Abrir menu principal
Universal Studios Japan

O Universal Studios Japan (ユニバーサル・スタジオ・ジャパン?), localizado em Osaka, é um dos quatro parques temáticos do Universal Studios, pertencente e operado pela USJ Co., Ltd. Com uma licença da NBCUniversal. O parque é semelhante ao Universal Orlando Resort já que ele contém atrações selecionadas do Universal Orlando Resort e do Universal Studios Hollywood. A maior parte dos visitantes são turistas japoneses e turistas vindos de outros países asiáticos como Taiwan, Hong Kong e Coreia do Sul. Em 2005, o Goldman Sachs tornou-se o maior acionista do Universal Studios Japan. O parque abriu em 31 de março de 2001. O número de visitantes no parque no ano de abertura foi de 11 milhões, tornando-se o mais rápido parque de diversões a alcançar a marca de 10 milhões. Desde então, o Universal Studios Japan teve aproximadamente 8 milhões de visitantes todo ano.

Vários eventos aconteceram no ano de 2011 para celebrar seu décimo aniversário, resultando no crescimento do público para 88 milhões. Os detentores do passaporte anual chegaram a 700 000 em junho de 2012, e no ano fiscal de 2012, foi quase atingida a marca de 10 milhões, alcançando os 9,75 milhões de visitantes. No ano fiscal de 2013, o Universal Studios Japan alcançou a marca de 10 milhões de visitantes pela segunda vez desde sua aberta em 19 de março, marcando 10,5 milhões de visitantes. Vários fatores contribuíram para este crescimento em 2013, incluindo a abertura da montanha-russa ao contrário “Hollywood Dream - The Ride -Backdrop-” em março, e o “NEW Amazing Adventure of Spider-Man - The Ride 4K3D” em julho, que passou a usar a nova tecnologia 4KHD, provando ser popular entre as gerações mais novas. A área familiar “Universal Wonderland”, que abriu em março de 2012 também atraiu muitas famílias.

Instalações recentes incluem atrações por templo limitado, como “Bio Hazard - The Real” e “Monster Hunter - The Real,” ambas baseadas em jogos populares, e “One Piece Premier Show”, que é baseado em uma animação popular, oferecendo atrações baseadas no mundo do entretenimento e não apenas nos filmes de Hollywood. Em 18 de abril de 2014, o Primeiro-Ministro Shinzo Abe e a Embaixadora dos Estados Unidos no Japão Caroline Kennedy estiveram no parque para anunciar a abertura de “The Wizarding World of Harry Potter” programada para 15 de julho de 2014, uma atração baseada na série de filmes de sucesso “Harry Potter.”[1]

Com um investimento total de 45 bilhões de ienes, estima-se que o grande projeto terá um retorno de 5 trilhões e 60 milhões de ienes nos próximos 10 anos em todo o Japão, além de atrair muitos visitantes tanto do Jpaão como do exterior.[2] A Universal Studios Japan saudou seu visitante número 100 milhões na segunda-feira, 29 de outubro de 2012.[3]

De acordo com o Theme Index Global Attraction Attendance Report de 2013, a Universal Studios Japan é 9º parque entre os maiores parques mundiais, atraindo 10,1 milhões de visitantes em 2013, que foi 4,1% maior do que no ano anterior.[4]


Índice

AtraçõesEditar

As atrações estão dispostas em nove áreas do parque.[5] Uma décima área, The Wizarding World of Harry Potter, abriu em 15 de julho de 2014, com sua atração principal, Harry Potter and the Forbidden Journey. A área foi modelada nas áreas de mesmo nome na Universal Orlando e na Universal Studios Hollywood.[6]Há também atrações que não estão na versão dos Estados Unidos e são únicas a Universal Studios Japan, tal como a Black Lake and Hogwarts Express Photo Op.

New YorkEditar

HollywoodEditar

 
Cinema 4-D

San FranciscoEditar

Jurassic ParkEditar

Universal WonderlandEditar

  • Snoopy's Great Race
  • The Flying Snoopy
  • Hello Kitty's Cupcake Dream
  • Hello Kitty's Ribbon Collection
  • Elmo's Bubble Bubble
  • Abby's Magical Party
  • Moppy's Lucky Dance Party
  • Big Bird's Big Nest
  • Grover's Construction Company
  • Bert and Ernie's Wonder-The Sea
  • Sesame's Big Drive
  • Big Bird's Climbing Nest
  • Abby's Magical Tree
  • Abby's Magical Garden
  • Water Garden
  • Cookie Monster Slide
  • Ernie's Rubber Duckie Race
  • Elmo's Little Drive
  • Big Bird's Big Top Circus

LagoonEditar

Water WorldEditar

Amity VillageEditar

The Wizarding World of Harry PotterEditar

Atrações anterioresEditar

 
A antiga E.T. Adventure
  • A Western Area, com o The Wild Wild Wild West Stunt Show e o Animal Actors show, foram fechados para se tornar a Land of Oz em 2006. Isto envolveu uma retematização completa dos dois shows, um restaurante e várias lojas.
    • The Wild Wild Wild West Stunt Show era um show de dublês ao vivo baseado em filmes de velho-oeste da Universal. Aberto em 31 de março de 2001, na Western Town, uma seção dentro do parque, o show apresentava alguns atores vestidos de cowboy sobrevivendo a cenas que desafiavam a morte, tiros e explosões.[8][9] O show fechou em 2006 e desde então foi substituído pelo Wicked.
  • Motion Picture Magic – Quando o parque abriu pela primeira vez em 2001, a atração 'Motion Picture Magic,' apresentada pelo diretor Steven Spielberg, ocupava o edifício que atualmente abriga a atração Sesame Street 4-D Movie Magic. A atração, projetada originalmente pelo designer Bob Rogers (designer) e o time de design BRC Imagination Arts,[10] oferecia um tributo à Universal Studios. Durante o show, o cinema se transformava em uma apresentação multitela, e quando o show terminava, a tela principal subia para apresentar um vídeo em tempo real.[11]
  • E.T. Adventure foi substituído por Space Fantasy: The Ride.
  • Monster Make-Up foi fechado.

Land of Oz (fechada em 2011)Editar

PrêmiosEditar

  • Animation Celebration
    • 2002 Vencedor do Prêmio THEA (apresentado pela TEA),[14]
  • Peter Pan's Neverland
    • 2007 Vencedor do Prêmio THEA (apresentado pela TEA) em Evento Estacular,[15]
  • The Gift of Angels
    • 2009 Vencedor do Prêmio Big E, Melhor Produção Geral com mais de $2 milhões, (apresentado pela IIAPA),[16]
  • Magical Starlight Parade
    • 2009 Menção honrosa na Melhor Produção com mais de $2 milhões Big E Award (apresentada pela IIAPA),[17]

PúblicoEditar

2008 2009 2010 2011 2012 2013 Worldwide rank
8,300,000[18] 8,000,000[19] 8,160,000[20] 8,500,000[21] 9,700,000[22] 10,100,000[4] 9

Hotéis oficiaisEditar

 
Hotel Kintetsu Universal City (esquerda) e o Hotel Keihan Universal Tower (direita)

Há cinco hotéis oficiais perto do parque.

Universal CityWalk OsakaEditar

 
Universal CityWalk Osaka

O Universal CityWalk Osaka liga a estação de trem da JR com a entrada do parque. É um shopping de três andares repleta de várias lojas e restaurantes, incluindo um museu do takoyaki.[24]

PrêmiosEditar

Em 2011, a árvore de natal do USJ foi reconhecida pelo Guinness World Records como a árvore de natal mais iluminada do mundo, tendo 260 498 luzes.[25]

IncidentesEditar

Em novembro de 2014, uma mulher de 35 anos da província de Osaka sofreu um dano nervoso em seu puso direito, afetando o uso de dois de seus dedos. Isto ocorreu quando sua mão ficou presa em uma barra de segurança da atração do E.T. no momento em que um empregado puxou-a para prendê-la.[26]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Universal Studios Japan to Open Wizarding World of Harry Potter in July». Variety Media. Consultado em 18 de abril de 2014 
  2. «Universal Studios Japan to Open Wizarding World of Harry Potter in July». Variety Media. Consultado em 18 de abril de 2014 
  3. «Universal Studios Japan visitors top 100 million». Consultado em 2 de novembro de 2012. Cópia arquivada em 22 de janeiro de 2013 
  4. a b «TEA/AECOM 2013 Global Attractions Report» (PDF). Themed Entertainment Association. 2014. Consultado em 6 de junho de 2014 
  5. «Universal Studios Japan Attraction/Studio Guide». usj.co.jp. Consultado em 19 de novembro de 2006. Arquivado do original em 18 de novembro de 2006 
  6. Fritz, Ben (9 de maio de 2012). «Harry Potter heads to Universal Studios Japan». Los Angeles Times. Consultado em 10 de maio de 2012 
  7. «Animation Celebration» (PDF). BRC Imagination Arts 
  8. Strother, Susan G. (12 de julho de 1991). «Universal Kicks Off Western Show». Orlando Sentinel. Consultado em 11 de julho de 2011 
  9. «USJ theme park has continued to misuse explosives.». Japan Weekly Monitor. 19 de agosto de 2002. Consultado em 11 de julho de 2011 
  10. «Universal Studios Japan - Motion Picture Magic» (PDF). BRC Imagination Arts. Consultado em 20 de outubro de 2014. Arquivado do original (PDF) em 24 de dezembro de 2013 
  11. «Universal Studios Japan: Universal Studios Motion Picture Magic» (PDF). BRC Imagination Arts. Consultado em 20 de outubro de 2014. Arquivado do original (PDF) em 24 de dezembro de 2013 
  12. «SCREAMSCAPE Presents - The 2001 Ultimate Awards». 18 de setembro de 2002. Consultado em 5 de junho de 2012 
  13. «The Theme Park Insider Awards». Consultado em 5 de junho de 2012 
  14. a b «Thea Recipients». Consultado em 5 de junho de 2012 
  15. «14th Annual THEA Awards». Consultado em 5 de junho de 2012 
  16. «IAAPA 2009 BIG E AWARDS». Consultado em 5 de junho de 2012 
  17. «IAAPA 2009 Big E Awards Recognize Top-Notch Live Entertainment in the Attractions Industry Europe, Japan, and United States Productions Stand Out in 2009». 18 de novembro de 2009. Consultado em 5 de junho de 2012 
  18. «TEA/AECOM 2008 Global Attractions Report» (PDF). Themed Entertainment Association. 2008. Consultado em 20 de novembro de 2012 
  19. «TEA/AECOM 2009 Global Attractions Report» (PDF). Themed Entertainment Association. 2009. Consultado em 20 de novembro de 2012. Cópia arquivada (PDF) em 2 de junho de 2010 
  20. «TEA/AECOM 2010 Global Attractions Report» (PDF). Themed Entertainment Association. 2010. Consultado em 20 de novembro de 2012. Cópia arquivada (PDF) em 19 de julho de 2011 
  21. «TEA/AECOM 2011 Global Attractions Report» (PDF). Themed Entertainment Association. 2011. Consultado em 20 de novembro de 2012 
  22. «Cópia arquivada» (PDF). Consultado em 19 de junho de 2013. Arquivado do original (PDF) em 8 de abril de 2014 
  23. «Universal Studios Japan Official hotels». Consultado em 2 de novembro de 2012 
  24. «Universal CityWalk Osaka». Consultado em 2 de novembro de 2012 
  25. «Quick Hits». Consultado em 11 de junho de 2012 
  26. «USJ settles with woman hurt on E.T. attraction». The Daily Yomiuri. 24 de novembro de 2000. Consultado em 15 de dezembro de 2006 [ligação inativa] 

NotasEditar