Vanglória

distrito do município de Pederneiras

Vanglória é um distrito do município brasileiro de Pederneiras, no interior do estado de São Paulo[1][2].

Vanglória
  Distrito do Brasil  
Localização
Mapa
Mapa de Vanglória
Coordenadas 22° 26' 51" S 48° 46' 41" O
Estado  São Paulo
Município Pederneiras
História
Criado em 24 de dezembro de 1948 (75 anos)
Características geográficas
Área total 69,702 km²
População total (2010) 575 hab.

História

editar

Origem

editar

O povoado de Santa Isabel, que deu origem ao distrito de Vanglória, surgiu em 1917, e sua primeira capela foi construída em terreno doado por Teófilo Fernandes da Silva, que participando de uma comissão com Antônio Gomes Coimbra, João de Oliveira Souza, Laurindo de Oliveira Barreto, Júlio Jorge de Morais, José dos Santos, Amadeu Furlani, Pascoal Pompício e Antônio Cândido Fonseca, conseguiram junto a Mitra Diocesana o reconhecimento da povoação[3].

Com o reconhecimento da povoação, foram surgindo ruas, casas, vendas e uma praça, e a população foi crescendo em volta da capela já construída. No local, chegaram imigrantes italianos para trabalhar na lavoura, sobretudo no cultivo do café. Um dos primeiros imigrantes a se estabelecer no local foi Vitório Minetto, natural de Veneza, que chegou em 1917[3][4][5].

 
Planta da área urbana original.

Após incansáveis lutas de seus moradores, entre eles Manoel Moreno, Antônio Lourenço de Moura, Basílio Artur Mineto, Antônio Nunes Medeiros e outros, conseguiram a criação do distrito em 1948 após plebiscito entre a população, recebendo a denominação de Vanglória. A mudança de nome foi pelo fato de já existir no estado de São Paulo uma cidade com o nome de Santa Isabel.

A elevação à distrito, com a criação do cartório de paz, teve a colaboração do deputado estadual Dr. Euclides de Castro Carvalho, médico que residiu em Pederneiras[3].

Formação administrativa

editar
  • Decreto nº 16.849 de 03/02/1947 - Cria, no distrito de Pederneiras, no município do mesmo nome, a 2.ª (segunda) Subdelegacia de Polícia, com sede na localidade conhecida por Vanglória[6].
  • Distrito criado pela Lei n° 233 de 24/12/1948, com o povoado do mesmo nome mais terras do distrito sede de Pederneiras[7][8].

Geografia

editar
 
Aspecto local.
 
Aspecto local.
 
Aspecto local.

Demografia

editar

População urbana

editar
Crescimento população urbana
Censo Pop.
1950105
196013629,5%
197016823,5%
1980431156,5%
199158636,0%
2000527−10,1%
2010421−20,1%
Fonte: IBGE e Fundação SEADE

População total

editar

Pelo Censo 2010 (IBGE) a população total do distrito era de 575 habitantes[9].

Área territorial

editar

A área territorial do distrito é de 69,702 km²[10].

Bairros

editar

Em novembro de 2011 foi inaugurado no distrito o núcleo habitacional Luiz Vicente Minetto.

Rodovias

editar

Os principais acessos a Vanglória são as estradas vicinais que ligam o distrito à Rodovia Osni Mateus (SP-261) e à Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-225). O distrito localiza-se a 13 km da sede do município[11].

Serviços públicos

editar
 
Praça.
 
Aspecto local.

Registro civil

editar

Atualmente é feito na sede do município, pois o Cartório de Registro Civil das Pessoas Naturais do distrito foi extinto pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, e seu acervo foi recolhido ao cartório do distrito sede[12][13][14].

Educação

editar

Conta com uma escola municipal de ensino infantil e uma escola estadual (E.E. Maria José Cestari de Conti) de ensino fundamental.

Saneamento

editar

O serviço de abastecimento de água é feito pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (SABESP)[15][16].

Energia

editar

A responsável pelo abastecimento de energia elétrica é a CPFL Paulista, distribuidora do Grupo CPFL Energia[17][18].

Telecomunicações

editar

O distrito era atendido pela Telecomunicações de São Paulo (TELESP) através da central telefônica de Pederneiras. Em 1998 esta empresa foi vendida para a Telefônica, que em 2012 adotou a marca Vivo para suas operações[19].

Atividades econômicas

editar

Sua economia é baseada no cultivo e corte da cana-de-açúcar (safra que começa em abril e se estende até novembro).

Religião

editar
 
Igreja.

O Cristianismo se faz presente no distrito da seguinte forma:[20]

Igreja Católica

editar
  • Igreja de Santa Izabel, pertencente a paróquia de Nossa Senhora Aparecida (Pederneiras) - faz parte da Diocese de Bauru. No mês de dezembro o distrito comemora a quermesse em homenagem a sua padroeira, promovendo um grande festejo e atraindo pessoas de todas as cidades da região[21].

Igrejas Evangélicas

editar

Ver também

editar

Referências

  1. «Divisão Territorial do Brasil». IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística 
  2. «Municípios e Distritos do Estado de São Paulo» (PDF). IGC - Instituto Geográfico e Cartográfico 
  3. a b c «Distritos». baudememorias.pederneiras.sp.gov.br. Consultado em 20 de janeiro de 2022 
  4. «Vanglória comemora centenário do distrito com apresentação da Pederneiras Jazz Band neste domingo». Prefeitura de Pederneiras. Consultado em 20 de janeiro de 2022 
  5. «Festa comemora 100 anos de Vanglória» (PDF). Jornal da Cidade - Bauru. 7 de outubro de 2017. Consultado em 20 de janeiro de 2022 
  6. «Decreto nº 16.849, de 03/02/1947 ( Decreto 16849/1947 )». www.al.sp.gov.br. Consultado em 28 de dezembro de 2023 
  7. «Comissão de Estatística - Relação Geral de Processos - 1948» (PDF). Diário Oficial do Estado de São Paulo 
  8. «Lei n° 233, de 24/12/1948». www.al.sp.gov.br. Consultado em 10 de dezembro de 2020 
  9. «IBGE | Censo 2010 | Sinopse por Setores». censo2010.ibge.gov.br. Consultado em 3 de abril de 2021 
  10. «Organização do território | IBGE». www.ibge.gov.br. Consultado em 3 de abril de 2021 
  11. «DER/SP: Mapas» (PDF). www.der.sp.gov.br. Consultado em 29 de julho de 2022 
  12. «Portal do Extrajudicial - Endereços das Unidades». extrajudicial.tjsp.jus.br. Consultado em 21 de janeiro de 2022 
  13. «Endereços Cartórios». ANOREG/SP. Consultado em 21 de janeiro de 2022 
  14. «Arpen-SP disponibiliza cadastro estadual de acervos anexados e lista de localização de antigos municípios - 13/04/2008». ARPEN-SP. Consultado em 21 de janeiro de 2022 
  15. «Sabesp » Sistemas de Abastecimento» (PDF). site.sabesp.com.br. Consultado em 25 de janeiro de 2022 
  16. «Sabesp » Área de Atuação» (PDF). site.sabesp.com.br. Consultado em 25 de janeiro de 2022 
  17. «CPFL Paulista | Grupo CPFL». www.grupocpfl.com.br. Consultado em 25 de janeiro de 2022 
  18. «Arsesp - Mapa de Concessionárias». www.arsesp.sp.gov.br. Consultado em 25 de janeiro de 2022 
  19. «Área de atuação da Telesp em São Paulo». Página Oficial da Telesp (arquivada) 
  20. O termo "cristão" (em grego Χριστιανός, transl Christianós) foi usado pela primeira vez para se referir aos discípulos de Jesus Cristo na cidade de Antioquia (Atos cap. 11, vers. 26), por volta de 44 d.C., significando "seguidores de Cristo". O primeiro registro do uso do termo "cristianismo" (em grego Χριστιανισμός, Christianismós) foi feito por Inácio de Antioquia, por volta do ano 100. Tyndale Bible Dictionary, pp. 266, 828
  21. «Mapa | Diocese». diocesedebauru.com. Consultado em 18 de novembro de 2023 
  22. «Localidade - Congregação Cristã no Brasil». congregacaocristanobrasil.org.br. Consultado em 18 de novembro de 2023 

Ligações externas

editar
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Vanglória
  Este artigo sobre um distrito ou povoado é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.