The Flight of the Phoenix

filme de 1965 dirigido por Robert Aldrich
 Nota: Não confundir com Flight of the Phoenix.

The Flight of the Phoenix (bra: Voo do Fênix[1], ou O Voo da Fênix[2], ou ainda O Voo do Fênix[3]; prt: O Voo da Fénix[4][5]) é um filme estadunidense de 1965 dos gêneros drama e aventura, dirigido por Robert Aldrich, com roteiro baseado no romance homônimo de Elleston Trevor, publicado em 1964.

The Flight of the Phoenix
The Flight of the Phoenix
Cartaz promocional
No Brasil
  • Voo do Fênix
  • O Voo da Fênix
  • O Voo do Fênix
Em Portugal O Voo da Fénix
 Estados Unidos
1965 •  cor •  142 min 
Género drama
Direção Robert Aldrich
Produção Robert Aldrich
Roteiro Lukas Heller
Baseado em Elleston Trevor
Elenco
Música Frank De Vol
Diretor de fotografia Joseph Biroc
Direção de arte William Glasgow
Figurino Norma Koch
Edição Michael Luciano
Companhia(s) produtora(s) Aldrich Company Production
20th Century Fox
Lançamento 15 de dezembro de 1965
Idioma inglês

Sinopse editar

O piloto Frank Towns e o navegador Lew Moran estão transportando bagagens e passageiros sobre o deserto do Saara com destino a Bengazi num velho avião. Os passageiros são quase todos trabalhadores petroleiros. Há ainda uma dupla de militares ingleses e um alemão que estava visitando o irmão. O avião fica avariado em uma tempestade de areia e Frank é obrigado a pousar em pleno deserto. Na aterrissagem, dois homens morrem e um terceiro fica seriamente ferido.

Frank sabe que está fora da rota e dificilmente alguém os localizará. Um dos militares tenta ir em direção ao oásis mais próximo, a 190 km, mas suas chances são mínimas. Frank acaba sendo obrigado a ouvir o passageiro alemão, que faz um projeto para construir um novo avião, com as partes que sobraram do que caiu. Sem alternativas e com a água terminando, os sobreviventes começam a trabalhar no projeto da Fênix, nome que um deles batiza o novo avião.

Elenco editar

Recepção da crítica editar

The Flight of the Phoenix tem aclamação por parte da crítica especializada. Possui tomatometer de 89% em base de 19 críticas no Rotten Tomatoes. Tem 80% de aprovação por parte da audiência, usada para calcular a recepção do público a partir de votos dos usuários do site.[6]

Produção editar

O filme teve locações em lugares que simulam o deserto africano, como Yuma, Arizona e Winterhaven, Califórnia. O Fairchild C-82A Packet, N6887C foi utilizado nas cenas em voo. O dublê cinematográfico e colecionador de aviões, Paul Mantz, estava pilotando o Tallmantz Phoenix P-1, a máquina que foi feita dos destroços, sofreu um acidente e morreu quando o avião caiu. Outro dublê que estava a bordo, Bobby Rose, ficou seriamente ferido[7] O filho do diretor, William Aldrich, atuou no filme. Em 2004 foi lançada a refilmagem Flight of the Phoenix.

O empresário e duble Albert Paul Mantz, que forneceu os aviões para a produção e pilotava os mesmo, morreu quando trabalhava nas filmagens, no deserto do Arizona (em Buttercup Valley), em uma cena de aterrissagem forçada e deslizamento numa pequena colina. Esta manobra saiu fora do esperado e no choque com o chão e uma tentativa brusca de aceleração, a aeronave partiu-se ao meio e Paul teve morte instantânea[8][9].

Prêmios e indicações editar

Referências

  1. EWALD FILHO, Rubens (1975). Os filmes de hoje na TV. São Paulo (Brasil): Global Editora. p. 206 
  2. O Voo da Fênix no CinePlayers (Brasil)
  3. O Voo do Fênix no AdoroCinema
  4. O Voo da Fénix no SapoMag (Portugal)
  5. «O Voo da Fénix». no CineCartaz (Portugal) 
  6. «The Flight of the Phoenix» (em inglês). Rotten Tomatoes. Consultado em 12 de abril de 2014 
  7. «Check-Six.com - The Final Flight of the Phoenix» 
  8. Atores que morreram no set de gravações Arquivado em 18 de maio de 2015, no Wayback Machine. QGA
  9. Events Surrounding the Death of Paul Mantz Aero Vintage