Treviso

comuna italiana
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Treviso (desambiguação).

Treviso é uma comuna italiana da região do Vêneto, capital da homônima província de Treviso, com cerca de 83.650 habitantes. Estende-se por uma área de 55,58 km², tendo uma densidade populacional de 1505 hab/km². Faz fronteira com Carbonera Casier, Paese, Ponzano Veneto, Preganziol, Quinto di Treviso, Silea, Villorba, Zero Branco.

Itália Treviso 
  Comuna  
Il Sile a Treviso.jpg
Localização
Treviso está localizado em: Itália
Treviso
Localização de Treviso na Itália
Coordenadas 45° 40' N 12° 15' E
Região Flag of Veneto.svg Vêneto
Província Treviso
Características geográficas
Área total 55 km²
População total 83 652 hab.
Densidade 1.505 hab./km²
Altitude 15 m
Outros dados
Comunas limítrofes Carbonera, Casier, Paese, Ponzano Veneto, Preganziol, Quinto di Treviso, Silea, Villorba, Zero Branco
Código ISTAT 026086
Código cadastral L407
Código postal 31100
Prefixo telefônico 0422
Padroeiro São Liberal
Sítio www.comune.treviso.it
SileCasier2.jpg

TerritórioEditar

A cidade surge sobre a planície venêta, em uma zona rica de recursos hídricos: há muitas nascentes chamadas localmente de "fontanassi". O rio mais importante é o Botteniga.

A altitude mínima é de 6 metros acima do nível do mar e se encontra na extremidade sudeste, na localidade de Sant'Antonino; já o ponto de máxima altitude, a 31 metros acima do nível do mar se encontra na extremidade noroeste, nas vizinhanças de Santa Bona.

Em relação à classificação sísmica, Treviso está situada na zona 3, ou seja de baixa sismicidade.[1][2][3]

HistóriaEditar

O nome de Treviso é mencionado indiretamente pela primeira vez por volta de 77 d.C. no terceiro livro da Naturalis historia de Plínio, o velho no qual se cita «Fluvius Silis ex montibus Tarvisanis». Somente mais tarde, no De vita sancti Martini de Venâncio Fortunato, ocorre uma citação do topônimo de «Tarvisus», e em seguida a Cosmografia de Ravena cita «Trabision». Ainda mais tarde, em 789 d.C., no livro Historia gentis Langobardorum de Paulo, o Diácono, são mencionados termos como: «Tribicium seu Tarbision», «apud Tarvisium» etc.

A hipótese mais provável é que o termo Tarvisium seja de origem céltica, sendo que tarvos significa "touro".[4]

O infante português D. Pedro, duque de Coimbra, o Infante das Sete Partidas devido às suas viagens ao estrangeiro, chegou a receber nelas o feudo de Treviso, com o título de Duque de Treviso, pelo imperador Segismundo da Hungria[5], após auxiliá-lo contra as hostes turcas[6].

DemografiaEditar

Variação demográfica do município entre 1861 e 2011[3]
Fonte: Istituto Nazionale di Statistica (ISTAT) - Elaboração gráfica da Wikipedia


ClimaEditar

O clima de Treviso é subcontinental, apresentando características semelhantes ao que geralmente se encontra na planície de Padano-Veneta, embora com as devidas e múltiplas variações microclimáticas, dependendo da área. Os Invernos são moderadamente frios e os Verões quentes e abafados. A temperatura média mínima no trimestre de Inverno é inferior a zero, com geadas frequentes, especialmente durante períodos de estabilidade atmosférica com céu limpo. Nessas situações, as temperaturas mínimas podem descer vários graus abaixo de zero.

Há também episódios de nevoeiro, por vezes persistentes durante todo o dia, especialmente nas áreas a sul do centro da cidade. A neve em Treviso não é certamente um fenômeno incomum, como geralmente ocorre, com ou sem acumulação na maioria das estações de inverno, embora a planície de Treviso seja normalmente menos nevada do que outras áreas da planície do Veneto e muitas vezes a neve transforma-se rapidamente em chuva. Também se deve considerar que Treviso está localizada na parte oriental da planície do Veneto-Friuli e está exposta a massas de ar continentais de leste que, se suficientemente intensas, podem levar a dias de gelo.

Embora este fenômeno tenha sido menos frequente nos últimos anos, em Dezembro de 2009 a cidade assistiu a uma queda de neve muito intensa.

Os Verões são quentes e abafados, com um evidente fenômeno de "ilha de calor" que especialmente em certos momentos aflige o Centro Histórico. Durante as fases caracterizadas pela presença do anticiclone subtropical, que nos últimos 15 anos ocorreram praticamente todos os Verões, o calor na área dentro das Paredes pode ser considerável à noite, com temperaturas até 4-5 graus mais elevadas do que nas áreas periféricas. Durante o Verão, as fases quentes podem ser abruptamente interrompidas por infiltrações de ar fresco, que frequentemente causam fenômenos violentos, incluindo tempestades de granizo. A precipitação média anual excede 900 mm e os valores mais elevados encontram-se no Outono e na Primavera.

Estrangeiros em TrevisoEditar

Em Treviso vivem cerca de 30.593 estrangeiros, ou seja, 40,8% da população. Os grupos mais numerosos são:[7]:

  1. Brasil, 5311
  2. Sérvia, 3088
  3. Albânia, 2834
  4. Romênia, 2817
  5. Moldávia, 1934
  1. Bangladesh, 1727
  2. Ucrânia, 1522
  3. Marrocos, 1482
  4. Burkina Faso, 1294
  5. China, 827

Cidades-irmãsEditar

Treviso é geminada com as seguintes cidades: [8]

América
Europa

Referências

Ligações externasEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Treviso
  Este artigo sobre geografia da Itália é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.