Abrir menu principal

Tordo-do-Príncipe

Como ler uma infocaixa de taxonomiaTordo-do-Príncipe
Taxocaixa sem imagem
Estado de conservação
Espécie em perigo crítico
Em perigo crítico (IUCN 3.1) [1]
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Passeriformes
Família: Turdidae
Género: Turdus
Espécie: T. xanthorhynchus
Nome binomial
T. xanthorhynchus
Salvadori, 1901

O Tordo-do-Príncipe (Turdus xanthorhynchus) é uma espécie de pássaro da família Turdidae. É endêmica para a ilha do Príncipe. Antigamente, era considerada uma subespécie do mais abundante tordo de São Tomé (Turdus olivaceofuscus), presente na ilha vizinha de São Tomé.

O seu habitat natural é subtropical ou tropical húmido de planície e florestas subtropicais ou tropicais húmidas. Ele está criticamente ameaçado[1], a categoria de perigo de extinção mais alta, em resultado da pressão da caça[2].

Sendo considerada uma espécie muito rara desde há muito, o primeiro espécimen foi recolhido pelo naturalista italiano Leonardo Fea em 1899. As recolhas posteriores deram-se em 1928, com 4 espécimenes, e até 1997 nenhum exemplar foi conseguido.

As pesquisas científicas indicam que a espécie está confinada à região sul da ilha do Príncipe, onde está localizada floresta madura, desde o pico mais elevado (Pico de Príncipe, a 948 m) até à costa sul da ilha[3].

ReferênciasEditar

  1. a b BirdLife International (2013). «'Turdus xanthorhynchus'». Lista Vermelha da IUCN de espécies ameaçadas da UICN 2013.2 (em inglês). ISSN 2307-8235. Consultado em 26 November 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. Dallimer, M., Melo, M., Collar, N.J. et al. (2010) The Principe Thrush Turdus xanthorhynchus: a newly split, 'Critically Endangered', forest flagship species. Bird Conservation International, 20 (4). pp. 375-381. ISSN 0959-2709
  3. Dallimer, M., Melo, M., Collar, N.J. et al. (2010) The Principe Thrush Turdus xanthorhynchus: a newly split, 'Critically Endangered', forest flagship species. Bird Conservation International, 20 (4). pp. 375-381. ISSN 0959-2709