Abrir menu principal
Timbó Grande
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Timbó Grande
Bandeira
Brasão de armas de Timbó Grande
Brasão de armas
Hino
Gentílico timbo-grandense
Localização
Localização de Timbó Grande em Santa Catarina
Localização de Timbó Grande em Santa Catarina
Timbó Grande está localizado em: Brasil
Timbó Grande
Localização de Timbó Grande no Brasil
Mapa de Timbó Grande
Coordenadas 26° 36' 54" S 50° 40' 26" O
País Brasil
Unidade federativa Santa Catarina
Municípios limítrofes Bela Vista do Toldo, Calmon, Canoinhas, Irineópolis, Lebon Régis, Porto União, Santa Cecília
Distância até a capital 457 km
História
Fundação 26 de abril de 1989 (30 anos)
Administração
Prefeito(a) Ari Galeski (PMDB, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 596,942 km²
População total (Censo IBGE/2010[2]) 9 856 hab.
Densidade 16,51 hab./km²
Clima Mesotérmico úmido, com verão fresco e temperatura média de 15,8°C
Altitude 925 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2000 [3]) 0,68 médio
PIB (IBGE/2008[4]) R$ 79 393,188 mil
PIB per capita (IBGE/2008[4]) R$ 10 958,34
www.timbogrande.sc.gov.br (Prefeitura)
www.camaratimbogrande.sc.gov.br (Câmara)

Timbó Grande é um município brasileiro do Estado de Santa Catarina.

HistóriaEditar

O povoamento de Timbó Grande teve início com a vinda das famílias Alves de Almeida, Castro e Matos.

Os primeiros habitantes do município foram os índios dos grupos Caingangues, conhecidos como coroados e os Xoklengs, conhecidos como bugres ou botocudos que eram nômades e moravam em malocas (choupanas de pau-a-pique, cobertas de palha) e se alimentavam de caça, pesca e frutos da terra. Hoje, já não existem mais índios no município.

Os primeiros imigrantes que vieram para a região foram italianos, alemães e famílias polonesas. O povo Timbó-grandense é uma mistura de várias raças, inclusive a indígena.

O nome do município deve-se à existência de grande quantidade de Timbó que é um cipó que os índios utilizavam em suas pescarias. A palavra "Grande" foi acrescentada para diferenciar este município do já existente próximo a Blumenau.

Há poucos registros sobre a história de Timbó Grande. Um fato marcante aconteceu em 17 de dezembro de 1915, quando, em plena Guerra do Contestado, o lugar foi atacado por jagunços, existindo vários deles enterrados no cemitério Santa Maria.

Timbó Grande foi vila de Curitibanos e depois passou a ser distrito de Santa Cecília, do qual se emancipou em 26 de abril de 1989 tendo o município sido oficialmente instalado em 1 de Janeiro de 1990.

GeografiaEditar

O município de Timbó Grande esta a uma altitude de 925 m em relação ao nível do mar e latitude 26º36`54" - longitude 51º 06`06", Planalto Norte Catarinense, microrregião de Canoinhas, a 457 km de Florianópolis, tem o clima mesotérmico úmido, com verão fresco e temperatura média de 15,8 °C. Seu relevo tem grande predominância de planalto, portanto existe vários vales, serras, rios e uma vegetação que transformam o município numa paisagem natural, destacando-se pelo número de araucárias ou pinheiro-do-paraná, que é uma das espécies que estão na lista de ameaçadas à extinção, por outra lado, existe uma grande área de reflorestamento de pinus e eucaliptos. Sua área territorial tem uma extensão de 596,94 km².

HidrografiaEditar

O principal rio que banha a cidade é o Rio Timbó inserido na bacia hidrográfica do Rio Iguaçu.

No seu território também correm :

Cidades PróximasEditar

EducaçãoEditar

O Centro do Município conta com duas unidades escolares, sendo uma municipal, Escola Municipal de Educação Básica Gleides Rodrigues, e uma estadual, Escola de Educação Básica Machado de Assis, e a escola especial (APAE) Zeno de Souza Matos. E na Vila Buriti a unidade estadual, Escola de Educação Básica Serafina Fontana Bonet.

EconomiaEditar

O município ainda tem muitas atividades agrárias. E grande parte do seu território e coberto por áreas de reflorestamento de pinus e eucalipto. Sendo muita dessa área das duas grandes empresas, Compensados e Laminados Lavrasul S/A e Bonet Madeiras e Papéis Ltda.

Bairros de Timbó GrandeEditar

  • Alto Bonito
  • Alto Timbó
  • Zaniollo
  • Massaneiro
  • Boa Vista
  • Cohab
  • VILA ALTO TIMBÓ

Principais LocalidadesEditar

  • Vila Buriti
  • Boi Preto
  • Vaca Branca
  • Cachoeira
  • Santa Maria
  • Nossa Senhora Aparecida
  • Tamanduá
  • Perdiz Grande
  • Cristo Rei
  • Antinha
  • Fazenda Diamante

TurismoEditar

As opções de lazer são modestas e os únicos pontos para visitação são: o Salto, queda d’água localizada numa área de reflorestamento e a Área de Lazer Alceu Kern.

AcessosEditar

O principal acesso é a SC-478, recentemente pavimentada, a partir da BR-116. E também, ligações com as cidades de Caçador, Bela Vista do Toldo, Calmon, Lebon Régis, Major Vieira, sendo todas estradas de chão.

Ver tambémEditar

Referências

  1. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 

Ligações externasEditar