Torrão (Marco de Canaveses)

localidade e antiga freguesia de Marco de Canaveses, Portugal

Torrão foi uma freguesia portuguesa do concelho de Marco de Canaveses, com 1,350 km² de área[1] e 807 habitantes (2011).[2] A sua densidade populacional era 538,0 hab/km². Localiza-se na foz do rio Tâmega, que desagua no rio Douro.

Portugal Torrão 
  Freguesia portuguesa extinta  
Confluência dos rios Douro e Tâmega (1910). À direita, Santa Clara do Torrão, em frente de Entre-os-Rios (Eja, Penafiel).
Confluência dos rios Douro e Tâmega (1910). À direita, Santa Clara do Torrão, em frente de Entre-os-Rios (Eja, Penafiel).
Símbolos
Brasão de armas de Torrão
Brasão de armas
Localização
Torrão está localizado em: Portugal Continental
Torrão
Localização de Torrão em Portugal Continental
Mapa de Torrão
Coordenadas 41° 05' 14" N 8° 17' 09" O
município primitivo Marco de Canaveses
município (s) atual (is) Marco de Canaveses
Freguesia (s) atual (is) Alpendorada, Várzea e Torrão
História
Extinção 28 de janeiro de 2013
Características geográficas
Área total 1,50 km²
População total (2011) 807 hab.
Densidade 538 hab./km²

O topónimo "Torrão", ao que tudo indica, é uma variante de "terrão", sendo este último um aumentativo de "terra".

A avaliar pelos vestígios encontrados, Torrão foi povoado no período anterior à Nacionalidade e seria uma área anexa à importante "civitas" de Anégia.

Constituiu o couto de Torrão até ao início do século XIX. Tinha, em 1801, 1 048 habitantes. Após as reformas administrativas do início do Liberalismo, foi anexado ao entretanto extinto concelho de Benviver.

A Barragem do Torrão iria ser construída inicialmente nesta localidade, mas foi recolocada para as vilas de Alpendorada e de Rio de Moinhos, mantendo o seu nome inicial.

A freguesia foi extinta pela reorganização administrativa de 2013,[3] sendo o seu território integrado na freguesia de Alpendorada, Várzea e Torrão.

PopulaçãoEditar

População da freguesia de Torrão [4]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
377 413 418 490 481 495 564 628 669 656 757 885 937 948 807
Distribuição da População por Grupos Etários
Ano 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos
2001 185 149 515 99 19,5% 15,7% 54,3% 10,4%
2011 127 92 445 143 15,7% 11,4% 55,1% 17,7%

PatrimónioEditar

  • Igreja de Santa Clara do Torrão (matriz).
  • Ponte Duarte Pacheco: inaugurada a 18 de setembro de 1941 pelo Presidente da República, General António Óscar Carmona, contando com a presença do ministro das Obras Públicas e Comunicações, Eng. Duarte Pacheco.[5]
  • Túmulo do Torrão.

Festividades e TradiçõesEditar

  • Endoenças: realiza-se nos dias de Quinta-Feira Santa e de Sexta-Feira Santa há mais de três séculos, juntamente com a localidade vizinha de Entre-os-Rios. Na Quinta-Feira Santa são colocadas e acesas mais de 50 mil tigelinhas nas margens dos rios Tâmega e Douro que iluminam a procissão. No dia de Sexta-Feira Santa a procissão dirige-se no percurso oposto da procissão do dia anterior.
  • Festas em Honra de Santa Clara: celebram-se em Agosto.

Referências

  1. IGP (2012). «Áreas das freguesias, municípios e distritos/ilhas da CAOP 2012.1» (XLS-ZIP). Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2012.1. Instituto Geográfico Português. Consultado em 30 de julho de 2013. Cópia arquivada em 9 de novembro de 2013 
  2. INE (2012). «Quadros de apuramento por freguesia» (XLSX-ZIP). Censos 2011 (resultados definitivos). Tabelas anexas à publicação oficial; informação no separador "Q101_NORTE". Instituto Nacional de Estatística. Consultado em 27 de julho de 2013. Cópia arquivada em 8 de outubro de 2014 
  3. Lei n.º 11-A/2013, de 28 de janeiro: Reorganização administrativa do território das freguesias. Anexo I. Diário da República, 1.ª Série, n.º 19, Suplemento, de 28/01/2013.
  4. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  5. «Ponte Duarte Pacheco». www.jf-alpendorada.pt (em inglês). Consultado em 24 de maio de 2021 
  Este artigo sobre freguesias portuguesas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.