Tutemés I

Tutemés I ou Tutemósis I[1] (reinou de 1494 a 1482 a.C.) foi um faraó da décima oitava dinastia do Egito Antigo. Seu antecessor foi Amenófis I e seu sucessor foi Tutemés II.[2]

Tutemés I
Nascimento século XVI a.C.
Morte 1493 a.C.
Sepultamento Vale dos Reis
Progenitores
Cônjuge Amósis, Mutnofret
Filho(s) Tutemés II, Hatexepsute, Amenmose, Nefrubity, Wadjmose
Título faraó

NomeEditar

Desde cerca de 2000 a.C., os faraós tinham cinco nomes, quatro destes ele recebia quando se tornava rei, e o quinto que ele recebia ao nascer. Os nomes de Tutemés I eram:[2]

  • Hórus amado touro, amante da verdade (o nome de Hórus, manifestação do falcão celeste)
  • Aquele das duas damas, erguido com a serpente de fogo, grande em força (porque o Egito era dividido em dois, representado pela deusa-cobra Uto e a deusa-abutre Necbete)
  • Hórus de ouro, perfeito em anos, aquele que faz os corações viverem (o nome do Hórus dourado, representando a eternidade)
  • Aquele do papiro e da abelha Aakheperkara (papiro e abelha representam, respectivamente, o Alto e Baixo Egito)
  • Filho de Tutemés que vive para sempre (o nome pessoal, como filho do deus-Sol Rá)

Referências

  1. Silva 1992, p. 100.
  2. a b Jona Lendering, Egyptian Pharaos [em linha]

BibliografiaEditar