Abrir menu principal
Walter Barelli
Nascimento 25 de julho de 1938
São Paulo
Morte 18 de julho de 2019 (80 anos)
Cidadania Brasil
Ocupação economista, professor universitário
Empregador Universidade Estadual de Campinas

Walter Barelli (São Paulo, 25 de julho de 1938 - São Paulo, 18 de julho de 2019) foi um economista, professor universitário aposentado pela Unicamp.

Foi diretor técnico do DIEESE, entre 1966 e 1990, ministro do Trabalho no governo Itamar Franco, de 8 de outubro de 1992 a 4 de abril de 1994, secretário do Emprego e Relações do Trabalho do Estado de São Paulo (SERT) de 1995 a 2002, nos governos de Mário Covas e Geraldo Alckmin e deputado federal pelo PSDB-SP (2003-2007). Foi professor do Departamento de Teoria Econômica e membro Cesit (Centro de Economia Sindical e do Trabalho) da Unicamp.

Enquanto ministro do Trabalho, assinou a lei n.° 8.856, de 1° de março de 1994, que garantiu a jornada de trabalho de 30 horas para fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais brasileiros.

Faleceu em 18 de julho de 2019, em São Paulo, aos 80 anos de idade, ele estava em coma havia três meses, depois de bater a cabeça numa queda, na escadaria do Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo. Ele estava internado no hospital Sírio Libanês e morreu de (falência de múltiplos órgãos), ao lado da família.

Ligações externasEditar