Abrir menu principal
Empresa de capital fechado
Atividade energia
Sede Brasil São Gonçalo do Amarante, Ceará
Empregados 6.500
Produtos Energia Elétrica

A Usina Termelétrica do Pecém é um´complexo termelétrico movido a carvão mineral na cidade de São Gonçalo do Amarante. É resultado de um investimento total de R$ 5,3 bilhões.

As sócias no empreendimento eram as empresas EDP, do Grupo EDP Energias de Portugal, e a MPX, empresa de energia do Grupo EBX.[1]

Porto do Pecém

É formada pelas usinas Porto do Pecém I e Porto do Pecém II, aproveitando da estrutura do Porto do Pecém para receber o carvão mineral.

A Usina Porto do Pecém I tem capacidade total de 720 MW. Sua primeira unidade geradora entrou em operação comercial em 2012, enquanto a segunda entrou em operação em 2013. Atualmente, pertence ao Grupo EDP.[2]

A Usina Porto do Pecém II tem capacidade total de 365 MW. Entrou em operação em 2013, e pertence atualmente à Eneva (que também opera a Usina Termelétrica Porto do Itaqui, movida a carvão mineral, e o Complexo Termelétrica Parnaíba, movido à gás natural, ambas localizadas no Maranhão, além da Usina Solar Tauá, do Ceará ).[3]

As usinas colocam o Ceará como um dos maiores produtores de energia termelétrica do Brasil. As duas usinas representam 16% da energia consumida no Nordeste, e Pecém I pode produzir 50 % da energia consumida no estado, conferindo maior segurança energética ao Ceará. O estado também é um dos maiores produtores de energia eólica no país.[4][5]

Referências

  1. Usina Termelétrica do Pecém inicia operação no Ceará
  2. «www.edp.com.br/geracao-renovaveis/geracao/ceara/energia-pecem/Paginas/default.aspx». www.edp.com.br. Consultado em 24 de julho de 2018 
  3. «Geração de Energia – Eneva». www.eneva.com.br. Consultado em 24 de julho de 2018 
  4. Online, O POVO. «Ceará concorre a usina termelétrica de R$ 1,5 bilhão da EDP». www.opovo.com.br. Consultado em 24 de julho de 2018 
  5. «Ceará exporta energia com a produção de termelétricas | O Estado CE». www.oestadoce.com.br. Consultado em 24 de julho de 2018