Abrir menu principal

Viver a Vida (curta-metragem)

Viver a Vida
Brasil
1991 •  cor •  12 min 
Direção Tata Amaral
Roteiro Tata Amaral, colaboração de Fernando Bonassi e Bob Costa
Elenco Jefferson Gerônimo, Ligia Cortez, Luciene Adami, Ary França, Eliana Fonseca, Ignácio Zatz, Cassio Scapin, Malu Pessoa, Cristina Mutarelli, Patrícia Gaspar, Cláudia Schapira, Salame Smith, Wesley Crespo, Ângela Dip, Roberto Hathner, Fábio Moura, Ulisses Bezerra, Duda Ribeiro, Marli Bortoletto, Silvio Galvão, Rogério Vieira, Gabriel Teller, Jaime Queiroz, Bruno Rocha
Gênero curta metragem
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Viver a Vida é um premiado curta-metragem brasileiro de 12 minutos, dirigido por Tata Amaral.

O curta recebeu no total 12 prêmios, inclusive no Festival de Brasília e no Festival de Gramado.[1]

SinopseEditar

Clemson é um office boy esperto, acostumado a economizar o dinheiro que recebe para fazer suas tarefas de táxi: com estes "extras" pode ir à danceterias, jogar fliperama, comprar tênis etc.

Viver a Vida conta o cotidiano deste "boy", repleto de filas, esperas, trambiques, música e gente.

O comportamento de Clemson acaba por refletir a atitude da maioria dos brasileiros que sempre encontram saídas pela tangente.


PrêmiosEditar

Festival de Gramado 1991

  • Melhor roteiro[2]

Festival de Brasília 1991

  • Melhor ator[2]
  • Melhor diretor[2]
  • Melhor filme - júri popular[2]
  • Melhor som[2]

Jornada Internacional de Cinema da Bahia 1991

  • Melhor diretor[2]
  • Melhor edição[2]
  • Melhor filme[2]

Festival de Cinema do Maranhão 1992

  • Melhor edição[2]
  • Melhor filme[2]
  • Melhor fotografia[2]
  • Melhor trilha sonora adaptada[2]

Participação nos festivaisEditar

  • Festival Du Coutr Métrage - França/Clermont-Férrand/92
  • 20º Festival de Cine - Espanha/Huesca/92
  • No Budget Film Festival - Alemanha/Hamburgo/92
  • Festival Du Cinéma Internacional - Canadá/Habitibi Témiscamingue/92
  • Festival Internacional de Cine Latino Americano - Cuba/Havana/92


Referências

  1. «Tata Amaral mostra que é possível fazer cinema de autor no Brasil». Folha de S.Paulo. 23 de novembro de 2000. Consultado em 24 de julho de 2019 
  2. a b c d e f g h i j k l «Viver a Vida». Porta Curtas. Consultado em 24 de julho de 2019 
  Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.