Usuário:Renato de Carvalho Ferreira/Arquivo/2016

Discussão de bloqueio de JMGMEditar

Discussão de bloqueio: NogardRyuuEditar

Discussão de bloqueio: Orlando Agostinho DomingosEditar

O problema do artigo "Bahrein"Editar

Olá Rena. Vi os seus comentários na página de discussão do artigo "Bahrein" e achei que devia falar consigo sobre aquilo que me parece um problema grave, até porque já publiquei vários comentários na página "Fale com a Wikipédia" e não obtive qualquer resposta.

É notório que a sua posição é coincidente com a minha e com a de muitos membros da comunidade: para estar de acordo com a convenção de nomenclatura da Wikipédia, o nome do artigo deve ser alterado para Barém, Barein (só PT-br), ou Bareine (só PT-br), já que estas são as únicas formas atestadas nas fontes lexicográficas portuguesas e brasileiras mais fiáveis. Falo nomeadamente dos dicionários Houaiss (Barein), Aurélio (Barein/Bareine), Porto Editora (Barém), Lello/Priberam (Barém em Portugal, Barein no Brasil), Academia das Ciências de Lisboa (Barém), Vocabulário Comum da Língua Portuguesa (Barém, bareinita), entre outras.

Nenhuma fonte lexicográfica moderna atesta a forma "Bahrein". A única fonte que é citada no próprio artigo para justificar esta grafia é falsa (não existe 6ª edição do dicionário Aurélio).

Quando tentei alterar o cabeçalho do artigo para reflectir, pelo menos, a diferença de usos em Portugal e no Brasil (porque todas as fontes portuguesas atestam unicamente Barém e apenas as fontes brasileiras atestam as formas Barein/Bareine), as minhas alterações foram revertidas sem qualquer argumento ou justificação.

Os defensores da grafia "Bahrein" escusam-se no resultado de uma votação de 2008 que, para além de ter tido uma participação que não reflecte a dimensão da comunidade, mostra que muitas pessoas não discordaram da moção do artigo mas sim do termo a usar (se Barein, se Barém). Mas discussões mais recentes mostram como há uma grande maioria de pessoas que são a favor da mudança para Barém.

Mesmo que esse não fosse o caso, reitero que a forma Bahrein não se encontra registada em nenhuma fonte lexicográfica credível.

A minha preferência, em conformidade com a convenção de nomenclatura, é dar primazia à forma história Barém. Mas independentemente disso, seja qual for a opção (Barém/Barein/Bareine), não me parece razoável que esta situação continue como está.

Venho assim pedir a sua ajuda para saber o que pode ser feito, ou o que devo fazer, para a resolver.

Obrigado pela atenção. Nuno Raimundo (discussão) 15h36min de 10 de janeiro de 2016 (UTC)

Nuno Raimundo D​ C​ E​ F, eu tenho em mãos o Dicionário de Arabismos da Língua Portuguesa de Adalberto Alves e essa obra também somente cita Barém. Tendo em vista que o nome histórico está em pleno uso, acho cabível preferi-lo, sem, obviamente, excluir do cabeçalho o uso de Bareine e Barein. Se seu pedido não foi atendido, principalmente depois da Jurema envolver-se na discussão, então peça para a página ser renomeada no cabeçalho utilizando a predefinição:Renomear página e coloque ali sua justificativa. Com isso, por gentileza, informe o pedido de renomeação em Wikipédia Discussão:Projetos/História e sociedade explicando o que pretende com ela. Quando fazê-lo eu me pronuncio novamente para tentarmos decidir isso como felizmente conseguimos em Catar. De qualquer forma eu apoiaria a forma aportuguesa, seja qual for, pois não é somente o obviamente certo a se fazer como está previsto em nossa convenção de nomenclatura aprovada a duras penas em 2014.--Rena (discussão) 17h27min de 10 de janeiro de 2016 (UTC)
PS:Aquela discussão que você referiu-se ela não pode ser necessariamente entendida como inválida ou inútil, pois refletiu o consenso da comunidade na ocasião. É verdade que há casos que não estão condizentes com a convenção recém-aprovada, mas há casos que estão e esses não podem ser ignorados.--Rena (discussão) 17h27min de 10 de janeiro de 2016 (UTC)
Renato de carvalho ferreira D​ C​ E​ F Muito obrigado pela sua atenção e ajuda. Fiz como me pediu. Vou aguardar os desenvolvimentos; por favor indique-me se for preciso fazer mais alguma coisa entretanto. Grato Nuno Raimundo (discussão) 10h28min de 12 de janeiro de 2016 (UTC)
Percebi que o pedido de renomeação desencadeou uma votação na página de discussão. Este tipo de votação tem algumas regras? Quando acaba a votação? Quem é elegível para votar?Nuno Raimundo (discussão) 18h31min de 12 de janeiro de 2016 (UTC)
Regras não tem e não há elegibilidade para tais coisas. O que na verdade deve-se esperar é que os discordantes apresentem algum substancial para questionar o pedido, pois discordarem sem elementos complementares não vão trazer nada de novo ao artigo, nem mesmo a discussão. Talvez solicitar ao Gameiro D​ C​ E​ F para que ele aplique a predefinição utilizada nestes casos seria a melhor solução para que a discussão não seja interminável.--Rena (discussão) 18h38min de 12 de janeiro de 2016 (UTC)
Apesar dos nossos esforços (e eu admiro a sua persistência), a votação está empatada. Certamente o Renato saberá quais foram as pessoas que aprovaram a convenção de nomenclatura; não seria legítimo alertá-las para esta violação flagrante? Tenho a certeza que as pessoas que aprovaram a convenção, e outras que participaram anteriormente neste tipo de discussão, teriam todo o gosto em expressar o seu ponto de vista sobre o artigo "Bahrein", e a mim parece-me que seria lícito chamar-lhes a atenção para a discussão em curso, mas não sei se isso de "chamar pessoas" para a votação é uma coisa mal vista por aqui.
Também me parece que o comportamento de JMGM e João Carvalho se enquadra claramente numa recusa em entender a questão (WP:NAOOUVI), qualificando-se por isso como comportamento desestabilizador. Isto para além da constante pressão de frases que me dirigem como "Desista enquanto é tempo meu caro, já abusou demais do espaço público" e outros comentários ameaçantes e pejorativos, que sinceramente considero uma postura inaceitável num local que deveria promover o diálogo cordato.
Este tipo de atitude não é motivo para bloqueio? Sou uma pessoa que evita o conflito em favor do diálogo sempre que posso, mas este tipo de comportamento torna o diálogo impossível.
(É com pena que constato que a convenção de nomenclatura não tem a força regulamentar que faria supor... Projectos sem regras acabam por cair na anarquia e no caos. Teria muito gosto em contribuir para este projecto, que admiro desde sempre, e, modéstia à parte, teria muito para dar a este projecto (e já dei à Wikipédia inglesa). Mas a falta de regras e de bom-senso tem-me afastado da Wikipédia portuguesa nos últimos 8 anos. Enfim, desculpe o desabafo que já se afasta um pouco da nossa discussão.)
Nuno Raimundo (discussão) 11h25min de 25 de janeiro de 2016 (UTC)
Nuno D​ C​ E​ F, eu já me acostumei a lidar com pessoas assim aqui no projeto. Muito embora o João seja bem intencionado na enorme maioria das vezes essa visão turva dele para certos temas só empaca as coisas. Mas eu ainda consigo relevar no mais. A Jurema, por outro lado, é um caso perdido. Tão perdido que se você pesquisar nos arquivos da esplanada do começo do 2014 achará a discussão que permitiu o consenso e nesse consenso para a criação do adendo na convenção, a Jurema foi uma das que concordou com o texto final, o que deixa a coisa ainda mais ridícula. E eu alerto isso o tempo todo, eles concordaram que seria utilizado aquele texto, mas simplesmente tratam-o como letra morta e é exatamente por isso que as discussões nunca avançam (faça o favor de verificar a discussão em viquingues, Catar ou Capisa e você entenderá o que digo). Por fim, se você considera os comentários deles como ofensas você pode solicitar um pedido de bloqueio. Eu não perco meu tempo com isso, pois é quase certo, mesmo com apresentação de evidências, que não aconteceria nada (a Jurema, apesar do caráter desestabilizador de suas edições disseminado a uma década, recebeu seu primeiro bloqueio apenas ano passado por ter descumprido um acordo de restrição de interação). Enfim...--Rena (discussão) 16h33min de 25 de janeiro de 2016 (UTC)
Obrigado pela sua resposta. A discussão do artigo Catar é particularmente hilariante, porque JMGM usa nela os mesmos argumentos que ataca na discussão do artigo Bahrein (mas noto com satisfação que esse artigo conseguiu ser devidamente aportuguesado; quanto a vikings a maioria está a favor da renomeação, por isso não vejo com que argumento se pode negá-la). Não fazia ideia de que ela tinha concordado com o texto da convenção; nesse caso, a situação torna-se efectivamente grotesca.
Percebo perfeitamente a sua posição em relação a uma tomada de acção contra este tipo de atitudes. Mas então peço-lhe apenas que me esclareça se alertar outras pessoas para a votação é considerado "falta de fairplay" ou coisa do género. A minha ideia era contactar as pessoas que já participaram em discussões semelhantes para as informar de que decorre esta "votação" sobre a renomeação de Bahrein, mas não o quero fazer se depois isso for motivo para me acusarem de má-fé (embora eu ache que não o seja). Nuno Raimundo (discussão) 09h07min de 26 de janeiro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de WiknickEditar

Discussão de bloqueioEditar

Discussão de bloqueioEditar

X ou S?Editar

Servius Sulpicius Praetextatus vira Sérvio Sulpício Pretestato ou Sérvio Sulpício Pretextato (ou ambas as formas estão corretas)? José Luiz disc 23h13min de 12 de janeiro de 2016 (UTC)

Ambos os nomes geram resultados em busca, o que suponho que signifique que ambos são válidos. De tudo que vem do latim a única letra que eu me lembro que gera certa discussão é o "x" que tem som próximo ao "c" e "s", dai que palavras terminadas em "x" viram "ce" (cálice p. ex.), muito embora há exceções controversas (Pertinax).--Rena (discussão) 23h22min de 12 de janeiro de 2016 (UTC)
Na sua opinião, mantenho Prestestato ou movo pra Pretextato? Sêxtio/Séxtio tem o mesmo problema.... José Luiz disc 01h19min de 13 de janeiro de 2016 (UTC)
Eu ficaria com "Pretextato", pois tem em sua raiz "pretexto", que também vem do latim praetextu.--Rena (discussão) 01h34min de 13 de janeiro de 2016 (UTC)
  Feito. Putsa trampo, mas foi. José Luiz disc 23h58min de 13 de janeiro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de ObservatoreEditar

Abundâncio / PítioEditar

Boas Rena. Pítio no Bósforo? Não será no mar Negro? Segundo o artigo da EN é o segundo, ou seja Pítio (Lázica). Abç. --Stego (discussão) 20h16min de 13 de janeiro de 2016 (UTC)

Discussão sobre o bloqueio infinito de Transeunte da WikipédiaEditar

Qual o nome deles?Editar

Fala Rena! Estes rapazes, cujo nome em latim é Marcus Popillius Laenas, estão com o nome correto? Eu só usei "Lanate" por que já existiam alguns aqui com essa forma. Mas não seria melhor "Lenas" ou "Lenato"? O que você acha? José Luiz disc 19h04min de 17 de janeiro de 2016 (UTC)

Pois bem, Lenate não é adequado, pois é italiano. Eu já supunha haver algo errado e ao verificar é isso mesmo. Quem criou os primeiros artigos com Lenate, baseando-se no texto em espanhol, mas o título em italiano, foi o Maanon, dai essa confusão. O certo seria utilizar "Lenas", que é o aportuguesamento mais direto através do latim Laenas ou então "Lenato", que é o aportuguesamento do italiano. Ambos são possíveis.--Rena (discussão) 20h08min de 17 de janeiro de 2016 (UTC)
Essa p... vai me dar um trabalhão pra arrumar. Vou usar Lenas. José Luiz disc 20h27min de 17 de janeiro de 2016 (UTC)
  Feito também. José Luiz disc 10h13min de 21 de janeiro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio: Wiknick/1Editar

Friul-Veneza JúliaEditar

Por favor, qual o respaldo para esse aportuguesamento? Grato. Yanguas diz!-fiz 18h10min de 20 de janeiro de 2016 (UTC)

Segundo este seu comentário, quando surgir alguma dúvida sobre a grafia, "é só perguntar" a você. Estou esperando sua resposta para regularizar as categorias. Grato. Yanguas diz!-fiz 20h14min de 20 de janeiro de 2016 (UTC)
Yanguas, o primeiro já consta a fonte do relatório de redação da União Europeia que prescreve esse aportuguesamento, sendo ele também encontrado em inúmeras outras fontes. Quando a Avelino, eu disse para você vir me perguntar antes de simplesmente reverter porque havia sido eu a mover o artigo, só que na ocasião eu havia esquecido de colocar a fonte. Eu nunca faço movimentações dessas sem algum tipo de pesquisa prévia.--Rena (discussão) 21h20min de 20 de janeiro de 2016 (UTC)
Você disse que tinha "inúmeras outras fontes" mas não as apresentou — preferiu dar de ombros, afinal, essa você não moveu. Então perdi um precioso tempo procurando on-line uma fonte confiável, mas não encontrei. Eis que, no exato instante em que eu movo a página e altero todas as predefinições, o senhor saca da manga aquela sua Barsa que estava a seu alcance o tempo todo.  . Yanguas diz!-fiz 22h11min de 20 de janeiro de 2016 (UTC)
Não preferi dar de ombros. Eu vi que você estava corrigindo as categorias dos artigos italianos, mas não sabia que necessariamente você viria mudar esse artigo agora. Além disso, quando você fez as alterações eu não estava prestando atenção e só depois da moção que vi o que aconteceu. Além disso, essa edição da Barsa consta visualização parcial online e há outras online. Eu não disse que tinha as fontes, só disse que existe mais fontes, uma delas, que não tenho acesso, é o DOELP.--Rena (discussão) 22h29min de 20 de janeiro de 2016 (UTC)

Venão ou Venox?Editar

Lúcio Pláucio Venão. Usei "Venão", mas acho muitos "Venox". Esse é o caso que vira "x" do Pertinax que você citou aí mais pra cima né? Qual é melhor? José Luiz disc 20h30min de 20 de janeiro de 2016 (UTC)

Se você usar Venno, vai dar o Venão que você usou. Se você usar "Venox", vai ficar como está. Na verdade são variações do nome, até arriscaria dizer palavras de origem distinta, que foram encontradas nas inscrições como pertencentes ao nome dessa família. Fica a critério, não acho que seja necessário decidir, pois inclusive há fontes que citam os dois nomes um do lado do outro.--Rena (discussão) 21h25min de 20 de janeiro de 2016 (UTC)
Beleza. Vamos de Venão então. Já arrumei os "Lanate". Dúvidas nova: "Caeco" é "Cego" mesmo ou "Ceco"? "Barbato" é "Barbato" mesmo ou seria "Barbado" (ou "Barbudo"?)?. "Dentato" é "Dentato" mesmo ou seria "Dentado" ("Dentuço"?)? Enfim, quando o agnome é um adjetivo, traduz ou translitera? José Luiz disc 10h11min de 21 de janeiro de 2016 (UTC)
Para Caecus é Cego mesmo, não porque dá-se preferência para uma coisa ou outra, mas porque a palavra evoluiu assim, vindo de Ceco para Cego como aconteceu com Galiza (Galaecia deu Galécia que deu Galícia que Galiza). Do Barbato dá pra usar ele mesmo, pois foi dicionarizado como sinônimo de Barbado (s. m. || leigo que traz barba comprida, como era costume em alguns institutos monásticos; barbado. F. lat. Barbatus); do "Dentato" é "Dentado" mesmo (Que tem dentes; DENTEADO [ Antôn.: desdentado. [F.: Do lat. dentatus, a, um.]). "Dentato" é italiano, como "Lenate".--Rena (discussão) 15h36min de 21 de janeiro de 2016 (UTC)
Seria impossível "Dentuço", pois o termo significa "dente grande" e Dentado é sinônimo de "denteado" ou "com dentes"--Rena (discussão) 15h37min de 21 de janeiro de 2016 (UTC)
Rs... Você não levou a sério o dentuço, levou? Obrigado mais uma vez. José Luiz disc 19h09min de 21 de janeiro de 2016 (UTC)

...ens vira ...Editar

Eu de novo!!! A terminação "..ens" (Lucius Volumnius Flamma Violens) vira "..ente" ou "...". Em Valens é Valente. Neste caso fica "Violente" ou "Violento"? José Luiz disc 12h35min de 23 de janeiro de 2016 (UTC)

É "Violente" como em Valente ou Clemente. "Violento" também vem do latim, porém de outra palavra (F.: Do lat. violentus,a,um. Hom./Par.: violento (a.), violento (fl. de violentar))--Rena (discussão) 14h10min de 23 de janeiro de 2016 (UTC)
Blz. Thx! José Luiz disc 14h48min de 23 de janeiro de 2016 (UTC)

Emirado de CretaEditar

Caro Rena,

Parabéns pelo trabalho relacionado com o Emirado de Creta. Tomei a liberdade de fazer alguns ajuste de redação, motivados sobretudo pelos trechos que soavam mal em ptPT. Entretanto há um trecho que me parece incompreensível: «Pare que a população do campo foi deixada relativamente sozinha, enquanto o elemento muçulmano (incluindo nativos convertidos) predominantemente nas cidades».

Abç. --Stegop (discussão) 20h30min de 24 de janeiro de 2016 (UTC)

Raoul Mesnier du PonsardEditar

Caro Renato,

POr favor não traduza/deturpe os nomes. O filho de um «du Ponsard» mantém o nome, obviamente. O haver fontes que erram no francês não permite errar também aqui. Por favor refreie as invenções linguísticas e corrija o que errou. Cumprimentos, Angrense (discussão) 23h19min de 25 de janeiro de 2016 (UTC)

Guerras PúnicasEditar

Tudo bão? Não quer me ajudar a separar as categorias das Guerras Púnicas em Categoria:Guerras Púnicas agora que estou prestes a criar centenas de artigos sobre o tema? Como foi você mesmo que criou (back in 2013!) as categorias misturadas, dá uma mãozinha aí, vai? Separa que eu já vou jogando a turma toda nas categorias certas conforme for encontrando (pessoas, batalhas principalmente). José Luiz disc 22h18min de 27 de janeiro de 2016 (UTC)

Tahir ibn Husayn / Tair ibne HuceineEditar

Found it :D [1] --HistoryofIran (discussão) 23h25min de 27 de janeiro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de Dermeval Corrêa de AndradeEditar

Discussão de bloqueio de Gonçalo VeigaEditar

Discussão de bloqueioEditar

Infobox sobre juízesEditar

Olá Renato, eu estou precisando de ajuda para criar uma Infobox sobre juízes, porque eu ando criando artigos em relação a assuntos jurídicos, e fiz duas biografias sobre juízes, uma delas muito importante para mim, eu usei uma infobox sobre políticos como infobox dos artigos, mas eu acho que juízes deveriam ter uma infobox própria, por três motivos.

  • Existem vários artigos sobre juízes sem infobox na Wikipédia lusófona
  • Na Wikipédia em Inglês, existe uma infobox exclusiva para juízes
  • Eu já tentei criar uma infobox, só que é muito complicado

Então se você puder me ajudar será muito bom.Gustavo 200.000.0 (discussão) 15h44min de 13 de fevereiro de 2016 (UTC)

EADEditar

Olá. Convido você a dar seu vota na EAD do Voo Gol 1907 e na EAB da Gol Linhas Aéreas Inteligentes, que estão com baixa participação. Saudações. Gabriel St. fale! 14h24min de 14 de fevereiro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio: Caiubi OliveiraEditar

Discussão de bloqueio: Leandro LV/12Editar

NeroEditar

Este pessoal todo deveria ser "Tibério Cláudio Nerão"? José Luiz disc 23h48min de 18 de fevereiro de 2016 (UTC)

Sim e não. Se fôssemos seguir a risca deveriam todos ser Nerão, assim como Cícero deveria ser Cicerão. O que acontece é que nestes casos consagrou-se o uso sem "ão" e não vejo muito motivo para mudar o nome destas pessoas. Pros demais que não consagrou-se, tudo ok.--Rena (discussão) 23h50min de 18 de fevereiro de 2016 (UTC)

PDFEditar

Oi Rena, já lhe enviei por mail os pdfs para o Reino das Astúrias, conforme pediu. Cumprimentos. Quintal 20h56min de 21 de fevereiro de 2016 (UTC)

GoduinoEditar

Oi, como vai? Tem esse artigo na Wiki.pt chamado "Goduino, Conde de Wessex". Você não acha que o correto em português seria "Goduíno, Conde de Wessex", com o acento agudo no "i"? Sdç. --Zoldyick (Discussão) 14h23min de 22 de fevereiro de 2016 (UTC)

Se você achar melhor pode mudar, e eu até inclino para este nome, mas o fato é que eu já achei fontes com ele sendo chamado sem acento.--Rena (discussão) 17h39min de 22 de fevereiro de 2016 (UTC)
Não. Se tem fontes para o nome dele sem o acento, melhor deixar como esta. É menos burocrático. Boa tarde. --Zoldyick (Discussão) 17h41min de 22 de fevereiro de 2016 (UTC)

QuiomaraEditar

Em Nove Livros de Feitos e Dizeres Memoráveis, você citou a história de "Quiomara" e eu citei-a novamente em Cneu Mânlio Vulsão, o conquistador da Galácia. Mas pergunto-me se ela não deveria ser chamada, em português, de Guiomar. Nada a ver? José Luiz disc 01h34min de 23 de fevereiro de 2016 (UTC)

Vou ficar te devendo uma resposta agora. Precisaria pesquisar, mas realmente não sei se são nomes relacionados. Chutando totalmente, ariscaria dizer que Guiomar é de origem germânica, enquanto Quiomara certamente é uma latinização dum nome celta, se não for diretamente celta.--Rena (discussão) 01h52min de 23 de fevereiro de 2016 (UTC)

EAD Harry Potter e a Pedra FilosofalEditar

Olá, venho aqui pedir que deixe seu voto na EAD para Harry Potter e a Pedra Filosofal, que não consta com muita participação. Te aguardo lá ;) Saudações, VitorAzBine 00h23min de 25 de fevereiro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de OsemPavorEditar

"Régio da Calábria"Editar

Por favor, pode citar no artigo fontes que confirmem o aportuguesamento do topônimo e justifiquem esta movimentação?

Grato. Yanguas diz!-fiz 14h47min de 19 de março de 2016 (UTC)

ClimaEditar

Como tá o clima aí? Cara, não consigo fazer nada aqui. To na rua todo dia.... José Luiz disc 01h01min de 20 de março de 2016 (UTC)

Tá falando do clima do projeto? Se é isso eu sinceramente liguei o botão do "dane-se" e tô deixando as coisas rolarem. Quando algo realmente relevante surgir eu dou minhas caras pra ajudar no debate. Até lá só vamos repetir Tiago de Molay ad æternum e não vamos chegar a lugar algum, especialmente porque não se quer ouvir nada. Só se quer impor a opinião. E se você está falando do clima off-wiki, tô na mesma linha do "dane-se". Dane-se passeatas, dane-se problemas políticos, dane-se tudo. Tô doente demais pra ficar me preocupando com coisas do tipo que por agora não vão se resolver. Você deve ter percebido que eu estou editando bem menos que o costume ultimamente e isso deveu-se não só aos meus problemas de saúde, mas também as inúmeras coisas que tive que resolver nos últimos dias para a faculdade e para meu trabalho. Pretendo normalizar o mais breve que posso as coisas, mas vai levar um tempo.--Rena (discussão) 20h17min de 20 de março de 2016 (UTC)
Eu estou um bocado como você, Rena, exceto que acho que não estou doente (quando se caminha para a velhice nunca se sabe. :-). Puxa, mas espero que não seja nada de grave consigo! Boas melhoras! --Stegop (discussão) 20h53min de 20 de março de 2016 (UTC)
Pra tristeza dos meus odiadores, que me parecem não serem poucos, não vou morrer. E se depender da lei natural vou viver pelo menos meio século ainda, estão não há neuras. Meu dilema é que estou passando por uma crise de enxaqueca e estou tomando remédios como se estivesse comendo balas e a médica afirmou que ela provavelmente vai demorar certo tempo para passar, mesmo já iniciando o tratamento. Estou evitando ficar muito tempo no computador e o pouco que fico estou usando óculos escuro (uma visão lastimável) para diminuir a claridade. Até luzes das lâmpadas fazem minha cabeça doer.--Rena (discussão) 21h03min de 20 de março de 2016 (UTC)

Kunkhas ---> KhushnavazEditar

Take a look on the Khushnavaz talk page. They are actually the same person. --HistoryofIran (discussão) 15h01min de 21 de março de 2016 (UTC)

fonte não fiável - pergunta sobre fundamentação de revisão (Geneall)Editar

Prezado Renato de carvalho ferreira - vi que fez uma alteração em vários verbetes, dizendo que a fonte geneall.net "não é fiável" (reparei, por exemplo, nos verbetes Manuel Sobrinho Simões ou Miguel Gorjão-Henriques, por exemplo). No caso deste último verbete, tratava-se só da qualificação como "genealogista" que o site dava sobre a pessoa em causa e não tinha nada a ver com a sua própria genealogia individual, para a qual há muitas fontes impressas. Nem para isso é fiável? Mas mesmo em geral, qual é a razão? Aparentemente, será no próprio dizer dos autores a maior BD de genealogia do mundo (vide http://geneall.net/pt/noticias/geneall-a-maior-base-de-dados-do-mundo/, citando como fonte a GenealoghInTime Magazine (http://genealogyintime.com/records/newest-genealogy-records.html). Será por ter alguns erros? Sem prejuízo para a não comparabilidade com a Wiki, que é desenvolvida em rede por milhares de pessoas, não me parece que a wikipedia seja mais fiável do que o geneall. E também a base geneall.net pode ser corrigida e completada (em cada entrada individual ou familiar) e tem um forum aberto de discussão onde todos os assuntos são tratados (http://geneall.net/pt/forum/). Agradecia a explicação, que muito me interessa. saudações wikipedistasBotado (discussão) 02h31min de 25 de março de 2016 (UTC)

Botado D​ C​ E​ F, boa noite. Eu não vou conseguir sumarizar toda a discussão em torno do geneall.net agora, mas favor pesquise nos arquivos da esplanada e nos arquivos do projeto história e sociedade e você verá que o site está sendo gradualmente removido das páginas para que seja banido da Wikipédia em definitivo devido a falta de fiabilidade da mesma para praticamente tudo que armazena (incoerência de datas e genealogias, afirmações que somente constam ali, etc.). Se eu deixasse os linques ali, mesmo que referenciando coisas óbvias, fica impossível continuar o trabalho. Att.--Rena (discussão) 02h35min de 25 de março de 2016 (UTC)

Muito obrigado pelo seu cuidado. Não concordo mas respeito. Parece-me exactamente o contrário. É verdade uma parte que aponta. Em relação à chamada "genealogia popular", o site não indica muitas vezes as fontes e, ao verificarmos, por vezes encontramos o que refere. Mas em relação a famílias já estudadas e publicadas, o site não só é sério como desfaz até muitos mitos para os quais há fontes impressas e algumas até pretensamente sérias. No caso, as referências não tinham a ver com genealogia, como lhe escrevi, mas com posições públicas do biografado (a segunda menção) e com o facto de o site o considerar um genealogista célebre. Também aí não é fiável (deixei-lhe a pergunta acima!!)? :) Mas se me diz que a discussão é longa, escapo-me já dela:). Um abraço e muito obrigado.Botado (discussão) 02h46min de 25 de março de 2016 (UTC)

HilárioEditar

Caro Renato, espero que ainda não tenha terminado a "remodelação" desta página, porque apagou muitos Hilários que têm de estar nesta página... Teixant (discussão) 20h13min de 26 de março de 2016 (UTC)

Teixant D​ C​ E​ F, qual dos nomes que ali estavam (Henrique Hilário; Hilário Rosário da Conceição; Nenê Hilário; Hilário de Gouveia) você acha que ainda devem permanecer ali? Todas estas pessoas tem outros nomes que acompanham o "Hilário", removendo eventuais possíveis ambiguidades. Alguém deles é conhecimento somente como "Hilário"? Se não eu fiz certo em remover todos eles. Desambiguações não são listas de nomes, como o pessoal na Wikipédia em inglês adora fazer. Elas são somente para pessoas realmente ambíguas como os nomes que agora constam lá.--Rena (discussão) 20h18min de 26 de março de 2016 (UTC)
Renato, Procurei outras desambiguações na Wikipédia portuguesa (até há uma categoria que as lista todas...) e o que pareceu é realmente são listas de nomes (de artigos) cujos títulos incluem o nome desambiguado e não apenas o nome sozinho. Em português raramente alguém tem um só nome e mesmo essas pessoas que listou provavelmente teriam outros nomes também. Aqui vão alguns nomes que encontrei só para exemplificar o que digo.

Eusébio, famoso jogador luso-moçambicano como Hilário, conhecido por um só nome mas na realidade com nome completo, Eusébio da Silva Ferreira, https://pt.wikipedia.org/wiki/Eus%C3%A9bio_%28desambigua%C3%A7%C3%A3o%29; Abílio, https://pt.wikipedia.org/wiki/Ab%C3%ADlio; https://pt.wikipedia.org/wiki/Afonso, etc. Por isso eu acho que devia reverter a sua edição, mas incluindo, claro, os seus novos nomes. Teixant (discussão) 09h48min de 27 de março de 2016 (UTC)

Teixant D​ C​ E​ F, não foi bem isso que eu disse. Eu disse que o indivíduo, tendo mais nomes ou não, se for mais conhecido somente pelo nome desambiguado, então deve constar, como esse Eusébio que você falou. Caso contrário não. O fato de desambiguações na Wikipédia fazerem listas de nome não significa que esteja certo, basta que se leia as recomendações para criação desse tipo de página. (ver Wikipédia:Desambiguação).--Rena (discussão) 16h28min de 27 de março de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueioEditar

Discussão de bloqueioEditar

UNESCOEditar

Boa noite Renato

Até de certa forma lhe entendo. Não vou continuar reformando a página, por hora, tenho 1.300 tópicos do Patrimônio Mundial para acertar ainda, volto neste um dia, então séria bobo de ambas as partes, ainda mais, tenho muito ainda a corrigir, ficar horas nesto aqui, que pena, fiz o correto, e o que informa, e dá a oportunidade de quem acessar conferir. Então por favor repare nas predefinições na lista Patrimônio Mundial. --- O título tem que ser normatizado como inscrito' no World Heritage Center da UNESCO. Lá no site UNESCO - WHC, tem dois processos de busca: em inglês e francês. Vá lá e dá uma conferida. Se uma pessoa acessando este tópico da Wiki em português selecionar este determinado tópico, como vc insiste em inscrever "Al Qal'a de Beni Hammad"....pesquisa básica, ir a fonte oficial, no caso UNESCO, simples crtl+c - crtl+v, seleciona, cola e copia, no site da UNESCO, nunca vão encontrar "Al Qal'a de Beni Hammad". Não existe. Por isso as predefinições do Patrimônio Mundial ditam, única regra = utilizar a denominação oficial do Comitê do Patrimônio Mundial da UNESCO. Entenda. Ajude. Informe. Não coloque uma definição que a única e primordial fonte - UNESCO - não reconhece como busca. Aqui é um site de informação global, não regionalismos. Ainda mais quando a fonte - UNESCO - nem eu e vc vamos questionar né - tem seus parâmetros. Aqui se fala de Patrimônio Mundial, a Lista. Não de como se chama o bairro da Luz em São Paulo, ou as Termas de Águas Quentes, ou a Lapa no Rio, o rio Tapajós, etc. Todos lugares fantásticos, denominações várias. Aqui é lista do Patrimônio Mundial da UNESCO. É unicamente como ela, UNESCO, denomina. E como se pode conferir, o q aqui escrito, com o que se pode, no "cola-copia" conferir no único lugar oficial. Valeu.comentário não assinado de Sergioorf (discussão • contrib) 01h20min de 31 de março de 2016 (UTC)

Sérgio D​ C​ E​ F, veja. Em momento algum eu questionei seu trabalho na expansão dos artigos segundo a entrada constante na UNESCO. Meu problema, e não é meu na verdade, é que não se pode usar um nome em inglês/francês num lugar onde escreve-se em português. Se é necessário citar o nome pelo qual está oficialmente registrado basta que se coloque como você já o fez como uma nota ou mesmo coloque na introdução indicando que trata-se da versão em língua x ou y. É exatamente o caso do Palácio de Buckingham que eu mencionei no sumário. Oficialmente é "Palace of" e se uma pessoa fazer um copia e cola com o nome em português não vai achar. Mas ai cabe somente discernimento do consulente para trocar as partes necessárias, não sendo necessário ficarmos "brigando" ou "perdendo tempo" com isso. Seu trabalho está no caminho certo, mas é importante atentar-se a isso.--Rena (discussão) 04h30min de 31 de março de 2016 (UTC)

Renato,

você, mais que eu, procura fazer o melhor. Minha convicção e dedicação, sei que está produzindo um incorporação de dados e definições melhores. Não tenho duvida disso. E acredito que boa parte dos administradores já reconhecem. Amigo, muitos, milhares de locais, são quase desconhecidos para a maioria dos que aqui acessam e procuram uma informção. Esses locais tem, como busca, suas denominações ,cito UNESCO, como base oficial de informação. Não há como traduzir literal, vai dar erro. O Palácio de Buchingan, ficou notório, aportuguesado, como Nova Yorque, mas alguns locais, famosíssimos não se translata, Las Vegas (quem denomina de As Áreas Férteis Alagadiças ????), ou Los Angeles como Os Angelicais ????. Esses sítios, quase todos desconhecidos para a maioria, devemos usar a denominação que globalmente é mais fácil, e usando UNESCO, única fonte oficial, na nomenmclatura que ela estabelece. Abraçoscomentário não assinado de Sergioorf (discussão • contrib) 03h14min de 31 de março de 2016 (UTC)

Sergioorf D​ C​ E​ F, veja, precisamos separar trigo do joio aqui. Só pra deixar claro "Buchingan" muito provavelmente nem existe, não com o local que estou falando. Quando muito diria-se Buquingam, um aportuguesamento que existe mas de pouquíssimo uso, ou Buckingham mesmo. Agora é Nova Iorque, não Yorque. Se você já viu alguém escrevendo assim, corra de ré. Quando muito usa-se York, que seria a grafia anglófona, que eu e muitos outros editores não usamos. Agora com relação ao caso, minha posição se mantém. Está sendo feita uma confusão grosseira duma coisa com outra. No artigo em questão onde essa discussão se originou em lugar algum eu disse que deve-se aportuguesar alguma coisa, eu disse que dever-se-ia traduzir "of" pelo seu equivalente "de", pois o primeiro não é utilizado no português, o segundo sim. O aportuguesamento é válido e sempre deve ser usado antes de simplesmente sair copiando o que se escreve em outras línguas, mas não é sobre isso que estamos conversando aqui. Eu entendo claramente sua preocupação, mas temos que deixar claro que são poucas pessoas que acessam a UNESCO para informar-se de alguma coisa. A Wikipédia será a primeira escolha de muitos e se há fontes ou formar consagradas de fazer-se certas adaptações para o português então devemos, sempre, fazê-lo. Por fim, dos casos de Las Vegas e Los Angeles. São nomes que consagraram-se assim, como Buenos Aires, e assim vão ficar até, eventualmente, uma forma aportuguesada tornar-se prevalente, o que é improvável, não impossível.--Rena (discussão) 06h32min de 31 de março de 2016 (UTC)
PS: não esqueça de assinar seus comentários.--Rena (discussão) 06h32min de 31 de março de 2016 (UTC)


Renato

Desculpa o erro bobo sobre o Palácio, a grafia. Estava meio disperso. Bobeira minha. Releva. Agora o importante: GOSTEI. Disse e se explicou. Ponto. Prá mim fechou (desculpa o 'prá', tá, desculpa o 'tá'). Desculpa a falta da assinatura. Vou continuar meu trabalho de formiguinha. O que pode se traduzir, traduzo, coloco a ref em francês, em inglês e se disponível, espanhol, etc. Você bem o sabe que alguns locais são intraduzíveis em forma simples (referindo melhor - se aportuguesar - nosso idioma é complexo, milhão de regras ortográficas - se aportuguesar o 'tal dito nome do local' precisa de duas linhas - então alguns dá para colocar nossa nomenclatura, outros, melhor ficar em outro idioma (mas vou fazer a referência, quando aportuguesar, da nomenclatura em inglês, francês, e o que mais for oficial. Um adendo aqui: pau que bate em chico, não bate em francisco ???. Tem uns tantos nomes de países, listados aqui, Wiki português, em que eu vou na página do Itamaraty, Ministério das Relações Exteriores, que não bate. O oficial, português, o meu, brasileiro, não confere, está errado, com a denominação que se coloca aqui na Wiki Português. Estranho, tenho que aportuguesar um nome de um local quase desconhecido, mas o próprio nome do país (convenhamos, o mais importante), o nome do país, que aqui na Wiki eu leio, milhões leem, o escrito, não bate com o que é oficial pelo governo brasileiro, e nem o que eu aprendi na escola, o que eu leio e escuto..hummm...Gostei das suas indagações. Pertinentes. Vou seguir. Agora ajusta, se vc puder, os nomes dos países e cidades. Para os brasileiros que aqui acessam, leem, copiam, usam, propagam, e passam vergonha por escrever errado, é chato, doí, passar por burro. Milhares de palavras aqui nos tópicos, nós brasileiros não usamos. E aí Sergioorf (discussão) 08h14min de 31 de março de 2016 (UTC)

Sergioorf D​ C​ E​ F, seria melhor que você trouxesse alguns exemplos pra facilitar a comunicação, pois falando em abstrato fica difícil criar um comentário mais circunscrito. Agora, independente disso, é notório citar que às vezes não bate como está no Itamaraty ou no Ministério das Relações Exteriores, pois às vezes certo nome pode estar com sua grafia de Portugal ou pode estar com uma grafia defendida pelos dicionários e fontes lexicográficas e certas fontes e não necessariamente estas supracitadas. Só pra se ter uma noção, grafar de forma diferente de como aparecem em certas fontes viciadas em somente copiar do estrangeiro (jornais e algumas fontes governamentais adoram fazer isso) não faz de ninguém burro ou desinformado. Muito pelo contrário. Eu mesmo somente escrevo Mogúncia, Estugarda, Francoforte, Sri Lanca, Botsuana, etc., algumas destas e outras que não citei repudiadas por muita gente no Brasil, e eu sou brasileiro, nascido e criado. Uma coisa tem nada a ver com a outra.--Rena (discussão) 14h28min de 31 de março de 2016 (UTC)

Renato, boa tarde

Concordo com você em gênero, número e grau. Não se deve ater à grafia do momento (aquela que a maioria escreve), a linguagem é viva, se transforma, se adiciona, se modifica, continuadamente. Sou brasileiro, nascido e vivendo aqui nestas paragens, como você. E diferente de você (e não há erro seu), seu Botsuana, eu escrevo Botswana...continuando, acertadamente, na lexicografia, você escreve Sri Lanca, eu escrevo, Sri Lanka. Para mim é Moscou, para outros tantos, é Moscow (e todos certos). Prefiro escrever (acho, foneticamente e visualmente mais legal) Nova York (ok, mistura dois idiomas), mas olhando a palavra a grafia, Nova York, fica mais bonita do que Nova Iorque. Não traduzo New Hampshire, agora New Orleans para Nova Orleans, com certeza. E por aí vai...Voltando, certas traduções da nomeação da UNESCO de sítios do Patrimônio Mundial ficam estranhíssimas se aportuguesadas. O idioma francês, e mais ainda o inglês, tem regras de conjunções adverbiais e artigos definidos, bem mais flexíveis que o português. Acredito que se deve dar, no texto do tópico, e mais ainda nos links internos, a s denominações tanto em inglês e francês. Sem abrir mão , quando factível, da nomenclatura em português. Abraços. Sergioorf (discussão) 16h33min de 31 de março de 2016 (UTC)

Sergioorf D​ C​ E​ F, gosto pessoal é algo impossível de discutir, cada um tem uma opinião particular e intransferível. Contudo, podemos sim questionar certas escolhas mediante o que as fontes nos permitem, que é o princípio basilar do projeto. Por exemplo, New Hampshire é assim admitido em uma ampla gama de fontes em português, Nova York também, muito embora pra esse há uma certa tendência que se escreva sempre como "Iorque", o que veio recebendo aceitação de várias pessoas; mesmo para Nova Orleães/Orleans. Casos como Sri Lanca há uma discordância quanto a usar Lanca ou Lanka, pois não houve um consenso definitivo dos especialistas, coisa muito diferente em Moscou, não sendo admitido no português o uso de Moscow. Por fim, e não menos importante, temos Botsuana. É verdade que aqui no projeto o título está com "w", assim como Malaui, mas é notório citar que ambos os nomes estão registrados, de forma unânime, nos dicionários e fontes lexicográficas sem estas letras, o que pelas regras do projeto significa dizer que são estas as formas que devem configurar.

O motivo de lá estarem deste jeito ainda é porque são nomes muito polêmicos e já geraram discussões homéricas que estão para serem resolvidas ainda. E é nesse quadro todo que nosso problema dos nomes da UNESCO se insere. Independente de como estiver registrado na UNESCO, deve-se respeitar as formas tradicionais de tradução/transcrição do português, evitando-se, ao máximo do possível, incorrer a estrangeirismos, explicitamente em coisas banais como um "of" num nome. Ainda pegando o nome em questão como exemplo, sua edição recente deixa claro que os nomes são adaptáveis cada qual a forma como melhor convir na língua origem, pois inclusive há uma tradução para o espanhol. Não há sentido algum simplesmente chegarmos e sairmos copiando, independente do nome.--Rena (discussão) 22h46min de 31 de março de 2016 (UTC)

Renato, boa noite

Reconheço, agradeço e me coloco à frente, em minhas intervenções nos tópicos, sobre sua colocação das nomenclaturas, dos justos, confiáveis, plausíveis e reconhecidos nomes, em vários idiomas, de um determinado local. Sobre aquelas, acima citadas, formas verbais, teríamos mil outras para conversar. No momento, não vem ao caso. Reconhecendo sim, suas explanações, lógicas, fundamentadas, inseridas e dentro do estopo do projeto da Wiki, vou conduzir meu trabalho guiado por esses fundamentos. Já comecei,você mencionou, recentes alterações que realizei em dois tópicos do Patrimônio Mundial, na lexicografia do tópico, português, e acrescentei suas denominações em outros idiomas, adicionando e alargando as fronteiras do conhecimento. Quero crer que estou no caminho correto. Abraços. Sergioorf (discussão) 00h04min de 1 de abril de 2016 (UTC)

Associação Profissional dos ArqueólogosEditar

Olá. Como demonstrou o seu interesse pela Arqueologia deixo-lhe o convite a dar a sua opinião, se puder, nesta eliminação por consenso: Wikipédia:Páginas para eliminar/Associação Profissional dos Arqueólogos. Grato pela atenção FilipeFalcão (discussão) 11h37min de 1 de abril de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de ElevadoEditar

Boa noiteEditar

Agradecia que desse uma vista de olhos à minha página de discussão. Por qualquer razão, têm surgido, nos últimos dias, vários usuários, não sei se recentes ou não, mas assim parece, que sistematicamente propõem para eliminação rápida, nem sequer semi rápida, artigos que não só podem ser melhorados como constam da Grande Enciclopédia Portuguesa e Brasileira, sempre invocando a cassete da "sem indicação de notoriedade". Se algum administrador fizesse o favor de lhes explicar que o facto de alguém ter uma entrada numa Enciclopédia de papel é prova da sua notoriedade e para não serem ainda mais enciclopedistas do que as Enciclopédias, ou acharem que esta enciclopédia é mais enciclopédia do que as antigas e aceites, ou que deve prevalecer uma mentalidade redutora das mesmas, eu e o projecto agradeceríamos. Com os meus melhores cumprimentos. 89.154.10.122 (discussão) 22h24min de 1 de abril de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio: OsemPavorEditar

Discussão de bloqueio de Marcosv65Editar

Discussão de bloqueio: Luís Gustavo MendesEditar

Caixas de sucessãoEditar

D​ C​ E​ F, na mesma linha do pedido que eu fiz pra ajustar as outras infocaixas de sucessão, não dá pra você ajustar as infocaixas dos cônsules do Império Romano e do pós Império Romano para aceitarem emendas e duplicação sem cabeçalho? Eu tentei usar em Arcádio sem essas padrões e a coisa ficou esquisita.--Rena (discussão) 14h38min de 4 de abril de 2016 (UTC)

Já agora, se me é permitido, referente a uma mesma situação, também requeiro que me ajuste as infocaixas de José Jorge Loureiro e Luís de Loureiro: na primeira, só consta a parte de ter sido Primeiro-Ministro mas não os Ministérios nem os mandatos de Deputado; na segunda, só conta uma das Capitanias que ocupou, quando todas deveriam constar, além de que algumas das fontes do artigo necessitam de formatação. Obrigado. 89.154.10.122 (discussão) 21h22min de 4 de abril de 2016 (UTC)

Boa noiteEditar

Não sei se lhe é possível adicionar algumas imagens ao Wikimédia Commons, a fim de serem usadas em artigos. As imagens em questão encontram-se em http://memrevlib.blogspot.pt/2011/02/2.html. Obrigado. 89.154.10.122 (discussão) 21h19min de 4 de abril de 2016 (UTC)

InterrexEditar

Olá,

Falta referenciar onde está descrito que Interrex é inter-rei? Se não houver como melhor deixar como expressão em latim mesmo. ― Diana m 14h17min de 7 de abril de 2016 (UTC)

Encontrei mais menções a interrex: [2], [3], [4], [5] de modo que melhor deixar como termo em latim mesmo.― Diana m

Discussão de bloqueio de Mateusrth2000Editar

Discussão de bloqueio de Janis KellyEditar

Livro dos PontíficesEditar

D​ C​ E​ F, você sabe um site com a digitalização integral, e bem traduzida, do Livro dos Pontífices?--Rena (discussão) 00h43min de 14 de abril de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de Presidente AlmeidaEditar

Discussão de bloqueio de Presidente AlmeidaEditar

{{ombox|tipo=notícia|texto=Caro usuário(a), foi iniciado um pedido de revisão de bloqueio do(a) usuário(a) Presidente Almeida.
A discussão está ocorrendo na seguinte página: Wikipédia:Pedidos a administradores/Discussão de bloqueio/Presidente Almeida.
Lembre-se de que a sua análise do bloqueio deve ocorrer, obrigatoriamente, ao abrigo das políticas e recomendações do projeto e da política de bloqueio, incluindo, na medida do possível, uma síntese cuidadosa dos argumentos expostos.
Sua participação é importante. Grato. PauloMSimoes, usando o recurso MassMessage. MediaWiki message delivery (discussão) 01h39min de 18 de abril de 2016 (UTC)


Discussão de bloqueio do usuário Braz LemeEditar

Discussão de bloqueio do usuário JSSXEditar

Discussão de bloqueio do usuário SchieeseEditar

Uma medalha!Editar

  Medalha do editor de texto
Pelo seu grande trabalho em Abu Taglibe. Sds,  Gato Preto  13h44min de 30 de abril de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueioEditar

Participate in the Ibero-American Culture Challenge!Editar

Hi!

Iberocoop has launched a translating contest to improve the content in other Wikipedia related to Ibero-American Culture.

We would love to have you on board :)

Please find the contest here: https://en.wikipedia.org/wiki/Wikipedia:Translating_Ibero_-_America/Participants_2016

Hugs!--Anna Torres (WMAR) (talk) 15:06, 9 May 2016 (UTC)

Guerra de edições - português angolanoEditar

Olá Rena [Escrevi isto há mais de 2 horas, só agora vejo que a página não foi enviada] (mensagem a mais de um admin, pois não sei quem está online e não gostaria de ver a coisa desandar) Não estou com vontade de me envolver numa desgastante e infrutífera guerra de edições com o editor Zorglub que há anos insiste numa tal grafia de “português angolano”, que só ele conhece. Já vi várias pedidos em páginas de discussões a solicitar que apresente fontes, e nunca o fez, quase sempre alegando que não tem tempo para isso. O próprio governo de Angola quer por fim 'a confusão, e já orientou a comunicação social a usar a grafia em português e não em línguas nacionais sempre que se escreve em português. Para esse fim, está também a preparar a Lei da Toponímia Nacional que estabelece a grafia em português. Por favor veja o que apresentei aqui sobre a importância de não confundir grafia em línguas nacionais angolanas com grafia em português angolano. São duas coisas bem distintas. Por isso repito, a questão da variante de português angolano nada tem a ver com k,w,y, o argumento de sempre de quem não tem nada melhor. As línguas nacionais angolanas usam k,w,y no lugar de c/q,u,i, mas esta é a Wikipédia em português, não em línguas nacionais angolanas, que espero que algum dia cá cheguem. Claro que em português angolano usamos k,w,y para empréstimos de línguas nacionais, como "kota", "kamba", "kumbu" etc, do mesmo jeito que o fazemos com qualquer empréstimo de outras línguas, como “kit”, “kitsch”, "kelvin", etc. Outrossim, o Zorbglub continua a editar como IP e com outros nomes para tentar passar despercebido. Posso apresentar as provas que quiserem, pois foi um trabalho minucioso que fiz para perceber exactamente qual a legitimidade do Zorglub em querer sempre se apresentar como o defensor dos interesses dos angolanos na Wikipédia. Também sou angolano e não me presto de POV sem fundamento como o seu costumaz "respeite a variante angolana", para a qual nunca apresentou nada. Por favor consultar também a minha página de discussão e a do Zorglub Assim como este aviso por estar a editar enquanto supostamente está “inactivo”, razão pela qual aparentemente já foi bloqueado uma vez Grato por qualquer ajuda ou sugestão. Um abraço, Rui Gabriel Correia (discussão) 22h05min de 10 de maio de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de Rei Arthur 1Editar

Português de Angola/ ZorglubEditar

Olá Rena. Tenho toda a informação necessária para provar que o Zorglub continua a agir de má fé, mas não é isso que eu quero. Prefiro dedicar os meus esforços 'a questão do "português de Angola", o que terei pronto amanhã. Por isso não toquei em nada que tenha a ver com grafias ou questões de variantes até ter isso pronto, idealmente antes de terminar a protecção das duas páginas. Agora, só não tenho a certeza que como e onde fazer isso e em que formato. Em forma de proposta? Na Esplanada? Grato. Rui Gabriel Correia (discussão) 20h17min de 16 de maio de 2016 (UTC)

Rui D​ C​ E​ F, uma primeira sugestão é organizar seu material e expô-lo na discussão do Wikipédia:Projetos/História e sociedade. Como os editores que ali frequentam são aqueles que essencialmente vão ajudá-lo a melhorar a proposta, fica mais fácil para corrigirmos eventuais falhas de suas propostas. Feito isso podemos enviar para a esplanada e ver com o resto da comunidade como fica. Claro, não espere que a segunda etapa vai ser fácil, outros tantos que são contrários a aportuguesamentos vão aparecer e vão contestar pura e simplesmente porque querem, sem dar o menor motivo do desacordo, mas deve estar preparado pra isso. Essas discussão são sempre muito longas. Mas eu o apoiaria de todo modo, acho sensato seus argumentos e coaduno com eles com base na bibliografia que já li sobre aportuguesar x não aportuguesar.--Rena (discussão) 21h11min de 16 de maio de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de ClausgroiEditar

Boas!!Editar

E aí? Tudo bem? Tô quase acabando os cônsules!!! Me ajuda numa parada: Públio Vatínio ou Públio Vacínio? José Luiz disc 22h16min de 20 de maio de 2016 (UTC)

Em essência poderia ser "Vacínio", pela regra de trocar "t" por "c", mas diz-se "Vatínio" por vati tem sido incorporado no português em palavras como "vaticínio", que também tem origem latina ([6]).--Rena (discussão) 23h23min de 22 de maio de 2016 (UTC)
Bom, vou deixar Vatínio então. Concorda? José Luiz disc 03h00min de 25 de maio de 2016 (UTC)
É o melhor a fazer--Rena (discussão) 03h16min de 25 de maio de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de HunteWinchester123Editar

Títulos de nobresEditar

Olá Renato, você que entende mais deste tema, pode me ajudar com as seguintes páginas? São elas: Afonso I d'Este, Carlos Antônio de Hohenzollern-Sigmaringen, Hércules II de Ferrara, Filipe de Sousa e Holstein, Guilherme de Hohenzollern-Sigmaringen, Leopoldo de Hohenzollern-Sigmaringen, Luís de Sousa e Holstein, Tomás de Sousa e Holstein Beck. Elas devem ser renomeadas? Poderia comentar caso a caso nas discussões?   Vida longa e próspera! Leon Saudanha 00h45min de 26 de maio de 2016 (UTC)

Re:Editar

Boa noite Rena, como vai? Então, fiquei na dúvida na hora de criar, então deixei com esses títulos, mas pode mover para o português. Não vejo problema algum nisso. Eu não sou bom em transliteração de nomes de pessoas e objetos antigos. Sdç. --Zoldyick (Discussão) 03h42min de 26 de maio de 2016 (UTC)

Socorro!Editar

Esse mapa tá em....russo? Ucraniano? E tem terras em azul (achei que era mar e demorei um tempo pra entender). Tem conserto? Usei em Públio Canídio Crasso, muito a contragosto. Boas! José Luiz disc 03h11min de 27 de maio de 2016 (UTC)

Dá pra salvar sim. Eu vejo isso domingo.--Rena (discussão) 03h23min de 27 de maio de 2016 (UTC)

Seleção de Diretor Executivo da Fundação Wikimedia 2016 Pesquisa da ComunidadeEditar

O Conselho de Curadoria da Fundação Wikimedia designou um comitê para liderar a seleção do próximo diretor executivo da fundação. Uma de nossas primeiras tarefas é redigir a descrição do cargo para o posto de diretor executivo e pedimos aqui sugestões da comunidade Wikimedia. Reserve alguns minutos para completar a pesquisa e nos ajudar a entender melhor as expectativas dos funcionários e da comunidade sobre o cargo de diretor executivo da Wikimedia Foundation.

Obrigado, Comitê de Direção da Seleção de Diretor Executivo da Fundação Wikimedia 2016 via MediaWiki message delivery (discussão) 22h32min de 1 de junho de 2016 (UTC)

Votação Renomeação da Categoria:Páginas a corrigirEditar

Uma votação na qual você participou da discussão do assunto foi proposta. Vote aqui. Abraços! Michael Pires (discussão) 04h17min de 11 de junho de 2016 (UTC)

copidesque?Editar

Opa! Tudo bem? Tô precisando de um copidesque em Marco Antônio se interessar. Acho que dá pra destacar, não? Como estou há uma semana nesse artigo, não enxergo mais nada. Ping:Pedrassani, Coltsfan, Antero de Quintal. Acha que vale a pena? José Luiz disc 23h45min de 13 de junho de 2016 (UTC)

Positivo! Primeiro filtro agora mesmo. Pedrassani (discussão) 23h51min de 13 de junho de 2016 (UTC)

Lista de localidades onde Ágata de Catânia é patronaEditar

O verbete Lista de localidades onde Ágata de Catânia é patrona, editado por você, foi marcado para eliminação por consenso, por ter sido considerado, por algum editor, não condizente com a Wikipédia; isso significa que o verbete talvez não satisfaça os critérios de notoriedade estabelecidos pela comunidade ou se encaixe no descrito em O que a Wikipédia não é.

Você poderá expor seus argumentos na discussão para manter ou eliminar, porém jamais remova o aviso de eliminação que está no verbete, pois seria considerado vandalismo.

Boas contribuições! Garavello (discussão) 21h06min de 15 de junho de 2016 (UTC)

Aviso sobre votação de CheckUser em andamentoEditar

Discussão de bloqueio de José BrasileiroEditar

Aviso sobre votação de Oversight em andamentoEditar

Aviso sobre votação em andamentoEditar

Aviso sobre votação em andamentoEditar

Aviso sobre votação de Oversight em andamentoEditar

ImagemEditar

Eu gostei muito quando vi que você tinha traduzido isso. Por essa razão, fiz questão de vir até aqui e dizer isso: muito obrigado, me ajudou bastante. --Zoldyick (Discussão) 02h08min de 29 de junho de 2016 (UTC)

Kilij/QuilijeEditar

Boas Rena.

A propósito das alterações que fez em Batalha de Miriocéfalo: note que Kilij/Quilije é um tipo de sabre e existiram várias figuras com nome Kilij/Quilije, pelo que {{ilc|Quilije||Arslam II}} é algo ambíguo. Além disso, o que usou foi {{ilc|Quilije|Arslam II}}, que acho que é equivalente a [[Arslam II|Quilije]].

Abç. --Stegop (discussão) 23h18min de 2 de julho de 2016 (UTC)

Se não me engano, todos os casos onde usei ilc eu usei com apenas um "|" exatamente porque quando usa-se duas vezes o elemento seguinte fica escondido. Percebo o adendo, mas somente não sei ao certo onde teria cometido alguma ambiguidade. O texto todo fala apenas do Quilije II.--Rena (discussão) 23h24min de 2 de julho de 2016 (UTC)
  Esqueça, vi mal. Você usou {{lknb}} e não {{ilc}}. --Stegop (discussão) 23h28min de 2 de julho de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de José Brasileiro/2Editar

Discussão de bloqueio:Bya97Editar

Discussão de bloqueio de Hume42Editar

Discussão de bloqueio de MidioramaEditar

Discussão de bloqueio de DENILSON DE SOUZA PINTOEditar

Lista de inimigos da série El Chapulín ColoradoEditar

O verbete Lista de inimigos da série El Chapulín Colorado, editado por você, foi marcado para eliminação por consenso, por ter sido considerado, por algum editor, não condizente com a Wikipédia; isso significa que o verbete talvez não satisfaça os critérios de notoriedade estabelecidos pela comunidade ou se encaixe no descrito em O que a Wikipédia não é.

Você poderá expor seus argumentos na discussão para manter ou eliminar, porém jamais remova o aviso de eliminação que está no verbete, pois seria considerado vandalismo.

Boas contribuições! Jardel fale 00h51min de 24 de julho de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de Giovanni Leal ZanchetEditar

Discussão de bloqueio:HeronbalbiEditar

Ajustes de parâmetros de predefinições de citarEditar

Caro colega, estou a corrigir os parâmetros obseletos das predefinições de citar, e estou a usar a ferramenta AWB, com atenção gostaria de ir melhorando as edições que faço com a ferramenta. Na edição do artigo Acaçio [7] que foi desfeita, houve um erro meu, faltou a verificação que coloquei o parâmetro sobrenome2 em vez de sobrenome1, dai ter dois parâmetros sobrenome2 nessa cita. Os parâmetros obseletos estão definidos em Módulo:Citação/CS1/Whitelist, além deste tipo alteração nos parâmetros também já consegui corrigir outros erros como o uso de parâmetros duplicados, e em futuras alterações agradecia a sua ajuda em não desfazer as minhas edições e quando for oportuno avisar-me na minha página de discussão. Cumprimentos --Dbastro (discussão) 09h03min de 1 de agosto de 2016 (UTC)

Dbastro D​ C​ E​ F, Na maioria dos artigos você substitui "sobrenome" e "coautor" por "autores", o que comprometeu o uso da função harv no corpo do texto. Isso já foi motivo suficiente para reverter tudo. Fora esse caso dos sobrenomes que também não ajuda em nada. Pode ser "obsoleto", mas é mais funcional que o modelo novo.--Rena (discussão) 09h06min de 1 de agosto de 2016 (UTC)
Agora vejo esse pormenor, quando não foi bem corrigido o parâmetro coautor para nome2 e sobrenome2, ficou esse erro. Agradeço novamente -- Dbastro (discussão) 09h17min de 1 de agosto de 2016 (UTC)
Intrometendo-me... e algo a despropósito, mas prefiro fazê-lo aqui do que "em público": @Dbastro: será que consegue arranjar um tempo para, em {{Citar web}}, colocar a "ligação inativa" no local onde estava antes (depois do link que está quebrado e não no início) e o título ficar linkado com o url e não com o arquivo, tal como ficou decidido há uns anos. O arquivo é uma alternativa e não o "principal endereço". --Stegop (discussão) 16h06min de 1 de agosto de 2016 (UTC)
Dbastro D​ C​ E​ F, novamente tive que te reverter. Você preencheu a predefinição com sobrenome1, 2, 3... e isso novamente danificou a funcionalidade do harv na predefinição. Eu preenchi no corpo do texto (e vou continuar fazê-lo por ser mais prático) com apenas um dos autores e ao preencher com esse padrão novo você força o autor a usar os dois ou mais autores, caso contrário ela para de funcionar.--Rena (discussão) 18h56min de 3 de agosto de 2016 (UTC)
Estou a acompanhar o problema que colocou sobre os tags dessa edição CITEREFFrye.2C_R._N.1983 e CITEREFMartindaleJonesMorris1992 que foram processados em {{citar livro}}, obviamente estão diferentes dos tags que a predefinição {{harvref}} processou, que são CITEREFFrye1983 e CITEREFMartindale1992, deixo de fazer alterações do |coautor= até que se entenda melhor como corrigir nas predefinições. Entretanto estou a testar as alterações sugeridas pelo Stegop em {{citar web}}. Cumprimentos --Dbastro (discussão) 11h00min de 4 de agosto de 2016 (UTC)

File:Idrisids vectori map-pt.svgEditar

Boas Rena.

Bom trabalho (mais um)! Mas há um par de detalhes que me parecem errados: é Arzila e não Asila; e Azamor e não Azemur (ambas foram possessões portuguesas). Abç. --Stegop (discussão) 03h01min de 3 de agosto de 2016 (UTC)

RebateEditar

Boas Rena. Nunca ouvi ou li tal forma e Rabat é um topónimo com uso relativamente comum em Portugal, pois é aqui ao lado. ciberduvidas. Abç. --Stegop (discussão) 09h57min de 3 de agosto de 2016 (UTC)

Então, para além do uso por Rebelo Gonçalves, Adalberto Alves registra Rabate (para a capital do Marrocos) e Rebate (para fortificações desse tipo e para o topônimo) no Dicionário de Arabismos da Língua Portuguesa (p. 722). O vol. 13 da Grande enciclopédia portuguesa e brasileira também registra Rabate.--Rena (discussão) 19h11min de 3 de agosto de 2016 (UTC)
Não contesto que Rebate esteja certo. A questão é que aqui não estamos a falar de um topónimo que as "pessoas comuns" dificilmente ouviram falar e, precisamente por ser pouco comum, os jornalistas, que, como diziam os da velha guarda com que trabalhei, cada vez estão mais analfabetos, usam o nome inglês, mas sim da capital estrangeira (supostamente) mais próxima de Lisboa, que suponho que quase toda a gente em Portugal ouviu falar e nunca como REbate. Rabate parece-me muito melhor por não chocar com o que é mais corrente. --Stegop (discussão) 19h27min de 3 de agosto de 2016 (UTC)
Se formos levar em conta Portugal ou mesmo a comunidade lusófona africana certamente que o topônimo é conhecido, no Brasil nem tanto. A maioria das pessoas, ou uma grande quantidade, sabe onde fica Marrocos pelos inúmeros filmes filmados ali, mas a capital é certamente desconhecida. Mas tendo em vista esse problema, sugiro então que usemos Rabate para referir-se ao nome da cidade, o que acha? Quando foi feita a consulta no Ciberdúvidas em 2013 ainda não havia sido publicado e/ou estava em fase de publicação o dicionário do Adalberto, o que poderia gerar problemas quanto ao uso, mas agora que o temos fica tudo mais fácil. Há outras fontes que fazem uso e há dicionário que usa-o.--Rena (discussão) 19h38min de 3 de agosto de 2016 (UTC)
Como já tinha dito, parece-me que é mais indicado usar Rabate. --Stego (discussão) 14h16min de 4 de agosto de 2016 (UTC)

Às FronteirasEditar

Não se percebe o intuito dessa desambiguação. Aquelas terras são conhecidas como "Às fronteiras"? --Stego (discussão) 14h16min de 4 de agosto de 2016 (UTC)

O nome latino de ambos era Ad Fines ou "Às Fronteiras"--Rena (discussão) 20h15min de 4 de agosto de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio: WariowaEditar

Discussão de bloqueio de Braz LemeEditar

Discussão de bloqueio de RadalixEditar

Discussão de bloqueioEditar

Discussão de bloqueioEditar

Lupicino (cônsul em 367) e Lupicino (conde dos assuntos militares)Editar

Caro Renato, como você criou os dois artigos, pode ajudar nessa proposta de fusão? Ela deve ser realizada, ou são dois personagens históricos diferentes?   Vida longa e próspera! Leon saudanha (discussão) 22h22min de 7 de agosto de 2016 (UTC)

Leon saudanha D​ C​ E​ F, são dois indivíduos distintos, comumente confundidos por terem atuado praticamente na mesma época e em regiões próximas.--Rena (discussão) 22h24min de 7 de agosto de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de MisterSanderson/9Editar

Discussão de bloqueio de Raimundo57br/18Editar

Discussão de bloqueio de PptelesEditar

3 Dias sem editarEditar

Estava há 3 dias sem editar!  . Rodrigo, Luz28 (MsG) 02h56min de 15 de agosto de 2016 (UTC).

Luz28 D​ C​ E​ F, eu sei, mas eu não consigo ficar editando o tempo todo, mesmo os artigos que estou mexendo. Eu estive ativo no projeto, porém fazendo outras coisas. Eu já ia retomar o trabalho. E se você se interessa pela questão das predefinição veja que há Categoria:!Artigos em construção sem edições há mais de uma semana que são aquelas que realmente podem ser removidas.--Rena (discussão) 02h59min de 15 de agosto de 2016 (UTC)

Use esta predefinição (Em edição - Escrever o tempo e o motivo.) em vez da em construção. Rodrigo, Luz28 (MsG) 03h01min de 15 de agosto de 2016 (UTC).

Discussão de bloqueio de DornickeEditar

RequestEditar

Greetings.

Could you create the article Relações entre Azerbaijão e União Europeia () in Portuguese Wikipedia?

Thank you.

Discussão de bloqueio de Arthus IIEditar

Discussão de bloqueio de TelesEditar

DúvidaEditar

Olá, Rena!

Não sei se estou maluco, mas me parece que havia por aqui uma recomendação sobre não nomear artigos com o título de nobreza do biografado, mas apenas com o sobrenome/nome da casa. Você pode me dar um help nisso? Desde já agradeço. Biólogo 32 What? 23h43min de 6 de setembro de 2016 (UTC)

Biologo32 D​ C​ E​ F, que eu saiba sim. Você poderia trazer o exemplo no qual está com dúvida?--Rena (discussão) 02h17min de 7 de setembro de 2016 (UTC)
Tem uma série de moções, mas acho que os exemplos mais recentes (e pelo mesmo editor) estão aqui, aqui, aqui e aqui. Também acho desnecessário e mesmo fora do padrão usual para os diversos braços da Casa de Bourbon, fazer essa outra série de moções. Biólogo 32 What? 22h45min de 11 de setembro de 2016 (UTC)
Acho que agora percebo o ponto. Eu particularmente não coaduno com o uso dos títulos nestes casos, sempre optando pela referência familiar (nos exemplos Bourbon-Duas Sicílias) ou então, caso necessário mencionar o título, que o faça de forma compactada, ou seja, em vez de Luís, Conde de Trani que se diga Luís de Trani. A segunda forma é a usual nas línguas latinas, ao menos no português e espanhol, mas ela tem sido negligenciada na Wikipédia em detrimento da forma anglófona usual que prioriza uso de vírgula e o título nobiliárquico completo. Veja que em 2007 tivemos Wikipédia Discussão:Convenção de nomenclatura/Títulos de Nobreza que durou mais de 1 ano e não chegou a um consenso definitivo quanto ao tema, algo que precisaria ser decidido em definitivo. Se a comunidade decidir que prefere este padrão estritamente importado, apesar de discordar, não vou criar caso, mas caso contrário isso precisa ser revisto.--Rena (discussão) 23h11min de 11 de setembro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio:IndoamavelEditar

Constituição do Reino de RomaEditar

Terminei minha parte.   Vida longa e próspera! - Dr. LooFale comigo 03h16min de 9 de setembro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de MisterSanderson/10Editar

WikiJogosEditar

Olá Renato de carvalho ferreira,

Convidamos você a participar da primeira edição dos WikiJogos, uma competição que visa aumentar a quantidade de conteúdo destacado na Wikipédia lusófona. Atualmente temos 1340 artigos destacados, 1760 artigos bons, 546 listas destacadas, 113 listas boas e 136 portais destacados, mas nós podemos melhorar esta marca!

As inscrições já estão abertas. Se deseja participar, acesse Wikipédia:WikiJogos/1/Participantes e siga as instruções. Você poderá escolher em qual tipo de conteúdo desejará trabalhar. A competição começa em 30 de setembro de 2016 e durará dois meses. Todos os trabalhos devem ser mandados para avaliação dentro deste período para serem contabilizados. Os três usuários com mais promoções em cada área receberão medalhas ao término do concurso.

Se tiver quaisquer dúvidas, pergunte na página de discussão do concurso ou para um dos organizadores. As inscrições se encerrarão às 23:59 (UTC) de 30 de setembro de 2016.

Boa sorte!

  • Aviso: Para candidatar artigos a destacados ou bons, é necessário ser autorrevisor. Caso você ainda não seja, abra um pedido para a atribuição do estatuto aqui.

MediaWiki message delivery (discussão) 00h18min de 13 de setembro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de ÉricoEditar

Discussão de bloqueio de GeosapiensEditar

Ramallah - Ramala, queria sua opiniãoEditar

Caro Renato, vi que você aportuguesou os artigos de algumas cidades árabes. Por isso, queria fazer uma consulta. Primeiramente porque não sei como mudar títulos, mas em segundo lugar porque também evito mexer nas coisas sem ter certeza, assim que deixo a sugestão para você, mas: você já viu o artigo da cidade palestina de Ramallah? Notei que no Jornal falam Ramala, paroxítona, mas eu sempre que lia na forma inglesa, "Ramallah", pensava que era Ramalá, por causa do h. Mas vi que não, a pronúncia é Ramala mesmo. Mas então por que não aportuguesamos e escrevemos Ramala? Vi que os artigos da Wiki em espanhol e em galego já são Ramala; vi também que os jornais escrevem como se fala, Ramala (http://www1.folha.uol.com.br/turismo/2015/07/1660006-albergues-em-ramala-permitem-a-mochileiros-conhecer-a-palestina.shtml ou http://oglobo.globo.com/brasil/brasileiro-palestino-deixa-prisao-em-ramala-diz-itamaraty-16879146 ). E vi que o Brasil tem escritório oficial em Ramala, e o nome do site usa essa forma aportuguesada mesmo, Ramala: http://ramala.itamaraty.gov.br/pt-br/ Pergunto então: o artigo Ramallah não deveria ser passado a "Ramala"? 189.99.239.100 (discussão) 06h03min de 25 de setembro de 2016 (UTC)

Certamente que sim. Os nomes aportuguesados sempre devem ter preferência na hora de escolhermos como registrar os títulos e os textos nos artigos. Ficarmos replicando as transliterações anglófonas sem razão alguma é inconsequente e desnecessário e vai contra o que o AO-90 e sobretudo os demais acordos ortográficos pregam.--Rena (discussão) 16h31min de 25 de setembro de 2016 (UTC)

Bom, eu pergunto porque realmente fico na dúvida e não tenho opinião formada. Nesse caso de Ramala, não vou eu pedir a mudança, mas tampouco me oporei se a fizer - pelo contrário, nesse caso acho justificada. Mas admito que tenho minhas dúvidas quanto a isso que você diz, que manter transliterações etc. é ir contra o Acordo Ortográfico, já que o próprio Acordo manda escrever Kuwait e Malawi. Mas não gostei do jeito que você tentou impor uolofe (que, já disse, nem existe no Houaiss, só existe uólofe) e achei até machista ter simplesmente ignorado a opinião da usuária que é contra, e não gostei de estar sem nenhum pudor ignorando a regra de consenso, o fato de wolof estar no Houaiss e no VOLP e ser o título original que você mudou sem discussão. Assim, você afasta pessoas que não têm opinião 100% formada sobre esses aportuguesamentos, em vez de conseguir apoio. Há regras aqui e há que se respeitá-las - não houve consenso em wolof, desiste e parte pra outra por enquanto. 189.99.239.100 (discussão) 17h11min de 25 de setembro de 2016 (UTC)

Vai em desacordo no sentido de desrespeitar os dois trechos primordiais do AO-90 sobre a questão: o primeiro que fala da necessidade de manter a preferências às formas históricas ainda em uso na língua e o segundo que afirma ser necessário remover o tanto quanto possível "k", "w" e "y" dos nomes, sobretudo tendo em vista nomes que possam vir a tornar-se comuns. Além do mais, o acordo não manda escrever Kuwait e Malawi, ele apenas indica serem formas possíveis tendo em vista que tem amplo uso, porém nota-se, sobretudo para o segundo, que as formas aportuguesadas ganharam muito espaço na mídia e nos círculos acadêmicos, como em Zimbábue e Botsuana, ambas formas muito prevalentes no português em detrimento dos exônimos. Outrossim, você está insistindo que eu desista quando não estou insistindo em nada. Fiz a edição conforme as fontes me permitiram, simples. Tem mais fontes para uolofe e os demais aportuguesamento do que para wolof.--Rena (discussão) 19h43min de 25 de setembro de 2016 (UTC)

Categoria:Príncipes portuguesesEditar

Boas Rena.

Como foi você que criou algumas das categorias, talvez saiba esclarecer-me. Tentando ir por partes:

  1. A priori, Categoria:Príncipes portugueses parecem a mesma coisa; se não são, convém que haja descrições nas páginas das categorias.
  2. Assumindo que não são, o que é um Príncipe de Portugal? Se o redir está certo, então talvez fosse preferível que a categoria se chamasse "Príncipes herdeiros de Portugal".
  3. Sendo os príncipes da Beira, Príncipes do Brasil, etc., títulos do herdeiro, as respetivas categorias não deveriam ser subcats de Categoria:Príncipes de Portugal em vez de Categoria:Príncipes portugueses?
  4. Para esses mesmos, não há sobre-categorização sempre que estão nas categorias de infantes/infantas?
  5. Suspeito que há por ali mais sobre-categorizações, nomeadamente feitas, salvo erro pelo Rei Arthur1. Há uma série de reis que estão na categoria de infantes e de príncipes, o que, a crer no artigo Príncipe herdeiro de Portugal, é uma sobre-categorização em muitos casos, em que os herdeiros eram também infantes.
  6. Para si faz sentido ter os reis também nas categorias de príncipes? Afinal, exceto nos casos de mudança de dinastia, todos os reis foram príncipes e não se ganha muito em ter mais uma categoria no rei.

Abç. --Stegop (discussão) 00h22min de 9 de outubro de 2016 (UTC)

Stegop D​ C​ E​ F, prometo que te respondo domingo, se possível antes disso.--Rena (discussão) 03h26min de 12 de outubro de 2016 (UTC)
Stegop D​ C​ E​ F, estou muito, muito mesmo, atrasado para responder sua pergunta, mas vamos lá. Para facilitar o raciocínio vou de baixo para cima:
  • Sim, é inútil dizer que um rei foi príncipe quando, em essência, ele teve que ser um príncipe antes de ser rei. Somente se estivéssemos falando de uma mudança dinástica e/ou de um/uns indivíduo(s) que utilizou(aram) a designação de príncipe num contexto de um Estado principesco faria sentido. O mesmo vale para infante. Não há porque colocar que um rei foi um infante, exceto se fosse um título que independesse da coroa. As categorias de infante e príncipe devem ser destinadas somente aos indivíduos que eram filhos do monarca, mas não tornaram-se reis em Portugal;
  • Agora, quando falando somente do caso dos filhos, acho que arrumar faz bem. "Infante/infanta" designa todos os filhos do rei, enquanto "príncipe de x" somente o herdeiro. O grande problema dessas monarquias antigas é que muitas vezes os filhos morriam antes de seu pai e, por conta disso, vários foram aqueles que foram designados herdeiros presuntivos. Como utilizamos comumente príncipe como uma categoria genérica para designar os filhos do rei em português quando falamos nas monarquias em geral, acho que talvez podemos deixar as categorias dos infantes como subcategoria de "príncipes portugueses", uma vez que já existe categorias específicas para os títulos utilizados pelos herdeiros.
  • Eu concordaria em as respectivas categorias dos títulos dos herdeiros portugueses como subcategorias de "príncipes de Portugal" se não tivéssemos um problema com "príncipe do Brasil". Este título era originalmente também um título dos herdeiros de Portugal, mas após a separação das monarquias, passou a ser um título dos herdeiros portugueses no Brasil. São poucos aqueles que utilizaram tal título com tal acepção enquanto a monarquia ainda reinava por estas bandas, mas não podemos ignorar isso. Fora que, quando consideramos os príncipes do Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves, estamos falando de herdeiros portugueses em um império ultramarino centrado no Brasil, não em Portugal.
  • "Príncipe de Portugal" ou "príncipe herdeiro de Portugal" é a mesma coisa, e pelo que está na wiki en. o segundo é a forma "oficial" do título. Se não me falha a memória, quando criei eu estava pensando na possibilidade de haver confusão entre o título propriamente, que foi utilizado entre os séculos XV e XVII (entre a infância de Afonso V e vida de Teodósio, que também foi príncipe do Brasil), e a própria noção de hereditariedade do príncipe, que obviamente independe do título que utilizasse na ocasião. Nesse sentido, todos os príncipes foram herdeiros de Portugal, mas nem todos utilizaram o título "príncipe de Portugal". Cabe tentar evitar uma confusão, talvez alterando o título do artigo ou colocando uma explicação na categoria, como sugerido por você mais acima.--Rena (discussão) 17h11min de 2 de novembro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de O andarilhoEditar

PerguntaEditar

Gostaria de lhe perguntar onde está situada a regra do AO 90 que suporta as modificações que fez no nome Gilgamesh. Vinctus D 03h38min de 15 de outubro de 2016 (UTC)

Não há e nem haveria de ter a começar que "sh" não existe no português. Sempre se substitui por "x", "ch" ou em casos particulares se faz a elisão do "h" e deixa apenas "s".--Rena (discussão) 06h04min de 15 de outubro de 2016 (UTC)

Deixarei claro que minha intenção ao vir contactar-lhe não é a de iniciar uma briga, mas sim ter uma discussão produtiva e respeitosa que possa nos levar ao entendimento mútuo. Para que isso ocorra é necessário termos uma base que nos guie para apresentarmos nossos argumentos, nesse caso seria o AO 90, adotado pela Wikipédia lusófona para a redação de seus artigos. Baseando-se nisso, prezaria que utilizasse justificativas que possam ser debatidas com base no AO 90, visto que sua ultima alegação não está pautada pelo documento e não demonstra qualquer embasamento do mesmo. Vinctus D 07h03min de 15 de outubro de 2016 (UTC)

Não estou iniciando briga alguma, tampouco pretendo descambar para uma discussão interminável sobre algo que não levar a lugar algum. O que afirmei acima é algo constatável em qualquer gramática minimamente séria da língua portuguesa e revisada pelo AO-90. Os dígrafos existentes no português são "ch", "nh", "lh". Não existia "sh" antes, não existe ainda e duvido que algum dia virá a existir.--Rena (discussão) 16h16min de 16 de outubro de 2016 (UTC)

É possível chegarmos a uma conclusão desde que utilizemos argumentos embasados no documento que rege a ortografia da Wikipédia lusófona. Agora, sobre sua última alegação, não há como uma revisão da língua portuguesa baseada no AO 90 fazer tais alterações, pois em nenhum momento tais mudanças são citadas, além de ser um antropônimo de língua estrangeira, logo não entra na categoria de palavras portuguesas. Vinctus D 18h59min de 16 de outubro de 2016 (UTC)

Todo nome, desde que aportuguesado, passa a ser regido pelas normas do AO-90. Uma imensa quantidade de antropônimos e topônimos estrangeiros são regidos pelos acordos pelo mesmo motivo e o nome em questão não está isento disso. E meus argumentos estão embasados naquilo que sempre regeu a língua, a inexistência do dígrafo "sh". Se quer um exemplo do desuso nessa partícula verifique a evolução do nome pasha no português, que foi incorporado na língua como "pachá" e depois foi atualizado como "paxá", forma pela qual o título é conhecido até hoje e dificilmente deixará de ser.--Rena (discussão) 20h03min de 16 de outubro de 2016 (UTC)

O Acordo Ortográfico de 90 não prevê qualquer alteração em nomes próprios estrangeiros, tornando, o nome em questão, isento de qualquer alteração e de acordo com as regras estabelecidas pelo documento. A partir do momento em que está conforme o AO 90, o consenso de normas ortográficas da Wikipédia compreende que é irreversível esta norma ortográfica. Ou seja, a alteração feita, que não apresenta qualquer fundamento no AO 90, é contrário as regras da Wikipédia e ao próprio acordo de 1990. Vinctus D 21h32min de 16 de outubro de 2016 (UTC)

O nome paxá acima citado é revelador de que o AO-90 ou seus antecessores não isentam palavra alguma de ser aportuguesada, ainda mais com base numa regra inexistente. Não há nenhuma proibição ao aportuguesamento, pelo contrário, incentiva-se o uso de nomes adequados ao português e que possam a tornar-se amplamente conhecidos, bem como eventuais formas históricas ainda em uso. Até que se prove o contrário, Londres, Nova Iorque, Milão, etc. são todas elas palavras estrangeiras, mas ninguém vai passar a escrevê-las London, New York e Milano somente porque existem outras tantas palavras que não foram aportuguesadas. É irracional o vislumbre dessa ideia.--Rena (discussão) 23h40min de 16 de outubro de 2016 (UTC)

Estamos discutindo sobre antropônimos, logo seus exemplos não tem qualquer relevância sobre o debate e, em questão de topônimos, o AO 90 de fato recomenda a substituição, ao se utilizar de tais exemplos demonstrou-se que não possuía conhecimento de tal regra. Gostaria de ressaltar que o AO 90 deixa claro quais palavras são recomendadas a serem alteradas, porém possui quatro citações sobre antropônimos, e nenhuma sustenta a modificação que fez. Também é possível notar que, a partir do AO 90, nomes próprios estrangeiros se enquadram em casos especiais que podem aceitar as letras k, w e y, combinações gráficas e sinais diacríticos à nossa escrita, onde o próprio documento utiliza como exemplo Franklin, Taylor, Müller e Shakespeare. Vinctus D 01h55min de 17 de outubro de 2016 (UTC)

Não desconheço nem a regra dos topônimos, nem a regra dos casos especiais, na qual inclusive se acrescenta que os termos derivados desses nomes também são passíveis de uso (taylorismo, por exemplo). Mas veja que algo está faltando ai. A regra dos casos especiais fala claramente de exônimos com k, w e y e que tenham uso na língua. E mesmo a parte das combinações gráficas e sinais diacríticos o AO-90 é bem específico em listar nomes que tem uso na forma como foram concebidos originalmente, pois seus derivados são conhecidos no português. Aliás é o uso dos derivados que valida o uso dos nomes originais, uma vez que são eles os listados e não os nomes que ali estão somente para indicar a origem. Não há nenhuma menção ao uso do dígrafo "sh", pelo contrário, diz-se lá que "Obs.: 1 - Além destas letras, usam-se o ç (cê cedilhado) e os seguintes dígrafos: rr (erre duplo), ss (esse duplo), ch (cê-agá), lh (ele-agá), nh (ene-agá), gu (guê-u) e qu (quê-u)." O mais próximo do caso em questão é o ponto 4 da base I que fala dos antropônimos de origem hebraica (coisa que Gilgamexe não é), no qual se afirma ser possível manter, quando sonorizados, os dígrafos ch, ph e th, muito embora também se dê precedente para a simplificação, coisa que já era habitual antes mesmo do AO dizer isso.--Rena (discussão) 02h39min de 17 de outubro de 2016 (UTC)

O trecho sobre os dígrafos em hebraico existe justamente para deixar claro que é possível manter ou simplificar tais palavras, explicando a maneira correta do processo a ser feito. Como Gilgamesh não se enquadra nesta regra, não é possível a simplificação do mesmo, pois não há outra regra sobre antropônimos que trate sobre esta questão e como deve ser o procedimento feito para a alteração, além de não existir qualquer trecho que recomende a alteração de antropônimos que não sejam do hebraico. Sobre a questão dos dígrafos, citados anteriormente, o AO 90 deixa claro que são dígrafos utilizados em palavras da língua portuguesa, cujo nome em questão não está enquadrado, pois logo no título da base I é possível ver a diferenciação que o documento estabelece entre ambos, "Do alfabeto e dos nomes próprios estrangeiros e seus derivados", onde é possível verificar que o momento em que é citados tais dígrafos é uma observação da 1.ª parte da base I, que se trata apenas do alfabeto da língua portuguesa. Isso deixa evidente que o documento encara de forma diferente os antropônimos estrangeiros e que a única simplificação recomendada a se fazer é no caso dos nomes em hebraico, e não cita qualquer recomendação de modificação de outros antropônimos, muito menos a maneira como deve proceder tal mudança. Vinctus D 18h44min de 17 de outubro de 2016 (UTC)

O fato do AO-90 ser omisso ao sh não implica que as palavras que contenham tal dígrafo ficam isentas de modificação (volto a utilizar "paxá" como exemplo), ele simplesmente ignora e ponto, pois provavelmente os linguistas que redigiram esse texto e seus antecessores não viram necessidade de legislar sobre uma coisa que sequer existe no português. E se o problema reside nos antropônimos vejamos então como os arabistas lidam com esse dígrafo. No DOELP do ilustre José Pedro Machado, o califa abássida celebérrimo Harun ar-Rashid é citado somente como Harune Arraxide, com "x", forma também adotada por grande quantidade de fontes reputadas, dentre as quais o Dicionário de Arabismos da Língua Portuguesa (2014) de Adalberto Alves, um dos maiores arabistas atualmente em atividade. Esse é somente um exemplo, havendo inúmeros outros dentro e fora do contexto árabe. Agora se partirmos para um contexto mais "contemporâneo" do indivíduo em questão vemos casos muito parecidos que ali encima eu já havia enunciado. Pegue a capital assíria de Ashshur, que tem dois shs por falta de um. Ela nunca é descrita nas fontes onomásticas dessa forma, mas sim sempre como Assur, com ambos os "h"s sendo elididos por serem desnecessários, bem como por atrapalharem a leitura. Enfim, não é porque o AO-90 é omisso a esse caso, coisa que ele também o é desde suas versões anteriores a inúmeras outras questões, que estamos impedidos a fazer alguma coisa que os linguistas já fazem habitualmente. Seria algo do tipo se, e somente se, no texto do AO-90 houvesse expressamente um adendo vetando simplificações e alterações dessa natureza.--Rena (discussão) 19h06min de 17 de outubro de 2016 (UTC)

Em questão de topônimos o AO 90 é bem claro que a substituição é recomendada, algo que não estou questionando, porém, se o texto deixa claro quais palavras devem ser modificadas, e não existe qualquer citação em mudanças de antropônimos que não sejam do hebraico, o documento demonstra que não há necessidade em fazer tal alteração em nomes próprios estrangeiros não hebraicos. Quanto ao nome citado, tal modificação feita não é respaldada pelo AO 90 e, dois dos exemplos utilizados, "paxá" e "Assur", não possuem relevância no debate pois não são antropônimos. Acredito que chegamos a um impasse devido a omissão do AO 90 nesse caso em específico. Vinctus D 19h13min de 18 de outubro de 2016 (UTC)

Não existe impasse, o AO-90 simplesmente é omisso e pronto. É totalmente diferente duma situação onde ele expressamente recomenda ou afirma ser impossível alterar palavras. Não dá pra estabelecer que algo é vetado quando sequer existe textualmente. Até hoje os acordos ortográficos não fizeram qualquer tipo de deliberação definitiva quanto a forma de grafar gentílicos e nem por isso os linguistas deixaram de propor formas para referir-se aos nativos de local x ou y. Volto a dizer que só, e somente só, quando algum dos acordos, seja esse seja os que virão, dizerem expressamente que não se pode elidir ou alterar "sh" é que podemos chegar a sua conclusão. Não se pode criar uma regra sobre algo que não existe. E se o problema é o fato de eu ter usado Assur como exemplo por tratar-se dum topônimo, usemos então Supiluliuma I ou Assurbanípal, ambos "contemporâneos" e que são escritos somente com a elisão do "h".--Rena (discussão) 19h35min de 18 de outubro de 2016 (UTC)

Deixo claro que compreendi a análise e os pontos expostos por você e, apesar de não acha-los suficientemente sustentáveis pelo AO 90, os respeito e espero a reciprocidade nesse aspecto, sendo justamente por isso que considero a questão como um impasse, caso contrario estaria impondo meu entendimento sobre o seu, o que considero desrespeitoso. A partir desse momento é possível perceber que o prolongamento da discussão apenas acarretaria num enfrentamento desnecessário, não sendo esse o objetivo que me trouxe aqui, assim, conforme a política de consenso e a diretriz NPI da Wikipédia, tenho uma proposta que acredito abranger ambos os entendimentos sobre o AO 90 e, principalmente, as regras da Wikipédia. Sugiro que, em antropônimos estrangeiros, seja permitido a modificação em sua estrutura desde que apresente fontes fiáveis que comprovem a existência de tal grafia, assim como exposto no WP:NPI e WP:V, que deixam claro que "os artigos na Wikipédia devem conter apenas material que possa verificar-se ter sido publicado em fontes fidedignas" e "o conteúdo de um artigo deve corresponder ao das fontes citadas", assim não permitindo que editores façam modificações gerais que não tenham sido previamente publicadas e respeitando o princípio de que a Wikipédia não é fonte primária (WP:WNE/WP:NOFP), logo não pode conter termos novos. Ou seja, tais exemplos que utilizou permaneceriam inalterados, mas antropônimos que não possuem qualquer fonte fiável para a verificação da grafia transposta voltariam a sua forma. Vinctus D 20h41min de 19 de outubro de 2016 (UTC)

Quanto a isso não estamos em desacordo.--Rena (discussão) 23h42min de 19 de outubro de 2016 (UTC)

Uma medalha!Editar

  Medalha do designer gráfico
Parabéns pelo ótimo trabalho em traduzir mapas para o português. Continue assim ! Hume42 msg 13h38min de 21 de outubro de 2016 (UTC)

Haroldo IIIEditar

Quieve? Existe isso? --Zoldyick (Discussão) 17h18min de 27 de outubro de 2016 (UTC)

Sim, tá lá no artigo da cidade numa nota e na seção etimologia e uso.--Rena (discussão) 02h19min de 28 de outubro de 2016 (UTC)

Votação sobre a alteração nas regras do direito ao votoEditar

Aviso sobre votação de Oversight em andamentoEditar

Convite para participação no Wikipedia Asian MonthEditar

Caro (nome do usuário),
O Mês Asiático da Wikipédia (Wikipedia Asian Month) é um edit-a-thon online multi-idioma que visa a estabelecer uma melhor relação entre as comunidades asiáticas da Wikipédia. O evento será realizado ao longo do mês de novembro de 2016 e tem como propósito, na Wikipédia em português, aumentar a qualidade e a quantidade de artigos relativos a países e territórios asiáticos. Na última edição, mais de 7 000 artigos foram contribuídos em 43 línguas diferentes. Como símbolo da amizade entre as comunidades asiáticas da Wikipédia, cada participante que criar pelo menos quatro (4) artigos que cumpram os critérios receberá um cartão-postal da Wikipédia especialmente fotografado por outros países participantes. Os wikipedistas que criarem o maior número de artigos em cada Wikipédia serão honrados com o título Embaixador Asiático da Wikipédia.
Mais informaçõesEstados e territóriosParticiparPerguntas & respostasTire suas dúvidas
Você está recebendo essa mensagem pois considero seu apoio como participante fundamental para o sucesso deste edit-a-thon. Cada editor(a) receberá um cartão-postal após ter 4 de seus artigos criados validados, e outro quando atingir a marca de 15 contribuições. O editores que forem eleitos Embaixador Asiático da Wikipédia receberão um cartão-postal extra e um certificado assinado. Conto com sua participação! MediaWiki message delivery (discussão) 14h31min de 9 de novembro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de Rodrigo PadulaEditar

Discussão de bloqueio de Amamos AnittaEditar

Discussão de bloqueio de Leonardo José RaimundoEditar

Autenticação de dois fatores (2FA)Editar

Discussão de bloqueio de BritneyabcdeEditar

Discussão de bloqueio:TeQuatroEditar

Discussão de bloqueio:(Carlos Emanuel)Editar

Wikiprojeto:Cristianismo orientalEditar

Olá, Renato de carvalho ferreira! Convido-o aqui a participar do Wikiprojeto:Cristianismo oriental com o fim de discutir e planejar a criação e melhora de páginas sobre Ortodoxia, catolicismo oriental e cristianismo assírio. Manifestando interesse assinando na subseção "interessados", podemos caminhar para a efetiva criação do Wikiprojeto. Ex oriente lux! --Leefeni (discussão) 15h16min de 23 de novembro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de O andarilhoEditar

Discussão de bloqueio de Lucasnota10Editar

Discussão de bloqueio de Andre.levy.alEditar

Discussão de bloqueio de Wsk Comercial LdaEditar

Discussão de bloqueio de Stephen OliveiraEditar

Discussão de bloqueio de Malvado-MúltiploEditar

Discussão de bloqueio de Andre.levy.alEditar

Aviso da votação para SupervisorEditar

ÁguedaEditar

Renato, muito me admira que prefiras a forma "Ágata" em português. E também muito me admira o desrespeito da versão original "Águeda" de um artigo, mesmo que mínimo, por mim criado. E me admira mais ainda ter de novo movido o artigo sem nem sequer se dado ao trabalho de conversar comigo. Enfim, lamentável tudo isso. Uma palavra define: decepção. Dantadd (α—ω) 19h24min de 12 de dezembro de 2016 (UTC)

Dantadd D​ C​ E​ F, não entendi o motivo da decepção. O artigo não lhe pertence, correto? Ou seja, qualquer um poderia ter feito qualquer alteração nele, inclusive alterar seu nome. De minha parte não prefiro nem Ágata nem Águeda, sei que ambos existem, mas veja que no resumo da movimentação eu especifiquei claramente o motivo, que no fim eram dois: foi todo reescrito com "Ágata" e na busca por resultados em livros Ágata prevalece em número de resultados. Simples. Além disso, não entendi o espanto. Absolutamente nada do que você escreveu no esboço foi aproveitado, sendo o texto inteiramente reescrito com fontes por mim. Agora, apesar de tudo isso, bastava que você viesse conversar comigo ou que você usasse a página de discussão do artigo, como o procedimento pressupõe que a parte contestadora fará. Quem está editando não tem obrigação de parar a todo instante para pedir permissão a terceiros quanto a fazer x ou y. Ele faz e, desde que esteja dentro das regras, vê o que acontece.--Rena (discussão) 20h03min de 12 de dezembro de 2016 (UTC)
Então, deixe-me entender. Se eu reescrever qualquer verbete na Wikipédia passo a ter o direito de trocar-lhe o nome? A decepção a que me refiro é porque tenho grande apreço por você e por seu trabalho e imaginei que teria ao menos a preocupação de conversar comigo antes de tomar tal atitude. Sei que não é obrigatório, mas teria apreciado a gentileza. Agora volto à pergunta inicial: reescrever um verbete dá direito a trocar-lhe o título? Há alguma regra sobre isso? Muito me interessa, pois tenho uma lista mental aqui. Dantadd (α—ω) 05h11min de 15 de dezembro de 2016 (UTC)
Dantadd D​ C​ E​ F, Eu também tenho grande apreço pelo seu trabalho e sei que o projeto vai ganhar muito mais com nossa colaboração do que com alguma rusga inútil. Se o problema era esse, então vou pedir desculpas e vou me lembrar de, numa eventual próxima vez, perguntar-lhe antes se isso lhe agrada. Agora quanto a sua pergunta, não sei se está declaradamente escrita, mas que eu saiba existe a regra dos 50% que estipula que caso um artigo seja reescrito em mais de 50% de sua totalidade numa determinada grafia isso dá direito ao editor(es) a mudar(em) o nome. Foi o que se sucedeu anos atrás com Batalha de Stalingrado, que recebeu esse nome em detrimento de Estalinegrado, que era o nome utilizado no momento da criação.--Rena (discussão) 11h00min de 15 de dezembro de 2016 (UTC)
É um comportamento um tanto estranho, visto que dá carta branca a qualquer mudança de título, bastando reescrever todo o verbete. Achei curioso. Dantadd (α—ω) 15h04min de 18 de dezembro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de DornickeEditar

Discussão de Lista de estados extintosEditar

Sobre a lista de estados extintos precisamos conversar. Recentemente o senhor tinha mudado o ano do fim da Idade Média de 1500 para 1453. Você está certo, realmente há muitos livros didáticos e até acadêmicos que confirmar essa data (já que se trata de um novo contexto político), mas há muitos outros que afirmam que o fim desse período histórico é no ano de 1496, ano da descoberta do Novo Mundo por Cristóvão Colombo, já que se trata de um novo contexto econômico em que a busca pelas as especiarias agora se trataria pela a passagem no mar (e não pela a rota da seda como antigamente). Além disso, outros autores concluem que a Idade Média termina em 1517 na Reforma Protestante, por ser uma quebra do paradigma da soberania católica sob a Europa, um novo contexto religioso[1]. Na Espanha, é comum o recurso ao ano de 1516, na morte do rei Fernando II de Aragão, ou o ano da morte da rainha Isabel I de Castela em 1504, ou ainda a conquista de Granada em 1492.[2]

Logo o fim da Idade Média não é consensual[3]. O ano de 1500 é considerado normalmente como o fim da Idade Média (e por parecer meio que um "consenso" entre os anos 1453, 1496 e 1517), por isso eu o adotei na lista.

Além disso, a teoria da "quebra" do contexto política no ano de 1453 está sendo cada vez mais deixada de lado por seguintes fatores:

  • O Império Bizantino já estava muito enfraquecido e já estava no seu declínio há muitos anos antes da conquista de Constantinopla pelo o Império Turco-Otomano, fazendo com que não tivesse uma influência política muito fraca para que houvesse uma transição ou uma quebra de um contexto político de uma época para outra.
  • Constantinopla já havia sido conquistada inúmeras vezes por outros povos (e até pelos os turcos) anos antes de 1453, isso quando o Império Bizantino já dominava a cidade. Exemplos nos anos: 1204 (pela a Quarta Cruzada), 1391 (pelo os turcos), 1396 (pelos os turcos novamente), etc..

Escrevi algo sobre isso no resumo da da edição, que com certeza você foi notificado. Mas o resumo da edição tem um limite de caracteres e não talvez não deu para entender.(se conseguiu entender pelo menos queria desenvolvê-la nessa discussão). Não quero criticar o seu trabalho ou ofendê-lo, apenas mostrar meu ponto de vista e o porquê de ter adotado o ano 1500 como fim da Idade Média, para que o senhor refletisse se realmente o ano tem que ser 1453.

Desculpe por algum erro gramatical ou ortográfico.

Referências bibliográficas usadas:

Sobre 1500:

  • Making of Polities Europe 1300-1500 de Watts ;
  • Economic History of Later Medieval Europe 1000–1500 de Epstein;
  • Ou ainda a data usada em Holmes (ed.) The Oxford History of Medieval Europe;

Espero que o senhor receba essa mensagem.

--Saganosaurus (discussão) 14h24min de 15 de dezembro de 2016 (UTC)Saganosaurus

Saganosaurus D​ C​ E​ F, aproveitando sua mensagem, vamos colocar alguns pingos nos is. Primeiro, sim, você está certo, a data que marca o fim da Idade Média é extremamente debatida pelos estudiosos e esse ponto dificilmente será resolvido um dia, pois todas elas são artificiais. Só para se ter uma ideia Le Goff já propunha desde o século passado que a Idade Média acabou em 1789, pois, para ele, somente com as transformações da Revolução Francesa é que podemos notar uma real alteração na Europa que justifique discernis um novo período. Agora, exatamente por isso, vejo razão alguma para entrarmos neste vespeiro e sair atirando para opiniões que apesar de novas ainda não são majoritárias na literatura, seja estritamente acadêmica, seja de divulgação como é o caso dos livros didáticos, onde 1453 impera como data limite. Uma lista não tem razão para servir como local discussão quanto a qual data é melhor. Ela somente serve para listar coisa como seu nome é auto-explicativo. Além disso, se vamos pensar no argumento do Império Bizantino, lembremos que 476, outra data tão arbitrária quanto, alude ao fim de um Império Romano do Ocidente que sequer existia oficialmente na ocasião, mas esse evento perdura até hoje como marco, mesmo havendo quem proponha outras datas como 565 ou mesmo 610 ou 640.
Dito isto vamos ao segundo ponto. Independente da data que se escolha, a lista precisa tomar uma encadeamento mais lógico do que o atual. Não fica claro ao leitor qual a preferência: é temporal? alfabética? regional? Tem que haver uma escolha para facilitar a consulta e eu particularmente sugeriria que fosse temporal, pois "império", "reino", "bispado", etc. foram muitos e alinhá-los por estas categorias genéricas não vai auxiliar no ordenamento lógico do raciocínio. Por fim, e não menos importante, cuidado quanto quiser reverter a edição de alguém em algum artigo. Você reverteu a edição relativa a "1500", mas não deu-se ao trabalho de verificar que muito mais coisa havia sido alterada na mesma edição. Isso fez com que o artigo perdesse tudo aquilo que foi feito somente por um detalhe que seria facilmente "corrigível" por uma edição direta em vez de uma reversão.--Rena (discussão) 02h24min de 16 de dezembro de 2016 (UTC)


Renato de carvalho ferreira D​ C​ E​ F, desculpa pela minha imprudência. Estou começando a ser editor da Wikipédia a pouco tempo e ainda estou me acostumando com as mecânicas desse veículo de informação. Peço desculpas se essa discussão, que no fim não precisava ser feita por se tratar de uma lista (como o senhor mencionou),o "incomodou". Já que você teve que responder a minha mensagem às 02h24min da madrugada, momento que todos nós devíamos tirar um sossego. Bem, só para terminar queria lhe dizer que o meu "objetivo" dessas minhas consecutivas edições e reversões "bobas" e "imprudentes" das mesmas era fazer um encadeamento lógico temporal e alfabético, dividindo o artigo em títulos em relação ao período, por exemplo: Uma lista para Idade Antiga, outra para a Idade Média, etc... com seus elementos (os estados) em ordem alfabética (Só disse isso para pegar o gancho do encadeamento lógico que o senhor citou).Enfim, peço mais uma vez perdão e vou terminar com essa discussão agora.--Saganosaurus (discussão) 18h18min de 16 de dezembro de 2016 (UTC)Saganosaurus
Saganosaurus D​ C​ E​ F, não estou lhe atacando se é isso que pareceu em minha resposta. Eu apenas o alertei de alguns pontos cruciais que precisam ser contemplados em seu trabalho, coisa que também se espera que um editor experiente faça. Não quero que se sinta pressionado a parar seu trabalho, que está muito bom para um novato, mas apenas se atenha a detalhes que vão lhe evitar trabalho extra no futuro. Uma lista precisa ter um encadeamento lógico e não podem ser mero repositório de informação aleatória, pois, caso contrário, tornam-se-iam inúteis. Quanto ao horário, eu sempre edito à tarde e durante a madrugada, não se incomode pensando que você pode ter me enervado ao ponto de tirar-me o sono. Por fim, em momento algum em disse que suas reversões são "bobas" ou "imprudentes", apenas disse que você precisa ler tudo antes de simplesmente reverter, pois outros conteúdos que não precisam ser revertidos podem ser perdidos no processo, como bem ocorreu e você teve que corrigir depois. Foi trabalho extra desnecessário.--Rena (discussão) 18h28min de 16 de dezembro de 2016 (UTC)

Discussão de bloqueio de Gustavo12354Editar

Discussão de bloqueio de Gonçalo VeigaEditar

Discussão de bloqueio de CoelhoscoelhoEditar

Discussão de bloqueio de OtroncodoipEditar