Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde outubro de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

União Esporte Clube, também conhecido como União Rondonópolis, é um clube brasileiro de futebol da cidade de Rondonópolis, no estado de Mato Grosso, Brasil. Foi fundado no dia 6 de junho de 1973 e seu uniforme é composto de camisa vermelha com detalhes em branco, calção vermelho e meias vermelhas. Manda seu jogos no Estádio Engenheiro Luthero Lopes.

União Rondonópolis
UniãoRondonópolis.png
Nome União Esporte Clube
Alcunhas Colorado, Vermelhinho
Principal rival Vila Aurora
Fundação 6 de junho de 1973 (46 anos)
Estádio Estádio Engenheiro Lutero Lopes
Capacidade 19.000 pessoas
Presidente Edicarlos Olegini
Treinador Edilson Júnior
Material (d)esportivo Aktion Store
Competição Mato-Grossense - 1ª Divisão
Brasileirão - Série D
Copa FMF
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Temporada atual
editar

HistóriaEditar

Seu nome deve-se ao fato do clube surgir após a união de quatro times amadores de Rondonópolis: Santos, Paraibana, Comercial e Olaria.

Embora já tenha chegado a finais do estadual, somente no dia 28 de abril de 2010 que o time foi campeão estadual pela primeira vez. O clube possui uma das maiores torcidas de todo o estado de Mato Grosso e seu maior rival é o Vila Aurora, com quem disputa o clássico local apelidado de Clássico Unigrão.

Outra peculiaridade muito importante que deve ser ressaltada é que o União Esporte Clube disputou todos os Campeonatos Estaduais que foram disputados desde o início, jamais se licenciando, como já o fizeram Mixto, Operário, Cuiabá, Dom Bosco e Palmeiras-MT, dentre outros.

O autor do primeiro gol da história do estádio Caldeirão foi Ronaldinho Gaúcho, que jogava pelo Grêmio, de Porto Alegre. Na ocasião, o União perdeu de 4x0 para o Grêmio em jogo disputado pela Copa do Brasil.

Dono de instalações modernas de treinamento, o União acabou por ter publicidade nacional ao derrotar por 1-0 o Internacional no dia 18 de fevereiro de 2009, em jogo válido pela Copa do Brasil, com um gol de Diogo.[1]

O clube foi 9 vezes vice-campeão e só no dia 28 de abril de 2010 conseguiu ser campeão, 36 anos depois de sua fundação o clube conseguiu o título de Campeão Matogrossense de futebol, ao vencer na segunda partida da final, o Operário Varzea-Grandense por 3x2, com gols de Valdir Papel(2) e Leonardy.

 

TítulosEditar

Estaduais
Competição Títulos Temporadas
  Campeonato Mato-Grossense 1 2010
  Copa FMF 1 2017

Campanhas de destaqueEditar

Outras ConquistasEditar

EstatísticasEditar

 Ver artigo principal: Temporadas do União Esporte Clube

ParticipaçõesEditar

Participações em 2020
Competição Temporadas Melhor campanha Estreia Última P   R  
  Campeonato Mato-Grossense 48 Campeão (2010) 1973 2020
  Série B 5 19º colocado (1981 e 1985) 1980 1989
Série C 7 26º colocado (1990) 1990 2004
Série D 3 26º colocado (2017) 2017 2020
Copa do Brasil 8 1ª fase (6 vezes) 1991 2018

Ranking da CBFEditar

Ranking atualizado em 30 de dezembro de 2017

  • Posição: 157º
  • Pontuação: 255 [pontos[2]

Ranking criado pela Confederação Brasileira de Futebol para pontuar todos os clubes do Brasil.[3]

Elenco 2017Editar

Goleiros
Jogador
  Fernando Hilário
  Rafael
  Ruan
Defensores
Jogador Pos.
  Ricardo Lucena Z
  André Astorga Z
  Kevin L
  Diego José L
  Gabriel L
  Renê L
Meio-campistas
Jogador Pos.
  Heitor V
  Júlio Abu V
  Artur V
  Preto M
  Ricardinho M
  Rinaldo M
Atacantes
Jogador
  Alef Manga
  Ceará
  Gustavo Tocantins
  Índio
  Enderson
  Diogo França
  Alan
  Richard

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Zebra da rodada, União-MT tira invencibilidade do Internacional». GloboEsporte.com. 18 de fevereiro de 2009. Consultado em 19 de fevereiro de 2009 
  2. https://cdn.cbf.com.br/content/201712/20171204170858_0.pdf RNC - RANKING NACIONAL DOS CLUBES 2018 Confederação Brasileira de Futebol - acessado em 30 de dezembro de 2017
  3. [https://web.archive.org/web/20171205041609/https://www.cbf.com.br/noticias/campeonato/ranking-da-cbf-2018-palmeiras-e-cruzeiro-lideram#.WkenNNjJ3YU Arquivado em 5 de dezembro de 2017, no Wayback Machine. Palmeiras e Cruzeiro lideram o Ranking Nacional de Clubes 2018 CBF - acessado em 30 de dezembro de 2017

Ligações externasEditar