Treboniano Galo

Caio Víbio Treboniano Galo, em latim Gaius Vibius Afinius Trebonianus Gallus Augustus (Perúgia, 206agosto de 253), governava a Mésia (Bulgária). Fez-se imperador romano em 251 com a morte de Décio ante os godos.[1] Enviou o filho Volusiano contra os godos, com algum sucesso, e teve que suportar, em 253, usurpações que lhe custaram a vida e a de Volusiano. Sucedeu Décio (249-251) e precedeu Emiliano (253) num tempo de anarquia em que os imperadores duravam quando muito dois ou três anos.

Treboniano Galo
Augusto
Trebonianus Gallus bronze.jpg
Estátua de Treboniano Galo,
no Metropolitan Museum of Art
Reinado 251 - 253
Consorte Afínia Gemina Bibiana
Antecessor(a) Décio
Sucessor(a) Emiliano
Nome completo Caio Víbio Treboniano Galo
Gaius Vibius Afinius Trebonianus Gallus Augustus
Nascimento 206
Morte agosto de 253 (47 anos)
Filho(s) Volusiano
Víbia Gala

Ver tambémEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Treboniano Galo

Precedido por
Décio
Imperador romano
251 — 253
Sucedido por
Emiliano

Referências

  1. Potter, David S. The Roman Empire at Bay AD 180–395, paginas 247-253, Routledge, 2004. ISBN 0-415-10058-5.
  Este artigo sobre Roma Antiga e o Império Romano é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.