Abrir menu principal

The Sterile Cuckoo

filme de 1969 dirigido por Alan J. Pakula
The Sterile Cuckoo
Os Anos Verdes (BRA)
 Estados Unidos
1969 •  technicolor •  107 min 
Direção Alan J. Pakula
Produção Alan J. Pakula
Produção executiva David Lange
Roteiro Alvin Sargent
John Nichols
(romance)
Elenco Liza Minnelli
Wendell Burton
Tim McIntire
Gênero comédia dramática
Música Fred Karlin
Direção de arte Roland Anderson
Direção de fotografia Milton R. Krasner
Efeitos especiais Charles Spurgeon
Figurino John Anderson
Jennifer Parsons
Edição Sam O'Steen
John W. Wheeler
Companhia(s) produtora(s) Paramount Pictures
Distribuição Paramount Pictures
Lançamento Estados Unidos 22 de outubro de 1969
Idioma inglês

The Sterile Cuckoo (Os Anos Verdes BRA ) é um filme norte-americano de 1969, do gênero comédia dramática, dirigido por Alan J. Pakula e estrelado por Liza Minnelli e Wendell Burton.

Índice

Notas de produçãoEditar

Este é o primeiro filme estrelado por Liza Minelli e o primeiro dirigido por Alan J. Pakula, que vinha de produzir sete películas do cineasta Robert Mulligan. Pakula é um dos poucos produtores que fizeram com sucesso a transição para a direção.[1]

Outra estreia é a do ator Wendell Barton, que apareceu apenas quatro vezes no cinema, tendo dedicado o restante de sua curta carrreira à televisão.

The Sterile Cuckoo concorreu a dois prêmios Oscar, um deles para Liza (que ficaria com a estatueta três anos mais tarde por Cabaret) e o outro para a canção Come Saturday Morning, de Fred Karlin e Dory Previn.

Liza não canta nem dança no filme. Ainda assim, este é um dos oito de seus melhores trabalhos, segundo o crítico e historiador Ken Wlaschin.[2]

SinopseEditar

Pookie é uma jovenzinha estranha e solitária, que rejeita todos aqueles que ela chama de "esquisitões", isto é, todo mundo. Ela estuda em um colégio de Nova Iorque e começa uma improvável amizade com Jerry, de uma escola perto dali. Jerry é estudioso, não tem maiores problemas com a sociedade, mas é muito inseguro. A mútua influência faz com que ambos cresçam espiritualmente e descubram que a vida não é apenas mel nem somente sal -- é agridoce.

Principais premiaçõesEditar

Patrocinador Prêmio Categoria Situação
Academia de Artes e Ciências Cinematográficas Oscar Melhor Atriz (Liza Minnelli)
Melhor Canção Original
Indicado
Indicado
Associação de Correspondentes Estrangeiros de Hollywood Golden Globe Melhor Atriz em Filme Dramático
(Liza Minnelli)
Indicado
British Academy of Film and Television Arts BAFTA Award Melhor Atriz Revelação
(Liza Minnelli)
Indicado
Academia Italiana de Cinema David di Donatello Melhor Atriz Estrangeira
(Liza Minnelli)
Vencedor

ElencoEditar

Ator/Atriz Personagem
Liza Minnelli Pookie Adams
Wendell Burton Jerry Payne
Tim McIntire Charlie Schumacher
  • O restante do elenco não recebeu créditos

Referências

  1. FINLER, Joel W., Alan Pakula, in The Movie Directors Story, Nova Iorque: Crescent Books, 1985 (em inglês)
  2. WLASCHIN, Ken, The World's Great Movie Stars and Their Films, Londres: Peerage Books, 1985 (em inglês)

BibliografiaEditar

  • ALBAGLI, Fernando, Tudo Sobre o Oscar, Rio de Janeiro: EBAL - Editora Brasil-América, 1988
  • EAMES, John Douglas, The Paramount Story, Londres: Octopus Books, 1985 (em inglês)
  • FILHO, Rubens Ewald, O Oscar e Eu, São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2003
  • MALTIN, Leonard, Leonard Maltin's Movie Guide - 2011 Edition, Nova Iorque: New American Library, 2010 (em inglês)
  • QUINLAN, David, The Illustrated Guide to Film Directors, Londres: Batsford, 1983 (em inglês)

Ligações externasEditar