Abrir menu principal

Tyreek Hill

jogador de futebol americano dos Estados Unidos

Tyreek Hill (Lauderhill, 1 de março de 1994) é um jogador de futebol americano do Kansas City Chiefs da National Football League (NFL).

Tyreek Hill
No. 10     Kansas City Chiefs
Wide Receiver
Informações pessoais
Data de nascimento: 1 de abril de 1994 (25 anos)
Local de nascimento: Lauderhill, Flórida
Altura: 5 ft 10 in (1 78 m) Peso: 185 lb (84 kg)
Informação da carreira
Faculdade: Universidade Estadual de Oklahoma
West Alabama
Draft da NFL: 2016 / Rodada: 5 / Escolha: 165
Estreou em 2016 pelo Kansas City Chiefs
História da carreira
 Como jogador:
* Kansas City Chiefs (2016–presente)
Situação atual: Ativo
Pontos altos na carreira e prêmios
* 2× Pro Bowl (2017 e 2018)
  • Primeira-Equipe All-Pro (2016)
  • All-Rookie pela PFWA (2016)
Estatísticas de carreira na NFL até a 2018
Recepções     223
Jardas recebidas     3,255
Touchdowns     25
Jardas terrestres     462
Touchdown terrestres     4
Estatísticas no NFL.com

Ele frequentou a Garden City Community College, a Universidade de Oklahoma e a University of West Alabama. Hill era principalmente um especialista de retorno como um novato, mas também contribuiu como wide receiver e running back, mas desde então se tornou o principal recebedor dos Chiefs, embora ele ainda seja o retornador de punt do time. Após seu ano de novato, ele recebeu o apelido de Cheetah como referência à sua velocidade.[1]

Início da vidaEditar

Nascido em Fort Lauderdale, na Flórida, Hill se mudou para a Georgia e frequentou a Coffee High School, onde venceu os 100 metros e os 200 metros no campeonato estadual da Georgia de 2012.[2]

Em 26 de maio de 2012, no 36º Golden South Classic, em Orlando, Flórida, Hill realizou seus melhores números nos 100 m (10,19 s) e nos 200 m (20,14 s).[3] Ele foi eleito pelo Track and Field News como o Atleta do Ensino Médio do Ano em 2012.[4][5]

Carreira universitáriaEditar

Faculdade Comunitária de Garden CityEditar

Na Faculdade Comunitária de Garden City, Hill praticou atletismo e futebol americano.

Em 2013, seu segundo ano, Hill correu 659 jardas e cinco touchdowns e pegou 67 passes para 532 jardas.[6]

Oklahoma State UniversityEditar

Saindo da Faculdade Comunitária de Garden City, Hill foi muito procurado pelas faculdades e escolheu ingressar na Universidade Estadual de Oklahoma.

Em 30 de agosto de 2014, Hill fez sua estréia recebendo seis passes para 62 jardas em uma derrota para Universidade do Estado da Flórida.[7] Em 25 de setembro de 2014, ele conseguiu seu primeiro touchdown contra a Universidade de Tecnologia do Texas e terminou a vitória com três recepções para 50 jardas, seis corridas para 39 jardas e três retornos de chute para um total de 62 jardas.[8] No jogo seguinte contra a Universidade Estadual de Iowa, Hill terminou com 148 jardas em cinco retornos e teve seu primeiro retorno para touchdown da temporada.[9] Em 1° de novembro de 2014, ele teve 102 jardas em 18 corridas e marcou seu primeiro touchdowns terrestre da temporada contra Universidade Estadual do Kansas.[10]

Em 6 de dezembro de 2014, ele jogou em seu último jogo pela Universidade Estadual de Oklahoma e ajudou-os a ganhar o jogo contra o rival Oklahoma Sooners depois que ele retornou para um touchdown de 92 jardas.[11][12]

Em 11 de dezembro de 2014, a Universidade Estadual de Oklahoma dispensou Hill de seu time de futebol americano e atletismo por sua prisão domiciliar por violência doméstica alguns dias antes.[13]

Em sua única temporada na Universidade Estadual de Oklahoma, Hill teve um total de 102 corridas para 534 jardas e um touchdown, 31 recepções para 381 jardas e um touchdown, 30 retornos de chute para 740 jardas e dois touchdowns, e 27 retornos de punt para 256 jardas e um touchdown. Jogando como running back, wide receiver e retornador, ele foi responsável por 1.811 jardas e seis touchdowns.[14]

Universidade de Alabama OcidentalEditar

Em 1º de setembro de 2015, a Universidade de Alabama Ocidental anunciou que Hill se matriculou e jogaria futebol americano na equipe da universidade.[15] O treinador de West Alabama, Brett Gilliland, afirmou que inicialmente recusou Hill após ler o relatório da polícia detalhando como ele bateu em sua namorada. No entanto, depois de conhecer Hill pessoalmente, ele falou com pessoas da Universidade Estadual de Oklahoma, os ex-treinadores de Hill na Faculdade Comunitária de Garden City e um mentor do ensino médio. Ele também foi influenciado por uma parte do acordo que exigia que Hill frequentasse a universidade em tempo integral ou ter um emprego.[16]

Hill foi utilizado de forma muito equilibrada como running back (25 corridas para 237 jardas e um touchdown), wide receiver (27 recepções para 444 jardas e touchdown), retornador de punt (20 retornos com média de 10,7 jardas com dois touchdowns) e retornador de chute (20 retornos com média de 23,0 jardas com dois touchdowns). Em seus 11 jogos pela equipe, ele nunca ultrapassou 100 jardas correndo ou recebendo.[17]

Hill foi utilizado de forma muito equilibrada como running back (25 corridas para 237 jardas e um touchdown), wide receiver (27 recepções para 444 jardas e touchdown), retornador de punt (20 retornos com média de 10,7 jardas com dois touchdowns) e retornador de chute (20 retornos com média de 23,0 jardas com dois touchdowns). Em seus 11 jogos pela equipe, ele nunca ultrapassou 100 jardas correndo ou recebendo.[18]

Carreira profissionalEditar

Hill foi projetado como não sendo draftado no Draft de 2016, principalmente devido à sua prisão domiciliar por violência. Embora ele não tenha sido convidado para o NFL Combine, Hill foi capaz de mostrar suas habilidades no Pro Day de West Alabama. Olheiros ficaram impressionados com sua velocidade e ele recebeu muitos elogios por seu treino.[19]

Independentemente do treino, muitas equipes removeram completamente Hill de suas pretenções, mas o treinador de West Alabama afirmou que pelo menos 20 equipes ainda estavam interessadas nele.[20]

Pré-Draft
Ht Wt Corrida de 40 jardas Corrida de 10 jardas Corrida de 20 jardas 20-ss 3-cone Salto vertical Amplo BP
1,73 m 84 kg 4,29 s 1,50 s 2,51 s 4,06 s 6,53 s 1,03 m 3,28 m 13 repetições
Todos os valores do Pro Day de West Alabama.[21]

Temporada de 2016Editar

O Kansas City Chiefs selecionou Hill na quinta rodada (165° escolha geral) do Draft de 2016.[22] Ele foi o primeiro jogador de West Alabama a ser selecionado desde 1974, quando Ken Hutcherson foi convocado como a 97º escolha geral pelo Dallas Cowboys.[23]

Os Chiefs foram criticados pelos fãs devido aos seus problemas anteriores com violência doméstica.[24] O gerente geral John Dorsey teve que receber o consentimento do proprietário dos Chiefs, Clark Hunt, para fazer a seleção e disse que examinaram cuidadosamente a perspectiva que incluía falar com o promotor que o acusou.[25]

Em 17 de maio de 2016, os Chiefs assinaram com Hill um contrato de quatro anos no valor de US $ 2,58 milhões que inclui US $ 100.000 garantidos e um bônus de assinatura de US $ 70.000.[26]

Hill começou a temporada de 2016 como o retornador de punt e kickoff e sendo o quarto wide receiver atrás dos veteranos Jeremy Maclin, Chris Conley e Albert Wilson.[27] Na abertura da temporada do Kansas City Chiefs, ele fez sua primeira recepção profissional em um passe de touchdown de nove jardas de Alex Smith, quando os Chiefs derrotaram o San Diego Chargers por 33-27 na prorrogação.[28]

Na semana 8, Hill teve cinco passes para 98 jardas e um touchdown durante uma vitória por 30-14 sobre o Indianapolis Colts no Lucas Oil Stadium.[29] Em 13 de novembro de 2016, Hill teve dez recepções para 89 jardas em uma vitória por 20-17 contra o Carolina Panthers.[30]

Em 27 de novembro de 2016, Hill devolveu um kickoff para um touchdown de 86 jardas, correu para um touchdown de três jardas e pegou um passe para touchdown de três jardas com menos de cinco segundos restantes no quarto quarto. Ele foi o primeiro jogador a conseguir esse feito desde que Gale Sayers fez isso jogando no Chicago Bears em 1965.[31][32] Durante seu retorno, ele alcançou uma velocidade de 36,64 km/h, a maior velocidade que qualquer jogador da NFL alcançou naquela temporada.[33] Sua atuação na Semana 12 lhe rendeu o prêmio de Jogador Ofensivo da Semana da AFC.[34]

Contra o Oakland Raiders na semana 14, Hill retornou um punt para touchdown de 78 jardas e teve seis recepções para 66 jardas e um touchdown, ajudando os Chiefs a vencerem por 21-13 e chegar a primeira posição da AFC West.[35] Ele foi nomeado o Jogador da Semana dos Times Especias da AFC por sua atuação na Semana 14.[36] Na semana 16 contra o Denver Broncos, Hill teve seis corridas para 95 jardas e um touchdown de 70 jardas em uma vitória por 33-10. Em 1 de janeiro de 2017, no final da temporada regular, ele recebeu cinco passes para 46 jardas, três corridas para 15 jardas e um retorno de punt de 95 jardas para um touchdown em uma vitória por 37-27 sobre o San Diego Chargers. Seu esforço contra os Chargers lhe rendeu seu segundo prêmio de Jogador da Semana dos Times Especiais da AFC.[37][38]

Hill terminou sua temporada de estreia com 61 recepções para 593 jardas e seis touchdowns, 24 corridas para 267 jardas e três touchdowns, 14 retornos de chute para um total de 384 jardas e um touchdown, e 39 retornos de punt para 592 jardas e dois touchdowns.[39] Ele também jogou em todos os 16 jogos e fez sete tackles combinados.[30] Hill foi nomeado para o Pro Bowl de 2017 como especialista em retorno.[40] Em 6 de janeiro de 2017, Hill foi nomeado para o Primeiro-Time All-Pro como um retornador de punt.[41] Ele também foi nomeado para a equipe All-Rookie.[42] Ele foi classificado em 36º por seus companheiros jogadores na lista dos 100 Melhores Jogadores da NFL de 2017.[43]

Temporada de 2017Editar

Em 7 de setembro de 2017, na abertura da temporada contra o New England Patriots, Hill terminou o jogo com 133 jardas em sete recepções, incluindo um touchdown de 75 jardas, os Chiefs venceram por 42-27. Na semana 5, contra o Houston Texans, ele registrou um touchdown de 82 jardas no quarto quarto.[44] Em 30 de outubro, contra o Denver Broncos no Monday Night Football, Hill lançou a bola em e foi interceptado.[45]

Em 5 de novembro, contra o Dallas Cowboys, ele marcou um touchdown em passe de 56 jardas de Alex Smith em uma jogoda final não muito convencional. Os Chiefs fingiram que iam fazer um Hail Mary mas Smith fez um passe curto para Hill, que tinha um comboio de bloqueadores e espaço suficiente para ir até a end zone.[46][47]

Durante uma partida da Semana 13 contra o New York Jets, Hill teve seis recepções para 185 jardas e dois touchdowns, incluindo um touchdown de 79 jardas, mas os Chiefs perderam por 31-38.[48][49]

Ele terminou a temporada de 2017 com 75 recepções para 1.183 jardas e sete touchdowns. Além disso, ele teve 25 retornos de punts para 204 jardas e um touchdown.[50] Os Chiefs terminaram a temporada regular com um recorde de 10-6 e foram para os playoffs.[51] Na derrota de 22-21 para o Tennessee Titans no Wild Card, Hill terminou com sete recepções para 87 jardas e uma corrida de 14 jardas.[52]

Hill foi selecionado para o seu segundo Pro Bowl como especialista em retorno.[53] Ele foi classificado em 40º por seus companheiros jogadores na lista dos 100 Melhores Jogadores da NFL de 2018.[54]

Temporada de 2018Editar

Durante a semana 1 contra os Chargers, na primeira jogada de Hill no jogo, ele retornou um punt de 91 jardas para touchdown. Ele também teve 169 jardas de recepção com dois touchdowns, enquanto os Chiefs venceram por 38-28. No jogo, ele recebeu um touchdown de 58 jardas, seu 13° touchdown de mais de 50 jardas. Pela segunda vez em sua carreira profissional, ele teve três touchdowns em um único jogo.[55][56]

Na semana seguinte, ele recebeu cinco passes para 90 jardas e um touchdown contra o Pittsburgh Steelers.[57] Depois de três jogos fracos, Hill novamente registrou três touchdowns em sete recepções para 142 jardas contra o New England Patriots na semana 6.[58] Quatro semanas depois, Hill teve seu terceiro jogo de 100 jardas de recepção, com sete recepções para 117 jardas e dois touchdowns, juntamente com uma corrida de 20 jardas, em uma vitória da semana 10 sobre o Arizona Cardinals.[59] Na semana 11, Hill registrou 10 recepções para 215 jardas e dois touchdowns em uma derrota por 54-51 para o Los Angeles Rams.[60]

Ele terminou a temporada com as melhores marcas de sua carreira: 87 recepções para 1.479 jardas e 12 touchdowns.[61] Ele terminou em segundo na equipe em recepções atrás de Travis Kelce e liderou a equipe em jardas de recepção e touchdowns.[62] Ele terminou em quarto na liga em jardas recebidas e touchdowns. Ele foi nomeado para o seu terceiro Pro Bowl consecutivo e foi nomeado pro Segundo-Time All-Pro como Wide receiver.[63]

No Divisional Round contra o Indianapolis Colts, ele teve oito recepções para 72 jardas e um touchdown de 36 jardas na vitória por 31-13.[64] Na AFC Championship Game, ele teve uma única recepção para 42 jardas na derrota por 37-31 para o New England Patriots.[65]

EstatísticasEditar

Temporada regularEditar

Ano Equipe Jogos Recebendo Correndo Punt Ret. Kick Ret. Total
Rec Jds Média TD Ten Jds TD Ret Jds TD Ret Jds TD Jds TD
2016 KC 16 61 593 9,7 6 24 267 3 39 592 2 14 384 1 1.836 12
2017 KC 15 75 1,183 15,8 7 17 59 0 25 204 1 0 0 0 1,446 8
2018 KC 16 87 1,479 17,0 12 22 151 1 20 213 1 0 0 0 1.843 14
Carreira 47 223 3,255 14,6 25 63 477 4 84 1,009 4 14 384 1 5125 34

Pós-temporadaEditar

Ano Equipe Jogos Recebendo Correndo Retornando Total
Rec Jds Média TDs Ten Jds Média TDs Ret Jds Média TDs Jds Média TDs
2016 KC 1 4 27 6,8 0 3 18 6,0 0 4 72 18,0 0 117 10,6 0
2017 KC 1 7 87 12,4 0 1 14 14,0 0 3 25 8,3 0 126 12,4 0
2018 KC 2 9 114 12,7 0 1 36 36,0 1 6 -5 -0,8 0 145 9,1 1
Total 4 20 228 11,4 0 5 68 13,6 1 13 92 7,1 0 243 11,0 1

Vida pessoalEditar

Hill foi criado por sua mãe em Virginia.[66] Em setembro de 2018, Hill e sua namorada, Espinal, ficaram noivos.[67]

Questões legaisEditar

Registros da polícia de Stillwater indicam que em 12 de dezembro de 2014, Hill foi preso acusado de agredir sua namorada grávida de 20 anos, Cristal Espinal. O relatório policial afirma que Espinal disse que os dois entraram em uma discussão e ele a jogou no chão, deu um soco no rosto dela, sentou nela e repetidamente a socou no estômago, e a sufocou.[68] A Universidade de Oklahoma o demitiu do time de futebol americano após as acusações.[69]

Hill eventualmente se confessou culpado de agressão doméstica e agressão por estrangulamento e foi sentenciado a três anos de liberdade vigiada, um curso de controle da raiva, um programa de agressores que durou um ano e foi submetido a uma avaliação de abuso doméstico.[25][70][71][72]

Após três anos de liberdade condicional, trabalho em sua comunidade local e conclusão do gerenciamento da raiva, o caso de Hill foi encerrado.

Referências

  1. By. «Tyreek Hill inspired to honor grandfather who helped him through tough times». kansascity (em inglês). Consultado em 11 de abril de 2019 
  2. Tyreek Hill of Coffee Co. breaks sub 20s at 2012 GHSA Track no YouTube
  3. «Golden South shocker: Tyreek Hill steals the show with 20.14 200, #2 all-time». ESPN.com 
  4. «TRACKINSUN Athletics (Track and Field) Results -Athletisme Resultats - Leichtathletik Ergebnisse -». trackinsun.blogspot.com.es 
  5. «2012 All-USA boys and girls track teams revealed». USATODAY.COM. Consultado em 11 de abril de 2019 
  6. «University of West Alabama Athletics: Tyreek Hill Bio». uwaathletics.com 
  7. «Florida State vs Oklahoma State Box Score, August 30, 2014». College Football at Sports-Reference.com (em inglês) 
  8. «Texas Tech at Oklahoma State Box Score, September 25, 2014». College Football at Sports-Reference.com (em inglês) 
  9. «Iowa State at Oklahoma State Box Score, October 4, 2014». College Football at Sports-Reference.com (em inglês) 
  10. «Oklahoma State at Kansas State Box Score, November 1, 2014». College Football at Sports-Reference.com (em inglês) 
  11. «Ex-Oklahoma State Running back, Tyreek Hill, gets three-years probation for domestic abuse» 
  12. «Oklahoma State at Oklahoma Box Score, December 6, 2014». College Football at Sports-Reference.com (em inglês) 
  13. «Ex-Oklahoma State Running back, Tyreek Hill, gets three-years probation for domestic abuse» 
  14. «Sports-Reference: Tyreek Hill Game Log». sports preference.com 
  15. «Tyreek Hill, dismissed by OSU after arrest, lands with West Alabama». ESPN 
  16. «West Alabama coach explains decision to accept Tyreek Hill, says multiple NFL teams were interested». Kansascity.relaynedia.com. Consultado em 11 de abril de 2019. Arquivado do original em 5 de maio de 2016 
  17. «Tyreek Hill's Statistics». University of West Alabama Athletics 
  18. «Tyreek Hill's Statistics». University of West Alabama Athletics 
  19. "Tyreek Hill, DS # 24 WR, West Alabama" . NFLDraftScout.com . Retirado em 28 de novembro de 2016 .
  20. «Bell: Chiefs's take huge risk by drafting Tyreek Hill». amp.usatoday.com [ligação inativa]
  21. "Tyreek Hill, DS # 24 WR, West Alabama" . NFLDraftScout.com . Retirado em 28 de novembro de 2016 .
  22. «2016 NFL Draft Listing». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  23. «West Alabama coach explains decision to accept Tyreek Hill, says multiple NFL teams were interested». Kansascity.relaynedia.com. Consultado em 11 de abril de 2019. Arquivado do original em 5 de maio de 2016 
  24. «Tyreek Hill comments on Chiefs fans' criticism of draft selection». m.bleacherreport.com 
  25. a b «The thinking behind a highly controversial draft pick». NFL.com 
  26. «Spotrac.com: Tyreek Hill contract». Spotrac.com 
  27. «Ourlads.com: Kansas City Chief's Depth Chart: 9/01/16». ourlads.com 
  28. «San Diego Chargers at Kansas City Chiefs - September 11th, 2016». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  29. «Kansas City Chiefs at Indianapolis Colts - October 30th, 2016». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  30. a b «NFL Player Profile:Tyreek Hill». NFL.com 
  31. «'Freak of nature' Tyreek Hill scores 3 TDs in Chiefs' win» 
  32. «Tyreek Hill did something that hasn't been done since Gale Sayers». arrowheadpride.com 
  33. «How Did Wide Receiver Tyreek Hill Discover He Was So Fast? Wild Dogs, of Course» (em inglês) 
  34. «Ingram, Mack among NFL Players of the Week». NFL.com 
  35. «GameCenter: Kansas City Chiefs Vs. Oakland Raiders». NFL.com 
  36. «Le'Veon Bell, Rodgers among NFL Players of the Week». NFL.com 
  37. «Kansas City Chiefs at San Diego Chargers - January 1st, 2017». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  38. «2016 NFL Week 17 Leaders & Scores». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  39. «Tyreek Hill 2016 Game Log». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  40. «Four Chiefs Players Named to the 2017 Pro Bowl Roster». Chiefs.com. Consultado em 11 de abril de 2019. Arquivado do original em 21 de dezembro de 2016 
  41. «Three rookies, Matt Ryan among players named to All-Pro team». NFL.com 
  42. «2016 NFL All-Rookie Team». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  43. «'Top 100 Players of 2017': No. 36 Tyreek Hill». NFL.com (em inglês) 
  44. «Kansas City Chiefs at Houston Texans - October 8th, 2017». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  45. «Denver Broncos at Kansas City Chiefs - October 30th, 2017». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  46. «Kansas City Chiefs at Dallas Cowboys - November 5th, 2017». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  47. «Chiefs WR Tyreek Hill scores on Hail Mary dump-off to end first half». Sporting News 
  48. «Kansas City Chiefs at New York Jets - December 3rd, 2017». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  49. «NFL announces 2018 Pro Bowl rosters». NFL.com 
  50. «Tyreek Hill 2017 Game Log». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  51. «2017 Kansas City Chiefs Statistics & Players». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  52. «Wild Card - Tennessee Titans at Kansas City Chiefs - January 6th, 2018». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  53. «2017 NFL Pro Bowlers». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  54. «'Top 100 Players of 2018': Kansas City Chiefs wide receiver Tyreek Hill». NFL.com (em inglês) 
  55. «Chiefs Defeat Chargers, 38-28, in Season-Opener». Chiefs.com 
  56. «Tyreek Hill's three touchdowns help Chiefs over Chargers» (em inglês) 
  57. «Chiefs Notebook: Patrick Mahomes Impresses Again With Six Touchdowns in Victory». Chiefs.com 
  58. «Best WR in NFL or not, Tyreek Hill is plenty good enough for Chiefs». ESPN.com (em inglês) 
  59. «Chiefs' Tyreek Hill explodes for 117 yards and two touchdowns in Week 10». numberFire (em inglês) 
  60. «Chiefs' Tyreek Hill: Tops 200 yards, scores twice Monday». CBSSports.com (em inglês) 
  61. «Tyreek Hill 2018 Game Log». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  62. «2018 Kansas City Chiefs Statistics & Players». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  63. «All-Pro Team: Donald, Mahomes among highlights». NFL.com 
  64. «Divisional Round - Indianapolis Colts at Kansas City Chiefs - January 12th, 2019». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  65. «AFC Championship - New England Patriots at Kansas City Chiefs - January 20th, 2019». Pro-Football-Reference.com (em inglês) 
  66. «University of West Alabama Athletics: Tyreek Hill Bio». uwaathletics.com 
  67. «Chiefs receiver Tyreek Hill gets engaged to woman he pleaded guilty to assaulting» 
  68. «The uncomfortable reality of Tyreek Hill's success». The Undefeated (em inglês) 
  69. «OSU dismisses Tyreek Hill from football team after domestic assault charges». Tulsa World 
  70. «Tyreek Hill and the complicated nature of giving athletes second chances» 
  71. «Bell: Chiefs's take huge risk by drafting Tyreek Hill». amp.usatoday.com [ligação inativa]
  72. «Tyreek Hill's path to redemption continues with expungement of sentence in 2014 case» 

Ligações externasEditar