Weekly Shōnen Jump

Weekly Shonen Jump
Mangá
Weekly Shonen Jump 51 (1984).jpg
Capa da edição 51 da revista que apresenta Dragon Ball (dezembro de 1984).
País de origem  Japão
Língua de origem japonês
Editora(s) Shueisha
Periodicidade
  • semimensal (1968-1969)
  • semanal (1970-presente)
Tiragem 1.915.000 (de janeiro a março de 2017)[1]
Primeira edição 2 de julho de 1968; há 52 anos
Lançada em 1968 (1968)
Terminou em presente
Público alvo Pré-adolescente masculino, a partir de 9 anos (shōnen)
Site oficial shonenjump.com

Weekly Shonen Jump (週刊少年ジャンプ Shūkan Shōnen Janpu?), é uma revista semanal de mangás publicada pela editora Shueisha.[2] É uma revista de mangás best-selling,[3] como também um dos mais longos; a primeira edição foi lançada com a data de 1º de agosto de 1968 em sua capa. As séries de mangás dentro da revista tem como público alvo masculino e consiste em ter várias cenas de ação e uma quantidade justa de comédia. Os capítulos das séries que vão para a revista são coletadas e publicadas em volumes no formato tankōbon sobre o selo "Jump Comics" de dois à três meses.

Entre os títulos mais famoso da revista estão Dragon Ball, Naruto, Toriko, One Piece, Rurouni Kenshin, JoJo's Bizarre Adventure, Shaman King, Hunter × Hunter, Yu-Gi-Oh, Yu Yu Hakusho, Saint Seiya, Bleach, Death Note, D.Gray-Man, Katekyou Hitman REBORN!, Gintama, Bakuman, Beelzebub, My Hero Academia, Black Clover.

HistóriaEditar

Weekly Shōnen Jump foi lançada pela primeira vez pela Shueisha em 2 de julho de 1968 para competir com sucessos como Weekly Shōnen Magazine e Weekly Shōnen Sunday.[4] Antes da vigésima edição, a revista era chamada simplesmente de Shōnen Jump, que era originalmente uma revista bissemanal e só em 1969 se tornou semanal.[5]

Os meados de 1980 para meados de 1990 representam a época em que as circulações da revista eram as mais altas (6,53 milhões). Desde então, experimentou um drástico declínio e há uma circulação de 2,2 milhões de cópias em 2016.

A Weekly Shōnen Jump tem duas revistas-irmãs: Jump SQ (criada após a queda do Monthly Shōnen Jump) e a Saikyō Jump. A revista também tem suas publicações nos Estados Unidos,[6] Canadá, Noruega, Suécia e Alemanha (neste último com o título de Banzai!).

Séries atuaisEditar

Há atualmente 19 títulos sendo publicados na Weekly Shōnen Jump. Hunter × Hunter vem sendo publicado irregularmente desde 2006.

Série Autor(es) Início
One Piece (ワンピース, Wan Pīsu) Eiichirō Oda Agosto de 1997
Hunter × Hunter (ハンター×ハンター, Hantā Hantā) Yoshihiro Togashi Março de 1998
Boku no Hero Academia (僕のヒーローアカデミア, Boku no Hīrō Akademia) Kōhei Horikoshi Julho de 2014
Black Clover (ブラッククローバー) Yūki Tabata Fevereiro de 2015
We Never Learn (ぼくたちは勉強ができない, Bokutachi wa Benkyou ga Dekinai) Taishi Tsutsui Fevereiro de 2017
Dr. Stone (ドクターストーン) Riichiro Inagaki, Boichi Março de 2017
Jujutsu Kaisen (呪術廻戦) Gege Akutami Março de 2018
Chainsaw Man (チェンソーマン) Tatsuki Fujimoto Dezembro de 2018
Mission: Yozakura Family (夜桜さんちの大作戦) Hitsuji Gondaira Agosto de 2019
Agravity Boys (AGRAVITY BOYS, Agurabiti Bōizu) Atsushi Nakamura Dezembro de 2019
Mashle: Magic and Muscles (マッシュル-MASHLE-, Masshuru) Hajime Kōmoto Janeiro de 2020
Undead Unluck (アンデッドアンラック, Andeddo Anrakku) Yoshifumi Tozuka Janeiro de 2020
Moriking (森林王者モリキング, Shinrin Ōja Morikingu) Tomohiro Hasegawa Abril de 2020
Ayakashi Triangle (あやかしトライアングル, Ayakashi Toraianguru) Kentaro Yabuki Junho de 2020
Hard-Boiled Cop and Dolphin (灼熱のニライカナイ, Shakunetsu no Nirai Kanai) Ryūhei Tamura Junho de 2020
Magu-chan: God of Destruction (破壊神マグちゃん, Hakai-shin Magu-chan) Kei Kamiki Junho de 2020
Me & Roboco (僕とロボコ, Boku to Roboco) Shuhei Miyazaki Julho de 2020
Burn the Witch (バーンザウィッチ, Bān za Witchi) Tite Kubo Agosto de 2020
Phantom Seer (仄見える少年, Honomieru Shonen) Togo Goto, Kento Matsuura Agosto de 2020

Table of ContentsEditar

Uma lista importante que tem muito efeito na revista é a TOC. O Table of Contents (sigla: TOC) é uma relação de mangás que sairão nas próximas edições da Shonen Jump. A ordem da tabela é baseada em pesquisas de popularidade das séries fazendo com que seja parecida com um ranking dos mangás da Shonen Jump. Porém, é necessário lembrar que alguns fatores que afetam a ordem são levados em conta:

  • Pyu to Fuku! Jaguar ou KochiKame, por tradição, não são rankeados.
  • O primeiro capítulo de determinado mangá praticamente sempre ganha capa, do segundo até o oitavo capítulos de uma nova série a sua posição na TOC já está decidida, a partir daí começa a ser afetada pela votação dos leitores.
  • A popularidade de um mangá no oitavo capítulo passado afeta sua posição na TOC.
  • Em algumas situações existe a probabilidade de os votos terem pesos considerando a idade do leitor.
  • Uma série de outros fatores alem das TOCs também determinam se o mangá está ou não fazendo sucesso, como por exemplo as vendas de seus volumes compilados.

Alguns títulos famosos já publicados na revistaEditar

Séries de JogosEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Mangás Shōnen» (em japonês). Japanese Magazine Publishers Association. Março de 2017. Consultado em 23 de julho de 2017 
  2. «Easy Pronuciation». Consultado em 20 de novembro de 2015 
  3. «2009 Japanese Manga Magazine Circulation Numbers». Anime News Network 
  4. «『ドラゴンボール』新作 少年ジャンプ40周年イベントで上映». ORICON STYLE (em japonês) 
  5. «集英社 小史|成長期». www.shueisha.co.jp. Consultado em 20 de novembro de 2016. Arquivado do original em 3 de maio de 2008 
  6. Nagado, Alexandre (7 de agosto de 2002). «Shonen Jump começa sua invasão». Omelete. Consultado em 1 de junho de 2010 

Ligações externasEditar