Abrir menu principal
Virginia Eliza Clemm Poe
Virginia Poe
Nascimento agosto 15, 1822(1822-08-15)
Baltimore, Maryland
Morte janeiro 30, 1847(1847-01-30) (aged 24)
Fordham, Bronx, New York City
Cônjuge Edgar Allan Poe

Virginia Eliza Clemm Poe (22 de agosto de 1822; 30 de janeiro de 1847), nascida como Virginia Eliza Clemm, foi a esposa e prima do famoso e consagrado escritor Edgar Allan Poe. Era filha de William Clemm, Jr. (1779-1826) e de Maria Poe Clemm. Tinha 13 anos quando se casou com Poe em 1835.

Morreu de tuberculose em 1847, aos 25 anos, na cabana de Poe, em Nova York.[1]

Tinha apenas 13 anos quando se casou com Poe; ele, já tinha 27 anos. Biógrafos discordam quanto à natureza da relação existente entre ela e Poe no casamento; muitos consideram que ela e Poe viviam como irmão e irmã, e não exatamente como cônjuges. Em janeiro de 1842, ela contraiu tuberculose, doença que finalmente a matou, aos 24 anos de idade, no rancho da família, localizado no que é, hoje, a cidade de Nova Iorque. Juntamente com outros membros de família, Virginia Clemm e Edgar Alan Poe viveram juntos por vários anos, antes e depois do casamento. Acompanhando Poe, que às vezes precisava se mudar, devido aos seus negócios, Virginia Clemm viveu, intermitentemente, em Baltimore, Philadelphia, e Nova Iorque. Anos após seu casamento, Poe esteve envolvido em um escândalo envolvendo Frances Sargent Osgood e Elizabeth F. Ellet. Rumores a respeito de relacionamentos fora do casamento de seu marido, afetaram Virginia Poe de tal maneira que até mesmo sua saúde se tornou debilitada. Por fim, ela contraiu tuberculose, doença que a matou, na cabana de Poe, quando ela tinha apenas 25 anos de idade. Já afetada e delirando, no leito, ela pedia pela morte de Ellet. Após sua morte, seu corpo foi sepultado no mesmo memorial que marca o local do sepultamento de seu marido, em Baltimore, Maryland.[2] Apenas uma imagem de Virginia Eliza Clemm Poe é conhecida: um retrato pintado várias horas após sua morte. A doença e, posteriormente, a morte de sua esposa teve um substancial efeito sobre Edgar Allan Poe, que mergulhou no alcoolismo. Além disso, o impacto da morte de sua esposa afetou também a poesia de Poe, algo percebido em obras como Annabel Lee, The Raven e Ligeia.

HomenagemEditar

A banda de heavy metal Virginia Clemm, de El Salvador, foi assim batizada em homenagem à Virginia Clemm.[3]


ReferênciasEditar

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Meyers, Jeffrey (1992). Edgar Allan Poe: His Life and Legacy Paperback ed. [S.l.]: New York: Cooper Square Press. 256 páginas 
  2. Miller, John C. "The Exhumations and Reburials of Edgar and Virginia Poe and Mrs. Clemm", from Poe Studies, vol. VII, no. 2, December 1974, p. 47
  3. Whiplash.net. [1]