Um Homem do Ribatejo

filme de 1946 dirigido por Henrique Campos

Um Homem no Ribatejo é um filme português realizado em 1946 por Henrique Campos.

Um Homem do Ribatejo
Portugal Portugal
1946 •  pb •  106 min 
Realização Henrique Campos
Argumento Alberto Cardoso dos Santos
Elenco Barreto Poeira
Eunice Muñoz
Maria Olguim
Costinha
Luísa Durão
Assis Pacheco
Hermínia Silva
Género drama
Lançamento 27 de setembro de 1946
Idioma português

Os principais atores deste filme são Barreto Poeira e Eunice Muñoz, como protagonistas principais. De destaque a fadista Hermínia Silva no papel de uma cantora cigana interpretando o famoso "Fado da Sina".

O filme estreou em 27 de setembro de 1947 nos cinemas Capitólio e Politeama.[1]

AssuntosEditar

O filme relata a vida dura dos campinos na província portuguesa do Ribatejo. No final faz-se uma alusão às cheias que por vezes devastam aquela região e que na década de 1940 tinham consequências muito mais catastróficas que na atualidade.

SinopseEditar

O filme inicia-se com o casamento de Manuel (Barreto Poeira) com Maria Loba, enquanto decorria os festejos do casamento, Manuel é informado da tragédia que matara o seu irmão por um touro feroz chamado "Besoiro", esse mesmo animal já havia morto uns tempos antes seu próprio pai. Manuel foi incumbido pelo proprietário da terras a suceder ao seu irmão como maioral, mas recusa por causa do trauma da morte de seu pai e seu irmão que exerciam a mesma função. Injustamente acusado de covardia por Belinha (Eunice Muñoz), a filha do proprietário, Manuel que a ama em silêncio, mas que devido à condição social oposta de ambos os apaixonados, decide abandonar a lezíria. Mais tarde, salva a sua amada Belinha da fúria do famoso touro "Besoiro" e depois de compreender que o amor entre ambos era impossível, dado o desnível social entre ambos (o pai dela jamais aceitaria aquela relação), decide reatar o casamento com Maria Loba. O filme termina com uma terrível cheia que assolou a região do Ribatejo, tendo Manuel salvo todos os bois da manada do seu patrão exceto o terrível "Besoiro" e claro a sua mulher que se encontrava no telhado da casa, visto que o resto da casa estava toda inundada. Ficou sabendo que ela estava grávida e assim termina o filme.[2]

ElencoEditar

Referências

  1. «Um Homem do Ribatejo». Cinema Sapo. Consultado em 15 de março de 2015. Cópia arquivada em 15 de março de 2015 
  2. FNAC Portugal. «Um Homem do Ribatejo». FNAC Portugal. Consultado em 18 de março de 2015 
  Este artigo sobre um filme português é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.