The Producers (musical)

The Producers (Os Produtores) é um musical adaptado por Mel Brooks e Thomas Meehan do filme de mesmo nome de 1968, com músicas e letras por Brooks e arranjos por Glen Kelly e Doug Besterman. Como no filme, a história diz respeito a dois produtores teatrais que criam um plano para ficarem ricos: para criar sensacionalismo em um show da Broadway que deve fracassar. As complicações surgem quando o show inesperadamente acaba por ser bem sucedido. O humor do show baseia-se em sotaques ridículos, caricaturas de homossexuais e nazistas, e muitos piadas sobre show business.

The Producers
Cartaz promocional
Informação geral
Música Mel Brooks
Letra Thomas Meehan
Libreto Mel Brooks
Thomas Meehan
Baseado em No filme de 1968
Prêmios Tony Award de Melhor Musical
Tony Award de Melhor Libreto de Musical
Tony Award de Melhor Trilha Sonora de Musical
Grammy Award de Melhor Álbum de Show Musical
Drama Desk Award de Excepcional Musical
Laurence Olivier Award de Melhor Novo Musical

Após 33 prévias, a produção original da Broadway abriu no St. James Theatre em 19 de abril de 2001, estrelado por Nathan Lane e Matthew Broderick, e realizou 2.502 performances, ganhando um recorde de 12 prêmios Tony.[1] The Producers gerou uma produção londrina de sucesso que ficou em cartaz por dois anos e meio, turnês, muitas produções em todo o mundo e uma versão cinematográfica de 2005.

A produção brasileira estreou em São Paulo em 2007, dirigida por Miguel Falabella, com Juliana Paes e Vladimir Brichta; Teve outra produção no país no Rio de Janeiro e em Portugal.

Ver tambémEditar

Referências

  Este artigo sobre teatro musical é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.