Abrir menu principal

Walt Disney Concert Hall

Walt Disney Concert Hall
Walt Disney Concert Hall visto de uma das entradas.
Conhecido por WDCH[1]
Localização South Grand Avenue, 111
Estados Unidos Los Angeles, CA
Tipo Casa de concertos
Reformação 2004
Proprietário Condado de Los Angeles
Custo da construção US$240 milhões
Tipo de poltronas Reservadas
Capacidade 2.265
Walt Disney Concert Hall e o entorno

O Walt Disney Concert Hall em Los Angeles, Califórnia, é uma casa de espetáculos e uma das estruturas mais conhecidas dentre as idealizadas e concebidas pelo renomado arquiteto canadense Frank Gehry. O processo de construção do Concert Hall levou 16 anos: de 1987 a 2003.[2][3]

HistóriaEditar

Em 1987, Lillian Bounds Disney doou cerca de 50 milhões de dólares para a construção de uma casa de espetáculos em homenagem ao seu falecido marido Walt Disney e após essa doação inicial, a família conseguiu acumular cerca de 100 milhões de dólares em doações.

No ano seguinte, o arquiteto canadense, Frank Gehry foi contratado para projetar a casa de espetáculos e as obras iniciaram-se em 1992, sendo que a garagem subterrânea foi concluída 4 anos depois.

O projeto foi concluído em 2003, com a ajuda de Diane Miller, única filha biológica de Walt Disney[4], e após 16 anos do lançamento da pedra fundamental, com um gasto total de cerca de 274 milhões, incluindo a o estacionamento.

ProblemasEditar

Pouco tempo após a inauguração, algumas modificações foram feitas ao exterior do prédio. Enquanto o prédio foi construído com aço, o material utilizado durante as reformas foi algo semelhante a painéis de vidro.

A qualidade reflexiva do vidro gerou várias reclamações de moradores e frequentadores da região, que alegavam o aumento da temperatura dos prédios. Após várias reclamações, a equipe de Gehry analisou e detectou os alvos das reclamações e os substituíram pelo material original.

No entanto, no Travel Chanel dizem que o aço era tão brilhante inicialmente que derretia os caixotes do lixo dos vizinhos e tiveram que lhe tirar o brilho com jactos de areia.

Na cultura popularEditar

  • O prédio foi parodiado em Os Simpsons, no episódio "O Informante das Sete Cervejas" da 16ª temporada; nele, Frank Gehry projeta - na verdade, amassa uma carta de Marge e tira dali a ideia - uma nova sala de concertos para Springfield, muito parecida com o Walt Disney Concert Hall. O prédio acaba abandonado e sendo transformado em prisão pelo Sr. Burns. O personagem Snake eventualmente escapa da prisão enquanto diz: "Nenhuma prisão projetada por Frank Gehry pode me segurar!"[5] O próprio Frank Gehry dublou sua versão animada, que Simon Crerar, crítico do The Times, colocou como uma das 33 melhores participações do show.[6] Apesar de ter achado o episódio divertido, Gehry comentou numa entrevista que ele ainda "o assombra", pois as pessoas realmente acreditam que o desenho do Walt Disney Concert Hall foi feito a partir de um papel amassado.[7]
  • O final do filme Get Smart (br: Agente 86; pt: Get Smart - Olho Vivo), de 2008, foi filmado no Concert Hall.[8]

Referências

  1. «About Walt Disney Concer Hall». Consultado em 18 de dezembro de 2010. Arquivado do original em 26 de novembro de 2009 
  2. «Arcoweb: Debuxos e deboches». 07/06. Consultado em 9 de setembro de 2008  Verifique data em: |data= (ajuda)
  3. «IAB-RS O Walt Disney Concert Hall, Projeto De Frank Gehry Em Los Angeles». 2003. Consultado em 9 de setembro de 2008 
  4. Morre aos 79 anos Diane Disney Miller, filha de Walt Disney UOL Entretenimentos
  5. simp15.jpg Arquivado em 20 de Junho de 2006 no Wayback Machine.
  6. Crerar, Simon (5 de julho de 2007). «The 33 funniest Simpsons cameos ever». The Times. Consultado em 9 de agosto de 2010 
  7. Chaban, Matt (5 de setembro de 2011). «Frank Gehry Really, Really Regrets His Guest Appearance on The Simpsons». The New York Observer. Consultado em 10 de setembro de 2011 
  8. Ferguson, Dana (20 de setembro de 2013). «Filming at Disney Hall: Always ready for its close-up». Los Angeles Times (em inglês). Consultado em 21 de agosto de 2019 

Ver tambémEditar