Abrir menu principal

The Times of Israel

The Times of Israel
Sede Jerusalém
Fundação Fevereiro de 2012
Fundador(es) David Horovitz
Seth Klarman
Editor
  • Suha Halifa (Árabe)
  • Stephanie Bitan (Francês)
  • Avi Davidi (Persa)
Editor-chefe David Horovitz (editor fundador)
Editor adjunto
  • Joshua Davidovich
  • Elie Leshem
Editor de opinião Miriam Herschlag
Orientação política Independente
Idioma Inglês, Hebraico, Árabe, Francês, Persa
OCLC OCLC 969749342
Página oficial www.timesofisrael.com

The Times of Israel é um jornal online baseado em Israel e principalmente em inglês , lançado em 2012. Foi cofundado pelo jornalista David Horovitz, que também é o editor fundador, e pelo gerente americano de fundos de hedge Seth Klarman.[1] Abrange "desenvolvimentos em Israel, no Oriente Médio e em todo o mundo judaico".[2] Juntamente com o site original em inglês, o The Times of Israel publica nas edições árabe, francês e persa. Em 1 de maio de 2019, lançou um site de notícias hebraico, Zman Yisrael.

Além de publicar notícias e análises, o site hospeda uma plataforma de blog com vários autores.[3]

Em fevereiro de 2014, dois anos após o seu lançamento, o The Times of Israel reivindicou um número de leitores de 2 milhões.[4] Em 2017, o número de leitores aumentou para 3,5 milhões de usuários mensais únicos.[5]

HistóriaEditar

The Times de Israel foi lançado em fevereiro de 2012. Seus co-fundadores são o jornalista David Horovitz,[6][7] e o bilionário americano Seth Klarman, fundador do Baupost Group e presidente do The David Project. Klarman é o presidente do site.[8]

Vários editores do Times of Israel haviam trabalhado anteriormente para a edição em inglês do Haaretz, incluindo Joshua Davidovich e Raphael Ahren, e o ex-correspondente de assuntos árabes do Haaretz, Avi Isaacharoff, como analista do Oriente Médio.[9]

The Times of Israel lançou sua edição em árabe, editada por Suha Halifa, em 4 de fevereiro de 2014,[10][11] sua edição em francês, editada por Stephanie Bitan, em 25 de fevereiro de 2014[12] e sua edição em persa, editada por Avi Davidi, em 7 de outubro de 2015.[13] Ele lançou seu site hebraico, Zman Yisael, em 1 de maio de 2019, editado por Biranit Goren.[14]

As edições em árabe e francês combinam traduções de conteúdo em inglês com material original em seus respectivos idiomas e também hospedam uma plataforma de blog.[4] Ao anunciar a edição em árabe, Horovitz sugeriu, The Times of Israel pode ter criado a primeira plataforma de blog em árabe que "extrai artigos de todo o espectro de opiniões. Estamos convidando aqueles de nossos leitores árabes com algo de valor que eles querem dizer para publicar em nossas páginas, respeitando os parâmetros do debate legítimo, juntando-se ao nosso mercado de ideias".[11] Para "evitar o tipo de comentários anônimos que podem reduzir a discussão a pontos tóxicos", os comentários em artigos de notícias e recursos em todas as edições do site só podem ser postados por leitores identificados através de seus perfis do Facebook ou equivalente.[11]

Em fevereiro de 2014, dois anos após o seu lançamento, o The Times of Israel reivindicou um número de leitores de dois milhões.[4] Em 2017, o número de leitores aumentou para 3,5 milhões.[5]

Desde 2016, The Times hospeda sites de jornais judeus em vários países. Em março de 2016, começou a sediar o The Jewish Week, de Nova York.[15] Também abriga o Jewish News da Grã-Bretanha, o New Jersey Jewish Standard, The Atlanta Jewish Times e o Jewish Chronicle of Pittsburgh.[16][17][18]

Em 2 de novembro de 2017, hackers na Turquia derrubaram o site do The Times of Israel por três horas, substituindo a página inicial por propaganda anti-Israel.[17] Respondendo ao ataque, David Horovitz disse: "Trabalhamos constantemente para melhorar a segurança do site, que está sujeito a ataques implacáveis de hackers. Quão infeliz e quão mal reflete neles que os hackers buscam impedir que as pessoas leiam jornalismo responsável e independente sobre Israel, o Oriente Médio e o mundo judaico."[19]

Orientação editorialEditar

Segundo o editor David Horovitz, o The Times of Israel pretende ser independente, sem nenhuma tendência política."[20][21] O conselho editorial do jornal é composto pelos ex-editores do Jerusalem Report Sharon Ashley, Irwin Cotler, Efraim Halevy, Saul Singer e Ehud Yaari. Yehuda Avner era membro do conselho editorial até sua morte em março de 2015.[2] Horowitz disse em 2012: "Somos independentes; não somos apegados ou afiliados a nenhum partido político".[22]

Jornalismo investigativoEditar

Uma série de artigos de investigação, começando com uma peça de março de 2016 de Simona Weinglass, intitulada "Os lobos de Tel Aviv: o vasto esquema de opções binárias amorais de Israel expostas", ajudou a esclarecer um esquema global de vários bilhões de dólares em Israel. Como resultado direto das reportagens investigativas do The Times of Israel sobre a fraude, em 23 de outubro de 2017 o parlamento israelense, o Knesset, aprovou por unanimidade uma lei que proíbe a indústria de opções binárias de Israel. A lei concede às empresas de opções binárias em Israel três meses desde que a lei foi aprovada para cessar as operações. Depois disso, qualquer pessoa envolvida em opções binárias é punida com até dois anos de prisão.

Em um blog do Times of Israel, Karine Elharrar, membro do Knesset, de Yesh Atid, creditou o artigo por chamar a atenção dos legisladores israelenses para o assunto: "No ano passado, o Times de Israel lançou um holofote sobre a feia indústria de opções binárias de Israel. Foi um caso de jornalismo investigativo no seu melhor e o The Times of Israel deveria se orgulhar de seus jornalistas e editores".[23]

Escritores notáveisEditar

ConcorrênciaEditar

The Times of Israel compete pelos leitores do Jerusalem Post, do Israel National News de Arutz Sheva, do Haaretz, do Israel Hayom e do The Forward.[22]

Referências

  1. Forbes: The World's Billionaires: Seth Klarman April 2014
  2. a b «About The Times of Israel | The Times of Israel». The Times of Israel 
  3. «New English-Language Israeli Website Launched». Haaretz 
  4. a b c «Times of Israel Adds French Edition». Jewish Telegraphic Agency 
  5. a b «New York Jewish Week, the Times of Israel's new local partner, launches its new website». Times of Israel 
  6. Jodi Rudoren and Michael R. Gordon. «Kerry Sees Progress in Effort to Revive Mideast Talks». The New York Times 
  7. Rudoren, Jodi. «Palestinian Prisoner Release Is Critical Hurdle in Resuming Peace Talks». The New York Times 
  8. Klarman, Seth. «A note from the chairman». The Times of Israel 
  9. «The (Possible) Triumph of Common Sense». The Times of Israel 
  10. Wiener, Julie. «Translating Israel, from English to Arabic». Jewish Telegraphic Agency 
  11. a b c Horovitz, David. «From Today, The Times of Israel Is Also in Arabic». The Times of Israel 
  12. Horovitz, David. «Bonjour and Welcome to The Times of Israel in French». The Times of Israel 
  13. «Khosh Amadid! Welcome to The Times of Israel Persian». The Times of Israel 
  14. «Clear-headed journalism, this time in Hebrew: Introducing Zman Yisrael» 
  15. «Jewish Week To Partner With Times Of Israel» 
  16. «News Brief Times of Israel website hacked by Turkish group». JYA 
  17. a b «Times of Israel Hack Reveals Major Vulnerability in Jewish Media Infrastructure—and Not Just in Israel». Tablet Magazine (em inglês). 3 de novembro de 2017. Consultado em 17 de outubro de 2019 
  18. «Jewish Week To Partner With Times Of Israel». The Jewish Week 
  19. TOI staff. «Times of Israel hit by hack attack». www.timesofisrael.com 
  20. «Tycoons Turning Israeli Media into Hasbara Tools». Haaretz 
  21. [1]. Latitude (blog of The New York Times)
  22. a b «The Softspoken Man Behind Times of Israel». The Forward 
  23. «Defeating binary options shows the system can work». Times of Israel 
  24. «Writer: Haviv Rettig Gur». The Times of Israel 
  25. «Peres, at 90, Is Ready to Leave the Israeli Presidency, but Not to Retire». The New York Times 
  26. «Abbas Meets in London with Israeli Negotiator». The New York Times 
  27. «Naomi Chazan – Writers – The Times of Israel». The Times of Israel 
  28. «Author – Irwin Cotler». The Times of Israel 
  29. «Author – Simcha Jacobovici». The Times of Israel 
  30. «Author – Yair Lapid». The Times of Israel 
  31. «Author – Dov Lipman». The Times of Israel 
  32. «A Dissident Egyptian's Visit to Israel». The Lede (blog of The New York Times) 
  33. «Author – Joseph J. Sherman». The Times of Israel 
  34. «LinkedIn: Saul Singer». LinkedIn. Consultado em 8 de setembro de 2014 
  35. «Author – Sarah Tuttle-Singer». The Times of Israel