Abrir menu principal

Volta a Portugal de 2010

Volta a Portugal de 2010
Dados
País Portugal
Edição 72ª
Data 4 a 15 de Agosto
Etapas 10 + prólogo
Distância 1469,2 km
Partida Viseu
Chegada Lisboa
Participantes 144
Nº Equipas 16
Vencedores
Jersey yellow.svgVencedor Espanha David Blanco (Palmeiras Resort-Prio)
Jersey blue.svgPrémio Montanha Espanha David Blanco (Palmeiras Resort-Prio)
Jersey white.svgPrémio Pontos Portugal Sérgio Ribeiro (Barbot-Siper)
Jersey orange.svgJuventude Itália Alfredo Balloni (Lampre-Farnese Vini)
Equipas Portugal (Barbot-Siper)
Edições
Carro-vassoura da Volta a Portugal de 2010, na passagem da prova pelo lugar da Paz, em Mafra, a 15 de Agosto de 2010

A 72ª edição da Volta a Portugal em Bicicleta foi disputada entre 4 e 15 de Agosto de 2010, num total de 10 etapas e um Prólogo, com um dia de descanso pelo meio. A Volta a Portugal, em 2010, baixou de categoria, deixando de ser do escalão 2.HC para passar a ser de categoria 2.1 [1]

Houve várias novidades na edição de 2010 da Volta a Portugal. Pela primeira vez em dez anos a prova terminou na Capital do país, Lisboa. As partidas de Gouveia, Aveiro, Barcelos ou Oliveira do Hospital e as chegadas a Oliveira de Azeméis, Viana do Castelo, Lamego e Oliveira do Bairro foram outras novidades. Pela primeira vez desde que foi re-introduzido, o prólogo foi disputado em Viseu. Assim, e ao contrário do que vem sendo habitual desde 2006, o contra-relógio final este ano não foi disputado em Viseu, mas sim entre Pedrógão e Leiria. Também ao contrário do que tem sido hábito nos últimos anos o contra-relógio não foi disputado na última etapa (foi disputado na penúltima etapa - a 9ª).[2][3]

EquipasEditar

 
Pelotão da Volta a Portugal de 2010, na passagem da prova pelo lugar da Paz, em Mafra, a 15 de Agosto de 2010
 
Carro de apoio da equipa Caja Rural da Volta a Portugal de 2010, na passagem da prova pelo lugar da Paz, em Mafra, a 15 de Agosto de 2010

Em Julho de 2010 foram confirmadas as equipas participantes na Volta a Portugal de 2010, com apenas uma equipa do maior escalão do ciclismo internacional, UCI ProTour. Também foram menos as equipas do segundo maior escalão, o UCI Continental Profissional.[4] Foram estas as equipas a participar nesta edição da Volta a Portugal:

Categoria Equipa Sigla
UCI ProTour   Lampre-Farnese Vini LAM
UCI Continental Profissional   Andalucía-Cajasur ACA
  Bbox Bouygues Telecom BTL
  CarmioOro-NGC CMO
  ISD-NERI ISD
  Saur-Sojasun SAU
  Xacobeo-Galicia XGA
UCI Continental   Amore & Vita-Conad AMO
  Barbot-Siper BSP
  Caja Rural CJR
  CC Loulé-Louletano-Aquashow LLA
  LA Alumínios-Rota dos Móveis ALU
  Madeinox-Boavista MAD
  Palmeiras Resort-Prio PAL
  Rabobank RAB
  Selecção Nacional-Liberty Seguros POR

Favoritos, surpresas e vencedores finaisEditar

FavoritosEditar

Nota: A negrito, os vencedores de edições anteriores da Volta a Portugal
Dos vários corredores, os mais apontados para a vitória final na prova, à partida, eram:[5][6]

SurpresasEditar

Nesta edição da Volta a Portugal em Bicicleta, as grandes surpresas foram Hernâni Brôco e David Bernabéu, que apesar de não terem ganho qualquer camisola, estiveram bastante bem na prova. Hernâni Brôco esteve nos três primeiros da prova entre as etapas 4 e 9, e David Bernabéu foi o segundo classificado na prova..[7] Oleg Chuzda ganhou a 2ª etapa e foi o líder da prova até à 3ª etapa, além de ser líder da classificação geral da montanha por alguns dias, sendo também uma surpresa positiva.[8][9] A equipa Barbot-Siper também surpreendeu pela positiva ao ganhar a classificação geral por equipas.[7]

Vencedores [7]Editar

Dos favoritos à partida, só David Blanco é que conseguiu pelo menos uma camisola, tendo ganho a classificação geral individual (camisola amarela) e a classificação da montanha (camisola verde). Dos restantes favoritos Sergio Pardilla foi o melhor classificado na geral individual (terceiro, a 1 minuto e 49 segundos do vencedor). Santiago Pérez foi o terceiro melhor dos favoritos à partida (13º), enquanto que os restantes favoritos não figuraram sequer nos 15 primeiros da classificação geral individual final. Contudo, Cândido Barbosa chegou a vencer uma etapa, mais concretamente a 10ª e última etapa, além de ter sido o líder da prova por um dia (ganhou a camisola amarela na 3ª etapa e "vestiu de amarelo" na 4ª etapa[10]).

Classificação Vencedor
Classificação Geral Individual   David Blanco
Classificação por Pontos   Sérgio Ribeiro
Classificação da Montanha   David Blanco
Classificação da Juventude   Alfredo Balloni
Classificação Geral por Equipas   Barbot-Siper

Etapas [2]Editar

Etapa Data Ligação Distância Vencedor da etapa Equipa Líder da classificação geral individual Equipa Equipa Líder da classificação geral das equipas
Prólogo [11] 4 de Agosto Viseu-Viseu 5.5 km   Jimmy Engoulvent   Saur-Sojasun   Jimmy Engoulvent   Saur-Sojasun   Saur-Sojasun
[8] 5 de Agosto Gouveia-Oliveira de Azeméis 188.0 km   Oleg Chuzda   Caja Rural   Oleg Chuzda   Caja Rural   Caja Rural
[9] 6 de Agosto Aveiro-Santo Tirso (Alto da Nossa Sra. da Assunção 152.4 km   Sérgio Ribeiro   Barbot-Siper   Oleg Chuzda   Caja Rural   Caja Rural
[10] 7 de Agosto Santo Tirso-Viana do Castelo 173.7 km   Jimmy Casper   Saur-Sojasun   Cândido Barbosa   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   Caja Rural
[12] 8 de Agosto Barcelos-Mondim de Basto (Alto da Sra. da Graça) 175.8 km   David Blanco   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   David Blanco   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   Palmeiras Resort-Prio-Tavira
Dia de Descanso 9 de Agosto Dia de Descanso   David Blanco   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   Palmeiras Resort-Prio-Tavira
[13] 10 de Agosto Fafe-Lamego 172.4 km   José Herrada   Caja Rural   David Blanco   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   Palmeiras Resort-Prio-Tavira
[14] 11 de Agosto Moimenta da Beira-Castelo Branco 221.1 km   Joaquin Ortega   Barbot-Siper   David Blanco   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   Barbot-Siper
[15] 12 de Agosto Idanha-a-Nova-Manteigas (Serra da Estrela, Alto da Torre) * 122.9 km *   David Blanco   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   David Blanco   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   LA Alumínios-Rota dos Móveis
[16] 13 de Agosto Oliveira do Hospital-Oliveira do Bairro 169.9 km   Sérgio Ribeiro ***   Barbot-Siper ***   David Blanco   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   LA Alumínios-Rota dos Móveis
[17] 14 de Agosto Pedrógão-Leiria (contra-relógio individual) 36.2 km   David Bernabéu   Barbot-Siper   David Blanco   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   Barbot-Siper
10ª [7] 15 de Agosto Sintra-Lisboa 154.2 km   Cândido Barbosa ****   Palmeiras Resort-Prio-Tavira ****   David Blanco   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   Barbot-Siper
Etapa da Volta** [18][19][20] 9 de Agosto Fafe-Mondim de Basto (Alto da Sra. da Graça) 67.0 km   José Rodrigues Bike World Racing Team

* - A 7ª etapa, que ligou Idanha-a-Nova ao Alto da Torre (Serra da Estrela, Manteigas/Piornos), tinha originalmente 168 km, mas foi encurtada em cerca de 45 km devido aos incêndios florestais que assolaram a encosta da Serra por onde os ciclistas iriam subir segundo o percurso planeado (Seia). A subida por si só foi encurtada em 10 km. A título de curiosidade, a etapa iria ter início às 12h30 do dia 12 de Agosto de 2010, mas com as alterações já referidas a partida da etapa foi adiada para as 13h30 do mesmo dia.[21]
** - "Etapa" realizada no Dia de Descanso, que é um "passatempo" para os cicloturistas, que se devem inscrever atempadamente se quiserem participar nesta "etapa".
*** - Cândido Barbosa (Palmeiras Resort-Prio-Tavira) foi o vencedor da 8ª Etapa na estrada, mas foi desclassificado por um sprint irregular (mudou de trajectória, o que prejudicou o sprint de Sérgio Ribeiro (Barbot-Siper), que ficou em segundo na estrada e acabou por vencer depois da desclassificação de Cândido Barbosa[22]
'**** - Julien Simon (Saur-Sojasun) foi o vencedor da 10ª Etapa na estrada, sendo desclassificado devido a uma irregularidade no sprint (Cândido Barbosa - 2º classificado na estrada - diz ter sido tocado por Julien Simon, o que o terá impedido de fazer bem o sprint). Com a desclassificação de Julien Simon foi Cândido Barbosa, da equipa Palmeiras Resort-Prio-Tavira, a vencer a etapa[23]

Líderes por Etapa/Evolução das CamisolasEditar

Classificação Prólogo [11] Etapa 1 [8] Etapa 2 [9] Etapa 3 [10] Etapa 4 [12] Etapa 5 [13] Etapa 6 [14] Etapa 7 [15] Etapa 8 [16] Etapa 9 [17] Etapa 10 [7]
Vencedor da Etapa   Jimmy Engoulvent (SAU)   Oleg Chuzhda (CJR)   Sérgio Ribeiro (BSP)   Jimmy Casper (SAU)   David Blanco (PRT)   José Herrada (CJR)   Joaquin Ortega (BSP)   David Blanco (PRT)   Sérgio Ribeiro (BSP)   David Bernabéu (BSP)   Cândido Barbosa (PRT)
Geral Individual (Camisola Amarela)   Jimmy Engoulvent (SAU)   Oleg Chuzhda (CJR)   Cândido Barbosa (PRT)   David Blanco (PRT)
Pontos (Camisola Branca)   Jimmy Engoulvent (SAU)   Oleg Chuzhda (CJR)   Sérgio Ribeiro (BSP)   Cândido Barbosa (PRT)   Sérgio Ribeiro(BSP)   David Blanco (PRT)   Sérgio Ribeiro (BSP)   David Blanco (PRT)   Sérgio Ribeiro (BSP)
Montanha (Camisola Verde) N/A   Oleg Chuzhda (CJR)   Hélder Oliveira (BSP)   Oleg Chuzda (CJR)   David Blanco (PRT)
Juventude (Camisola Laranja)   Jetse Bol (RAB)   Joni Brandão (POR)   Ricardo Vilela (MAD)   Alfredo Balloni (LAM)
Equipas   Saur-Sojasun   Caja Rural   Palmeiras Resort-Prio-Tavira   Barbot-Siper   LA Alumínios-Rota dos Móveis   Barbot-Siper
Classificação Prólogo [11] Etapa 1 [8] Etapa 2 [9] Etapa 3 [10] Etapa 4 [12] Etapa 5 [13] Etapa 6 [14] Etapa 7 [15] Etapa 8 [16] Etapa 9 [17] Etapa 10 [7]

Nota: Entre parêntesis a sigla da Equipa

Etapa a etapaEditar

Nota 1: Nestas classificações só estão incluídos os dez primeiros.
Nota 2: Os três primeiros classificados de cada etapa recebem uma bonificação de tempo, à excepção do Prólogo e do Contra-Relógio Individual.
Nota 3: A sigla m.t. na coluna do tempo significa mesmo tempo, ou seja, que o ciclista cuja indicação de tempo é m.t. cortou a meta ou está classificado no mesmo tempo do que o ciclista da frente.

Prólogo[11]Editar

Classificação da Etapa
(e Classificação Geral Individual, visto ser a primeira classificação final da prova)
Pos Ciclista País Equipa Tempo
1 Jimmy Engoulvent   França Saur-Sojasun 0h06m25s
2 Vladimir Isaichev   Rússia Xacobeo-Galicia a 5s
3 Alejandro Marque   Espanha Palmeiras Resort-Prio-Tavira m.t.
4 Patrik Sinkewitz   Alemanha ISD-Neri m.t.
5 Jesus Del Nero   Espanha CC Loulé-Louletano-Aquashow a 6s
6 Jetse Bol   Países Baixos Rabobank Continental a 7s
7 Filipe Cardoso   Portugal LA Alumínios-Rota dos Móveis m.t.
8 David Blanco   Espanha Palmeiras Resort-Prio-Tavira m.t.
9 Hugo Sabido   Portugal LA Alumínios-Rota dos Móveis a 9s
10 Ciryl Lemoine   França Saur-Sojasun m.t.

Etapa 1[8]Editar

Etapa 2 [9]Editar

Etapa 3 [10]Editar

Etapa 4 [12]Editar

Etapa 5 [13]Editar

Etapa 6 [14]Editar

Etapa 7 [15]Editar

Etapa 8 [16]Editar

Etapa 9 [17]Editar

Etapa 10 [7]Editar

"Etapa da Volta RTP" [19][20]Editar

* - "Etapa" realizada no Dia de Descanso, que é um "passatempo" e convívio para a comunidade cicloturista.[18]