Abrir menu principal

Wagner dos Santos Carneiro

político brasileiro
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo. Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Wagner dos Santos Carneiro
Waguinho
Wagner dos Santos Carneiro
7.º Prefeito de Belford Roxo
Período 1º de janeiro de 2017 até a atualidade
Antecessor Dennis Dauttmam
Deputado Estadual pelo Rio de Janeiro
Período 1º de fevereiro de 2011 até 1º de janeiro de 2017
Vereador de Belford Roxo
Período 1º de fevereiro de 2009 até 1º de fevereiro de 2011
Dados pessoais
Nascimento 29 de outubro de 1971 (48 anos)
Belford Roxo, Rio de Janeiro, Brasil
Cônjuge Daniela do Waguinho[1]
Partido PRTB (2008-2014)

PMDB (2014 - atualidade)

Profissão Funcionário Público
Website http://www.blogdowaguinho.com.br/

Wagner dos Santos Carneiro, mais conhecido como Waguinho [2] [3] (Belford Roxo, 29 de outubro de 1971) é um político brasileiro, formado em direito pela UniverCidade, eleito deputado estadual pelo estado do Rio de Janeiro (mandato 2011-2014) e ex-prefeito de Belford Roxo.

BiografiaEditar

Wagner dos Santos Carneiro filho de Ângela dos Santos Carneiro e Hamilton Francisco Carneiro nasceu em 29 de outubro de 1971, nascido na cidade de Belford Roxo e foi morador do bairro de Heliópolis.

Hamilton Francisco Carneiro era mecânico de máquina de datilografia e transmitiu o ofício ao filho Wagner Carneiro dos Santos. Na sua infância teve uma enfermidade que foi diagnosticada como Febre Reumática que fizeram com que suas juntas paralisassem e o impossibilitava de mover o pescoço chegou a ser internado no Hospital Geral de Bonsucesso por 06 meses.

Angela dos Santos Carneiro, sua mãe, na ocasião recebeu um convite para visitar a Igreja Evangélica Casa da Benção e a família decidiu fazer uma corrente de oração por sua vida e a partir daí curou-se e em 1984 torna-se evangélico.

Em 1986, Wagner dos Santos Carneiro batizou-se na Casa da Bênção. Na sua visão aceitar a Cristo deveria ser uma atitude que deveria ser traduzida em práticas que demonstrassem sua crença e sempre ajudava as pessoas entre eles um casal de velhinhos D. Francisquinha e seu Natal. Estudou o primário na Escolha Municipal de Heliópolis e o ginásio na Escola Estadual Gustavo Barroso.

Cursou o ensino médio integrado na Escola Estadual Presidente Kennedy com o curso técnico em contabilidade. Aos 16 anos fez um pedido ao pai, Hamilton Francisco Carneiro, de que reformasse as máquinas da Escola Estadual Presidente Kennedy e não cobrasse pelo serviço, uma vez que sendo aluno ele seria beneficiado pelo serviço prestado. Casou-se com Daniela de Souza Mothé Carneiro sua primeira e única namorada em 1999, tem dois filhos Nathan e Calebe. É membro atuante da Igreja de Nova Vida de Heliópolis.

Começou a trabalhar na Câmara dos Vereadores de Belford Roxo como faxineiro. Foi aprovado em concurso e designado como assessor para a Presidência da Câmara. Em 2008, foi candidato a vereador pelo PRTB e obteve 5.413 votos.

Foi eleito Presidente da Câmara Municipal de Belford Roxo logo após sua posse, em 01 de janeiro de 2009. Candidatou-se a Deputado Estadual em 2010 pelo mesmo partido, PRTB, obtendo 34.820 votos. [4]

Em 2014 foi reeleito deputado estadual pelo PMDB com 53.385 votos. Foi presidente da Comissão Permanente de Minas e Energia na ALERJ, foi vice-líder do PMDB na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) e em 2016 foi eleito o prefeito de Belford Roxo no segundo turno, obtendo 117.352 votos.

LivrosEditar

  • De Faxineiro a Presidente (Wagner Carneiro dos Santos)

Atuação em Comissões na AlerjEditar

  • Presidente da comissão de Minas e Energia

Referências

  1. [1]
  2. Rogerio Ramos (14 de setembro de 2014). «Deputado Estadual Waguinho (PMDB), frauda leis em Belford Roxo». Fatos Notícias On Line. Consultado em 10 de junho de 2016. Cópia arquivada em 10 de junho de 2016 
  3. Marina Navarro Lins (6 de maio de 2016). «Deputado Waguinho tenta se descolar da imagem do ex-aliado Eduardo Cunha». Extra. Consultado em 10 de junho de 2016. Cópia arquivada em 7 de maio de 2016 
  4. Alerj. «Perfil de Waguinho no site da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro» (em português). Consultado em 12 de abril de 2012. Arquivado do original em 16 de junho de 2013 

Ligações externasEditar