The Forsaken é o terceiro álbum de estúdio da banda norueguesa de black metal cristão Antestor, lançado em 2005 pelo selo Endtime Productions.

The Forsaken
Álbum de estúdio de Antestor
Lançamento 2005
Gravação em 2004 no Top Room Studios, Oslo
Gênero(s) Unblack metal
Symphonic black metal
Duração 44:48
Idioma(s) (em inglês)
Formato(s) CD
Gravadora(s) Endtime Productions
Produção Børge Finstad, Antestor
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

  • Nocturnal Horde 8 de 10 estrelas. link
  • Lords of Metal 7.5 de 10 estrelas. link
  • The Whipping Post 10 de 10 estrelas. link
  • Metal Clube 10 de 10 estrelas. link
  • Vampire Magazine (positivo) link
Cronologia de Antestor
Det Tapte Liv
(2004)
---

Gravação

editar

The Forsaken foi gravado em 2004 no Top Room Studios, que tem sido utilizado por grupos como Tristania, Borknagar, Mayhem, e Extol. O álbum foi produzido por Børge Finstad. Várias canções das sessões de gravação foram abandonadas do full-length e foram publicadas em um EP intitulado "Det Tapte Liv". A formação da gravação desse álbum apresenta dois antigos membros da banda de black metal Vaakevandring, (o vocalista Ronny Hansen e o tecladista Morten Sigmund Mageroy) bem como o vocal feminino da vocalista Ann-Mari Edvardsen do grupo de Doom metal The 3rd and the Mortal. Lars Stokstad é o único membro original do Antestor neste álbum.

O álbum é conhecido pelas características de bateria por hellhammer, um dos mais conhecidos bateristas no metal extremo. Por sua performance nesse álbum ele foi muito criticado na cena Metal. Em uma entrevista com o site russo Metal Library em 7 de janeiro de 2007, Hellhammer diz:

O vocalista Ronny Hansen conhecia Hellhammer e lhe pediu para tocar na banda. Os membros do Antestor deram-lhe as demos das músicas, mas de acordo com Blomberg, ele nunca conheceu os membros do Antestor pessoalmente no estúdio, porque o produtor Børge Finstad queria trabalhar com cada músico sozinho, para alcançar resultados melhores e mais produtivos. A banda também pediu a Hellhammer para tocar ao vivo para eles, mas Blomberg recusou. Não era uma questão sobre suas crenças, como Hellhammer explica: "Na minha opinião, black metal hoje, é apenas música. Vou dizer-lhe que nem eu nem os outros membros do Mayhem nunca fomos contra a religião ou outra coisa qualquer. Estamos principalmente interessados na música.[1]" O vocalista Ronny Hansen comentou a performance de Blomberg:

Faixas

editar
  1. Rites of Death
  2. Old Times Cruelty
  3. Via Dolorosa
  4. Raade
  5. The Crown I Carry
  6. Betrayed
  7. Vale of Tears
  8. The Return
  9. As I Die
  10. Mitt Hjerte

Créditos

editar

Gravadora: Endtime Productions

Referências

  1. a b Skogtroll (7 de Janeiro de 2007). «Hellhammer (Jan Axel Blomberg):"I just have wonderful memories of your country!"». Metal Library (em russo e traduzido pelo google para Inglês). Open Publishing. Consultado em 24 de junho de 2008 
  2. Kemman, Max, Antestor interview, Jesus Metal, acessado em 30-10-2007