Abrir menu principal

Reino Tulúnida

(Redirecionado de Tulúnidas)
Reino Tulúnida
Abbassid banner.svg
868 — 905 
Abbassid banner.svg
Tulunids 893.svg
Reino Tulúnida em 893
Região
Capital Alcatai
Países atuais

Línguas oficiais
Religião
Moeda

Emir
• 868-884  Amade ibne Tulune (primeiro)
• 904-905  Xaibã ibne Amade (último)

Período histórico Idade Média
• 868  Ascensão de Amade ibne Tulune
• 905  Conquista pelo Califado Abássida

Reino Tulúnida foi o Estado independente de facto surgido em 868 quando Amade ibne Tulune (r. 868–884), o governador do Egito, decidiu agir independentemente do governo central do Califado Abássida (750–1258) em Bagdá. Seu nome se refere à dinastia turca iniciada por Amade. Entre 868 e 872, Amade agiu como governador e estabeleceu sólida base militar e financeira na província com a qual se expandiu em direção a Síria e tomou os tesouros egípcio e sírio. Em 877, pela falta de pagamento dos tributos de Bagdá, foi atacado por tropas califais, as quais derrotou e tomou definitivamente a Síria.[1]

Sob Amade, as províncias se desenvolveram comercial, industrial e agriculturalmente e tradições artísticas abássidas de Bagdá e Samarra foram levadas ao Islã Ocidental. Grande programa de obras públicas foi iniciado e nele a capital tulúnida de Alcatai e a grande Mesquita de Amade ibne Tulune (baseada na Grande Mesquita de Samarra do califa Mutavaquil) foram erigidas. Sob Cumarauai (r. 884–896), filho de Amade, a estabilidade financeira e militar do Estado ruiu e entrou em rápido declínio sob Jaixe (r. 896), Harune (r. 896–904) e Xaibã (r. 904–905). Com a reconquista califal em 905, a arte egípcia degradou até se recompor com a conquista pelo Califado Fatímida (r. 909–1171).[1]

Referências

BibliografiaEditar