Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde outubro de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Visconde do Banho foi um título nobiliárquico criado por decreto da rainha D. Maria II de Portugal, de 21 de Julho de 1835, pertencendo os seus titulares à tradicional Família Morais Sarmento.

Titulares
  1. Alexandre Tomás de Morais Sarmento, 1.º visconde do Banho;
  2. Tomás Inácio Girão de Morais Sarmento, 2.º visconde do Banho, sem descendência;
  3. Júlio Girão Faria de Morais Sarmento, 3.º visconde do Banho, neto do primeiro visconde, deputado, governador-civil e ministro da Justiça.

Após a implementação da República e o fim do sistema nobiliárquico, tornaram-se pretendentes ao título:

  1. José Júlio de Castilho de Morais Sarmento, 4.º visconde do Banho
  2. Ana Maria de Frias e Gouveia de Morais Sarmento, 5.º viscondessa do Banho
  3. José António de Castilho de Morais Sarmento Moniz, 6.º visconde do Banho

ReferênciasEditar

  • "Nobreza de Portugal", 3 vls., Lisboa 1960.
  • "Anuário da Nobreza", 3 vls, Lisboa, 2006