Abrir menu principal
Tim Bendzko
Nascimento 9 de abril de 1985 (34 anos)
Kaulsdorf
Cidadania Alemanha, Alemanha Oriental
Alma mater Universidade Livre de Berlim
Ocupação cantor, cantautor
Prêmios Echo, Bambi, 1 Live Krone, Prêmio Steiger
Página oficial
http://www.timbendzko.de
Tim Bendzko em 2012

Tim Bendzko (9 de abril de 1985, Berlim, Alemanha) é um cantor e compositor alemão.[1] Ele conquistou sucesso nacional com sua canção Nur noch kurz die Welt retten e após ser vencedor do Bundesvision Song Contest em 2011, com a canção Wenn Worte meine Sprache wären.[2][3]

Índice

CarreiraEditar

Bendzko nasceu em Berlim, no ano de 1985 e foi criado na região de Köpenack. Quando adolescente, se tornou esportista durante seu ensino secundário (Gymnasium, em alemão) e jogou, como profissional, no 1. FC Union Berlin. Após concluir o ensino secundário, passou a estudar teologia protestante e religiões não-Cristãs na Universidade Livre de Berlim.[4]

Aos 11 ou 12 anos de idade, decidiu que gostaria de seguir a carreira musical e aos 16 anos de idade, começou a escreveu suas canções.[5] Em 2009, ele se registrou para uma competição de talentos chamada Söhne gesucht" e como vencedor, se apresentou para 20.000 espectadores durante o verão de 2009, no anfiteatro Berlin Waldbühne", um dos maiores da Europa.[6] A partir de então, Bendzko decidiu se entregar completamente a música e conseguiu um contrato com a Sony Music e em 2010 passou a abrir os shows da turnê da banda alemã Silly.

Em junho de 2011, lançou seu primeiro álbum de estúdio, intitulado Wenn Worte meine Sprache wären (Se palavras fossem minha linguagem). Alcançou a posição 4 na sua primeira semana nas tabelas alemãs, o que veio a ser sua melhor posição, e permaneceu na tabela por 82 semanas.[7] O álbum também alcançou as posições 11 e 13 nas tabelas da Áustria e da Suíça, respectivamente, e permaneceu por 34 semanas no Top 75 das tabelas austríacas e 43 semanas no Top 100 da tabela suíça.[8][9]

Bendzko abriu os shows em Colônia e Leipzig da turnê de Elton John, Greatest Hits Tour em sua passagem pela Alemanha. Em 2011, foi campeão do Bundesvision Song Contest, uma competição nacional da Alemanha que escolhe a canção mais popular do ano, com a canção Wenn Worte meine Sprache wären. Em 2011, também, ganhou um Bambi Award na categoria Novo Artista.[10]

DiscografiaEditar

Álbuns de estúdioEditar

Ano Álbum Melhor Posição Vendas e Certificações
ALE
[7]
AUT
[11]
SUI
[12]
2011 Wenn Worte meine Sprache wären

4 11 13

2013 Am seidenen Faden

1 4 7

2016 Immer noch Mensch

1 13 10

SinglesEditar

Ano Título Melhor posição Certificação
ALE
[16]
AUT
[11]
SUI
[17]
2011 "Nur noch kurz die Welt retten"
Wenn Worte meine Sprache wären
2 8 4

"Wenn Worte meine Sprache wären"
Wenn Worte meine Sprache wären
5 15 33

2012 "Ich laufe"
Wenn Worte meine Sprache wären
47 53
"Sag einfach Ja"
Wenn Worte meine Sprache wären
42
2013 "Am seidenen Faden"
Am seidenen Faden
11 27 65
"Programmiert"
Am seidenen Faden
32
"Unter die Haut" (feat. Cassandra Steen)
Unter die Haut
16[18] 49 59
2014 "Intro" (com Kool Savas)
Märtyrer
85[19]

PrêmiosEditar

  • 2011 - Bundesvision Song Contest, com Wenn Worte meine Sprache wären[3]
  • 2011 - Audi Generation Award 2011, na categoria "Musica"[20]
  • 2011 - Bambi Awards, na categoria "Novo Artista"[10]
  • 2011 - 1 Live-Krone, na categoria "Melhor Canção" com Nur mal kurz die Welt retten[21]
  • 2012 - 1 Live-Krone, na categoria "Melhor Cantor"[22]
  • 2012 - Echo, na categoria "Novo Artista Nacional"[23]
  • 2012 - MTV Europe Music Awards, na categoria "Best German Act"
  • 2014 - Echo, na categoria "Rock/Pop Nacional"
  • 2014 - World Music Award, na categoria "Best German Act"

Referências

  1. «Biografie: Tim Bendzko» (em alemão). SWR3. Consultado em 28 de julho de 2015 
  2. «Tim Bendzko - Biography» (em inglês). Billboard. Consultado em 28 de julho de 2015 
  3. a b «BUNDESVISION SONG CONTEST 2011» (em inglês). Festival Eurovisão da Canção. Consultado em 28 de julho de 2015 
  4. «Porträt: "Ich verstehe meine Songs erst nach einem halben Jahr"» (em alemão). Der Tagesspiegel. 27 de setembro de 2011. Consultado em 28 de julho de 2015 
  5. Radio Regenbogen. «"11 Fakten Tim Bendzko"» (em alemão). Consultado em 28 de julho de 2015 
  6. GfK Entertainment. «Tim Bendzko führt Download Charts an» (em alemão). Consultado em 28 de julho de 2015 
  7. a b «Discography Tim Bendzko» (em alemão). Consultado em 28 de julho de 2015. Arquivado do original em 7 de outubro de 2012 
  8. «Tim Bendzko - austriancharts.at» (em alemão). Consultado em 28 de julho de 2015 
  9. «Tim Bendzko - swisscharts.com» (em inglês). Consultado em 28 de julho de 2015 
  10. a b «BAMBI 2011 bewegt und berührt» (em alemão). Bambi Award. Consultado em 28 de julho de 2015 
  11. a b «Discographie Tim Bendzko - AUT». Ö3 Austria Top 40 (em alemão). austriancharts.at. Consultado em 28 de julho de 2015 
  12. «Discographie Tim Bendzko - SUI». Schweizer Hitparade (em alemão). Hitparade.ch. Consultado em 28 de julho de 2015 
  13. a b c d «Certificação Alemanha» (em alemão). Consultado em 28 de julho de 2015. Arquivado do original em 2 de dezembro de 2013 
  14. a b «Certificação Áustria» (em alemão). Consultado em 28 de julho de 2015 
  15. a b «Certificação Suiça» (em inglês). Consultado em 28 de julho de 2015 
  16. «Discography Tim Bendzko Singles» (em alemão). Consultado em 28 de julho de 2015. Arquivado do original em 15 de maio de 2013 
  17. «Singles Tim Bendzko - SUI». Schweizer Hitparade (em alemão). Hitparade.ch. Consultado em 28 de julho de 2015 
  18. https://www.offiziellecharts.de/titel-details-1216411
  19. https://www.offiziellecharts.de/titel-details-1360580
  20. «Audi Generation Award 2011» (em alemão). Consultado em 28 de julho de 2015 
  21. «Clueso und Beatsteaks gewinnen die 1Live-Krone» (em alemão). WAZ. Consultado em 28 de setembro de 2015 
  22. «1LIVE Krone 2012: Seht hier die Gewinner!» (em alemão). Promiflash. Consultado em 28 de julho de 2015 
  23. «Echo 2012 - Alle Gewinner» (em alemão). Musikmarkt. Consultado em 28 de julho de 2015. Arquivado do original em 7 de setembro de 2012