Timothy Olyphant

Timothy David Olyphant (Honolulu, 20 de maio de 1968) é um ator e produtor norte-americano [1]. Ele fez sua estréia como ator em um teatro off-Broadway em 1995, em The Monogamist, e ganhou o Theatre World Award por sua atuação, e então originou The Santaland Diaries, de David Sedaris, em 1996. Ele então se ramificou para o cinema; nos primeiros anos de sua carreira, ele foi frequentemente escalado para papéis de vilões coadjuvantes, mais notavelmente em Scream 2 (1997), Go (1999), A Man Apart (2003) e The Girl Next Door (2004). Ele chamou a atenção de um público mais amplo com sua interpretação do xerife Seth Bullock na série da HBO, Deadwood (2004–2006), mais tarde reprisando o papel em Deadwood: The Movie (2019). Ele teve papéis principais em filmes como Catch and Release (2006), Hitman (2007), A Perfect Getaway (2009) e The Crazies (2010), e interpretou o principal antagonista, Thomas Gabriel, em Live Free or Die Hard (2007). Olyphant foi uma estrela convidada recorrente na segunda temporada da série da FX, Damages (2009).

Timothy Olyphant
Olyphant em 2014.
Nascimento Timothy David Olyphant
20 de maio de 1968 (52 anos)
Honolulu, Havaí,
Estados Unidos
Nacionalidade norte-americano
Etnia branca
Estatura 1,83 m
Progenitores Mãe: Katherine Gideon
Pai: J.V. Bevan Olyphant
Cônjuge Alexis Knief (c. 1991)
Filho(s) 3
Alma mater Universidade do Sul da Califórnia
Ocupação
Período de atividade 1995–presente

O desempenho mais conhecido de Olyphant até o momento foi como Vice-Marechal dos Estados Unidos, Raylan Givens no moderno Kentucky Southern, Justified (2010-2015), pelo qual foi indicado ao Primetime Emmy Award de Melhor Ator Principal em Série Dramática em 2011, Olyphant teve participações especiais em várias sitcoms de televisão, incluindo The Office (2010), The Mindy Project (2013) e The Grinder (2015–2016), pelos quais ganhou o Prêmio Escolha do Crítico. Ele também estrelou a série de comédia da Netflix, Santa Clarita Diet (2017–2019) e Once Upon a Time in Hollywood como James Stacy (2019). Ele também interpretou a si mesmo em uma breve participação especial, ao mesmo tempo em que parodiou seu personagem Justified, no programa premiado da NBC The Good Place (2020). No mesmo ano, ele estrelou a décima temporada de Curb Your Enthusiasm.

Início de vidaEditar

Timothy Olyphant nasceu em Honolulu, Havaí em 20 de maio de 1968, mas se mudou para Modesto, Califórnia, aos dois anos de idade [2]. Seus pais são Katherine Gideon e JV Bevan Olyphant, que trabalhou como vice-presidente de produção na Gallo Winery [3][4][5][6][7]. Ele tem um irmão mais velho, Andrew, e um irmão mais novo, Matthew [8]. Seus pais se divorciaram quando Olyphant era adolescente; ambos se casaram novamente [9][10]. Ele é de ascendência inglesa, alemã, escocesa, holandesa, irlandesa, russa e judia.

Olyphant é descendente da família Vanderbilt de Nova York. Seu quarto bisavô materno era o patriarca da família Cornelius Vanderbilt; seu terceiro bisavô foi William Henry Vanderbilt, que dobrou a fortuna ferroviária da família; sua tataravó era a socialite Emily Thorn Vanderbilt; sua bisavó era a socialite Emily Vanderbilt Sloane; e seu tio-avô foi o produtor musical John Hammond [11][12]. O sobrenome Olyphant é de origem escocesa. Seu quarto bisavô paterno, Dr. David Olyphant, nasceu na Escócia e serviu como diretor-geral dos hospitais do sul durante a Guerra Revolucionária Americana. Seu terceiro bisavô, David Olyphant , e seu tataravô, Robert Morrison Olyphant, foram ambos homens de negócios proeminentes [13][14].

Olyphant estudou na Escola Secundária Fred C. Beyer de Modesto [15]. Enquanto crescia, ele ficava "envergonhado" com a ideia de atuar, mas gostava de arte e desenho [16][17]. Ele nadou competitivamente ao longo de sua infância e foi um dos finalistas no Campeonato Nacional de 1986, nos 200m Medley Individual [18][19]. Ele foi então recrutado para a Universidade do Sul da Califórnia pelo treinador de natação da USC Trojans, Peter Daland [20]. Quando Olyphant visitou o campus pela primeira vez como parte de uma viagem de recrutamento, ele esperava estudar arquitetura, mas foi informado de que seria impossível administrar seu cronograma de treinamento [21][22]. Em vez disso, ele optou por ganhar um Bacharel em Belas Artes. Depois de se formar em 1990, Olyphant considerou sem entusiasmo uma carreira na arte comercial [23]. Enquanto estava no processo de inscrição para um mestrado em artes plásticas e trabalhando como treinador de natação na Irvine Novaquatics [24][25], Olyphant decidiu se mudar para Nova York para explorar outras opções. No final das contas, ele decidiu se tornar um ator. Em seu último ano de faculdade, ele teve um curso de atuação como eletivo na UC Irvine e achou "realmente agradável" [26]. Ele inicialmente realizou comédia stand-up: "Eu me envolvi antes e então houve um período de seis meses em que fiz isso com um certo compromisso. Então, ocasionalmente, voltava" [27]. Ele completou um programa de atuação de dois anos no William Esper Studio de Nova York e começou a fazer testes para papéis [28][29].

CarreiraEditar

Olyphant começou atuando no palco, e recebeu o Prêmio de Teatro Mundial Debut pelo seu desempenho como Tim Hapgood em The Monogamist.[30] Olyphant posteriormente apareceu em SantaLand Diaries e Plunge, mas sua estreia no cinema veio em 1996 no filme The First Wives Club.[31] Logo em seguida, atuou nos filmes: Scream 2 (1997), Go (1999), The Broken Hearts Club: A Romantic Comedy (2000) e Gone in Sixty Seconds, ao lado de Nicolas Cage e Angelina Jolie.

Em 2004, Olyphant interpretou o papel do xerife Seth Bullock na série Deadwood, produzida pela HBO, considerado um dos seus principais trabalhos.[32] Alan Sepinwall, da HitFix, achou seu desempenho "feroz e comandante".[33] Posteriormente, foi indicado aos Prêmios Screen Actors Guild de Melhor Elenco em Série Dramática.[34][35]

No mesmo ano, atuou em The Girl Next Door, junto com a atriz Elisha Cuthbert, no qual desempenhou Kelly, um produtor pornográfico. O ator recebeu muitos elogios por sua atuação.[36][37][38] Inicialmente, ele estava relutante em realizar um teste para o papel, sentindo que era muito parecido com alguns de seus papéis anteriores, mas "como meu agente me lembrou, muitas pessoas não viram esses filmes". Mick LaSalle, do San Francisco Chronicle, descreveu o personagem como "um homem selvagem malicioso, magnífico, assustador, divertido, hipersensível, totalmente enganador, enlouquecedoramente amável. Quando Olyphant está em tela, há a sensação de que as coisas podem ir a qualquer lugar".[39] A.O. Scott, em sua avaliação ao The New York Times, observou que o papel foi interpretado com "uma originalidade desperdiçada",[40] ao passo, que Kenneth Turan, do Los Angeles Times, sentiu que foi interpretado "com um maravilhoso entusiasmo cômico".[41] Para a Variety, Joe Leydon disse que o ator "atinge um equilíbrio impressionantemente hábil de amabilidade e ameaça moderada em seu momento de roubar a cena."[42]

No início de 2007, Olyphant protagonizou a comédia Catch and Release ao lado de Jennifer Garner e pouco tempo depois desempenhou o antagonista do filme Live Free or Die Hard, a sequência da série Die Hard. Em 2008, Olyphant atuou na série de comédia Samantha Who? como o ex-namorado de Samantha.[43]

Até 2019, protagonizou a série Santa Clarita Diet (3 temporadas disponíveis) como o personagem Joel Hammond, marido de Sheila Hammond, papel da atriz Drew Barrymore.[44] Sonia Rao, do The Washington Post, elogiou o carisma e a química dos atores.[45]

FilmografiaEditar

Ano Filme Personagem
2020 The Good Place Ele mesmo
2019 Era Uma Vez em Hollywood James Stacy
2018 Behold My Heart Steven Lang
2017-2019 Santa Clarita Diet Joel Hammond
2016 Mother's Day Henry
2015-2016 The Grinder Ele mesmo/Rake Grinder
2011 Rango Espirito do Oeste (Voz)
Sou o Número Quatro Henri
2010-2015 Justified (série) Raylan Givens
2010 A Epidemia David
2009 A Trilha Nick
2008 Stop-Loss - A Lei da Guerra Boot Miller
2007 Bill Chip
Duro de Matar 4.0 Thomas Gabriel
Hitman (filme) Agente 47
2006 Pegar e Largar Fritz
2004 Show de Vizinha Kelly
2003 O Apanhador de Sonhos Pete Moore
O Vingador Hollywood Jack
2001 Night Visions Episódio 22 - Harmonia (Série) Eli West
Rock Star Rob "Monster" Malcolm
2000 60 Segundos Detetive Drycoff
O Clube dos Corações Partidos Dennis
1999 Vamos Nessa! Todd Gaines
1997 Pânico 2 Mickey Altieri
Por uma Vida Menos Ordinária Hiker
1996 O Clube das Desquitadas Brett Artounian


Referências

  1. «Timothy Olyphant». IMDb. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  2. «Movie | Interview With Timothy Olyphant - entertainment.ie». web.archive.org. 30 de junho de 2018. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  3. «Oakland Tribune Newspaper Archives, Dec 30, 1963, p. 7». NewspaperArchive.com (em inglês). 30 de dezembro de 1963. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  4. «The Arizona Daily Star, Tucson, Gerald M. Gay column: Remote Controlled : Future FX series has a couple of Tucson ties». www.tmcnet.com. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  5. «John Vernon Bevan Olyphant '63 | Upsilon Alpha of Phi Gamma Delta». web.archive.org. 25 de abril de 2012. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  6. Patterson, John (29 de abril de 2010). «Timothy Olyphant: a law unto himself». the Guardian (em inglês). Consultado em 11 de setembro de 2020 
  7. Zimmerman, Paul (April 4, 1999). "A Life Less Ordinary". If.
  8. «Former Modesto resident hits new peak in acting career». www.tmcnet.com. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  9. California Divorce Index, 1966–1984 : "J V Olyphant vs Katherin G, Stanislaus County, 26 Sep 1983
  10. Publishing, Here (6 de junho de 2000). The Advocate (em inglês). [S.l.]: Here Publishing 
  11. «Wayback Machine» (PDF). web.archive.org. 26 de janeiro de 2016. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  12. «Paid Notice: Deaths EMERY, ADELE HAMMOND OLYPHANT». The New York Times (em inglês). 7 de novembro de 1998. ISSN 0362-4331. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  13. «Tatyana Doughty Becomes a Bride». The New York Times (em inglês). 23 de outubro de 1988. ISSN 0362-4331. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  14. «ROBERT M. OLYPHANT DIES AT 93 YEARS; Ex-President of Delaware & Hudson Railroad Was the OldestAlumnus of Columbia.». The New York Times (em inglês). 4 de maio de 1918. ISSN 0362-4331. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  15. «Olyphant back with a badge - Life - Modbee.com». web.archive.org. 1 de maio de 2010. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  16. Patterson, John (29 de abril de 2010). «Timothy Olyphant: a law unto himself». the Guardian (em inglês). Consultado em 11 de setembro de 2020 
  17. «A Man Worth Listening To: Timothy Olyphant». Sharp Magazine. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  18. «Celebrity Swim Tuesday: Timothy Olyphant». SwimSwam (em inglês). 13 de março de 2012. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  19. «Q&A: Timothy Olyphant Tips His Hat to the Cool Cowboy World of JUSTIFIED» (em inglês). Consultado em 11 de setembro de 2020 
  20. «Olyphant finds magic in film collaborations». The Georgia Straight (em inglês). 17 de janeiro de 2007. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  21. Pierre, Julia St (1 de abril de 2012). «Timothy Olyphant Los Angeles Magazine». Los Angeles Magazine (em inglês). Consultado em 11 de setembro de 2020 
  22. Facebook; Twitter; options, Show more sharing; Facebook; Twitter; LinkedIn; Email; URLCopied!, Copy Link; Print (22 de novembro de 2007). «Timothy Olyphant». Los Angeles Times (em inglês). Consultado em 11 de setembro de 2020 
  23. «Nerdist Podcast: Timothy Olyphant | Nerdist». web.archive.org. 29 de janeiro de 2016. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  24. Facebook; Twitter; options, Show more sharing; Facebook; Twitter; LinkedIn; Email; URLCopied!, Copy Link; Print (25 de dezembro de 1991). «Adults Have the Last Lap : * Masters programs give structured workouts with the guidance of a coach--the same benefits found in schools.». Los Angeles Times (em inglês). Consultado em 11 de setembro de 2020 
  25. «The Drama Actor Roundtable | Hollywood Reporter». www.hollywoodreporter.com. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  26. Vena, Jocelyn. «Mindy Kaling Gushes Over Timothy Olyphant's 'Mindy Project' Cameo». MTV News (em inglês). Consultado em 11 de setembro de 2020 
  27. «Timothy Olyphant helps 'Justified' find edges of humor, violence». The Columbus Dispatch (em inglês). Consultado em 11 de setembro de 2020 
  28. «Milling About Flashback with Timothy Olyphant». BlogTalkRadio. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  29. «The 25 Best Drama Schools for a Master of Fine Arts | Hollywood Reporter». www.hollywoodreporter.com. Consultado em 11 de setembro de 2020 
  30. Marx, Rebecca Flint. «Timothy Olyphant». AllMovie (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2019 
  31. Staff, Movieline (1 de setembro de 2000). «Timothy Olyphant». Movieline (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2019 
  32. «Ready to take the lead». Los Angeles Times (em inglês). 8 de abril de 2004. ISSN 0458-3035. Consultado em 14 de julho de 2019 
  33. «Deadwood Rewind: Season 1, Episode 1: Deadwood (Veterans edition)». HitFix. 5 de junho de 2011. Consultado em 14 de julho de 2019 
  34. «13th Annual Screen Actors Guild Awards Nominations». Screen Actors Guild (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2019 
  35. Weintraub, Steve 'Frosty' (17 de janeiro de 2007). «Timothy Olyphant Interviewed – 'Catch and Release'». Collider (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2019 
  36. «Mr. Beaks Interviews Luke Greenfield, Director Of THE GIRL NEXT DOOR!!». Aint It Cool News (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2019 
  37. Rosen, Christopher (15 de abril de 2014). «What Really Goes Into Making A Cult Favorite». HuffPost (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2019 
  38. Tobias, Scott. «Inventory: 10 Character Actors Who Should Be In Every Movie». The A.V. Club (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2019 
  39. «FILM CLIPS / Also opening today». SFGate. 9 de abril de 2004. Consultado em 14 de julho de 2019 
  40. Scott, A. O. (9 de abril de 2004). «FILM REVIEW; The Perfect Girl, Except for the Résumé». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331. Consultado em 14 de julho de 2019 
  41. «A 'Girl Next Door' in sheep's clothing». Los Angeles Times. 29 de janeiro de 2016. Consultado em 14 de julho de 2019 
  42. Leydon, Joe (22 de fevereiro de 2004). «The Girl Next Door». Variety (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2019 
  43. «Exclusive: Deadwood Sheriff Books Samantha Who? | TV Guide». TVGuide.com (em inglês). 22 de outubro de 2007. Consultado em 14 de julho de 2019 
  44. Schwindt, Oriana (29 de março de 2017). «Netflix Renews 'Santa Clarita Diet' for Season 2». Variety (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2019 
  45. Rao, Sonia (30 de abril de 2019). «R.I.P. 'Santa Clarita Diet,' a charming series about the undead that is now dead». The Washington Post. Consultado em 14 de julho de 2019 

Ligações externasEditar