Ultraísmo

Ultraísmo é uma vanguarda poética surgida em Madrid em 1918, que tinha como principal objetivo sintetizar todas as tendências da vanguarda mundial com o mesmo desejo de ruptura e desejo de novidade.[1][2]

CaracterísticasEditar

Os poetas ultraístas buscaram:

  • Sobrevalorização da imagem e da metáfora, tornando-as muitas vezes múltiplas (várias incluídas em uma só).
  • Inovação na tipografia: o uso de espaços em branco e ausência de sinais de pontuação.
  • Supressão da rima e até mesmo o ritmo.

Fonte da traduçãoEditar

  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em galego, cujo título é «Ultraísmo».

Referências

  1. «Movimento literário Ultraísmo nasce na Espanha». History. 15 de agosto de 2013. Consultado em 29 de março de 2020 
  2. Delgado, Antonio Sáez (23 de dezembro de 2009). «Ultraísmo». E-Dicionário de Termos Literários. Consultado em 29 de março de 2020