title over Brock Lesnar in controversial fashion | DAZN News US». DAZN (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  22. «WWE Survivor Series results: Powell's review of Roman Reigns vs. Big E, Becky Lynch vs. Charlotte Flair, RKBro vs. The Usos, and Damian Priest vs. Shinsuke Nakamura in champion vs. champion matches, Team Raw vs. Team Smackdown in Survivor Series elimination matches». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 22 de novembro de 2021. Consultado em 13 de março de 2022 
  23. «12/17 WWE Friday Night Smackdown results: Powell's review of the return of Roman Reigns, Ridge Holland vs. Cesaro, Sasha Banks and Toni Storm vs. Charlotte Flair and Shotzi». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 18 de dezembro de 2021. Consultado em 13 de março de 2022 
  24. «COVID-19 sidelines star Roman Reigns in Atlanta». ESPN.com (em inglês). 2 de janeiro de 2022. Consultado em 13 de março de 2022 
  25. «WWE Day 1 results: Brock Lesnar wins WWE championship». ESPN.com (em inglês). 2 de janeiro de 2022. Consultado em 13 de março de 2022 
  26. Chiari, Mike. «The Usos Defeat New Day, Retain SmackDown Tag Team Titles at WWE Day 1 2022». Bleacher Report (em inglês). Consultado em 13 de março de 2022 
  27. «WrestleMania 38 results: Powell's live review of night one with Steve Austin on The KO Show, Charlotte Flair vs. Ronda Rousey for the Smackdown Women's Title, Becky Lynch vs. Bianca Belair for the Raw Women's Title, Seth Rollins vs. an opponent of Vince McMahon's choosing». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 2 de abril de 2022. Consultado em 23 de maio de 2022 
  28. «WrestleMania 38 results: Powell's live review of night two with Roman Reigns vs. Brock Lesnar for the Unified WWE Championship, RK-Bro vs. The Street Profits vs. Alpha Academy for the Raw Tag Titles, Edge vs. AJ Styles, Johnny Knoxville vs. Sami Zayn in an Anything Goes match, Pat McAfee vs. Austin Theory, Bobby Lashley vs. Omos». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 3 de abril de 2022. Consultado em 23 de maio de 2022 
  29. «4/8 WWE Friday Night Smackdown results: Powell's review of the WrestleMania 38 fallout edition with Undisputed WWE Universal Champion Roman Reigns, Happy Corbin hosts Happy Talk». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 8 de abril de 2022. Consultado em 23 de maio de 2022 
  30. «4/29 WWE Friday Night Smackdown results: Barnett's review of Drew McIntyre vs. Sami Zayn in a steel cage match, Charlotte Flair and Ronda Rousey compete in Beat The Clock submission challenges, Ricochet vs. Shanky for the Intercontinental Title, Usos vs. RK-Bro contract signing for WrestleMania Backlash». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 29 de abril de 2022. Consultado em 23 de maio de 2022 
  31. «WWE WrestleMania Backlash results: Powell's live review of Roman Reigns and The Usos vs. Drew McIntyre and RK-Bro, Charlotte Flair vs. Ronda Rousey in an I Quit match for the Smackdown Women's Title, Cody Rhodes vs. Seth Rollins, Edge vs. AJ Styles, Bobby Lashley vs. Omos, Happy Corbin vs. Madcap Moss». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). 8 de maio de 2022. Consultado em 23 de maio de 2022 
  32. Powell, Jason (20 de maio de 2022). «5/20 WWE Friday Night Smackdown results: Barnett's review of Smackdown Tag Team Champions Jimmy Uso and Jey Uso vs. Raw Tag Team Champions "RK-Bro" Randy Orton and Riddle in a unification match, Shinsuke Nakamura vs. Sami Zayn, Xavier Woods vs. Butch». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). Consultado em 15 de setembro de 2022 
  33. Powell, Jason (30 de julho de 2022). «WWE SummerSlam results: Powell's review of Roman Reigns vs. Brock Lesnar in a Last Man Standing match for the Undisputed WWE Universal Championship, Bianca Belair vs. Becky Lynch for the Raw Women's Title, The Usos vs. The Street Profits for the Undisputed WWE Tag Titles, Liv Morgan vs. Ronda Rousey for the Smackdown Women's Title». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). Consultado em 15 de setembro de 2022 
  34. Powell, Jason (3 de setembro de 2022). «WWE Clash at the Castle results: McGuire's review of Roman Reigns vs. Drew McIntyre for the Undisputed WWE Universal Championship, Gunther vs. Sheamus for the Intercontinental Title, Liv Morgan vs. Shayna Baszler for the Smackdown Women's Title, Seth Rollins vs. Riddle, Bianca Belair, Asuka, and Alexa Bliss vs. Bayley, Iyo Sky, and Dakota Kai». Pro Wrestling Dot Net (em inglês). Consultado em 15 de setembro de 2022 
  35. «2020 CBS Sports Wrestling Awards: Drew McIntyre stands out as Wrestler of the Year». CBSSports.com (em inglês). 1 de janeiro de 2021. Consultado em 17 de fevereiro de 2024 
  36. «Pro Wrestling 2022 awards: The Bloodline, MJF and Logan Paul among winners». ESPN.com (em inglês). 28 de dezembro de 2022. Consultado em 17 de fevereiro de 2024 
  37. «Pro Wrestling 2023 awards: Rhea Ripley, MJF and LA Knight take top spots». ESPN.com (em inglês). 26 de dezembro de 2023. Consultado em 17 de fevereiro de 2024 
  38. Staszewski, Joseph (December 27, 2022). «The Post's 2022 pro wrestling awards». New York Post. Consultado em December 30, 2022. Cópia arquivada em December 29, 2022  Verifique data em: |acessodata=, |arquivodata=, |data= (ajuda)
  39. Staszewski, Joseph (December 26, 2023). «The Post's 2023 pro wrestling awards». New York Post. Consultado em December 29, 2023. Cópia arquivada em December 27, 2023  Verifique data em: |acessodata=, |arquivodata=, |data= (ajuda)
  40. a b c TheSportsGrail (16 de setembro de 2022). «PWI 500 2022 List Rankings Full List Male And Female Wrestlers». The SportsGrail (em inglês). Consultado em 17 de fevereiro de 2024 
  41. «The Usos Top 2022 PWI Tag Team 100 | Fightful News». web.archive.org. 10 de dezembro de 2022. Consultado em 17 de fevereiro de 2024 
  42. Barrasso, Justin (6 de janeiro de 2022). «The Top 10 Wrestlers of 2021». Sports Illustrated (em inglês). Consultado em 17 de fevereiro de 2024 
  43. «WWE Championship». WWE (em inglês). Consultado em 17 de fevereiro de 2024 
  44. «Universal Championship». WWE (em inglês). Consultado em 17 de fevereiro de 2024 
  45. «Raw Tag Team Championship». WWE (em inglês). Consultado em 17 de fevereiro de 2024 
  46. «SmackDown Tag Team Championship». WWE (em inglês). Consultado em 17 de fevereiro de 2024 
  47. «NXT North American Championship». WWE (em inglês). Consultado em 17 de fevereiro de 2024 

Ligações externas

editar