Abrir menu principal

Wikipédia β

Tribigildo (fl. 399) foi um general ostrogodo cuja rebelião contra o Império Bizantino precipitou uma grande crise política durante o reinado do imperador Arcádio (r. 395–408).

Tribigildo
Nacionalidade Império Bizantino
Etnia Ostrogótica
Ocupação Oficial
Soldo de Arcádio (r. 395–408)

HistóriaEditar

Tribigildo aparece no registro histórico como o líder das tropas bárbaras estacionadas em Nacoleia, na Frígia, e um confederado do estado romano (com o estatuto de conde).[1] No verão de 399, com sua honra ofendida por uma recepção insuficientemente extravagante na corte imperial em Constantinopla, desentendeu-se com Arcádio[2] e começou a saquear a as regiões da Frígia, Lídia Panfília e Pisídia.[1] A agitação popular decorrente dos rumores sobre seu poder crescente forçaram o primeiro-ministro do imperador, o eunuco Eutrópio, a enviar uma força expedicionária sob Leão através do Helesponto.[3]

Na realidade, Tribigildo estava encontrando cada vez mais dificuldade em repelir as milícias camponesas, mas, mesmo assim, quando as legiões imperiais chegaram, ele facilmente conseguiu subverter a lealdade dos bárbaros - que perfaziam a maioria das tropas - e expulsou o resto. Este resultado deixou o godo Gainas com o controle das forças militares de Constantinopla. Enviado contra Tribigildo (de quem é possível que ele fosse parente), retornou para relatar que o rebelde era invencível e que a tática mais segura era negociar. Uma requisição pela cabeça de Eutrópio, possivelmente pré-negociada por Gainas e Tribigildo, foi aceita. Mas Gainas foi longe demais e se uniu abertamente ao rebelde. Tribigildo foi aparentemente assassinado durante um movimento combinado do exército godo em direção a Constantinopla.[3][2]

Referências

  1. a b Martindale 1980, p. 1125.
  2. a b «Emperors Arcadius, Eutropius, Theodosius II.» (em inglês). Consultado em 16 de outubro de 2012 
  3. a b Burns 1994, p. 168-171.

BibliografiaEditar

  • Burns, Thomas S. (1994). Barbarians Within the Gates of Rome: A Study of Roman Military Policy and the Barbarians, Ca. 375-425 A.D. (em inglês). Bloomington, Indiana: Indiana University Press. ISBN 0253312884 
  • Martindale, J. R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1980). The prosopography of the later Roman Empire - Volume 2. A. D. 395 - 527. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press