We Bought a Zoo

filme de 2011 dirigido por Cameron Crowe
We Bought a Zoo
Cartaz do filme
No Brasil Compramos um Zoológico
Em Portugal Comprámos um Zoo!
 Estados Unidos
2011 •  cor •  124 min 
Direção Cameron Crowe
Produção
  • Julie Yorn
  • Cameron Crowe
  • Marc Gordon
Roteiro
Baseado em We Bought a Zoo, de Benjamin Mee
Elenco
Gênero comédia dramática
Música
Cinematografia Rodrigo Prieto
Edição Mark Livolsi
Companhia(s) produtora(s)
Distribuição 20th Century Fox
Lançamento 23 de dezembro de 2011 (EUA)[1]
Idioma inglês
Orçamento US$50 milhões[2]
Receita US$ 120 milhões[3]
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

We Bought a Zoo (bra: Compramos um Zoológico[4]; prt: Comprámos um Zoo![5]) é um filme estadunidense de 2011, do gênero comédia dramática, dirigido por Cameron Crowe, com roteiro de Aline Brosh McKenna e do próprio diretor baseado no livro We Bought a Zoo, de Benjamin Mee.[4]

SinopseEditar

Trama conta a história de Benjamin Mee, que comprou, para sua família, um jardim zoológico com 200 animais no interior dos Estados Unidos. Ao mesmo tempo em que cuidava da mulher doente, Mee ainda tinha que resolver eventuais fugas de animais, além de outros problemas.[4]

ElencoEditar

  • Matt Damon como Benjamin Mee, o pai de Dylan e Rosie Mee e o proprietário do zoológico, que está tentando reiniciar sua vida depois que sua esposa morre.[6]
  • Scarlett Johansson como Kelly Foster, a tratadora de 28 anos e funcionária de longa data em Rosemoor Animal Park.
  • Thomas Haden Church como Duncan Mee,[7] irmão mais velho de Ben e um contador.
  • Colin Ford como Dylan Mee,[8] filho de 14 anos de idade de Ben, que é inicialmente alheio para Lily e, eventualmente, desenvolve sentimentos por ela e tem um relacionamento difícil com seu pai.
  • Maggie Elizabeth Jones como Rosie Mee, 7 anos de idade, filha de Ben, que é muito curiosa sobre todos os animais no zoológico e pensa que viver em um zoológico é uma grande aventura.
  • Angus Macfadyen como Peter MeeCreedy, o carpinteiro do zoológico que tinha feito muitas cercas inovadoras para o jardim zoológico, e ele afirma que suas idéias foram "roubadas" por Walter Ferris. Devido a isso, ele tem um rancor enorme e violenta contra Walter.
  • Elle Fanning como Lily Miska,[9] a prima educado de 12 anos na casa de Kelly e trabalha no restaurante do zoológico e que vive dentro do zoológico. Embora ela é muito jovem para trabalhar legalmente, ela é pago "debaixo da mesa" de salário de sua prima. Ela gosta de Dylan (que em primeiro lugar desconhe este fato), mas depois desiste de sua busca de um relacionamento com ele depois de Dylan não ouvi-la e sem querer machuca seus sentimentos. Depois que ele posteriormente se desculpa e diz a ela de seus próprios sentimentos por ela, ela o perdoa e eles retomar sua amizade.
  • Patrick Fugit como Robin Jones; artesão do zoológico é o dono do macaco Crystal.[9]
  • John Michael Higgins como Walter "Walt" Ferris, um rigoroso inspetor do zoológico que ganha a antipatia de muitas pessoas.
  • Carla Gallo como Rhonda Blair, a secretária e contador do zoológico.
  • J.B. Smoove como Sr. Stevens, agente imobiliário da família Mee.
  • Stephanie Szostak como Katherine Mee, a falecida esposa de Benjamin Mee.
  • Desi Lydic como Shea Seger, uma mulher com uma paixão óbvia sobre Benjamin, que sempre lhe traz lasanha.
  • Peter Riegert como Delbert McGinty, o chefe de Benjamin antes que ele 'começar de novo'.
  • Michael Panes como o diretor da escola de Dylan e Rosie
  • Kym Whitley como Eve funcionária da Home Depot
  • Crystal the Monkey como Crystal o macado
  • Bart/Tank como Buster, o urso pardo.

ProduçãoEditar

DesenvolvimentoEditar

Em maio de 2010, Cameron Crowe concordou em diriger a adaptação do livro de memórias de Benjamin Mee, We Bought a Zoo, para a 20th Century Fox.[10] Ele, então, começou a reescrever o roteiro do filme, que foi originalmente escrito por Aline Brosh McKenna.[10] Este foi o primeiro filme que foi dirigido por Crowe desde o filme de 2005 Elizabethtown.[10] O filme foi lançado em 23 de dezembro de 2011.[10]

As filmagens aconteceram em Los Angeles, Pasadena e Thousand Oaks, cidades do estado da Califórnia.[11]

ElencoEditar

Crowe viajou para o set do filme True Grit para persuadir o ator Matt Damon para assumir o papel do personagem principal no filme.[2] Crowe também apresentou um roteiro de filme, um CD de músicas que Crowe recompôs, e uma cópia do filme de 1983 Local Hero, com as instruções "para não apenas ler o roteiro e tomar uma decisão".[2] Damon foi persuadido a fazer o papel depois que ele foi movido pela música de Crowe e descobriu que Local Hero era uma "obra-prima".[2] Quanto ao próprio Crowe, ele já havia decidido sobre Damon em meio a uma reunião, embora a distribuidora Fox ainda tinha uma lista de candidatos para desempenhar esse papel.[2]

Amy Adams, Mary Elizabeth Winstead e Rachel McAdams estiveram cotadas para a personagem Kelly Foster. Ben Stiller esteve cotado para interpretar Benjamin Mee.Erro de citação: Elemento de abertura <ref> está mal formado ou tem um nome inválido

Os verdadeiros Benjamin Mee, Dylan Mee e Rosie Mee fazem uma pequena participação no longa.Erro de citação: Elemento de abertura <ref> está mal formado ou tem um nome inválido

Trilha sonoraEditar

We Bought A Zoo
Trilha sonora de Cliff Eidelman e Jónsi
Lançamento 9 de dezembro de 2011
Gravação 2011
Gênero(s) Ambiente, Rock alternativo, Trilha sonora
Duração 51:12
Gravadora(s) Columbia Records
Produção Mr POO

Em agosto de 2011, foi anunciado que o músico islandês Jón Þór "Jónsi" Birgisson, o vocalista da banda Sigur Rós, iria compor a trilha para We Bought a Zoo .[12] Diretor Crowe descreveu a escolha como "natural", já que "Jónsi tem sido uma parte do making of de We Bought A Zoo desde o início".[12]

A canção Gathering Stories estava na lista de 39 músicas que têm a chance de ser nomeado para Melhor Canção Original no Oscar 2012.[13] Esta canção foi co-escrito por Jonsi Birgisson e Cameron Crowe.[13] Enquanto o lançamento do CD oficial da trilha sonora do filme inclui apenas música de Jón Þór "Jónsi" Birgisson e Sigur Rós,[14] a trilha sonora completa do filme incluiu uma variedade de artistas.[15] A trilha sonora do filme foi composta e conduzida por Cliff Eidelman.

Lista de faixasEditar

N.º TítuloArtista(s) Duração
1. "Why Not?"  Jónsi 4:49
2. "Ævin Endar"  Jónsi 3:32
3. "Boy Lilikoi"  Jónsi 4:29
4. "Sun"  Jónsi 1:50
5. "Brambles"  Jónsi 2:24
6. "Sinking Friendships"  Jónsi 4:42
7. "We Bought a Zoo"  Jónsi 4:21
8. "Hoppípolla"  Sigur Rós 4:30
9. "Snærisendar"  Jónsi 2:43
10. "Sink Ships"  Jónsi 2:21
11. "Go Do"  Jónsi 4:41
12. "Whole Made of Pieces"  Jónsi 2:47
13. "Humming"  Jónsi 2:33
14. "First Day"  Jónsi  
15. "Gathering Stories"  Jónsi 3:56

RecepçãoEditar

BilheteriaEditar

We Bought a Zoo arrecadou um total de $ 2,984,875[vago] no dia da abertura da bilheteria dos EUA, tornando-se o sexto filme de maior bilheteria no fim de semana.[3] Posteriormente, ganhou $ 14,604,645[vago] em seus primeiros quatro dias de triagem. No geral, o filme arrecadou $75,624,550 na América do Norte e $ 37,764,426[vago] internacionalmente para um total mundial de 113,388,976[vago].[3]

Resposta da críticaEditar

O filme recebeu misturado com críticas positivas dos críticos. O filme recebeu uma classificação de 66% em Rotten Tomatoes.[16] Dos 147 revisores pesquisados, 98 deles certificou o filme como "fresco", enquanto 49 delas certificaram como "podre".[16] Metacritic gave the film a rating of 58%, with 37 reviews sampled.[17]

Roger Ebert, revisando para o Chicago Sun-Times, agraciado com o filme 2,5 estrelas de 4, descrevendo o filme como "muito fórmula e interesse humano não é suficiente."[18] Ele acrescentou que do filme "partes vão juntas com muita facilidade, o enredo é muito inevitável, e nós sentimos pouca energia real entre os intérpretes.".[18] No entanto, ele fez elogios a Damon, a quem ele diz: "faz um robusto e simpático Benjamin Mee".[18] Revisora do The New York Times Manohla Dargis criticou a direção de Crowe, por escrito, que "faz com que a tensão crescente entre Benjamin e Dylan ser o centro suave da história", mantendo "a brutalidade da doença e da morte" "com segurança fora da tela".[19] Ela também observou que o filme usa a "lógica clássica de filme", apontando especificamente para fora a maneira que Benjamin sai do seu trabalho e que ele "não agonizar sobre como ele vai manter seus filhos alojados, alimentados e vestidos."[19] Por outro lado, Dargis escreveu que "você não pode comprar seus [Cameron] finais felizes, mas é um ideal sedutor quando todas as criaturas de Deus, grandes e pequenos, seios grandes e loiros, existem em tal harmonia".[19]

The Hollywood Reporter comentou que o "conto edificante [o filme] tem coração, humanidade e um desempenho fundamental calorosamente empática de Matt Damon", embora "não se esquivar dos buracos de sentimentalismo sincero e às vezes exagera o capricho".[20] O revisor também elogiou o elenco, descrevendo-os como "sólido", e, em particular, elogiou o personagem de Damon, cuja luta ele diz: "dá ao filme um puxão com alma, mesmo em sua forma mais previsível".[20] No geral, este revisor resumiu sua crítica dizendo que "o filme de Cameron Crowe tem algumas arestas, mas em última análise, proporciona graças ao desempenho em movimento de Matt Damon.".[20]

Home mediaEditar

20th Century Fox Home Entertainment lançou We Bought a Zoo em DVD e Blu-ray em 3 de abril de 2012.

PrêmiosEditar

Ano Prêmio Categoria Beneficiário(s) Resultado
2011 Phoenix Film Critics Society Awards Melhor Live Action Familiar Film Indicado[21]
2012 Teen Choice Awards Choice Movie: Drama Indicado[22]
Choice Movie Ator: Drama Matt Damon Indicado[22]
Choice Movie Atriz: Drama Scarlett Johansson Indicado[22]

O verdadeiro zoológicoEditar

Há um certo número de diferenças entre a história mostrada no filme e os eventos que ocorreram realmente. O verdadeiro Benjamin Mee é britânico. A história foi adaptada para o público americano e as mudanças foram atendidas com a aprovação de Mee.[23] O zoológico real que Mee comprou é Dartmoor Zoological Park, localizada em Devon, Inglaterra,[24] enquanto o zoológico de ficção no filme é chamado Rosemoor Wildlife Park, e localizado na Califórnia.

Na vida real, a esposa de Benjamin, Katherine, morreu depois que já tinham comprado o zoológico e terem se mudado[24] No filme, Benjamin comprou o zoológico só depois de sua morte. Na vida real, o pai de Benjamin tinha morrido e sua mãe necessitava se mudar, a fazenda custava o mesmo preço que a casa de seu pai, e sua mãe veio também.[25] Benjamin e sua família tomou uma decisão específica e informada para comprar um zoológico. No filme, que ocorreu como resultado de encontrar uma casa que eles gostaram, o que passou a ter um zoológico em anexo.

Em vez de um urso de escapar, como retratado no filme, foi um jaguar chamado Soberano, que tinha escapado.[24] Além disso, os filhos de Benjamim eram mais jovens (com idades entre quatro e seis, respectivamente) do que as crianças do filme.[24]

No filme, o zoológico foi muito mais fácil de comprar. Na vida real, que levou quase dois anos para comprar.[24] Primeira oferta de Benjamin para comprar o zoológico foi rejeitada devido à sua falta de experiência no mundo zoológico.[24] Finalmente, o verdadeiro jardim zoológico abriu no sábado, 7 de julho de 2007. No entanto, o filme mudou-se que o evento até a mesma data em 2010, talvez para tornar a história mais atual. Esta última data caiu em uma quarta-feira, mas foi identificado no roteiro do original sábado.

Referências

  1. Rich, Katey (17 de maio de 2010). «Cameron Crowe Commits To We Bought A Zoo For Late 2011 Release». Cinema Blend. Consultado em 29 de outubro de 2010 
  2. a b c d e Masters, Kim (22 de novembro de 2011). «Cameron Crowe Returns With 'We Bought a Zoo'». The Hollywood Reporter. Consultado em 28 de novembro de 2011 
  3. a b c «We Bought a Zoo». Box Office Mojo. Consultado em 5 de julho de 2012 
  4. a b c «Compramos um Zoológico». Brasil: CinePlayers. Consultado em 20 de novembro de 2019 
  5. «Comprámos um Zoo!». Portugal: SapoMag. Consultado em 20 de novembro de 2019 
  6. Harris, Scott (24 de junho de 2010). «Matt Damon May Lead Cameron Crowe's 'We Bought a Zoo'». Moviefone. Consultado em 29 de outubro de 2011. Arquivado do original em 5 de abril de 2012 
  7. «Thomas Haden Church Joins 'Killer Joevbvb' & 'We Bought A Zoo'». ScreenRant. Consultado em 29 de outubro de 2010 
  8. Rawden, Mack (20 de outubro de 2010). «Colin Ford Cast As Matt Damon's Son In We Bought A Zoo». Cinema Blend. Consultado em 29 de outubro de 2011 
  9. a b Fleming, Mike (9 de novembro de 2010). «Cameron Crowe Taps His 'Almost Famous' Alter Ego For 'Zoo,' And Elle Fanning, Too». Deadline. Consultado em 29 de dezembro de 2011 
  10. a b c d Kit, Borys (17 de maio de 2010). «Cameron Crowe to direct 'Zoo'». The Hollywood Reporter. Consultado em 27 de setembro de 2011 
  11. We Bought a Zoo no AdoroCinema
  12. a b Mariotti, Greg (1 de agosto de 2011). «Sigur Rós Frontman Jónsi Scoring We Bought A Zoo». The Uncool. Consultado em 27 de setembro de 2011 
  13. a b Chitwood, Adam (19 de dezembro de 2011). «39 Songs Contend for Best Original Song Oscar; Nominees Include THE MUPPETS and CAPTAIN AMERICA: THE FIRST AVENGER». collider.com. Consultado em 27 de dezembro de 2011 
  14. «We Bought A Zoo Soundtrack». 3 de novembro de 2011. Consultado em 30 de dezembro de 2011 
  15. «We Bought A Zoo – Complete Soundtrack». 29 de dezembro de 2011. Consultado em 30 de dezembro de 2011 
  16. a b «We Bought a Zoo (2011) on Rotten Tomatoes». Rotten Tomatoes. Consultado em 29 de dezembro de 2011 
  17. «We Bought a Zoo on Metacritic». Metacritic. Consultado em 29 de dezembro de 2011 
  18. a b c Ebert, Roger (21 de dezembro de 2011). «We Bought a Zoo review». Chicago Sun-Times. Consultado em 23 de dezembro de 2011 
  19. a b c Dargis, Manohla (22 de dezembro de 2011). «A Modern-Day Ark, With Children, Animals and Even Romance». The New York Times. Consultado em 29 de dezembro de 2011 
  20. a b c Rooney, David. «We Bought a Zoo: Film Review». The Hollywood Reporter. Consultado em 30 de dezembro de 2011 
  21. «The Artist Tops Phoenix Film Critics Awards». Consultado em 15 de julho de 2012 
  22. a b c «Teen Choice Awards 2012: 'Breaking Dawn,' 'Snow White' Lead Second Wave of Nominees». Consultado em 15 de julho de 2012 
  23. «Ben sees Dartmoor Zoo rebuilt in Californian hills». This is Plymouth. 23 de julho de 2011. Consultado em 27 de dezembro de 2011. Arquivado do original em 28 de abril de 2012 
  24. a b c d e f Mee, Benjamin (23 de junho de 2007). «My Family & Other Animals». The Guardian. Consultado em 7 de dezembro de 2011 
  25. Salter, Jessica (3 de março de 2012). «We Bought a Zoo: the true story behind the film». Daily Telegraph. Consultado em 30 de novembro de 2013 
  Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.