Tony Scott

Anthony David Leighton Scott (Tynemouth, 21 de Julho de 1944 - Los Angeles, 19 de Agosto de 2012) foi um diretor britânico. Irmão do também diretor Ridley Scott, iniciou sua carreira dirigindo comerciais na década de 1970.

Tony Scott
Nascimento 21 de junho de 1944
Tynemouth, Northumberland, Inglaterra
Morte 19 de agosto de 2012 (68 anos)
Los Angeles, Estados Unidos
Ocupação Diretor
Atividade 1969–2012
Cônjuge Gerry Boldy (c. 1967; div. 1974)
Glynis Staunton (c. 1986; div. 1987)
Donna W. Wilson (c. 1994; m. 2012)
Filho(s) 2

Em 19 de agosto de 2012, por volta das 12: 30 (UTC-8), Tony cometeu suicídio ao pular da Ponte Vincent Thomas em Los Angeles, Estados Unidos. Um pedestre que testemunhou o ato e chamou a polícia, relatou que o viu se aproximar e pular sem hesitar. Tony deixou uma nota de suicídio em seu escritório.[1][2][3]

De todos os seus filmes dirigidos, Fome de Viver é considerado um de seus melhores filmes, por suas atuações, fotografia e trilha Sonora. Hoje o filme tem fama de cult.

FilmografiaEditar

Prêmios e indicaçõesEditar

Referências

  1. «Top Gun director Tony Scott dies after jumping from Los Angeles bridge» (em inglês). The Daily Telegraph. 20 de agosto de 2012 
  2. «Official: British director Tony Scott dead after jumping from California bridge». CNN (em inglês). BBC News. 20 de agosto de 2012 
  3. «Falece o diretor de cinema Tony Scott aos 68 anos». Exame. 20 de agosto de 2012 
  Este artigo sobre um(a) cineasta é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.