The Ultimate Fighter: Brasil 4

The Ultimate Fighter: Brasil 4
Informação geral
Formato reality show
Gênero Esportes
Duração 60 minutos
Criador(es) Frank Fertitta III, Lorenzo Fertitta, Dana White
Ring girl = Nathalia Ferreira ( forte candidata)
País de origem Brasil, Estados Unidos
Idioma original português
Produção
Elenco Dana White, Antônio Rodrigo Nogueira, Maurício Rua

Rin

Exibição
Emissora original Globo
Transmissão original 5 de Abril de 2015 - 1 de Agosto de 2015
Cronologia
The Ultimate Fighter: A Champion Will Be Crowned
The Ultimate Fighter: American Top Team vs. Blackzilians

The Ultimate Fighter: Brasil 4 é uma edição do reality show The Ultimate Fighter produzido pelo Ultimate Fighting Championship. Esta é a oitava edição internacional do evento (não envolvendo lutadores estadunidenses) e a quarta edição brasileira.

Em outubro de 2014 foi anunciado que a edição teria os ex-campeões Anderson Silva e Maurício Shogun como os treinadores principais. Apesar de serem treinadores rivais, eles não se enfrentarão após a temporada como é de costume do programa.[1] Em fevereiro de 2015, foi anunciada que Anderson não seria mais o treinador principal da edição. Após ser pego no exame antidoping antes do UFC 183[2] a Comissão Atlética de Nevada decidiu que ele não seria mais o treinador principal deste edição do TUF. Rodrigo Minotauro foi chamado para o ser o seu substituto.[3]

ElencoEditar

EquipesEditar

     Equipe Anderson / Nogueira
     Equipe Shogun

LutadoresEditar

  • Peso Galo: Leandro Higo, Bruno Gustavo, Matheus Pereira, Reginaldo Vieira, Matheus Mattos, Giovanni da Silva Santos Júnior, José Marcos, Peter Montibeller, Maycon Silvan, Bruno Rodrigues, Eduardo Diez e Dileno Lopes.
  • Peso Leve: Fernando Bruno, Nazareno Malegarie, Jeferson Negrini, Adilson Fernandes, Glaico Franca, Joaquim Silva, Alexandre Cidade, Arlen Ribeiro, Erick da Silva, André Ricardo, Bruno Murata e Nikolas Motta.
  • Lutadores eliminados no round de abertura
    • Peso Galo: Franklyn Santos, Renato Mônaco, Mateus Vasco e Gustavo Sedório.
    • Peso Leve: Carlos Costa, Edson Pereira, Raush Manfio e Gabriel Macário.

EpisódiosEditar

Episódio 1 (5 de abril de 2015)

  • Os lutadores junto com a equipe de treinadores da edição e Dana White se juntam no centro de treinamento para as boas-vindas e explicar como funcionará a temporada;
  • Dana White revela que levará todos os lutadores para o MGM Grand Garden Arena para assistir ao UFC 183;
  • As lutas eliminatórias se iniciam:
    • Luta de Peso Galo: Bruno "Korea" Rodrigues derrotou Franklin "Arrocha" Santos por nocaute (chute rodado) no primeiro round.
    • Luta de Peso Leve: Joaquim "Neto BJJ" Silva derrotou Carlos "Mistoca" Costa por nocaute técnico (socos) no terceiro round.
    • Luta de Peso Galo: Dileno Lopes derrotou Renato "Franguinho" Mônaco por finalização (mata-leão) no primeiro round
    • Luta de Peso Leve: Nazareno "El Tigre" Malegarie derrotou Edson "PC" Ferreira por decisão unânime após dois rounds.
    • Luta de Peso Galo: Matheus Nicolau derrotou Mateus "Pitbull" Vasco por finalização (mata-leão) no primeiro round.
    • Luta de Peso Leve: Glaico "Nego" França derrotou Raush "Cavalo de Guerra" Manfio derrotou por finalização (mata-leão) no segundo round.
    • Luta de Peso Galo: Bruno "Bulldog" Silva derrotou Gustavo Sedório por nocaute técnico (lesão) no primeiro round.
    • Luta de Peso Leve: Erick "Índio Brabo" da Silva derrotou Gabriel Macário por nocaute técnico (interrupção médica) no segundo round.

Episódio 2 (12 de abril de 2015)

  • As lutas preliminares continuam:
    • Luta de Peso Galo: Matheus "Adamas" Mattos derrotou Marcos "Majú" Lima por nocaute técnico (socos) no segundo round
    • Luta de Peso Leve: Adilson "Jack Godzilla" Fernandes derrotou Arlen "Benks" Viana fpor finalização (katagatame) no segundo round.
    • Luta de Peso Galo: Reginaldo Vieira derrotou Peter Montibeller por finalização (guilhotina) no primeiro round.
    • Luta de Peso Leve: Fernando "Açougueiro" Bruno derrotou Bruno Murata por finalização (mata-leão) no terceiro round.
    • Luta de Peso Galo: Giovanni "Soldado" Santos derrotou Eduardo "Cabelo" Diez por decisão unânime após dois rounds.
    • Luta de Peso Leve: Nikolas Motta derrotou Alexandre Cidade por decisão unânime após dois rounds.
    • Luta de Peso Galo: Leandro "Pitbull" Higo derrotou Maycon "Boca" Silvan por finalização (katagatame) no primeiro round.
    • Luta de Peso Leve: André "Dedé" Ricardo derrotou Jeferson "Batata" Negrini por nocaute técnico (chute no corpo e socos) no segundo round.
  • Os treinadores se reúnem e fazem as escolhas de seus times. Durante o sorteio, Shogun ganhou o sorteio e escolheu a opção de "casar" a primeira luta. Sendo assim, Anderson foi o primeiro a escolher o lutador:
  • Peso Galo
Treinador 1º Escolhido 2º Escolhido 3º Escolhido 4º Escolhido
Anderson/Minotauro Matheus Mattos Leandro Higo Reginaldo Vieira Bruno Silva
Shogun Matheus Nicolau Dileno Lopes Bruno Rodrigues Giovanni Santos
  • Peso Leve
Treinador 1º Escolhido 2º Escolhido 3º Escolhido 4º Escolhido
Anderson/Minotauro André Ricardo Nikolas Motta Erick da Silva Fernando Bruno
Shogun Nazareno Malegarie Glaico França Joaquim Silva Adilson Fernandes

Episódio 3 (19 de abril de 2015)

  • Os lutadores entram na casa do TUF e já escolhem seus respectivos quartos.
  • Os participantes vão a um casino em Las Vegas onde eles conhecem as participantes do concurso de octagon girl dessa temporada do reality.
  • Anderson Silva recebe uma ligação e é notificado que falhou no exame antidoping após a luta do UFC 183. A Comissão Atlética decide que Anderson não poderá mais continuar no comando de sua equipe na temporada, sendo assim, os substitutos dele serão Rodrigo Minotauro e Rogério Minotouro.
  • Os lutadores participam de um desafio do TUF em um jogo de raciocínio e velocidade. O Time Shogun levou a melhor e conquistaram a chance de conhecer o Mount Charleston, uma montanha no estado de Nevada onde há várias estações de esqui e demais atividades na neve;
  • No momento da luta, Anderson dá a notícia de sua saída do programa. André Ricardo, amigo pessoal de Anderson e parceiro de treinos, chora copiosamente com a notícia e diz que lutará por ele durante o programa;
  • Matheus Nicolau derrotou Reginaldo Vieira por decisão unânime dos juízes após três rounds;
  • Rodrigo Minotauro não acredita no resultado, alegando que Reginaldo havia vencido os dois primeiros rounds, sem haver necessidade de lutar o terceiro.
  • A próxima luta é anunciada:   Nazareno Malegarie vs.   André Ricardo.

Episódio 4 (26 de abril de 2015)

  • Reginaldo Vieira conversa com Matheus Nicolau sobre sua luta. O lutador do Time Azul se abre e diz que em seu sentimento, acho que venceu os dois primeiros rounds. Matheus, sem querer causar polêmica, diz que ele tem todo o direito de expor sua opinião;
  • Bruno Rodrigues se envolve com uma das participantes do concurso de octagon girls, Jennifer Giacotto durante o passeio no Mount Charleston;
  • Nazareno Malegarie derrotou André Ricardo por nocaute técnico (socos e cotoveladas) no segundo round;
  • Com a vitória, a Equipe Shogun continua com o poder de escolha das lutas;
  • A próxima luta é anunciada:   Dileno Lopes vs.   Bruno Silva.

Episódio 5 (4 de maio de 2015)

  • André e Nazareno conversaram sobre a luta que fizeram no episódio anterior. Dedé parabenizou o argentino pela performance apresentada durante o combate;
  • O clima esquenta durante os treinos do Time Nogueira após uns golpes mais fortes serem conectados durante a sessão por alguns lutadores;
  • Dessa vez é André Ricardo que se envolve com uma das participantes do concurso de octagon girls. Dessa vez, o lutador se entendeu com a russa Diana Sparks;
  • Dileno Lopes derrotou Bruno Silva por finalização (guilhotina) no primeiro round;
  • A próxima luta é anunciada:   Glaico França vs.   Nikolas Motta

Episódio 6 (11 de maio de 2015)

  • Os lutadores vão para o deserto em Las Vegas para participar do Desafio dos Lutadores cuja equipe campeã teria o direito de escolha da próxima luta. O Time Shogun foi o campeão e conquistou o direito de permanecer com o direito de escolha;
  • No dia seguinte, os participantes do TUF foram as dunas para participar de uma corrida de carros de rally;
  • Para ajudar na perda de peso, Glaico resolve ir à banheira durante a madrugada e acabou incomodando alguns lutadores da equipe azul. No dia seguinte Fernando Bruno resolve repreender a atitude do lutador pelo que havia feito e ambos têm uma leve discussão. Na hora da pesagem, Fernando resolve ir até a sala da equipe vermelha e se desculpar com Glaico, que de imediato, aceitou as desculpas;
  • Glaico França derrotou Nikolas Motta por finalização (mata-leão) no segundo round;
  • A próxima luta é anunciada:   Bruno Rodrigues vs.   Leando Higo

Episódio 7 (18 de maio de 2015)

  • Nikolas e Glaico conversam sobre a luta que fizeram e o lutador do Time Nogueira disse que foi muito difícil defender as quedas de seu adversário;
  • Leandro Higo não passa bem durante os treinamentos do Time Nogueira devido a sobrecarga dos treinamentos. Ele evita descansar para que possa eliminar o seu peso o mais rápido possível. Matheus Mattos acha melhor que ele descanse para que não tenha problemas antes da luta;
  • Durante um treinamento do Time Shogun, Giovanni se lesionou ao defender uma queda de Glaico e acabou com uma luxação no ombro. Posteriormente, ao tentar um chute, ainda nos treinamentos, acabou lesionando o pé direito. Após o treino, Giovanni foi levado ao hospital onde foi constatado que foram lesões leves, sem perigo;
  • Houve um desafio de resistência entre as equipes e o Time Vermelho venceu novamente. Os vencedores irão ao Triple Thrills Park em Las Vegas;
  • Leandro Higo se emociona ao conseguir bater o seu peso na casa após sofrer muito. Durante a pesagem oficial, ambos os atletas batem o peso;
  • Bruno Rodrigues derrotou Leandro Higo por finalização (mata-leão) no primeiro round;
  • A próxima luta é anunciada:   Joaquim Silva vs.   Erick da Silva.

Episódio 8 (24 de maio de 2015)

  • Leandro Hugo diz se arrepender de não ter cumprimentado Bruno Rodrigues após a luta e vai pedir desculpas ao companheiro;
  • Após ter algumas lesões durante os treinamentos, Giovanni Santos começou a tomar antibióticos e desabafou com o companheiro Dileno Lopes que estava sentindo muito cansaço. O atleta acabou indo para um treinamento específico e acusou os efeitos colaterais dos remédios. Soldado deixou o treinamento e desabou em lágrimas no vestiário;
  • Após sentir muita dificuldade para voltar aos treinamentos, Giovanni resolveu desistir da luta e abandonar o reality, o que causou muita comoção entre os companheiros de equipe;
  • Dana White ofereceu a vaga de Soldado ao lutador do Time Nogueira, Leandro Higo, que perdera para Bruno Rodrigues no episódio anterior. Após pensar um pouco, o atleta aceitou a luta;
  • Joaquim Silva derrotou Erick da Silva por decisão unânime após três rounds;
  • Leandro Higo acusou uma lesão naa costelas em sua luta anterior e acabou cedendo o seu espaço para Reginaldo Vieira pois não conseguiria se recompor até o dia da luta;
  • A próxima luta é anunciada:   Matheus Mattos vs.   Reginaldo Vieira.

Episódio 9 (1 de junho de 2015)

  • O Time Shogun se mostra bastante abatido com a ausência de Giovanni dos Santos;
  • Matheus Mattos e Reginaldo Vieira enaltecem a amizade que criaram dentro do programa e dizem que até mesmo essa luta não abalará o vínculo criado entre eles;
  • Os lutadores do Time Nogueira fizeram um boneco para provocar os atletas do Time Shogun e apelidaram a equipe de "Time Rosa";
  • Com a ausência de Soldado no Time Shogun, os atletas da equipe resolveram convidar Bruno Silva para ir com eles andar de montanha russa (prêmio que a equipe ganhou em um desafio entre os lutadores). Bruno aceitou e seus colegas, em tom amistoso, disseram que ele não fazia mais parte do Time Nogueira.
  • Ao retornar do passeio, Bruno se deparou com seu colchão na porta de entrada da casa e os lutadores disseram que ele não dormiria no quarto com os demais atletas. Bruno, sempre em tom de brincadeira, perguntou o que ele poderia fazer para retornar e todos os lutadores disseram que não havia nada a ser feito;
  • No dia seguinte, Bruno foi acordado com "chineladas", este que seria o único método dos demais lutadores aceitarem o seu retorno a equipe;
  • Reginaldo e Matheus trabalham juntos para a perda de peso;
  • Reginaldo Vieira derrotou Matheus Mattos por decisão unânime após dois rounds;
  • A próxima luta é anunciada:   Adilson Fernandes vs.   Fernando Bruno

Episódio 10 (8 de junho de 2015)

  • Os atletas peso-leve participaram do "Desafio dos Troncos" que deviam carregar e serrar um tronco em quatro partes. Mais uma vez a Equipe Shogun saiu vencedora;
  • Fernando Bruno derrotou Adilson Fernandes por decisão unânime após dois rounds;
  • Os lutadores sumiram o papel de jurados para eleger as duas finalistas do concurso das octagon girls. As duas finalistas eleitas foram a brasileira Elenita Machado e a estadunidense Cindy Laura;
  • As semifinais entres pesos-galo foram definidas:

  Dileno Lopes vs.   Matheus Nicolau
  Bruno Rodrigues vs.   Reginaldo Vieira;

  • As semifinais entre os pesos-leve foram definidas:

  Glaico França vs.   Joaquim Silva
  Nazareno Malegarie vs.   Fernando Bruno.

Episódio 11 (15 de junho de 2015)

  • Glaico França derrotou Joaquim Silva por finalização (mata-leão) no primeiro round;
  • No Desafio dos Técnicos, Maurício Shogun venceu Minotauro Nogueira em uma prova em que ambos deviam pilotar e fazer manobras com máquinas pesadas. O técnico levou dez mil dólares para casa enquanto os seus lutadores ganharam mil e quinhentos dólares cada;
  • Dileno Lopes derrotou Matheus Nicolau por decisão unânime após três rounds.

Episódio 12 (22 de junho de 2015)

  • Reginaldo Vieira derrotou Bruno Rodrigues por finalização (guilhotina) no segundo round;
  • Fernando Bruno derrotou Nazareno Malegarie por decisão unânime após três rounds.

Chave do TorneioEditar

Peso GaloEditar

Quartas de Final Semifinal Finale
       
      Reginaldo Vieira DU
      Matheus Nicolau 3  
      Matheus Nicolau DU
        Dileno Lopes 3  
      Bruno Silva FIN
      Dileno Lopes 1  
      Dileno Lopes DU
        Reginaldo Vieira 3
      Leandro Higo FIN
      Bruno Rodrigues 1  
      Bruno Rodrigues FIN
        Reginaldo Vieira 2  
      Matheus Mattos DU
      Reginaldo Vieira* 2  

* Giovanni Santos optou por deixar a competição por causa de uma lesão no ombro e no pé e também por ter contraído uma infecção por bactéria. Seu substituto será Reginaldo Vieira

Peso LeveEditar

Quartas de Final Semifinal Finale
       
      André Ricardo TKO
      Nazareno Malegarie 2  
      Nazareno Malegarie DU
        Fernando Bruno 3  
      Fernando Bruno DU
      Adilson Fernandes 2  
      Fernando Bruno FIN
        Glaico França 3
      Erick da Silva DU
      Joaquim Silva 3  
      Joaquim Silva FIN
        Glaico França 1  
      Nikolas Motta FIN
      Glaico França 2  

FinaleEditar

 Ver artigo principal: UFC 190

Após diversas mudanças no local e nas lutas, a final foi movida para 1 de Agosto de 2015 no UFC 190.[4]

Referências

Ligações ExternasEditar