Abrir menu principal

The Time Traveler's Wife

filme de 2009 dirigido por Robert Schwentke
Ambox grammar.svg
Esta página ou secção precisa de correção ortográfico-gramatical.
Pode conter incorreções textuais, e ainda pode necessitar de melhoria em termos de vocabulário ou coesão, para atingir um nível de qualidade superior conforme o livro de estilo da Wikipédia. Se tem conhecimentos linguísticos, sinta-se à vontade para ajudar.
The Time Traveler's Wife
Cartaz do filme
No Brasil Te Amarei para Sempre
Em Portugal A Mulher do Viajante do Tempo
 Estados Unidos
2009 •  cor •  107 min 
Direção Robert Schwentke
Produção Nick Wechsler
Dede Gardner
Coprodução Kristin Hahn
Produção executiva Brad Pitt
Roteiro Bruce Joel Robin
Baseado em A Mulher do Viajante do Tempo, de Audrey Niffenegger
Elenco Rachel McAdams
Eric Bana
Ron Livingston
Género drama romântico
ficção científica
Cinematografia Florian Ballhaus
Jon Hutman
Companhia(s) produtora(s) New Line Cinema
Distribuição Playarte
Lançamento Estados Unidos14 de agosto de 2009
Brasil16 de outubro de 2009
Idioma inglês
Orçamento US$ 39 milhões
Receita US$ 101 milhões
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

The Time Traveler's Wife (bra Te Amarei para Sempre[1][2]; prt A Mulher do Viajante do Tempo[3]) é um filme norte-americano do gênero drama/romance, dirigido por Robert Schwentke. O filme é baseado no livro A Mulher do Viajante do Tempo, de Audrey Niffenegger, e inspirado na canção Hard to Say I'm Sorry, composta por Peter Cetera e David Foster e gravada em 1982 pela banda Chicago. O filme é estrelado por Eric Bana como Henry DeTamble, um bibliotecário de Chicago com uma desordem genética que faz com que ele viaje no tempo aleatoriamente, enquanto ele tenta construir um relacionamento romântico com seu amor Clara, interpretada por Rachel McAdams.

SinopseEditar

No início dos anos 70, Henry DeTamble sofre um acidente de carro com sua mãe, o que resulta na morte dela. Henry sobrevive por viajar no tempo duas semanas antes. Momentos depois, Henry é ajudado por uma versão mais velha dele mesmo, que também havia viajado no tempo. Incapaz de controlar a duração ou os destinos de suas viagens, Henry encontra-se atraído por pessoas significativas, lugares e eventos em sua vida, mas é incapaz de mudar os eventos além das pequenas diferenças que sua presença cria.

Em 1991, Henry conhece Clare, que está muito feliz ao vê-lo, embora ele realmente a esteja encontrando pela primeira vez. Clare explica que ela tem encontrado Henry pela maior parte de sua vida e que ele é seu melhor amigo. Eles começam um relacionamento, que é desafiado pela desordem de Henry. Suas viagens esporádicas é ainda mais complicada pelo fato de que ele está completamente nu quando chega a seu destino e, desde jovem, aprendeu a abrir fechadoras e a roubar para conseguir roupas e sobreviver em suas viagens. Entre suas escapadas, ocorrem muitas visitas à jovem Clare. Do diário da Clare dos tempos presentes, ele obtém uma lista de datas de quando ele a visitou e pede à jovem Clare que ela espere por ele levando roupas. Apaixonados, Henry e Clare casam-se. Na verdade ele viaja no tempo antes da cerimônia e uma versão de si mesmo chega a tempo de entrar em cena.

Os desaparecimentos de Henry tornam-se um obstáculo em sua relação com Clare. Sua desordem o permite ganhar na loteria e também faz com que ele tenha um filho com Clare. Contudo, o filho não nasce, pois herda os genes do pai e viaja no tempo ainda feto. Após inúmeros abortos, ele tem uma vasectomia em segredo, mas Clare se engravida de uma versão mais nova de Henry. Antes que a criança nasça, Henry avança no tempo e encontra sua filha Alba, que lhe diz que também é uma viajante no tempo e que tem certo controle sobre onde e quando viaja. Ela também diz a Henry que ele morrera quando ela tinha cinco anos, fato que Henry não revela a Clare.

Algumas vezes a jovem Alba é visitada por sua versão pré-adolescente e, em uma das visitas, tenta preparar a menina para a morte de Henry. Clare logo descobre o que está por vir. Mais tarde, em uma de suas viagens, Henry é baleado pelo pai de Clare que tentava atirar em um alce e ele então retorna no tempo para morrer nos braços de Clare. Após alguns anos, uma versão de Henry visita Alba e Clara, dando esperanças de que ele a visitaria novamente, porém diz para que Clare não passe a vida esperando por ele.

ElencoEditar

Referências

  1. «Te Amarei para Sempre». Brasil: CinePlayers. Consultado em 10 de abril de 2019 
  2. Te Amarei para Sempre (em português) no AdoroCinema (Brasil)
  3. A Mulher do Viajante do Tempo (em português) no CineCartaz (Portugal)
  Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  A Wikipédia tem os portais: