Abrir menu principal

A Luz Que Se Apaga

filme de 1939 dirigido por William A. Wellman
(Redirecionado de The Light That Failed)
A Luz Que Se Apaga
The Light That Failed
 Estados Unidos
1939 •  p&b •  97 min 
Direção William Wellman
Produção William Wellman
Roteiro Robert Carson
Baseado em The Light That Failed de Rudyard Kipling
Elenco Ronald Colman
Walter Huston
Ida Lupino
Muriel Angelus
Dudley Digges
Ernest Cossart
Gênero drama
Distribuição Paramount Pictures
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

A Luz Que Se Apaga[1][2] (The Light That Failed) é um filme estadunidense de 1939, do gênero drama, dirigido por William Wellman. O astro Ronald Colman queria Vivien Leigh para o papel que coube a Ida Lupino,[3] cujo sotaque cockney rouba o filme[4] e cuja surpreendente atuação deu início à sua carreira de atriz dramática.[5]

O roteiro é baseado no romance homônimo de Rudyard Kipling, publicado em 1890. A história já havia sido filmada anteriormente em 1916 e 1923 e o seria ainda uma vez, em 1961, para a TV, mas esta é a melhor versão.[5]

SinopseEditar

Dick Heldar é um pintor que está ficando cego, graças a ferimentos recebidos na guerra do Sudão. Antes de perder totalmente a visão, ele quer terminar sua maior obra, um retrato da mais famosa prostituta de Londres, Bessie Broke. Quando eles se apaixonam, a sociedade fica escandalizada e impede a união. Dick termina o quadro, que se revela uma obra-prima, mas Bessie, frustrada pela hipocrisia dos falsos moralistas, vandaliza-o em um ataque de raiva. Desesperado e já totalmente cego, Dick retorna ao Sudão e junta-se a seu amigo Torpenhow em uma última e fatal carga, montado em um magnífico e alegórico cavalo branco.

ElencoEditar

Ator/Atriz Personagem
Ronald Colman Dick Heldar
Walter Huston Torpenhow
Ida Lupino Bessie Broke
Muriel Angelus Maisie
Dudley Digges O Nilgai
Ernest Cossart Beeton
Ferike Boros Madame Binat
Pedro de Córdoba Monsieur Binat
Colin Tapley Gardner

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Memorial da Fama, sítio português». Consultado em 6 de abril de 2012. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  2. 50 Anos de Filmes, site brasileiro
  3. Gomes de Mattos, Antonio Carlos (1991). Hollywood Anos 30. Rio de Janeiro: EBAL 
  4. MALTIN, Leonard, Classic Movie Guide, 2a. edição, Nova Iorque: Plume, 2010 (em inglês)
  5. a b EAMES, John Douglas, The Paramount Story, Londres: Octopus Books, 1985 (em inglês)

BibliografiaEditar

  • EAMES, John Douglas, The Paramount Story, Londres: Octopus Books, 1985 (em inglês)
  • Gomes de Mattos, Antonio Carlos (1991). Hollywood Anos 30. Rio de Janeiro: EBAL 
  • Rodrigues da Silva, Divino (1995). «Todos os Filmes da Paramount de 1935 a 1939». edição de autor. Matinê (12) 

Ligações externasEditar