Abrir menu principal
Tom Dillmann
Nascimento 6 de abril de 1989 (30 anos)
Mulhouse
Cidadania França
Ocupação automobilista
Página oficial
http://www.tomdillmann.com

Tom Dillmann (Mulhouse, 6 de abril de 1989) é um piloto francês de automobilismo que atualmente compete na Fórmula E para a equipe NIO Formula E Team. Ele é mais conhecido por ter ganhado o Campeonato Alemão de Fórmula 3 em 2010 e o Campeonato de Fórmula V8 3.5 em 2016.

CarreiraEditar

GP3 SeriesEditar

Em março de 2011, Dillmann ingressou na equipe Carlin para disputar a temporada de 2011 da GP3 Series,[1] tornando-se parceiro de equipe de Conor Daly e Leonardo Cordeiro.

GP2 SeriesEditar

Após o final da temporada da GP3 Series de 2011, Dillmann testou um carro de GP2 Series para a equipe iSport International, durante os testes de pós-temporada em Jerez e Barcelona.[2][3] Suas atuações de testes o permitiram juntar-se à equipe para o evento final da GP2 não válido para o campeonato realizado no circuito de Yas Marina, em apoio ao Grande Prêmio de Abu Dhabi.[4] Ele terminou ambas as corridas na zona de pontuação, como ele terminou em sexto lugar na primeira corrida e depois em terceiro na segunda corrida. Seus resultados foram o segundo melhor de um piloto da GP3, depois de James Calado.[5] Depois de testar pela Ocean Racing Technology e Rapax Team durante os testes de pré-temporada, Dillmann juntou-se a Rapax antes do evento de abertura da temporada de 2012 em Sepang.[6]

Para a temporada de 2013, foi anunciado que Dillmann juntaria a nova equipe russa, a Russian Time, ao lado do repatriado a GP2 Sam Bird. Ele marcou duas pole positions e voltas mais rápidas e terminou em décimo no geral, oito lugares atrás de Bird.

Em 2014, embora confirmado na Russian Time, ele acabou perdendo a vaga, em consequência a morte do diretor da equipe em janeiro daquele ano; Dillmann disputou oito rodadas do campeonato com a Arden International e Caterham, terminando no pódio na corrida curta na Catalunha e alcançando a volta mais rápida na corrida de longa em Hungaroring.

Fórmula EEditar

Em agosto de 2015, Dillmann participou dos testes de pré-temporada com a Team Aguri, juntamente com seu colega ex-piloto de GP2, Stefano Coletti.[7]

Em abril de 2017, Dillmann participou da sessão de treinos livres com Venturi no ePrix da Cidade do México no lugar de Stéphane Sarrazin.[8] Mais tarde naquele mês, a Venturi anunciou que Dillmann faria sua estreia no ePrix de Paris no lugar de Maro Engel.[9]

Em 2018, ele disputou pela Venturi o ePrixe de Berlim e, posteriormente, a rodada dupla do ePrixe de Nova Iorque, que marcou o encerramento da temporada de 2017–18.[10][11]

Em 8 de outubro de 2018, Dillmann foi anunciado como pilota da equipe NIO Formula E Team para a temporada de 2018–19.[12]

Referências

  1. «Tom joins Carlin for GP3». Tom Dillmann (em inglês). Luxury Racing. 2 de março de 2011. Consultado em 29 de março de 2017 
  2. «iSport announce drivers for Jerez tests». GP2 Series. GP2 Motorsport Limited. 23 de setembro de 2011. Consultado em 29 de março de 2017 
  3. «Four drivers with iSport at Barcelona». GP2 Series. GP2 Motorsport Limited. 13 de outubro de 2011. Consultado em 29 de março de 2017 
  4. «Tom Dillmann completes iSport's line-up for the GP2 Series Finale». GP2 Series. GP2 Motorsport Limited. 1 de novembro de 2011. Consultado em 29 de março de 2017 
  5. «Calado and Dillmann win the Pirelli Awards». GP2 Series. GP2 Motorsport Limited. 15 de novembro de 2011. Consultado em 29 de março de 2017 
  6. «Tom Dillmann and Ricardo Teixeira to drive for Rapax in 2012». GP2 Series. GP2 Motorsport Limited. 18 de março de 2012. Consultado em 29 de março de 2017 
  7. «Tom Dillmann: "Formula E has a bright future ahead"». 15 de agosto de 2015. Consultado em 24 de abril de 2017 
  8. Smith, Sam; Rolland, Emmanuel (29 de março de 2017). «Mexico City Formula E: Dillmann to complete shakedown for Venturi.». Autosport. Consultado em 24 de abril de 2017 
  9. Smith, Sam (24 de abril de 2017). «Tom Dillmann to make Formula E debut with Venturi in Paris». Autosport. Consultado em 24 de abril de 2017 
  10. «Dillmann to replace Mortara for Berlin ePrix». Motorsport.com. 29 de abril de 2018. Consultado em 15 de julho de 2018 
  11. «Susie Wolff assume chefia de futura equipe de Massa na F-E». 26 de junho de 2018. Consultado em 15 de julho de 2018 
  12. Hine, Nathan (9 de outubro de 2018). «NIO SIGN DILLMANN AND TURVEY FOR 2018-19 FORMULA E CAMPAIGN». thecheckeredflag.co.uk. The Checkered Flag. Consultado em 28 de outubro de 2018 

Ligações externasEditar