Abrir menu principal

Unidos do Alto da Boa Vista

Question book-4.svg
Este artigo ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2011). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Alto da Boa Vista
Fundação 2 de maio de 1988 (31 anos)
Cores Azul e branco
Símbolo Coroa
Bairro Alto da Boa Vista
Presidente Sérgio Luiz Moreira Costa[1]
Desfile de 2017
Enredo Salve a Mãe Natureza!

O Grêmio Recreativo Bloco Carnavalesco Unidos do Alto da Boa Vista é um bloco de enredo da cidade do Rio de Janeiro, sendo sediado no bairro de mesmo nome. Sendo criado oficialmente no ano de 1974, inicialmente com o simpático nome de Unidos da Curtição, tendo como maior objetivo unir todas as comunidades e sub-bairros da região e seu entorno (Mata Machado, Maracaí, Tijuaçu, Agrícola, Furnas, Taquara, Itanhangá, Tijuquinha, Vila da Paz). Seu primeiro presidente foi o Sr. Haroldo "Transa".

Inicialmente, a agremiação possuía uma quadra de ensaios na Rua Dr. Leandro Robeiro da Silva, nº 18 - Mata Machado, na qual se realizavam uma série de eventos, que era uma fonte de renda para a confecção do carnaval, contudo, depois de uma chuva catastrófica em meados do anos 90, uma árvore impediu que se realizassem funções no local, fazendo com que o bloco caísse no ostracismo.

HistóriaEditar

No ano de 1997, uma comissão de abnegados, liderado pelo Sr. Idice Lique, mais conhecido por Neném, assumiu a direção da agremiação e pôs na rua o memorável carnaval com o enredo "Colorido da Saudade", na qual relembrava os fatos dos antigos carnavais e homenageando seu saudoso presidente Sr. Haroldo "Transa", o qual conquistou mais um de seus inúmeros campeonatos, fazendo com que o Bloco mudasse de nome de Unidos da Curtição para Unidos do Alto da Boa Vista.

Importante frisar que a agremiação une todos os moradores da localidade, no afã de fazer um bom desfile, fato este que se eterniza no samba levado para a avenida no ano de 1988 que inicia com os versos "Somos do Alto da Boa Vista, temos orgulho de dizer que não existe lugar melhor no mundo para se viver". Muitas foram as vitórias, contudo, em alguns anos a agremiação deixou de desfilar, o que fez com que a agremiação não se firmasse no grupo 1 dos blocos, mas nada que abale a confiança do folião boavistano, que tem consciência de sua garra e força para vencer. Destacam-se como figuras que muito contribuíram para o engrandecimento desta agremiação o puxador Gil Chapadão (falecido), o carnavalesco Jair Montemor (falecido), Dona Magnólia do Pocinho (primeira baiana), Esmeralda (Primeira Porta Estandarte), Sr. Balbino e esposa, Sra. Regina do Guelinho (Dep. Feminino), Marquinho Quaquá (Mestre de Bateria), Sueli e Rodrigo (Casal de Mestre Sala e Porta Estandarte), Cristina (Eterna Madrinha de Bateria), Josi Oga (Primeiro Destaque).

Em 2010, desfilou em Bonsucesso com o enredo “Pedra da Gávea-Itá Anhangá, histórias, lendas e mistérios”, sendo campeão do grupo 3. no ano seguinte, desfilou na Intendente Magalhães com o enredo Até o alto da Tijuca, No bonde da saudade, terminando na 4ª colocação e permanecendo no grupo 2.

SegmentosEditar

PresidentesEditar

Nome Mandato Ref.
Sérgio Luiz Moreira Costa "Serginho Moreira" ? - atualidade [1]


DiretoresEditar

Ano Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Mestre de bateria Ref.
2017

CoreógrafoEditar

Ano Nome Ref.
2017

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeiraEditar

Ano Nome Ref.
2017

Rainhas de bateriaEditar

Período Rainha Madrinha Ref.
2017

CarnavaisEditar

Unidos do Alto da Boa Vista
Ano Colocação Grupo Enredo Carnavalesco Intérprete Ref.
2006 8º lugar 1-Bloco Paz – Um sonho de igualdade, Um grito de liberdade Comissão de Carnaval [2]
2007 10° lugar 1-Bloco Saudade, Da ciranda à internet Comissão de Carnaval [3]
Não desfilou em 2008
2009 9° lugar 3-Bloco Floresta da Tijuca, o coração verde do Rio. Comissão de Carnaval [4]
2010 Campeão 3-Bloco Pedra da Gávea - Itá Anhangá, histórias, lendas e mistérios Kácio Alves [5][6]
2011 4ºlugar 2-Bloco Até o alto da Tijuca, No bonde da saudade Kácio Alves [7]
2012 3º lugar 2-Bloco A Fonte Encantada do Samba Kácio Alves [8]
2013 6º lugar 2-Bloco Dona Santa, Rainha negra do maracatú elefante Kácio Alves [9]
2014 3º lugar 3-Bloco Colorido da Saudade! Luan Vieira [10]
2015 3º lugar 2-Bloco Vinte anos de saudade de Ayrton Senna do Brasil Luan Vieira
2016 Vice-campeã 2-Bloco Salve ele, Salve os Bambas, Salve o Clube do Samba Comissão de Carnaval [1]
2017 8º lugar 1-Bloco Salve a Mãe Natureza! Comissão de Carnaval


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
  Imagens e media no Commons

Referências