Torneio Rio-São Paulo de 1960

Torneio Rio-São Paulo de 1960
Torneio Rio-São Paulo de 1960
Torneio Rio-São Paulo - Troféu.png
Dados
Participantes 10
Período 10 de março – 17 de abril
Campeão Rio de Janeiro Fluminense
Vice-campeão Rio de Janeiro Botafogo
◄◄ Torneio Rio-São Paulo de 1959 Soccerball.svg Torneio Rio-São Paulo de 1961 ►►

O Torneio Rio-São Paulo de 1960 foi a 12.ª edição do Torneio Rio-São Paulo. O campeão foi o Fluminense, que já havia conquistado esta competição invicto em 1957, e na conquista de 1960 teve apenas uma derrota,[1] tendo como vice-campeão o também carioca Botafogo. Em terceiro lugar, terminaram empatados os cariocas Flamengo e Vasco da Gama, além do paulistano Corinthians.

ParticipantesEditar

Dentre os clubes que disputaram o Campeonato Carioca e o Campeonato Paulista de 1959, classificaram-se para o Torneio Rio–São Paulo de 1960 o campeão (respectivamente, Fluminense e Palmeiras) e o vice (Santos, em São Paulo, enquanto no Rio de Janeiro o posto foi dividido entre Botafogo e Bangu, este alijado da vaga, apesar de inicialmente se achar que ele entraria no lugar do America),[2] além dos três clubes que apresentaram melhor total de renda em cada um dos torneios, independentemente da classificação.[3][4]

Em São Paulo, a Portuguesa conseguiu vaga para essa competição apenas na última rodada do Campeonato Paulista, na concorrência pelo critério de maiores arrecadações, quando contabilizou uma renda de 753 800 cruzeiros na partida contra o Comercial, recebida com fogos de artifício.[5] Ela concorria pela vaga com a Ferroviária, surpresa do campeonato,[6] que chegou a gastar cerca de 250 mil cruzeiros por meio do "Totobol",[5] mas foram insuficientes para manter a vantagem que tinha sobre a Lusa até a rodada anterior, de cerca de 350 mil cruzeiros.[7]

 
Painel do Torneio Rio-São Paulo na Sala de Troféus do Fluminense.

HistóriaEditar

O Clássico Vovô terminou empatado em 2 a 2 perante 32.653 pagantes,[8] com Paulinho Valentim e Quarentinha fazendo os gols do Botafogo e Waldo fazendo os dois gols tricolores, resultado que foi fundamental para definir o título posteriormente em favor do Fluminense, que terminaria dois pontos à frente do Botafogo. Nessa partida, ao ver o zagueiro tricolor Pinheiro caído, o ponta-direita alvinegro Garrincha atirou a bola para fora de campo, para que o zagueiro do Fluminense pudesse receber assistência, inaugurando este gesto de fair-play, que passaria desde então a ser repetido nos campos do mundo, com o defensor tricolor Altair, tendo depois devolvido a bola para o Botafogo na cobrança do lateral.[9] Os artilheiros desta edição foram Waldo do Fluminense e Quarentinha do Botafogo, com 11 gols cada um.[10]

O Fluminense fechou a década de 1950 como o melhor ataque do Torneio Rio-São Paulo em 1954, 1957 e 1960, assim como na Taça Brasil deste ano, tendo sido campeão ao vencer o Palmeiras por 1 a 0 na última rodada, perante 53.738 torcedores pagantes, com gol de Waldo.[11] Nas partidas disputadas no Rio de Janeiro 482.309 ingressos foram vendidos, contra 392.954 na edição de 1959, ou seja, 89.954 ingressos a mais.[12]

Até o jogo que decidiu o título, o Palmeiras disputava o título diretamente com o Fluminense, notadamente porque ainda teria dois jogos para realizar, tendo a sua partida anterior, contra o Corinthians, levado 65.243 pagantes na derrota por 1 a 0 no Pacaembu, sendo este o último jogo do Flu. Após a derrota para o Fluminense, perderia também para Botafogo e Vasco, vindo a terminar apenas na sexta colocação.[13]

ConfrontosEditar



  AME BOT COR FLA FLU PAL POR SAN SPA VAS
America-RJ   1x2 5x1   1x4        
Botafogo 0x0           3x0 3x2  
Corinthians   1x1   1x2 1x0 2x1 2x1 0x0 1x1
Flamengo   3x1 3x1 2x1   0x3     1x0
Fluminense 1x1 2x2     1x0 1x0 4x2 7x2 3x2
Palmeiras   1x3   2x1   1x0 0x0 4x1  
Portuguesa 3x1 2x3             0x5
Santos 5x4     0x1     2x2    
São Paulo 2x1 1x1 1x0 1x1 1x2
Vasco 3x0 1x1       3x0   0x0  

Classificação finalEditar



Time PG J V E D GP GC SG
1. Fluminense 14 9 6 2 1 22 12 10
2. Botafogo 12 9 4 4 1 17 12 5
3. Vasco da Gama 11 9 4 3 2 17 7 10
  Corinthians 11 9 4 3 2 11 10 1
  Flamengo 11 9 5 1 3 13 14 -1
6. Palmeiras 9 9 4 1 4 12 11 1
7. São Paulo 7 9 2 3 4 11 19 -8
8. Santos 6 9 1 4 4 11 17 -6
9. Portuguesa 5 9 2 1 6 11 16 -5
10. America-RJ 4 9 1 2 6 14 21 -7

GoleadasEditar

* Vitórias com pelo menos quatro gols marcados e diferença de pelo menos três gols.[14]
5 gols de diferença.
Fluminense 7–2 São Paulo
Portuguesa 0–5 Vasco.
4 gols de diferença.
America 5–1 Flamengo.
3 gols de diferença.
America 1–4 Palmeiras.
Palmeiras 4–1 São Paulo.

Partidas com mais golsEditar

9 gols.[15]
Fluminense 7–2 São Paulo.
Santos 5–4 America.
6 gols.
America 5–1 Flamengo.
Fluminense 4–2 Santos.
5 gols.
Portuguesa 0–5 Vasco.
America 1–4 Palmeiras.
Palmeiras 4–1 São Paulo.
Botafogo 3–2 São Paulo.
Fluminense 3–2 Vasco.

Maiores rendasEditar

  • Maiores rendas, e os públicos desses jogos.
  1. Corinthians 1–0 Palmeiras: Cr$ 4.237.850,00 - 65.243 pagantes.
  2. Palmeiras 4–1 São Paulo: Cr$ 2.273.850,00 - Não disponível.
  3. Fluminense 1–0 Palmeiras: Cr$ 2.087.956,00 - 53.738 pagantes.
  4. Fluminense 4–2 Santos: Cr$ 1.628.190,00 - 43.149 pagantes.
  5. Flamengo 2–1 Fluminense: Cr$ 1.620.918,00 - 49.965 pagantes.
  6. Corinthians 0–0 São Paulo: Cr$ 1.497.325,00 - Não disponível.
  7. Fluminense 3–2 Vasco: Cr$ 1.471.595,00 - 46.234 pagantes.
  8. Palmeiras 0–0 Santos: Cr$ 1.438.450,00 - 23.084 pagantes.
  9. Palmeiras 2–1 Flamengo: Cr$ 1.344.370,00 - Não disponível.
  10. Palmeiras 1–0 Portuguesa: Cr$ 1.329.800,00 - Não disponível.
  11. São Paulo 1–2 Vasco: Cr$ 1.317.670,00 - Não disponível.
  12. Corinthians 1–1 Vasco: 1.075.900,00 - Não disponível.
  13. Corinthians 2–1 Santos: Cr$ 1.036.325,00 - Não disponível.
  14. Corinthians 1–2 Fluminense: Cr$ 1.003.500,00 - Não disponível.
  15. Fluminense 2–2 Botafogo: Cr$ 956.286,00 - 32.653 pagantes.

Jogo do títuloEditar

17 de abril de 1960
Fluminense   1 – 0   Palmeiras Maracanã, Rio de Janeiro
Público: 53.738 pagantes
Árbitro: Catão Montez Jr.

Waldo   27'

CampeãoEditar

Torneio Rio-São Paulo de 1960
 
Fluminense
2.º Título

Ligações externasEditar

Referências

  1. «RSSSF Brasil - Torneio Rio-São Paulo de 1960, página disponível em 27 de julho de 2016.». Consultado em 11 de novembro de 2010. Arquivado do original em 16 de dezembro de 2009 
  2. «Campeão salvou a honra no fim do jogo com o Botafogo: 3x3». São Paulo: Diário Popular. Diário Popular (24 161): 2, 2.º caderno. 21 de dezembro de 1959 
  3. Terla (23 de dezembro de 1959). «Pingos nos 'ii'». São Paulo: Diário Popular. Diário Popular (24 163): 9, 1.º caderno 
  4. «Ultimas do futebol carioca». São Paulo: Diário Popular. Diário Popular (24 157): 2, 2.º caderno. 16 de dezembro de 1959 
  5. a b «Ferroviaria em terceiro e Portuguesa Santista atirada para o 'Torneio da Morte'». São Paulo: Diário Popular. Diário Popular (24 169): 1, 2.º caderno. 31 de dezembro de 1959 
  6. «Síntese». São Paulo: Diário Popular. Diário Popular (24 168): 7, 1.º caderno. 30 de dezembro de 1959 
  7. «Ferroviaria em busca do terceiro posto». São Paulo: Diário Popular. Diário Popular (24 168): 1, 2.º caderno. 30 de dezembro de 1959 
  8. DE FREITAS LIMA, Ricardo. «Estatísticas Fluminense >> Jogos - 27-03-1960». Fluzão.info. Consultado em 11 de março de 2017 
  9. «BORDALO, Aline - Site PASSIÓN FUTEBOL - Você sabe como surgiu o "fair play" no futebol? - página editada em 17 de abril de 2015 e disponível em 26 de fevereiro de 2017.». Consultado em 26 de fevereiro de 2017. Arquivado do original em 27 de fevereiro de 2017 
  10. Site CAMPEÕES DO FUTEBOL, Torneio Rio-São Paulo - História, campeões e artilheiros, página editada em 12 de janeiro de 2005 e disponível em 27 de julho de 2016.
  11. RSSSF Brasil - Fichas técnicas de jogos que deram títulos ao Fluminense, página editada em 3 de janeiro de 2013 e disponível em 26 de fevereiro de 2016.
  12. Jornal dos Sports (edição eletrônica 09398) (26 de abril de 1960). «Maracanã bateria Pacaembu com preços iguais.». Consultado em 29 de fevereiro de 2020 
  13. Site BOLA NA ÁREA - Torneio Rio-São Paulo de 1960, página disponível em 11 de março de 2017.
  14. Site BOLA NA ÁREA - Torneio Rio-São Paulo de 1960, página disponível em 11 de março de 2017.
  15. Site BOLA NA ÁREA - Torneio Rio-São Paulo de 1960, página disponível em 11 de março de 2017.

BibliografiaEditar

Fluminense Football Club História, Conquistas e Glórias no Futebol, por Antônio Carlos Napoleão, Editora Mauad (2003).

Ver tambémEditar