Abrir menu principal

Tutti-Frutti: O Musical

categoria de um projeto da Wikimedia
Tutti-Frutti: O Musical
Poster da montagem original em 2000.
Direção Marcello Caridade
Coreografia Vivien Fortes
Música Marco Rodrigo
Sergio Carrer
Felipe D'Ippolito
Léo Gil
Letra Alexandre Castilho
Produção 2000 (Campinas)
2016 (Rio de Janeiro)

Tutti-Frutti é um musical brasileiro escrito por Marcelo Lino e Marcello Caridade, dirigido por Marcello Caridade, sob as músicas criadas por Marco Rodrigo, Felipe D'Ippolito e Léo Gil.[1] Originalmente montado em 2000, o elenco contou com Paulo Vilhena, Karina Dohme, Bruna Thedy, Fernanda Paes Leme, Douglas Aguillar, Wagner Santisteban, Marie Lanna, Camila dos Anjos, José Trassi e Flávio Trivela.[2]

Índice

SinopseEditar

Tutti-Frutti se passa na década de 1960 durante o auge do rock and roll, onde um grupo de dez jovens no último ano de colégio começam a encarar os desafios de crescer. Política e virgindade se tornam pontos importantes à serem vivenciados por eles na fase de transição da adolescência para a fase adulta.

ProduçãoEditar

Montagem originalEditar

Escrito por Marcelo Lino e Marcello Caridade; dirigido por Marcello Caridade, o musical teve sua primeira montagem realizada em 2000, com o elenco formado basicamente por atores do seriado Sandy & JuniorPaulo Vilhena, Karina Dohme, Bruna Thedy, Fernanda Paes Leme, Douglas Aguillar, Wagner Santisteban, Marie Lanna, Camila dos Anjos e José Trassi –, com exceção de Flávio Trivela.[3] Durante alguns meses o elenco passou por uma preparação vocal com o professor de música Suzano Cabral e corporal com a especialista em performance Gisele de Jesus, além da produção da peça por Alexandre Cardin,Marco Rocha, Maria Rita Pancada, Sandro Chaim, Guilherme Gama e pelo próprio Paulo Vilhena.[3] A estreia ocorreu em 31 de agosto de 2000 no Teatro Municipal José de Castro Mendes, em Campinas, ficando em cartaz até o início de 2001.[4]

Remontagem de 2016Editar

Em abril de 2016 o diretor Marcello Caridade começou a buscar um novo elenco para reestrear o musical sob a direção musical de Victor Salzeda e coreografias de Luiz Menezes, selecionando atores entre 18 e 25 anos, tendo o elenco escolhido formado por Diego Cruz, Bianca Oliveira, Raquel Penner, Carol Mesquita, Matheus Lana, Marcelo Mattos, Fernanda Guerreiro, Lucas Terra, Luiza Boldrini e Erick Cola.[5] Sob a produção da Terceiro Sinal Produções, a peça estreou em outubro no Teatro Popular Oscar Niemeyer, no Rio de Janeiro.[5]

ElencoEditar

Personagem Original (2000) Remontagem (2016)
Betão Paulo Vilhena Diego Cruz
Didi Karina Dohme Bianca Oliveira
Odete Bruna Thedy Fernanda Guerreiro
Zilda Fernanda Paes Leme Raquel Penner Pimentel
Suvako Douglas Aguillar Marcelo Mattos
Hélio Presley Wagner Santisteban Matheus Lana
Glorinha Marie Lanna Carol Mesquita
Adalberto José Trassi Lucas Terra
Catarina Camila dos Anjos Luiza Boldrini
Rômulo Flávio Trivela Erick Cola

Equipe técnicaEditar

Lista da equipe técnica da montagem original.[3]

  • Marcello Caridade: direção, cenografia
  • Marcelo Lino: roteiro
  • Marcelo Leno: colaboração de roteiro
  • Marco Rodrigo: direção musical, músicas
  • Sergio Carrer: músicas
  • Felipe D'Ippolito: músicas
  • Léo Gil: músicas
  • Alexandre Castilho: arranjos
  • Vivien Fortes: cenografia
  • Alexandre Cardin: cenografia, produção
  • César Dante: figurinos
  • Djalma Amaral: iluminação
  • Amaury Simões: direção de fotografia
  • Paulo Vilhena: produção executiva
  • Marco Rocha: produção administrativa
  • Maria Rita Pancada: produção de arte
  • Sandro Chaim: produção da turnê
  • Guilherme Gama: assistente de produção, contraregra
  • Sabrina Lutfi: assistente de figurino
  • Valdecir dos Santos: cenotécnico
  • Neuza Piccolo: figurino
  • Mauro Corizola: figurino
  • Fernando Montagna: luz e som

Referências

  1. «Atores do seriado 'Sandy & Junior' se encontram em casamento». Caras. Consultado em 23 de junho de 2016 
  2. «Saiba tudo sobre os principais momentos da vida e da trajetória do ator». Revista Quem. Consultado em 23 de junho de 2016 
  3. a b c «2000 – Tutti Frutti, o Musical». Centro Brasileiro de Teatro para a Infância e Juventude. Consultado em 23 de junho de 2016 
  4. «Sandy enfrenta sua segunda decepção amorosa ao romper o namoro com Paulo Vilhena e encara o pior lado da realidade: a dificuldade de viver um grande amor». Geocities. Consultado em 23 de junho de 2016 
  5. a b «Remontagem do musical Tutti Frutti busca seu protagonista bad boy». Teatro em Cena. Consultado em 23 de junho de 2016 

Ligações externasEditar